Marcos Mazzotta Educação Especial No Brasil Historia E Politicas Publicas artigos e trabalhos de pesquisa

  • MAZZOTTA e SÁ

    apresentem necessidades especiais. Alunos e escolas são adjetivados de comuns ou especiais e em referência a uns e outras são definidas necessidades comuns ou especiais a partir de critérios arbitrariamente construídos por abstração, atendendo, muitas vezes, a deleites pessoais de “experts” ou até mesmo de espertos. Alertemo-nos, também, para os grandes equívocos que cometemos quando generalizamos nosso entendimento sobre uma situação particular”.(MAZZOTTA, 2002, p.31). MAZZOTTA, Marcos José da Silveira...

    766  Palavras | 4  Páginas

  • EF na Educação Especial

    A Educação Física na Educação Especial *Mestre em Educação Física pela Universidade Estadual de Campinas; professora da Faculdade de Pato Branco - FADEP. **Graduada em Educação Física pela Faculdade de Pato Branco - FADEP. Ms. Aline Miranda Strapasson* Franciele Carniel** alinestrapasson@hotmail.com (Brasil) Resumo A pesquisa abordou o tema "Educação Física (EF) na Educação Especial", com o propósito de verificar como a EF evoluiu e como foi inserida na Educação Especial. O estudo...

    8849  Palavras | 36  Páginas

  • A politica de educação

    Aparecida Decken RA: 1408476 Rojane Welter Schneider RA: 1409726 Nilda Soares Gomes RA: 1421846 Andreia Zionkovski Valentim RA: 1428632 POLO ITAIPULÂNDIA – PR 2014 A Política pública no direito à educação   As políticas públicas precisam priorizar o combate às desigualdades sociais e um grande passo é promover a educação de qualidade como um Direito Social. Acreditar que o pouco que se tem feito é suficiente é concordar com que uns podem ser profissionais qualificados e outros não, é estimular...

    1254  Palavras | 6  Páginas

  • Educação

    1 MARCOS HISTÓRICOS DA EDUCAÇÃO ESPECIAL NO BRASIL Arlete Aparecida Bertoldo Miranda Faculdade de Educação/UFU arlete@ufu.br Este texto se propõe a realizar um rastreamento histórico da Educação Especial, procurando resgatar os diferentes momentos vivenciados, objetivando compreender que acontecimentos ou fatos influenciaram na prática do cotidiano escolar as conquistas alcançadas pelos indivíduos que apresentam necessidades educacionais especiais. Alguns estudiosos da área da Educação especial...

    6065  Palavras | 25  Páginas

  • Inclusão escolar: uma proposta de mudança na estrutura das escolas, promovendo educação para todos.

    diante das inovações propostas pelas políticas educacionais e pelas práticas escolares que envolvem os ensinos regular e especial. A educação especial ainda lembra um sistema educacional paralelo ao sistema geral (rede regular de ensino) e que funciona apenas junto às escolas especiais e classes especiais. Os serviços educacionais especiais, embora diferenciados, não podem desenvolver-se isoladamente, mas devem fazer parte de uma estratégia global de educação, cumprindo suas finalidades gerais...

    2639  Palavras | 11  Páginas

  • Historia da deficiência no Brasil

     História da Deficiência no Brasil Inicialmente é evidenciada uma primeira fase, marcada pela negligência, na era pré-cristã, em que havia uma ausência total de atendimento. Os deficientes eram abandonados, perseguidos e eliminados devido às suas condições atípicas, e a sociedade legitimava essas ações como sendo normais. Na era cristã, segundo Pessotti (1984), o tratamento variava segundo as concepções de caridade ou castigo predominantes na comunidade em que o deficiente estava...

    2528  Palavras | 11  Páginas

  • Educação epecial

    Cadernos de História da Educação – n. 7 – jan./dez. 2008 29 EDUCAÇÃO ESPECIAL NO BRASIL: DESENVOLVIMENTO HISTÓRICO Especial education in Brazil: an historical development Arlete Aparecida Bertoldo Miranda1 RESUMO Focalizando as relações entre os deficientes e a educação brasileira, este artigo tem como objetivo resgatar o histórico da Educação Especial no Brasil, desde a implementação de políticas educacionais de caráter assistencial/filantrópico até o momento atual da inclusão. Evidenciamos...

