• Produção textual 6 periodo de adm
    EÂNIO SANTANA SILVA 6º periodo de aministração PRODUÇÃO TEXTUAL Arapiraca/AL 2012 ELÂNIO SANTANA SILVA 6º periodo de aministração PRODUÇÃO TEXTUAL Trabalho apresentado ao Curso de Administração...
    2606 Palavras 11 Páginas
  • Captalismo
    * 2 História * 3 Teoria capitalista * 4 Modo de produção capitalista * 5 Críticas * 6 Ver também * 7 Referências * 8 Ligações externas | Etimologia Outros termos algumas vezes utilizados para se referir ao capitalismo: * Modo de produção capitalista * Liberalismo econômico[16] *...
    2302 Palavras 10 Páginas
  • Teoria Marxista
    no caso de qualquer outra mercadoria, pelo tempo de trabalho necessário à produção e consequentemente à reprodução, desse artigo especial.” Por sua própria característica, o capitalismo tende a separar as classes sociais de modo sempre crescente: com o avanço tecnológico, um número cada vez maior de trabalhadores...
    3044 Palavras 13 Páginas
  • Gerenciamento de conflitos
    quanto processos de produção de atos de saúde, tornaram-se necessidades imperativas para ordenar as melhores “máquinas organizacionais”. Seja na ótica universalista e cidadã de um projeto social-democrata, seja na perspectiva mercantil e lucrativa do olhar do capital, a seus modos, todos exigiam mais...
    6782 Palavras 28 Páginas
  • sociologia
    Por isso, analisamos o Estado Moderno, que é a forma política característica de legitimação e de sustento das relações sociais intrínsecas ao modo de produção vigente. Ponderamos que o Estado é uma necessidade da sociedade de classes, pois enquanto aparato sócio-político surge para legitimar a exploração...
    7470 Palavras 30 Páginas
  • Socialismo
    O CAPITALISMO O capitalismo é um sistema econômico em que os meios de produção e distribuição são de propriedade privada e com fins lucrativos; decisões sobre oferta, demanda, preço, distribuição e investimentos não são feitos pelo governo, os lucros são distribuídos para os proprietários que investem...
    4290 Palavras 18 Páginas
  • fordismo
    Toyotismo Toyotismo é um modelo japonês de produção, criado pelo japonês Taiichi Ohno e implantado nas fábricas de automóveis Toyota, após o fim da Segunda Guerra Mundial. Nessa época, o novo modelo era ideal para o cenário japonês, ou seja, um mercado menor, bem diferente dos mercados americano e europeuToyotismo ...
    1069 Palavras 5 Páginas
  • Filologia
    diversos fins comerciais e utilidades, principalmente para experimentos laboratoriais, como cobaia para determinados efeitos colaterais de medicamentos, produção de vacinas, soros e estudos imunológicos. Tem também grande utilidade na indústria têxtil, pois seus pêlos são empregados na fabricação de feltros...
    2268 Palavras 10 Páginas
  • Acumulação capitalista e o movimento do capital
    preciso considerar o lugar concreto que o trabalho ocupa em cada formação social ou modo de produção particular, histórico. O trabalho é força motriz que engendra historicamente, por exemplo, a capacidade da produção de excedente, a mercadoria, a propriedade privada, as classes sociais, as leis, o direito...
    1184 Palavras 5 Páginas
  • Go go go
    As determinações do trabalho no modo de produção capitalista Amanda Larissa Magalhães Ferreira1 Luciene de Barros correia Teotonio2 Sanney Karoliny Calixto Barbosa 3 Resumo: O presente artigo tem como objetivo analisar as determinações do trabalho no modo de produção capitalista, para tanto, partimos...
    4224 Palavras 17 Páginas
  • Artigo Materialiso histórico segundo a filosofia de Marx
    divido em partes iguais com toda a população, assim não haveria distinção entre classe alta e baixa. Mas para chegar a esse sistema de governo e produção é preciso ocorrer uma grande revolução entre classes aonde o proletariado vai em busca de seus direitos lutando contra a burguesia. Marx induz o povo...
    1643 Palavras 7 Páginas
  • Yyyhhui
    Trabalhadores assalariados O que caracteriza o modo de produção capitalista são as relações assalariadas de produção (trabalho assalariado). As relações de produção capitalistas baseiam-se na propriedade privada dos meios de produção pela burguesia, que substituiu a propriedade feudal, e no...
    545 Palavras 3 Páginas
  • Modos de produção
    mais simples do que imaginamos. Podemos definir economia como: “A forma pela qual o conjunto de indivíduos existentes em uma sociedade participa da produção, da distribuição e do consumo de seus bens e serviços.” Quando falamos em bens estamos nos referindo a qualquer coisa ou matéria produzida pelo homem:...
    9023 Palavras 37 Páginas
  • Expansão do capitalismo e seus Novos Ideais
    servidão, mas pela posse ou carência de meios de produção e pela contratação livre do trabalho. Capitalismo é o sistema econômico que se caracteriza pela propriedade privada dos meios de produção -- máquinas, matérias-primas, instalações. Nesse sistema, a produção e a distribuição das riquezas são regidas...
    2716 Palavras 11 Páginas
  • academico
    práticas concretas comprometidas com a produção de saúde e produção de sujeitos (Campos, 2000) de tal modo que atender melhor o usuário se dá em sintonia com melhores condições de trabalho e de participação dos diferentes sujeitos implicados no processo de produção de saúde (princípio da indissociabilidade...
    1792 Palavras 8 Páginas
  • região e regionalismo
    partida para compreendermos esse modo de diferenciação do espaço. Como formas predominantes da organização do poder sobre o território em nossa realidade tomem Estado-Nação como unidade territorial para o debate em questão. Região do quê? A ascensão da nação como o modo universal de identificação da...
    2170 Palavras 9 Páginas
  • Resumo sobre a obra o capital de Karl Max em quadrinhos - Por Max e Mir sociedade capitalista
    que historicamente é caracterizada como a sucessora do antigo modo de organização política e social, a sociedade capitalista. Discutiremos a origem dessa sociedade capitalista e como ela se desenvolveu a partir dos novos modos de produção, e das novas relações de trabalho, assim como as características...
    1674 Palavras 7 Páginas
  • Obras de karl marx
    perspectiva dialética vêem nas contradições o motor da mudança social e da história. Para estes, um fenômeno social deve ser submetido à crítica de modo que suas potencialidades possam ser reveladas e, assim, atualizadas numa forma mais evoluída. Dialética idealista (Hegel) Dialética materialista...
    1188 Palavras 5 Páginas
  • Fichamento do capítulo “Karl Marx e a história da exploração do homem” da obra “Introdução à Sociologia” de Cristina Costa
    das ideias desses pensadores, elaborou vários conceitos teóricos importantes, como alienação, classes sociais, valor, mercadoria, mais-valia e modo de produção. E não podemos esquecer de Friedrich Engels – economista político e revolucionário que trabalhou com Marx de 1840 até sua morte – que ajudou...
    2443 Palavras 10 Páginas
  • comunismo
    classe, derrubada da supremacia burguesa, conquista do poder político pelo proletariado . As concepções teóricas dos comunistas não se baseiam, de modo algum, em ideias ou princípios inventados ou descobertos por tal ou qual reformador do mundo. São apenas a expressão geral das condições reais de uma...
    3254 Palavras 14 Páginas