• Os paradigmas dos movimentos sociais
    dos Movimentos Sociais: Paradigmas Clássicos e Contemporâneos” CUIABÁ – MT MAIO DE 2013 ICEC – INSTITUTO CUIABÁ DE ENSINO E CULTURA CURSO DE SERVIÇO SOCIAL – 4º SEMESTRE DISCIPLINA: FALTA COLOCAR DOCENTE: FALTA COLOCAR DISCENTE: LUCILENE FÁTIMA J. BONFIM “TEORIAS DOS MOVIMENTOS SOCIAIS PARADIGMAS...
    2295 Palavras 10 Páginas
  • MOVIMENTOS SOCIAIS
    DISTÂNCIA – VII SEMESTRE POLO DE FEIRA DE SANTANA-BA SERVIÇO SOCIAL MOVIMENTOS SOCIAIS Análise dos acadêmicos, apresentado como forma de avaliação para a disciplina de Movimentos Sociais do curso de Serviço Social da Universidade Anhanguera-Uniderp, sob a orientação da tutora...
    3270 Palavras 14 Páginas
  • Greenpeace
    UNIVERSIDADE FEDERAL DE UBERLÂNDIA 4ª Semana do Servidor e 5ª Semana Acadêmica 2008 – UFU 30 anos O MOVIMENTO SOCIAL GREENPEACE Marcelo Rodrigues Lemos1 Universidade Federal de Uberlândia marcelo.lemos@hotmail.com Marcelly Olívia Fernandes Amorim2 Universidade Federal de Uberlândia marcellyolivia@yahoo...
    2270 Palavras 10 Páginas
  • cRISE
    corrente a idéia da “crise dos movimentos populares”, da ascensão dos princípios individualistas em função do declínio dos valores sociais e coletivos desenvolvidos no decorrer da década de 1980. Traçando esse caminho para a sua reflexão, Maria da Glória Gohn, em Movimentos Sociais e Educação (Cortez, 1992)...
    815 Palavras 4 Páginas
  • movimentos e demandas
     RESUMO Movimentos e demandas por bens de consumo coletivo Os movimentos populares urbanos são entendidos como as ações coletivas organizadas pelas classes populares em prol de melhores condições de vida urbana e de acesso à habitação, ao uso do solo, aos serviços e equipamentos de consumo coletivo...
    385 Palavras 2 Páginas
  • Educação não formal e o educador social
    Ferreira Maria das Graças Lopes Fernandes - RGM 05369 4º semestre - Noturno – 11/09/2012 GOHN, Maria da Glória. Educação não formal e o educador social. Atuação no desenvolvimento de projetos sociais. São Paulo: Cortez, 2010. 104 p. RESUMO 1. Trajetória do termo...
    2023 Palavras 9 Páginas
  • Trabalhos
    Educação não-formal, educador(a) social e projetos sociais de inclusão social Maria da Gloria Gohn* Resumo O presente artigo analisa a participação de segmentos da sociedade civil organizada ao redor de Projetos Sociais Educativos que objetivam a inclusão de comunidades carentes e/ou a promoção...
    5819 Palavras 24 Páginas
  • Educação nao formal
    Educação não-formal, educador(a) social e projetos sociais de inclusão social Maria da Gloria Gohn* * Ph.D. em Sociologia pela New School for Social Research, NY; Professora Titular do Curso de Pós-Graduação da Universidade Nove de Julho/UNINOVE, SP; Avaliadora de Periódicos do SciElo Brasil. E-mail:...
    5794 Palavras 24 Páginas
  • Controle social
    A importância da Participação Popular como forma de controle social The importance of popular participation as a means of social control Santos, Geisi Francielle Resumo: Participação é uma palavra muito utilizada no vocabulário político, cientifico e popular da modernidade. Muito se falou a respeito...
    1672 Palavras 7 Páginas
  • economia politica
    Movimentos sociais na contemporaneidade* 1 MARIA DA GLÓRIA GOHN Universidade Estadual de Campinas Universidade Nove de Julho A RELAÇÃO MOVIMENTOS SOCIAIS E EDUCAÇÃO Abordo, neste texto, a temática dos movimentos sociais, apresentando algumas características e exemplos na América Latina....