    7299  Palavras | 30  Páginas

  • Breve histórico da educação especial no Brasil

    Historia de la educación de anormales y de la educación especial en Iberoamérica Breve histórico da educação especial no Brasil Resumo Breve histórico da educação especial no Brasil Enicéia Gonçalves Mendes** O objetivo deste artigo consistiu em apresentar uma compilação dos principais fatos históricos da educação especial no Brasil relacionados a história política do país. Os acontecimentos históricos foram extraídos de estudos históricos existentes sobre educação especial brasileira...

    10171  Palavras | 41  Páginas

  • A INCLUSÃO DE PNE NA EDUCAÇÃO SUPERIOR

    ESTUDANTES COM NECESSIDADES ESPECIAIS NO ENSINO SUPERIOR Rio Branco 2013 SÓSTENES DE SOUZA DA SILVA A INCLUSÃO DE ESTUDANTES COM NECESSIDADES ESPECIAIS NO ENSINO SUPERIOR Artigo apresentado à Faculdade de Teologia Batista Betel, como requisito para a Obtenção do grau de especialista em Docência do Ensino Superior. Orientado pelo Prof. Dr. Elizeu da Costa Melo. Rio Branco 2013 SÓSTENES DE SOUZA DA SILVA A INCLUSÃO DE ESTUDANTES COM NECESSIDADES ESPECIAIS NO ENSINO SUPERIOR ...

    11931  Palavras | 48  Páginas

  • MUITO MAIS DO QUE LER E ESCREVER: INCLUSÃO ESCOLAR DE CRIANÇAS ESPECIAIS NA EDUCAÇÃO BÁSICA EM SÃO LUIS – E A INSERÇÃO DO ASSISTENTE SOCIAL NESSE PROCESSO.

    ANAIAN VELOSO PIRES FERREIRA MUITO MAIS DO QUE LER E ESCREVER: INCLUSÃO ESCOLAR DE CRIANÇAS ESPECIAIS NA EDUCAÇÃO BÁSICA EM SÃO LUIS – E A INSERÇÃO DO ASSISTENTE SOCIAL NESSE PROCESSO. São Luís/MA 2012 CENTRO UNIVERSITÁRIO DO MARANHÃO – UNICEUMA ANAIAN VELOSO PIRES FERREIRA MUITO MAIS DO QUE LER E ESCREVER: INCLUSÃO ESCOLAR DE CRIANÇAS ESPECIAIS NA EDUCAÇÃO BÁSICA EM SÃO LUIS – E A INSERÇÃO DO ASSISTENTE SOCIAL NESSE PROCESSO. Trabalho apresentado...

    3935  Palavras | 16  Páginas

  • Terapia ocupacional no contexto da educação: uma revisão bibliográfica

    UNIVERSIDADE FEDERAL DE SÃO PAULO CAMPUS BAIXADA SANTISTA Terapia Ocupacional no Contexto da Educação: uma revisão bibliográfica NATÁLIA FERREIRA ASSUNÇÃO DO CARMO Santos 2011 FERREIRA ASSUNÇÃO DO CARMO Orientador: Profa. Dra. Carla Cilene Baptista da Silva Projeto de Trabalho de Conclusão de Curso apresentado à Universidade Federal de São...

    10763  Palavras | 44  Páginas

  • Os Desafios da Inclusão na Educação Infantil

    DESAFIOS DA INCLUSÃO NA EDUCAÇÃO INFANTIL FACULDADE DE EDUCAÇÃO SÃO LUíS NÚCLEO DE APOIO DE SÃO CARLOS JABOTICABAL – SP 2013 SIMONE MIYUKI SAKAMOTO PAVÃO OS DESAFIOS DA INCLUSÃO NA EDUCAÇÃO INFANTIL Trabalho de Conclusão de Curso apresentado à Faculdade de Educação São Luís, como exigência parcial para a conclusão do curso de Pós-Graduação Lato Sensu em Educação Infantil. Orientadora: Prof.ª Ma. Neusa Maria Fernandes dos Santos FACULDADE DE EDUCAÇÃO SÃO LUíS NÚCLEO DE APOIO...

    3878  Palavras | 16  Páginas

  • Politicas Públicas para a Educação Especial

    WILSON CARLOS THOMAZ FERNANDES AS POLÍTICAS Públicas de Educação voltadas para Portador de Necessidades de Educação Especial: da Segregação à Inclusão Niterói 2010 UNIVERSIDADE ESTACIO DE SÁ As Políticas Públicas de Educação voltadas para Portador de Necessidades de Educação Especial: da Segregação à Inclusão WILSON CARLOS THOMAZ FERNANDES Monografia de conclusão de Curso apresentada ao Curso de Pedagogia da Universidade Estácio de...

