Monografia Sobre Carlos Drummond De Andrade artigos e trabalhos de pesquisa

  • MODELO DE MONOGRAFIA

    TECNOLOGIA CARLOS DRUMMOND DE ANDRADE Curso de Licenciatura em Pedagogia MARLUCE DIAS TÍTULO DO TRABALHO São Paulo 2014 NOME DO AUTOR TÍTULO DO TRABALHO Monografia apresentada como pré-requisito de conclusão do curso de Licenciatura em Pedagogia da Faculdade de Tecnologia Carlos Drummond de Andrade, orientada pelo (a) Profº Ms Jamar Monteiro. São Paulo 2014 NOME DO AUTOR TÍTULO DO TRABALHO Monografia apresentada...

    1144  Palavras | 5  Páginas

  • MONOGRAFIA Patricia Dorigo CORRIGIDA E REVISADA

    FACULDADE DE EDUCAÇÃO E LINGUAGEM CAMPUS UNIVERSITÁRIO “JANE VANINI” DEPARTAMENTO DE LETRAS PATRÍCIA DORIGO DA SILVA A POÉTICA DE CARLOS DRUMMOND DE ANDRADE EM “CASO DO VESTIDO” Cáceres – MT 2014/2 PATRÍCIA DORIGO DA SILVA A POÉTICA DE CARLOS DRUMMOND DE ANDRADE EM “CASO DO VESTIDO” Monografia apresentada ao Departamento de Letras da Universidade do Estado de Mato Grosso como requisito parcial para obtenção do título de Licenciada em Letras...

    15017  Palavras | 61  Páginas

  • monografia adelia

    Orientadoras : Ana Paula , Cristina Rezende e Letícia Azevedo Belo Horizonte 22/11/13 Érica Lúcia Rodrigues da Silva Adélia Prado : Influência dos períodos Literários Monografia apresentada como requisito para a obtenção de pontos nas disciplinas de Português , Literatura e Inglês . Agradecimentos Agradeço aos professores que me ajudaram, ensinaram e apoiaram durante todo esse período difícil e intenso...

    1998  Palavras | 8  Páginas

  • Carlos Drummond De Andrade

    Básica Barão de Antonina Carlos Drummond de Andrade Amanda Moro - -3ª 02 Professora Jaqueline Língua Portuguesa e Literatura Mafra – SC 25/05/2015 “Se você sabe explicar o que sente, não ama, pois o amor foge de todas as explicações possíveis.” Introdução Carlos Drummond de Andrade (1902–1987) foi poeta brasileiro. "No meio do caminho tinha uma pedra tinha uma pedra no meio do caminho". Este é um trecho de uma das poesias de Drummond, que marcou o 2º Tempo do Modernismo...

    1322  Palavras | 6  Páginas

  • Biografia De Carlos Drummond De Andrade

    Estadual Mal. Eurico Gaspar Dutra Português Barra do Garças – MT, 17/08/2015 Escola Estadual Mal. Eurico Gaspar Dutra Trabalho destinado a disciplina De Português, com o seguinte tema: Vida, obra e características de Carlos Drummond de Andrade. Sob a orientação da professora Habilitada Liz Regina Maciel. Discente: Bruna Amanda Gonçalves Silva. Barra do Garças – MT, 17/08/2015 Sumário Introdução.............................................................................

    1987  Palavras | 8  Páginas

  • Carlos Drummond De Andrade

    Carlos Drummond de Andrade (Itabira, 31 de outubro de 1902 — Rio de Janeiro, 17 de agosto de 1987) foi um poeta, contista e cronista brasileiro, considerado por muitos o mais influente poeta brasileiro do século XX.1 Índice   [esconder]  1 Biografia 2 Drummond e o modernismo brasileiro 3 A poesia de Drummond 4 Obra literária 4.1 Poesia 4.2 Antologia poética 4.3 Infantis 4.4 Prosa 5 Representações na cultura 6 Referências 7 Ligações externas Biografia Nasceu em Minas Gerais, numa cidade cuja memória...

    1436  Palavras | 6  Páginas

  • Carlos Drummond De Andrade

    "Sentimento do Mundo" - resumo da obra de Carlos Drummond de Andrade http://guiadoestudante.abril.com.br/estudar/portugues/sentimento-mundo-resumo-analise-obra-carlos-drummond-andrade-697538.shtml "Sentimento do mundo" é uma obra poética que foi publicada em 1940. Esse é um dos trabalhos de Drummond mais aclamado pelos críticos e foi escrito após o livro de 1930, Alguma Poesia e Brejo das Almas.é a terceira obra de Drummond e reúne 28 poemas ,os poemas deste livro foram escritos entre 1935 e 1940...