    14159 Palavras 57 Páginas
  • A vida
    Educação não-formal, participação da sociedade civil e estruturas colegiadas nas escolas Maria da Glória Gohn Resumo Abstract O trabalho apresenta um estudo soNon-formal education, bre a educação não-formal e seu pacivil society participation pel no processo educativo mais geral. Considera-se...
    5582 Palavras 23 Páginas
  • Educação nao formal
    Educação não-formal, participação da sociedade civil e estruturas colegiadas nas escolas Maria da Glória Gohn Resumo O trabalho apresenta um estudo sobre a educação não-formal e seu papel no processo educativo mais geral. Considera-se a educação não-formal como uma área de conhecimento ainda em...
    5580 Palavras 23 Páginas
  • relação entre zona rural e urbana Siliprandi
    A AÇÃO COLETIVA E SEUS INTÉRPRETES João Alfredo Costa de Campos Melo Júnior1 Resumo. A intenção deste artigo é mapear a produção teórica e intelectual sobre ação coletiva. Para tal, serão analisadas as propostas de cinco pensadores que verteram esforços na compreensão do tema. Aqui serão discutidas...
    9080 Palavras 37 Páginas
  • EDUCAÇÃO PROFISSIONAL E EDUCAÇÃO EM AMBIENTES
    PEDAGOGIA EDUCAÇÃO PROFISSIONAL E EDUCAÇÃO EM AMBIENTES NÃO ESCOLARES MARCIA MARIA SILVA - 196881 ROSEIRA / SP 2013 RESUMO O presente desafio consiste na produção de um Relatório, um conjunto de registros argumentativos, críticos e reflexivos...
    1791 Palavras 8 Páginas
  • meio urbano e rural
    A AÇÃO COLETIVA E SEUS INTÉRPRETES João Alfredo Costa de Campos Melo Júnior1 Resumo. A intenção deste artigo é mapear a produção teórica e intelectual sobre ação coletiva. Para tal, serão analisadas as propostas de cinco pensadores que verteram esforços na compreensão do tema. Aqui serão discutidas...
    9080 Palavras 37 Páginas
  • ciências sociais
    A AÇÃO COLETIVA E SEUS INTÉRPRETES João Alfredo Costa de Campos Melo Júnior1 Resumo. A intenção deste artigo é mapear a produção teórica e intelectual sobre ação coletiva. Para tal, serão analisadas as propostas de cinco pensadores que verteram esforços na compreensão do tema. Aqui serão discutidas...
    9080 Palavras 37 Páginas
  • Resenhas
    A CONTRIBUIÇÃO DOS ESPAÇOS NÃO FORMAIS NA FORMAÇÃO DO PEDAGOGO Darlira Silva1 RESUMO Este artigo propõe discutir a contribuição e a importância que os espaços não formais enriquecem na formação de um pedagogo. O mesmo mostra como o pedagogo pode ser um motivador da descoberta de habilidades...
    1980 Palavras 8 Páginas
  • artigo
    MOVIMENTOS SOCIAIS NO BRASIL LIMA, Joely PARAENSE, Marilza limajoely@yahoo...
    1787 Palavras 8 Páginas
  • Educação e psicologia
    situações. Em função disso, consideramos que a educação pode ser definida como o “processo que deve garantir a socialização e a aquisição das conquistas sociais pelo conjunto de sujeitos de uma sociedade” (PÉREZ-GÓMES; 1998a, p. 13). Esta definição aponta para uma visão ampliada de educação, que inclui desde...
    5252 Palavras 22 Páginas
  • aula 1
    EDUCAÇÃO NÃO FORMAL E MOVIMENTOS SOCIAIS - PRÁTICAS EDUCATIVAS NOS ESPAÇOS NÃO ESCOLARES Deneusa Luzia Rodrigues - UNIVILLE Elizabete Tamanini – UNIVILLE Programa de Mestrado em Educação - UNIVILLE Resumo: Este artigo é parte da pesquisa de Mestrado em Educação em andamento cujo objetivo maior...
    1950 Palavras 8 Páginas