    6699  Palavras | 27  Páginas

  • INCLUSÃO SOCIAL EM ESCOLA PÚBLICA DO ENSINO FUNDAMENTAL

    pesquisas no Brasil e no mundo inteiro mostram que nas últimas décadas as práticas pedagógicas têm passado por muitas mudanças significativas no que se refere às compreensão e atuações respaldadas pela filosofia da educação, mas temos percebido, no dia-a-dia , uma certa insegurança e dificuldade dos profissionais em lidar com a rapidez das transformações determinadas pela presença da diversidade humana na escola. Neste contexto, a inclusão da criança com necessidades especiais é uma modalidade...

    12575  Palavras | 51  Páginas

  • O CONTEXTO DA INCLUSÃO NA EDUCAÇÃO INFANTIL

    PRISCILLA REGIANE SERPA INCLUSÃO DE ALUNO NA EDUCAÇÃO INFANTIL SÃO BERNARDO DO CAMPO - SÃO PAULO 2011 TÍTULO DA MONOGRAFIA O CONTEXTO DA INCLUSÃO NA EDUCAÇÃO INFANTIL Monografia elaborada como requisita parcial do curso Educação Inclusiva.......da Faculdade Integrada da Grande Fortaleza/Posead/ Educação à Distancia, sob a orientação da Profª Ms. Odnéa Quartieri Ferreira Pinheiro ...

    15754  Palavras | 64  Páginas

  • Libras (língua brasileira de sinais): e sua importância na formação pedagógica de professores na educação bilíngue para deficientes auditivos – surdos.

    LIBRAS (LÍNGUA BRASILEIRA DE SINAIS): e sua importância na formação pedagógica de professores na educação bilíngue para deficientes auditivos – surdos. PÃO DE AÇÚCAR-AL SETEMBRO - 2012 ADELMO ALVES PEREIRA auditivos – surdos. ...

    1599  Palavras | 7  Páginas

  • Professor: educação especial

    PROFESSOR - EDUCAÇÃO ESPECIAL Perfil: Educação Especial O professor atuante na modalidade de Educação Especial deve ter como princípio a Educação Inclusiva, partindo do pressuposto de que todos os alunos têm direito de estar juntos, convivendo e aprendendo. O professor especializado deve estar atento às possibilidades de acesso, tanto físico como de comunicação, a partir do conhecimento dos recursos necessários e disponíveis, o que permite o desenvolvimento pleno do humano. Aliado...

    1170  Palavras | 5  Páginas

  • Integração: direitos das pessoas com necessidades educativas especiais

    INTEGRAÇÃO: DIREITOS DAS PESSOAS COM NECESSIDADES EDUCATIVAS ESPECIAIS ROSÂNGELA A M GOMES Segundo Moussatché apud Mantoan (1997, p. 10), a educação inclusiva é mais difícil do que aparenta, porque os professores não estão preparados para esta nova realidade das classes regulares comuns, a sociedade atual também não está preparada para esta nova realidade. O processo de inclusão se refere a um processo educacional que visa estender ao máximo a capacidade da criança portadora de deficiência na...

    2262  Palavras | 10  Páginas

  • educação inclusiva

    ASSOCIAÇÃO EDUCACIONAL CRISTÃ DO BRASIL FACULDADE INTEGRAL DO BRASIL – FAIBRA COORDENAÇÃO DO CURSO DE LICENCIATURA EM PEDAGOGIA MARIA AILKA DA SILVA NOGUEIRA EDUCAÇÃO INCLUSIVA: A Inclusão Escolar da Pessoa com Deficiência Visual Pau dos ferros 2014 MARIA AILKA DA SILVA NOGUEIRA EDUCAÇÃO INCLUSIVA: A Inclusão Escolar da Pessoa com Deficiência Visual Trabalho de conclusão de curso apresentado a faculdade integral do Brasil – FAIBRA como um dos pré...

