Memória E Identidade Social Michael Pollak Trabalhos Escolares e Acadêmicos Prontos

  • Análise do filme "uma cidade sem passado"

    verdade – como o próprio diretor e roteirista Michael Verhoeven coloca –, o filme Uma cidade sem passado é um excelente exemplo dos conceitos de memória (individual, coletiva, nacional, subterrânea), identidade e história oral trabalhados por Michael Pollak e Marcos da Silva. No filme, a estudante Sonja...

      1021 Palavras | 5 Páginas  

  • Memoria e Identidade

    Introdução Neste trabalho abordaremos o tema Memoria e identidade social segundo Michael Pollak, começaremos por uma breve análise relativamente ao que entendemos serem a memória e a identidade social. Michael Pollak nasceu em Viena, Áustria residente na França, formou-se em sociologia e trabalhou...

      2889 Palavras | 12 Páginas  

  • Memória e identidade social.

    Fichamento POLLAK, Michael. Memória e identidade social. Estudos Históricos, Rio de Janeiro, vol 5, n. 10, 1992, p200-212. Segundo Michael Pollak, o trabalho com a memória, é um elemento cognoscível bastante peculiar, uma vez que serve de objeto de estudo diverso e complexo. Pollak trabalha com...

      525 Palavras | 3 Páginas  

  • Mémória e identidade social

    | |Título do Texto |Memória e Identidade Social | |Autor (es) |Michael Pollak ...

      563 Palavras | 3 Páginas  

  • O acervo a serviço da memporia

    O Acervo a serviço da memória Discente: Naor Franco de Carvalho Docente: Professor Doutor Marco Antônio Neves Soares (Universidade Estadual de Londrina- UEL- Centro de Letras e Ciências Humanas- Estagiário Bolsista do Centro de Documentação e Pesquisa Histórica- CDPH e do Projeto de Pesquisa A experiência...

      2412 Palavras | 10 Páginas  

  • Memória e identidade social

    RESENHA POLLAK, Michael. Memória e identidade social. Estudos Históricos. Rio de Janeiro, vol. 5, a. 10, 1002, p. 200-212. Tradução Monique Augras. O texto de Michael Pollak apresenta a ligação entre memória e identidade social, baseado nas histórias de vida. A memória parece ser um fenômeno individual...

      522 Palavras | 3 Páginas  

  • Memoria e Patrimônio

    Memoria e Patrimônio Cultural Atividade avaliativa da primeira unidade do sexto período do curso de Produção Cultural, na disciplina de Memória e Patrimônio Cultural. Este trabalho tem por objetivo relacionar o tema Memoria e identidade social, através da Teoria de Michael Pollak discutidos...

      775 Palavras | 4 Páginas  

  • Memória e identidade social – Michael Pollak

    Memória e identidade socialMichael Pollak (Resumo) Este pequeno artigo tem como foco o problema entre memória e identidade social, no âmbito das histórias de vida e fatos históricos. Veremos que nem sempre a identidade social e a memória política andam sobre os mesmos trilhos. Veremos que a preocupação...

      928 Palavras | 4 Páginas  

  • Maurice halbwachs e a questão da memória  

    Halbwachs e a questão da Memória   O crescente interesse que a memória vem suscitando hoje entre os historiadores decorre, segundo Patrick Hutton, da inspiração da historiografia francesa, especialmente da história das mentalidades que se propagou nos anos 1970. Para Hutton, a memória já se encontrava implícita...

      1811 Palavras | 8 Páginas  

  • Trabalhos

    Memória e seus paradigmas Patrícia Marques de Souza[1] Resumo: Este artigo aborda a problemática da utilização da memória como fonte histórica e suas disputas. Palavras-Chave: memória coletiva e individual, disputas, fontes históricas, relação memória/História...

      4879 Palavras | 20 Páginas  

  • A transmissão ao vivo do carnaval fora de época de uruguaiana na formação da identidade da festa

    A transmissão ao vivo do Carnaval fora de época de Uruguaiana na formação da identidade da festa Marina Lopes Correa Professores: Paula Puhl, Cristina Ennes da Silva e Marinês Kunz Resumo: Tentar identificar como a informação passada nas transmissões do carnaval de rua fora de época de Uruguaiana...