    805  Palavras | 4  Páginas

  • antologia poetica Carlos Drummond De Andrade

     INTRODUÇÃO Carlos Drummond de Andrade, poeta, contista e cronista brasileiro, nasceu em Itabira-MG no ano de 1902, reconhecido como um dos maiores nomes da literatura nacional. Carlos em suas poesias tratava de assuntos diversos, politizados e críticos, porém, não deixava de lado os temas do cotidiano nem suas memórias como conta na poesia “Infância”. Drummond exibi uma coleção de obras impressionantes, das quais Alguma Poesia (1930), Brejo das Almas (1934) e Sentimento do Mundo (1940) tiveram...

    5323  Palavras | 22  Páginas

  • Carlos drummond de andrade

    Carlos Drummond De Andrade Carlos Drummond de Andrade nasceu em Itabira MG, em 31 de outubro de 1902. De uma família de fazendeiros em decadência, estudou na cidade natal, em Belo Horizonte e com os jesuítas no Colégio Anchieta de Nova Friburgo RJ, de onde foi expulso por "insubordinação mental". De novo em Belo Horizonte, começou a carreira de escritor como colaborador do Diário de Minas, que aglutinava os adeptos locais do incipiente movimento modernista mineiro. Poeta, cronista,...

    1863  Palavras | 8  Páginas

  • Vida e obra de carlos drummond de andrade

    VIDA E OBRA DE CARLOS DRUMMOND DE ANDRADE Nasceu em Minas Gerais , em uma cidade cuja memória viria a permear parte de sua obra, Itabira. Posteriormente, foi estudar em Belo Horizonte  e Nova Friburgo  com osJesuítas  no Colégio Anchieta . Formado em farmácia , com Emílio Moura  e outros companheiros, fundou "A Revista", para divulgar o modernismo  no Brasil. No mesmo ano em que publica a primeira obra poética, "Alguma poesia" (1930), o seu poema Sentimental é declamado na conferência "Poesia...

    1287  Palavras | 6  Páginas

  • Carlos drummond de andrade

    Carlos Drummond de Andrade  Carlos Drummond de Andrade nasceu em Itabira do Mato Dentro - MG, em 31 de outubro de 1902. De uma família de fazendeiros em decadência, estudou na cidade de Belo Horizonte e com os jesuítas no Colégio Anchieta de Nova Friburgo RJ, de onde foi expulso por "insubordinação mental". De novo em Belo Horizonte, começou a carreira de escritor como colaborador do Diário de Minas, que aglutinava os adeptos locais do incipiente movimento modernista mineiro. Ante a insistência...

    3633  Palavras | 15  Páginas

  • vida e obra de Carlos Drummond de Andrade

    Sumário 1. Introdução.......................................................................................02 2. Vida e obra de Carlos Drummond de Andrade...........................03 3. Cronologia.......................................................................................06 4. Obras de Carlos Drummond de Andrade....................................15 5. Poema: A língua lambe..................................................................16 6. Conclusão.......................

    5142  Palavras | 21  Páginas

  • Carlos Drummond

    Carlos Drummond de Andrade Estátua de Carlos Drummond de Andrade, em frente à Associação Cultural, em Itabira, Minas Gerais. Nacionalidade brasileira Data de nascimento 31 de Outubro de 1902 Local de nascimento Itabira, Minas Gerais Brasil Data de falecimento 17 de agosto de 1987 (85 anos) Local de falecimento Rio de Janeiro, RJ, Brasil Ocupação Poeta, cronista e contista Grupo étnico Branca Educação Formado em Farmácia Alma mater Colégio Arnaldo Colégio Anchieta Período de atividade...

    1355  Palavras | 6  Páginas

  • Biografia de Carlos Drummond de Andrade

    Carlos Drummond de Andrade nasceu em Itabira do Mato Dentro - MG, em 31 de outubro de 1902. De uma família de fazendeiros em decadência, estudou na cidade de Belo Horizonte e com os jesuítas no Colégio Anchieta de Nova Friburgo RJ, de onde foi expulso por "insubordinação mental". De novo em Belo Horizonte, começou a carreira de escritor como colaborador do Diário de Minas, que aglutinava os adeptos locais do incipiente movimento modernista mineiro. Ante a insistência familiar para que obtivesse...

    6909  Palavras | 28  Páginas

  • Carlos Drummond de Andrade nasce em 31 de outubro de 1902

    Carlos Drummond de Andrade nasce em 31 de outubro de 1902, em Itabira, centro de Minas Gerais, o nono dos catorze filhos dos primos Carlos de Paula Andrade e Julieta Augusta Drummond. Da união do racional e moderno coronel Carlos – foi o primeiro itabirano a usar cimento para asfaltar a calçada e também o primeiro a instalar uma banheira em casa – com a jovem que preenchia todos os quesitos da educação clássica dada às moças da época – francês, música, costura, catolicismo – nasce o poeta, que,...