    4402  Palavras | 18  Páginas

  • A NOVA LDB E AS NECESSIDADES EDUCATIVAS ESPECIAIS

    NECESSIDADES EDUCATIVAS ESPECIAIS RESUMO: São analisados os dispositivos referentes à educação especial na nova Lei de Diretrizes e Bases da Educação, que apontam uma ação mais ligada aos sistemas e programas do ensino regular. Indicam-se algumas implicações e perspectivas para a área, no contexto das reformas educacionais em curso. Palavras-chave: LDB, educação especial INTRODUÇÃO O fato de a nova LDB reservar um capítulo exclusivo para a educação especial parece relevante para...

    3120  Palavras | 13  Páginas

  • educaçao epecial

    UNIVERSIDADE FEDERAL DO MARANHÃO CENTRO DE CIENCIAS SOCIAIS PRONERA MST/ACONERUQ PROJETO DE PESQUISA A POLÍTICA PUBLICA DE EDUCAÇÃO ESPECIAL NO MUNICÍPIO DE ITAPECURU-MIRIM- MA. BACABAL 2014 SAULO VALDEMAR ROCHA ENES A POLÍTICA PUBLICA DE EDUCAÇÃO ESPECIAL NO MUNICÍPIO DE ITAPECURU-MIRIM- MA. Projeto de Pesquisa apresentado à Universidade Federal Do Maranhão – Curso de Pedagogia da Terra, da Disciplina Projeto de...

    2190  Palavras | 9  Páginas

  • Breve Histórico da Educação Especial

    ********** CENTRO DE FILOSOFIA, LETRAS E EDUCAÇÃO - CENFLE CURSO DE LETRAS GESTÃO DE PROCESSOS E MODALIDADES EDUCATIVAS (Nome do Acadêmico) BREVE HISTÓRICO DA EDUCAÇÃO ESPECIAL GERAL E NO BRASIL SOBRAL – 2013 SUMÁRIO INTRODUÇÃO........................................................................................................3 EDUCAÇÃO ESPECIAL GERAL....................................

    2299  Palavras | 10  Páginas

  • A educação e a pessoa com deficiência na era da informática

    EDUCAÇÃO E A PESSOA COM DEFICIÊNCIA NA ERA DA INFORMÁTICA  Cristiane Scattone     A utilização da informática pelas pessoas com deficiência dá‐se através de recursos adaptados.  Existem, no mercado, diversos softwares e periféricos de computadores que foram elaborados  visando às pessoas com necessidades especiais  “Pensar  numa  sociedade  melhor  para  as  pessoas  deficientes  é  necessariamente  também  pensar numa sociedade melhor para todos nós.” (RIBAS,1998,p.98)  Pensar  sobre  a  relação ...

    1294  Palavras | 6  Páginas

  • A educação especial no contexto da educação inclusiva

    FRANCISCO MASCARENHAS FIP- FACULDADES INTEGRADAS DE PATOS PROGRAM DE PÓS-GRADUAÇÃO (LATO SENSU) CURSO DE ESPECIALIZAÇÃO EM PSICOPEDAGOGIA A EDUCAÇÃO ESPECIAL NO CONTEXTO DA EDUCAÇÃO INCLUSIVA ELIZÂNGELA MOURA RIBEIRO GOMES PATOS, PB JUNHO, 2011 ELIZÂNGELA MOURA RIBEIRO GOMES EDUCAÇÃO ESPECIAL NO CONTEXTO DA EDUCAÇÃO INCLUSIVA Projeto de pesquisa referente à disciplina:...

    8100  Palavras | 33  Páginas

  • fundamentos da educação

     CURSO DE EDUCAÇÃO FÍSICA LICENCIATURA Atividade do Portfólio Disciplina: FUNDAMENTOS DA EDUCACAO FISICA INCLUSIVA E ADAPTADA Tarefa: CICLO I Nome: SÉRGIO JOSE FELIPPE RA: 1124792 Turma: B1 Parecer da Tutora: RAQUEL DAFFRE DE ARROXELLAS COLORADO DO OESTE, AGOSTO DE 2015. Descrição da atividade Com base na leitura atenta dos assuntos indicados, escreva uma pequena carta (de, no mínimo, uma lauda) a um amigo de outro país interessado...

    946  Palavras | 4  Páginas

  • Durkheim educação e sociologia

    1-EDUCAÇÃO E PESSOAS COM NECESSIDADES ESPECIAIS. A arte como instrumento de inclusão social pode e deve ser vista como fator de complemento nas diversas formas de desenvolver aprendizagens ligadas a diferentes áreas do conhecimento. Essa questão é abordada claramente pele interdisciplinaridade, ou seja, o diálogo entre uma ou mais disciplinas com o intuito de solidificar a aprendizagem através de oportunidades e de diferentes maneiras de entender a contextualizar os conteúdos escolares. Nesse sentido...