      3748 Palavras | 15 Páginas  

  • Memória em triunfo da vontade

    REPRESENTAÇÕES DE HISTÓRIA E MEMÓRIA EM NAZISMO: TRIUNFO DA VONTADE[1] Wirlanne Nádia Lima de Carvalho[2] RESUMO: Este artigo tem por objetivo analisar as representações de História e as diferentes perspectivas de Memória presentes na obra de Alcir Lenharo, Nazismo: Triunfo da vontade. A obra...

      1388 Palavras | 6 Páginas  

  • ciencias politica

    Memoria e identidade social Este texto memoria e identidade social de Michael Pollak, que nasceu em 1948 e morreu em 1992, e de uma difícil compreensão. Porque trata de fatos e acontecimentos passados. Cada fato e cada acontecimento tem um valor e um significado diferente, para cada um para...

      356 Palavras | 2 Páginas  

  • xukuru

    1 POVO XUKURU: HISTÓRIA E IDENTIDADE Edson Silva* O povo Xukuru habita a Serra do Ororubá, nos Município de Pesqueira e Poção, na Região Agreste, acerca de 215 km do Recife, em Pernambuco. Em um levantamento realizado no ano de 2006 a Fundação Nacional de Saúde contabilizou a população Xukuru em...

      1960 Palavras | 8 Páginas  

  • A relação entre história e memória a partir da obra O Trabalho da Memória: cotidiano e história no sertão do Piauí

    A relação entre história e memória a partir da obra O Trabalho da Memória: cotidiano e história no sertão do Piauí Simone Ferreira de Albuquerque Prof. da UFPI, Aluna esp. do Mestrado em História do Brasil pela UFPI simonefalbuquerque@hotmail.com.br RESUMO Este artigo aborda...

      4473 Palavras | 18 Páginas  

  • Ines02

    I MARIA CLARA DE SOUZA MARIA CLARA DEFANTI PAULO SÉRGIO RICARDO PEREIRA VICTOR SOARES RODRIGUES PEREIRA A QUESTÃO DA CONSTRUÇÃO DE UMA IDENTIDADE NACIONAL PORTUGUESA À LUZ DO RELATO DE VASCO DA GAMA SOBRE INÊS DE CASTRO N`OS LUSÍADAS NITERÓI 2014.02 ...

      833 Palavras | 4 Páginas  

  • Ricardo Oriá

    MEMÓRIA E O ENSINO DE HISTÓRIA Equipe:  EWERTON HENRIQUE LOPES  PAULA ALINE SILVA  JOANA D’ARC MARINHO  OTHON MONTEIRO  MARCOS VINICIUS O que é memória ?  É a faculdade psíquica na qual se consegue reter e relembrar o passado. O QUE É MEMÓRIA?  Maurice Halbwachs “A...

      730 Palavras | 3 Páginas  

  • Função social do arquivista

    1. Introdução: A arquivística é um campo de estudos voltado para o social e como tal tende a se adaptar à demanda da sociedade. As relações da sociedade vêm mudando ao longo do tempo, está em constante transformação, de tal maneira que a informação produzida e assimilada por ela tornou-se primordial...

      1416 Palavras | 6 Páginas  

  • Historiador

    (Nicolazzi, 2010. p.231; Rodrigues & Nicolazzi, 2012. p.352). Nascido em 1946, François Hartog é professor da École des Hautes Études en Sciences Sociales em Paris desde a década de 1980, onde ministra seminários de historiografia antiga e moderna (Rodrigues & Nicolazzi, 2012. p.352). A produção acadêmica...

      2398 Palavras | 10 Páginas  

  • A Ridicularização do Catingueiro

    norma culta ou norma-padrão representa prestígio social, embora se saiba que a língua deve servir como fator de aglutinação social e não de diferenciação ou discriminação. A norma culta pode-se afirmar como a variedade linguística usada pelas classes sociais privilegiadas de uma determinada comunidade. Essas...

      4137 Palavras | 17 Páginas  

tracking img