    3017  Palavras | 13  Páginas

  • ANÁLISE LITERÁRIA DA OBRA 'A ROSA DO POVO' DE CARLOS DRUMMOND DE ANDRADE

    POVO' DE CARLOS DRUMMOND DE ANDRADE Trabalho apresentado à disciplina de Literatura Contemporânea, sob a responsabilidade do Prof. Dr. Antônio Aparecido Mantovani (Curso de Letras da Universidade do Estado de Mato Grosso) como requisito parcial para a obtenção de nota. SINOP - 2014/1 SUMÁRIO 1 – INTRODUÇÃO.............................................................................................................3 2 – VIDA E OBRA DE CARLOS DRUMMOND DE ANDRADE...

    3076  Palavras | 13  Páginas

  • Ensaio do poema "Aula de Português" - Carlos Drummond de Andrade

    Ensaio do poema Aula de Português - Carlos Drummond de Andrade "Aula de português A linguagem na ponta da língua, tão fácil de falar e de entender. A linguagem na superfície estrelada de letras, sabe lá o que ela quer dizer? Professor Carlos Góis, ele é quem sabe, e vai desmatando o amazonas de minha ignorância. Figuras de gramática, esquipáticas, atropelam-me, aturdem-me, seqüestram-me. Já esqueci a língua em que comia, em que pedia para ir lá fora, em que levava e...

    1571  Palavras | 7  Páginas

  • Carlos Drummond de Andrade

    Carlos Drummond de Andrade (Itabira, 31 de outubro de 1902 — Rio de Janeiro, 17 de agosto de 1987) foi um poeta, contista e cronista brasileiro, considerado por muitos o mais influente poeta brasileiro do século XX. Nasceu em Minas Gerais, numa cidade cuja memória viria a permear parte de sua obra, Itabira. Seus antepassados, tanto do lado materno como paterno, pertencem a famílias de há muito tempo estabelecidas no Brasil . Posteriormente, foi estudar em Belo Horizonte, no Colégio Arnaldo, e...

    955  Palavras | 4  Páginas

  • Drummond

    anoitecer, a [paisagem vista da janela,] não distribuirei entorpecentes ou cartas [de suicida,] não fugirei para as ilhas nem serei [rapor por serafins,] o tempo é a minha matéria, o tempo [presente, os homens presentes,] a vida presente" (Carlos Drummond de Andrade - Mãos Dadas) A leitura dos versos acima nos leva à seguinte interpretação: a. O autor reafirma a temática do Romantismo com expressões "suspiros ao anoitecer", "paisagem vista da janela" b. Embora use a negação em uma série de versos, o...

    2362  Palavras | 10  Páginas

  • Análise de Poema. “Amar” de Carlos Drummond de Andrade.

    Preto Análise de Poema. “Amar” de Carlos Drummond de Andrade. Alex Junior Dos Santos Nardelli Mariah Aparecida Berto da Silva Curso: Licenciatura em Letras – Noturno I Disciplina: Introdução aos Estudos Literários DELL – Departamento de Estudos Linguisticos e literários Docente: Prof. Dr. Márcio Scheel São José do Rio Preto 2013 Análise do poema “Amar” de Carlos Drummond de Andrade, apresentado ao Prof. Dr. Marcio Sheel...

    2343  Palavras | 10  Páginas

  • Cronologia da vida de carlos drummond de andrade

    Faca uma cronologia da vida de Carlos Drummond de Andrade Cronologia: 1902 - Nasce em Itabira do Mato Dentro, Estado de Minas Gerais; nono filho de Carlos de Paula Andrade, fazendeiro, e D. Julieta Augusta Drummond de Andrade. 1910 - Inicia o curso primário no Grupo Escolar Dr. Carvalho Brito, em Itabira (MG). 1916 - Aluno interno no Colégio Arnaldo, da Congregação do Verbo Divino, Belo Horizonte. Conhece Gustavo Capanema e Afonso Arinos...

    3212  Palavras | 13  Páginas

  • Carlos Drummond de Andrade

    Carlos Drummond de Andrade (1902 – 1987) Drummond, poeta mineiro, considerado um dos mais importantes da Segunda Geração do Modernismo na Poesia. Carlos Drummond de Andrade nasceu em Itabira, Minas Gerais em 1902. Farmacêutico de formação;  Chefe do gabinete do ministro da Educação entre 1934 e 1945;  Seu cargo o transferiu para o Rio de Janeiro (1934). Casou-se em 1925 com Dolores Dutra de Morais, com quem teve dois filhos: Carlos Flávio e Maria Julieta.  ...