    7207  Palavras | 29  Páginas

  • INCLUSÃO ESCOLAR DO ALUNO COM NECESSIDADES EDUCACIONAIS ESPECIAIS

    se fala na inclusão escolar de alunos com necessidades educacionais especiais, mesmo que a maioria não tenha conhecimentos específicos sobre o tema no sistema regular de ensino. A legislação é explícita, quanto à obrigatoriedade em acolher e matricular todos os alunos, independente de suas necessidades ou diferenças, contudo, não é suficiente apenas esse acolhimento, mas também que o aluno com necessidades educacionais especiais tenha condições efetivas de aprendizagem e desenvolvimento de suas potencialidades...

    2951  Palavras | 12  Páginas

  • EDUCAÇÃO ESPECIAL: UMA RESPONSABILIDADE COMPARTILHADA NA UNIVERSIDADE

    INSTITUTO ÔMEGA - MESTRADO EM EDUCAÇÃO SIMONE FERREIRA SANTIAGO EDUCAÇÃO ESPECIAL: UMA RESPONSABILIDADE COMPARTILHADA NA UNIVERSIDADE DUQUE DE CAXIAS 2013 INSTITUTO ÔMEGA - MESTRADO EM EDUCAÇÃO SIMONE FERREIRA SANTIAGO Trabalho realizado para apresentação ao curso de Mestrado em Educação oferecido pelo Instituto Ômega. EDUCAÇÃO ESPECIAL: UMA RESPONSABILIDADE COMPARTILHADA NA UNIVERSIDADE DUQUE DE CAXIAS 2013 SUMÁRIO ...

    3254  Palavras | 14  Páginas

  • políticas de inclusão escolar de crianças deficientes em escolas regulares

    uma breve menção à evolução histórica da educação especial. A educação inclusiva teve início nos Estados Unidos, com a lei pública nº 94.142 de 1975. O movimento de inclusão visa integrar alunos com necessidades educativas especiais na rede regular de ensino, a inclusão defende que nenhuma criança seja separada da outra por apresentar alguma deficiência. (MAZZOTTA, 2005) As primeiras manifestações sobre o atendimento a pessoas deficientes surgiram no Brasil, inspiradas em experiências na Europa e...

    8842  Palavras | 36  Páginas

  • A historia da Educação para surdos

     UNEB- UNIVERSIDADE DO ESTADO DA BAHIA UNEB- UNIVERSIDADE DO ESTADO DA BAHIA Língua Brasileira de Sinais (Libras) Linha do tempo sobre a educação do surdo LINHA DO TEMPO DA HISTORIA DO SURDO Índice 1. Idade antiga- Da Escrita até 476 d.C, 2. Idade média- 476 - 1453 3. Idade moderna-1453 – 1789 4. Idade contemporânea- 1789 até 2006 Idade antiga- Da Escrita até 476 d.C, Na Roma não perdoavam os surdos porque achavam que eram pessoas castigadas ou enfeitiçadas...

    1463  Palavras | 6  Páginas

  • Jogos matemáticos numa perspectiva inclusivista juntos aos portadores de necessidades especiais

    EDSON DA SILVA PERRUT JOGOS MATEMÁTICOS NUMA PERSPECTIVA INCLUSIVISTA JUNTOS AOS PORTADORES DE NECESSIDADES ESPECIAIS Rio de Janeiro 2008 EDSON DA SILVA PERRUT JOGOS MATEMÁTICOS NUMA PERSPECTIVA INCLUSIVISTA JUNTO AOS PORTADORES DE NECESSIDADES ESPECIAIS Trabalho de Conclusão de Curso apresentada ao Curso de Licenciatura em Matemática, como requisito...

    11701  Palavras | 47  Páginas

  • Paper educa o especial fundamental I

    de Moura Bastos Centro Universitário Leonardo da Vinci – UNIASSELVI Pedagogia (PED 0403) – Estágio 04/07/2014 RESUMO O processo de inclusão escolar deixa em evidência várias questões, inclusive sociais. E para crianças com Síndrome de down em especial existem outras questões próprias que constitui esse novo padrão social, pois seu comportamento está sendo bastante estudado. As crianças que não tem uma variedade de contato com outras crianças acabam desenvolvendo alterações comportamentais, por...