    844  Palavras | 4  Páginas

  • A crônica de Carlos Drummond de Andrade

    A CRÔNICA DE CARLOS DRUMMOND DE ANDRADE: VISÕES E IMPRESSÕES SOBRE A SOCIEDADE, A CULTURA E O COTIDIANO BRASILEIRO Ricardo André Ferreira Martins1 RESUMO: A crônica, ao longo da história do campo literário brasileiro, tem sido o gênero privilegiado por muitos escritores e poetas como instrumento para alcançar mais facilmente a opinião pública. Contudo, nas mãos de alguns escritores em particular, como Carlos Drummond de Andrade, ela serviu para capturar bem mais que o cotidiano pessoal de um...

    7774  Palavras | 32  Páginas

  • Carlos drummond de andrade

    Carlos Drummond de Andrade Trabalho realizado a ser entregue à disciplina de Português III, do curso XXXXXXXXXXXXXX. Dicentes: XXXXXXXXX Docente: XXXXXXX Turma: XXX TOLEDO – PR DEZEMBRO – 2010 Introdução O modernismo brasileiro foi um amplo movimento cultural que refletiu fortemente sobre a cena artística e a sociedade brasileira na primeira metade do século XX, principalmente na área da literatura e das artes plásticas. O movimento...

    1561  Palavras | 7  Páginas

  • Antologia Poetica-Carlos Drummond de Andrade

    "Antologia poética" - Análise da obra de Carlos Drummond de Andrade  Dividido em nove partes, que correspondem a diferentes universos temáticos definidos pelo próprio autor, o livro oferece uma visão geral da criação de Carlos Drummond de Andrade desde sua estreia até o início da década de 1960. O ser e o mundo  Organizada pelo próprio Carlos Drummond de Andrade e publicada em 1962, a Antologia Poética reúne textos que originalmente saíram em diversos livros. A obra foi...

    1933  Palavras | 8  Páginas

  • Atuação farmacêutica de Carlos Drummond de Andrade

    Farmacêuticas Docente: Raniana Discentes: Caio Augusto, Clarice Cunha, Graciele Brandão, Kleysson Borges, Rayane Campos ATUAÇÃO FARMACÊUTICA DE CARLOS DRUMMOND ANDRADE DRUMMOND, O POETA FARMACÊUTICO QUE AMAVA AS PESSOAS CARLOS DRUMMOND DE ANDRADE, o farmacêutico que foi, também, um dos maiores poetas da língua portuguesa. Mineiro de Itabira, Drummond foi fundamental para a modernidade da literatura brasileira. Nascido em 31 de outubro de 1902, vindo de uma família de fazendeiros, estudou, em Belo...

    545  Palavras | 3  Páginas

  • a vida sobre candido o portinari

    SISTEMA DE ENSINO PRESENCIAL CONECTADO pedagogia Dayane Junia Martins Floriano ARTES VISUAIS E ESTÉTICAS NA FORMAÇÃO DE PROFESSORESCARLOS DRUMMOND DE ANDRADE” Nova Lima 2014 Dayane Junia Martins Floriano ARTES VISUAIS E ESTÉTICAS NA FORMAÇÃO DE PROFESSORES “CARLOS DRUMMOND DE ANDRADE” Trabalho apresentado ao Curso de Pedagogia da UNOPAR - Universidade Norte do Paraná, para a disciplina Psicologia da Educação: Organização...

    2446  Palavras | 10  Páginas

  • Carlos Drummond de Andrade

    Carlos Drummond de Andrade Cuiabá, 18 de Setembro de 2014 Tema: Carlos Drummond de Andrade Poesia: Sete Faces Introdução Carlos Drummond de Andrade (Itabira, 31 de outubro de 1902 — Rio de Janeiro, 17 de agosto de 1987) foi um poeta, contista e cronista brasileiro, considerado por muitos o mais influente poeta brasileiro do século XX. Biografia Carlos Drummond de Andrade nasceu em 31 de outubro de 1902, Minas Gerais, numa cidade cuja memória viria a permear parte de sua obra, Itabira.  De...

    1187  Palavras | 5  Páginas

  • Carlos Drummond de Andrade trabalho de português

    Carlos Drummond de Andrade  31 de Outubro de 1902  17 de Agosto de 1987 (84 anos) RESUMO Carlos Drummond de Andrade, cronista, jornalista, funcionário público e, principalmente, poeta. Um dos maiores nomes da literatura brasileira apostou em versos livres e linguagem objetiva nas suas obras. Drummond, além de poemas, escreveu livros em prosa e alguns de temática infantil. O mineiro morou no Rio de Janeiro por muitos anos, mas a terra natal, Itabira, sempre esteve presente nos seus versos. O poeta...

    520  Palavras | 3  Páginas

  • Drummond

    Carlos Drummond de Andrade (1902 – 1987) Carlos Drummond de Andrade, mineiro da segunda geração do modernismo, é tido, quase com unanimidade, como o maior poeta brasileiro. Com uma linguagem seca, direta e precisa atingiu o mais puro lirismo ao começar sua magistral vida poética com o livro Alguma poesia (1930), em que predominam versos livres, coloquiais, representantes do cotidiano e o poema-piada: “A bunda, que engraçada./ Está sempre sorrindo, nunca é trágica” (A bunda, que...

    999  Palavras | 4  Páginas

  • Carlos Drummond

    Carlos Drummond de Andrade Nomes: David Marlon, Eduardo M. Marcucci, Felix Carlos e Jadiel de Oliveira. Nº 11, 12, 13 e 19 Introdução Nosso grupo falará sobre o poeta Carlos Drummond de Andrade, integrante do movimento modernista. Suas obras possuem cunho erótico e morbido. Biografia do Autor Nasceu em Minas Gerais, em uma cidade cuja memória viria a permear parte de sua obra, Itabira. Seus antepassados, tanto do lado materno como paterno, pertencem a famílias de há muito tempo estabelecidas...

    1027  Palavras | 5  Páginas

  • Sequência didática - 6º ano / contos de carlos drummond de andrade

    Sequência Didática - 6º ano Contos de Carlos Drummond de Andrade Conteúdos Objetivos Tempo estimado 1 aula. Material Necessário - Livro Rick e a Girafa, Carlos Drummon de Andrade, 112 págs, Editora Ática. - Se possível, computador conectado à internet. Desenvolvimento 1ª etapa: Antecipação/Sensibilização Pergunte aos alunos se eles já ouviram falar do escritor Carlos Drummond de Andrade. Peça que pesquisem, em casa, a biografia do autor. Se possível, exiba para a turma um vídeo...

    606  Palavras | 3  Páginas

  • Biografia Carlos Drummod de Andrade

    Carlos Drummond de Andrade nasceu em Itabira do Mato Dentro - MG, em 31 de outubro de 1902. De uma família de fazendeiros em decadência, estudou na cidade de Belo Horizonte e com os jesuítas no Colégio Anchieta de Nova Friburgo RJ, de onde foi expulso por "insubordinação mental". De novo em Belo Horizonte, começou a carreira de escritor como colaborador do Diário de Minas, que aglutinava os adeptos locais do incipiente movimento modernista mineiro. Ante a insistência familiar para que obtivesse...

    6909  Palavras | 28  Páginas

  • Carlos Drummond

    1940, "Sentimento do mundo" é a terceira obra de Drummond e reúne 28 poemas. Neste livro, o poeta abraça de vez a poesia de cunho social, refletindo o momento de instabilidade e inquietação dos anos que antecederam a Segunda Guerra Mundial. Porém, a temática do eu (a terra natal, o indivíduo, a família etc.), muito presente nos seus livros anteriores, ainda aparece com destaque em Sentimento do Mundo. Autor: Carlos Drummond de Andrade (Itabira, 31 de outubro de 1902 — Rio de Janeiro...

    2719  Palavras | 11  Páginas

  • Carlos Drummond de Andrade

    Escola Comunitária de Campinas Stefania Sforza Palavra de Mestre – Cap 26 Carlos Drummond de Andrade, como reconhece Davi Arrigucci Jr, é um poeta que aborda temas cotidianos, revelando-nos mais sobre nós mesmos e nossa complicada existência. Carlos Drummond de Andrade traz a “poesia misturada do cotidiano”, refletindo sobre o sentido de estar no mundo. Exposto ao horror de duas grandes guerras, o ser humano vive tempos sombrios no século XX. Os mercados financeiros de todo o mundo foram...

    1065  Palavras | 5  Páginas

  • carlos drummond de andrade

    Biografia. Carlos Drummond de Andrade (1902-1987) nasceu e passou a infância em Itabira, Minas Gerais. Formou-se em Farmácia, mas preferiu lecionar Português e Geografia. Exerceu as funções de jornalismo e de funcionários públicos ao longo de sua vida. É o poeta que mais se destaca na segunda geração modernista. Ficou conhecido pela riqueza de seu estilo pessoal, por suas temáticas e pela expressão dos seus sentimentos diante do mundo que o cercava. Sua força era a palavra, por meio dela também...

    1481  Palavras | 6  Páginas

  • Fichamento de A Rosa do Povo de Carlos Drummond de andrade

    A Rosa do povo  É um livro de poesias brasileiro, escrito pelo modernista Carlos Drummond de Andrade entre 1943 e 1945. É a mais extensa obra do autor sendo composta por 55 poemas, também sendo a primeira obra madura e a de maior expressão do lirismo social e modernista. A obra é considerada como uma tradução de uma época sombria, que reflete um tempo, não só individual, mas coletivo no país e no mundo onde o autor capta o sentimento, as dores, e a agonia de seu tempo. No título A Rosa do Povo...

    3445  Palavras | 14  Páginas

  • Carlos Drummond de Andrade: nenhum canto radioso?

    Universidade Federal do Rio de Janeiro CARLOS DRUMMOND DE ANDRADE: NENHUM CANTO RADIOSO? Mariana Quadros Pinheiro 2014 CARLOS DRUMMOND DE ANDRADE: NENHUM CANTO RADIOSO? Mariana Quadros Pinheiro Tese de Doutorado apresentada ao Programa de Pós-Graduação em Ciência da Literatura da Universidade Federal do Rio de Janeiro, como quesito para a obtenção do título de Doutor em Ciência da Literatura (Teoria Literária) Orientador: Prof. Dr. João Camillo Barros de Oliveira Penna ...

    115102  Palavras | 461  Páginas

  • Carlos Drummond

    Ceará – UECE Fa c u l d a d e d e E d u c a ç ã o , C i ê n c i a s e Letras do Sertão Central - FECLESC Literatura Brasileira: Poesia Membros: Michel Nascimento, Karine Viana, Aline Moreira e Nazaré Rocha A Poesia Social de Carlos Drummond de Andrade Vida e Obra do Autor: Considerado um dos principais poetas da Literatura Brasileira devido à repercussão e alcance de suas obras. Nasceu em Minas Gerais, em uma cidade cuja memória viria a permear parte de sua obra. Posteriormente...

    944  Palavras | 4  Páginas

  • Carlos drummont

    ACÁCIA CENTRO INTEGRADO DE ENSINO Carlos Drummond de Andrade PARANATINGA 2009 Felipe M. Ferreira Marcos B. Hamada Paula T. B. Tomazini Calos Drummond de Andrade Trabalho apresentado pelos alunos do 3º ano do ensino médio para a professora Danilela da disciplina de português da escola Acácia Centro Integrado de Ensino...

    6302  Palavras | 26  Páginas

  • Carlos drumond de andrade

    Moura e outros companheiros, fundou "A Revista", para divulgar omodernismo no Brasil.5 Em 1925, casou-se com Dolores Dutra de Morais, com quem teve dois filhos, Carlos Flávio, que viveu apenas meia hora (e a quem é dedicado o poema "O que viveu meia hora", presente em Poesia completa, Ed. Nova Aguilar, 2002), e Maria Julieta Drummond de Andrade. No mesmo ano em que publica a primeira obra poética, "Alguma poesia" (1930), o seu poema Sentimental é declamado na conferência "Poesia Moderníssima do Brasil"1 ...

    708  Palavras | 3  Páginas

  • Monografia joão cabral de melo neto

    pequena a explosão, como a ocorrida; mesmo quando é uma explosão como a de há pouco, franzina; mesmo quando é a explosão de uma vida severina." Apresentação Esta monografia conta sobre a vida, obras e curiosidades de João Cabral de Melo Neto um grande escritor nascido em Recife em 1920 que foi um grande escritor importante para a literatura brasileira. João Cabral foi o ultimo grande poeta do século XX, inimigo declarado...

    10888  Palavras | 44  Páginas

  • Resumão do livro Contos de Aprendiz - Carlos Drummond de Andrade

    Tirza Borges – Vinicius Garcia – Robério Rocha Contos de aprendiz Carlos Drummond De Andrade Orientadora Regina Barreto Irecê – BA ...

    2020  Palavras | 9  Páginas

  • Obra de Drummond

    pretende investigar alguns poemas do livro Alguma Poesia, do autor Carlos Drummond de Andrade, com o objetivo de analisar a mulher dentro do Modernismo e discutir os desdobramentos e articulações de uma das imagens mais recorrentes na poética drummondiana, a qual reflete o sentimento absoluto, abstrato, universal: o amor, o erotismo e o desejo nos poemas escolhidos como corpus deste trabalho. Analisaremos o olhar drummondiano sobre a representação da mulher em quatro poemas de sua autoria: “Cabaré...

    5674  Palavras | 23  Páginas

  • Carlos Drummond de Andrade

     Escola Estadual de período integral “9 de julho” Trabalho De Português 1ª fase de Carlos Drummond de Andrade Série: 3ª Série do Ensino Médio – A A carreira poética de Carlos Drummond de Andrade pode ser dividida em quatro fases, cada uma delas é composta por obras que nos permitem acompanhar a evolução de seus temas e sua visão do mundo. PRIMEIRA FASE: Eu maior que o mundo Esta fase (a fase gauche) tem...

    2339  Palavras | 10  Páginas

  • Biografia de Carlos Drumond de Andrade

    Page 1 of 22 Universidade Federal do Amapá Pró-Reitoria de Ensino de Graduação Curso de Licenciatura Plena em Pedagogia Disciplina: Filosofia da Cultura Educador: João Nascimento Borges Filho Amor & Filosofia Cultural - Carlos Drummond de Andrade 1. Ao amor antigo “O amor antigo vive de si mesmo, não de cultivo alheio ou de presença. Nada exige nem pede. Nada espera, mas do destino vão nega a sentença. O amor antigo tem raízes fundas, feitas de sofrimento e de beleza. Por aquelas...

    4336  Palavras | 18  Páginas

  • Economia dos mares de carlos drumond de andrade, e biografia.

    Economia dos mares terrestres É sobre a queixa comprimida na garrafa, quer escapar reunir os povos. O clima de Drummond é quase sempre o de urgência e pede que sejamos enérgicos, firmes. Raciocinar com emoção, se isto for possível. Seu ritmo conduz o leitor num labirinto permeado de cotidiano. Equívoco Na noite de lua perdi o chapéu (...) sou um peixe, mas que fuma e que ri e que ri e detesta”. Puro surrealismo e pessimismo. Movimento da Espada Irmão vingador (...) justiça (...)...

    650  Palavras | 3  Páginas

  • Biografia e características de escrita do poeta carlos drummond de andrade

    Carlos Drummond de Andrade (Itabira, 31 de outubro de 1902 — Rio de Janeiro, 17 de agosto de 1987) foi um poeta, contista e cronista brasileiro. * Biografia Nasceu em Minas Gerais, em uma cidade cuja memória viria a permear parte de sua obra, Itabira. Seus antepassados, tanto do lado materno como paterno, pertencem a famílias de há muito tempo estabelecidas no Brasil. Posteriormente, foi estudar em Belo Horizonte, no Colégio Arnaldo, e em Nova Friburgo com os Jesuítas no Colégio Anchieta....

    1598  Palavras | 7  Páginas

  • Carlos drummond andrade

    Colégio Integral Poços de Caldas Literatura Professor: Nivaldo Divanny Aluna: Mariana Rei P. Campos Pesquisa sobre Carlos Drummond Andrade [pic] [pic] A história do Brasil nos anos 1930 e 1945, o governo de Getúlio Vargas e o estado novo. Houve muitos que consideraram um exagero retórico o uso do termo revolução para designar o ocorrido em 1930. Na realidade, segundo esse ponto de vista, a chamada Revolução de 1930 nada mais teria sido senão um golpe que deslocou...

    1673  Palavras | 7  Páginas

  • Os Sinos da Agonia - Drummond e Autran Um tenso dialogo

    DOURADO E DRUMMOND – UM TENSO DIÁLOGO DANSI, Camila1 ALVES, Gláucia2 MENDES, Olívia Duca3 FERRAREIS, Valdiene Rebonato4 SOARES, Beatriz Fraga5 Resumo: Pretende-se neste estudo, tecer a analogia entre a obra “Os Sinos da Agonia”, de Autran Dourado, e o poema “Confronto”, de Carlos Drummond de Andrade, a partir de pesquisa bibliográfica e de análises textuais, focando a díade amor – loucura. Palavras chave: Analogia; Os Sinos da Agonia; Confronto. 1. Introdução O poema...

    2715  Palavras | 11  Páginas

  • Biografia de Manuel Bandeira e Carlos Drummond de Andrade

    1917, numa edição de 200 exemplares, custeada por ele mesmo. Dois anos depois publicou seu segundo livro, "Carnaval". Em 1935, foi nomeado inspetor federal do ensino e em 1936, foi publicada a “Homenagem a Manuel Bandeira”, coletânea de estudos sobre sua obra, assinada por alguns dos maiores críticos da época, alcançando assim a consagração pública. De 1938 a 1943, foi professor de literatura no Colégio D. Pedro II, e em 1940, foi eleito membro da Academia Brasileira de Letras. Posteriormente,...

    574  Palavras | 3  Páginas

  • A Poesia De Carlos Drummond De Andrade

    FACULDADE DE LETRAS UNIVERSIDADE DE COIMBRA A POESIA DE CARLOS DRUMMOND DE ANDRADE EM MANUAIS ESCOLARES DO ENSINO MÉDIO NO BRASIL Ana Carla Pereira Martins Conselho Coimbra, 2010 FACULDADE DE LETRAS UNIVERSIDADE DE COIMBRA A POESIA DE CARLOS DRUMMOND DE ANDRADE EM MANUAIS ESCOLARES DO ENSINO MÉDIO NO BRASIL Dissertação de Mestrado em Literatura de Língua Portuguesa: Investigação e Ensino, apresentada à Faculdade de Letras da Universidade de Coimbra, sob orientação da Professora Doutora Cristina...

    58784  Palavras | 236  Páginas

  • trabalho de carlos drumond

    Carlos Drummond de Andrade Nasceu em Minas Gerais, em uma cidade cuja memória viria a permear parte de sua obra, Itabira. Posteriormente, foi estudar em Belo Horizonte e Nova Friburgo com os Jesuítas no colégio Anchieta. Formado em farmácia, com Emílio Moura e outros companheiros, fundou "A Revista", para divulgar o modernismo no Brasil. No mesmo ano em que publica a primeira obra poética, "Alguma poesia" (1930), o seu poema Sentimental é declamado na conferência "Poesia Moderníssima do Brasil"...

    762  Palavras | 4  Páginas

  • Pesquisa sobre o poema "No Meio do Caminho"

    em torno da pedra (a frase vai até a pedra e volta, sem ultrapassá-la). Por essa organização sintática, pelo radical coloquialismo da linguagem, pelos inumeráveis leituras metafóricas que possibilita, este poema tornou-se um símbolo da poesia de Drummond e do Modernismo brasileiro, "No meio do caminho", de poesia antipoética, de lírica antilírica, ilustra a travessia do poeta e de todos nós entre o individual e o social, o coração e a pedra no meio do caminho, o mundo. http://filosofiaeliteraturacomvinhotinto...

    2893  Palavras | 12  Páginas

  • Graciliano Ramos e Carlos Drummond

    RESUMO Este trabalho discorrerá sobre a obra ‘’ São Bernardo’’ de Graciliano Ramos e a análise de poemas de Carlos Drummond de Andrade. Assim enfatizando a segunda fase modernista no Brasil, de maneira que na obra de Graciliano a prosa se caracteriza pelo regionalismo, ou seja, a relação com o meio em que vive. Desta forma encontramos a história de Paulo Honório, um pobre que se tornou rico proprietário de uma fazenda chamada São Bernardo. Com este livro Graciliano Ramos faz uma reflexão de quando...

    3489  Palavras | 14  Páginas

  • Análise do Poema Verdade de Carlos Drummond de Andrade

    ANÁLISE DO POEMA VERDADE, DE CARLOS DRUMMOND DE ANDRADE INTRODUÇÃO Este trabalho pretende analisar o poema Verdade, de Carlos Drummond de Andrade, com base nos conhecimentos sobre poesia, como gênero lírico. No primeiro momento, a análise será feita tendo por base a forma do poema, isso significa que será observado cada verso, levando em conta a quantidade de sílabas métricas, a disposição dos versos em estrofes e a ocorrência ou ausência de rimas. Para garantir a maior abrangência possível...

    1891  Palavras | 8  Páginas

  • canto negro de drummond

    E.E. Prof° Carlos de Moraes Andrade Docente: Rafael/ Literatura “Canto Negro”- Carlos Drummond De Andrade Poema “Canto Negro”- Carlos Drummond de Andrade Canto negro de Drummond é um poema bem extenso, sua principal ideia é retratar uma fase bem especifica, que é sua infância, o tempo escravocrata, em que fora amamentado pelas negras. O eu lírico se encontra com vários “pretos” que marcaram sua trajetória. No primeiro momento Drummond conta sua tristeza...

    1344  Palavras | 6  Páginas

  • Trabalho sobre os poetas brasileiros

    * Mário de Andrade; * Biografia; * Obras: * Paisagem nº1; * Louvação da Emboaba Tordilha; * A meditação sobre o Tietê; * Eu sou trezentos; * Manuel Bandeira; * Biografia; * Obras: * Na Rua do Sabão; * Verde Negro; * Vou-me embora para Pasárgada; * Poética (Do livro Libertinagem); * Carlos Drummond de Andrade; *...

    5288  Palavras | 22  Páginas

  • Carlos drummond de andrade

    Introdução Introduziremos sucintamente sobre o modernismo e suas fases para que, depois, possamos discorrer sobre o escritor Carlos Drummond de Andrade, que foi um dos escritores renomados e que obteve destaque no Modernismo. Na literatura o modernismo foi ligado por três fatos: um movimento, uma estética e um período. Surgiu em 1922 em São Paulo, com a Semana da Arte Moderna e depois se ramificou pelo País, com a finalidade de superar a literatura vigente, renovando e formulando em novos termos...

    5421  Palavras | 22  Páginas

  • Carlos drummond de andrade

    CARLOS DRUMMOND DE ANDRADE Natural de Itabira, Minas Gerais, Carlos Drummond de Andrade nasceu em 1902. Formou-se em Farmácia em Belo Horizonte. Retornou a Itabira, onde foi professor de Geografia e Português. De novo em Belo Horizonte, segue a carreira de jornalista e trabalha como funcionário público. Foi oficial de gabinete do Ministério da Educação, chefiou a secção da Diretoria do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional. Fez parte do grupo de modernistas de A Revista. Faleceu no Rio de...

    1449  Palavras | 6  Páginas

tracking img