    3668  Palavras | 15  Páginas

  • A INCLUSÃO DO PORTADOR DE SÍNDROME DE DOWN NA ESCOLA PÚBLICA.

    PORTADOR DE SÍNDROME DE DOWN NA ESCOLA PÚBLICA. ALYX MARTINS.................................Nº01 DORCAS S. M. DE FREITAS............Nº07 LUCIMARA AP. DE REZENDE..........Nº13 ROSIMEIRE P. F. SOARES...............Nº25 VANILZA VIEIRA................................Nº32 SÃO PAULO 2005 FACULDADES INTEGRADAS CAMPOS SALLES CURSO: PEDAGOGIA TURMA: 3B A INCLUSÃO DO PORTADOR DE SÍNDROME DE DOWN NA ESCOLA PÚBLICA. ...

    19781  Palavras | 80  Páginas

  • Educação inclusiva e a comunidade escolar: desafios e possibilidades.

    UNIVERSIDADE LUTERANA DO BRASIL CURSO DE GRADUAÇÃO EM PEDAGOGIA – EAD Município: Campo Alegre Estado: Alagoas Turma (virtual): 11052 Pólo: Arapiraca Tutor(a) presencial: Cácia Maria Gomes da Silva Tutor(a) virtual: Marlene Petry Professor(a): Rafael Rodrigues Dihl Semestre/Ano: EDUCAÇÃO INCLUSIVA E A COMUNIDADE ESCOLAR: DESAFIOS E POSSIBILIDADES.[1] Verene de Souza Lima Daliane da Silva Santos RESUMO O presente trabalho procura analisar e ao mesmo tempo despertar para uma reflexão...

    3668  Palavras | 15  Páginas

  • Artigo educaçao especial

    A EDUCAÇÃO ESPECIAL NO BRASIL E SUAS PERSPECTIVAS PARA O FUTURO: UMA ABORDAGEM TEÓRICA. Marta Soares Moraes[1] Maria do Socorro Corrêa Campos[2] RESUMO Este artigo sobre Educação Especial tem por objetivo contribuir com a formação de pedagogos e profissionais de outras áreas, bem como desmistificar o conceito que se tem sobre os portadores de necessidades educativas especiais. Duas vertentes serão abordadas nesse artigo. A primeira é teórica, portanto, histórica. A segunda vertente...

    5495  Palavras | 22  Páginas

  • Anteprojeto Educação Inclusiva

    apresentado ao Programa de Pós-graduação em Educação - Curso de Mestrado da Fundação Universidade Federal de Mato Grosso do Sul – Campus Pantanal. Corumbá/MS Abril/2015 1. INTRODUÇÃO As grandes vertentes da educação muito são discutidas e analisadas ao longo do tempo. Com isso vários processos de ―como se fazer educação‖ em uma época de amplo uso das novas tecnologias têm sido constantemente a temática de sucessivas discussões entre o Estado, os profissionais da educação e a sociedade. O certo é que não...

    4817  Palavras | 20  Páginas

  • Educação inclusiva: a escola e o professor como protagonistas do processo inclusivo

    O processo de inclusão de alunos com necessidades educacionais especiais tem sido amplamente discutido, não só no âmbito escolar, mas também em toda sociedade. Esse debate vem ocorrendo no Brasil há mais de uma década, no entanto, muitos desses alunos ainda estão fora da escola, poucos estão inseridos em escolas e classes especiais ou “colocados” em salas de aula do ensino regular sem as condições mínimas para recebê-los. Já que o que mais se prega é o oferecimento de um ensino de qualidade a todos...

    4044  Palavras | 17  Páginas

  • artigo estrutura fisica e pedagogica da escola de periodo integral para a inclusão de alunos com necessidades educacionais especiais

    EDUCACIONAIS ESPECIAIS Silvia Aparecida Batista1(Acadêmica) Solange Zotti 2(Orientadora) Resumo Vivenciamos um momento em que diariamente se fala na inclusão escolar de alunos com necessidades educacionais especiais, na rede regular de ensino. A legislação é explícita, quanto à obrigatoriedade em acolher e matricular todos os alunos, independente de suas necessidades ou diferenças. Entretanto, não é suficiente apenas esse acolhimento, mas que o aluno com necessidades educacionais especiais tenha...

    6979  Palavras | 28  Páginas

  • Educação Iclusiva uma perspectiva de mudança no ambito escolar

    Um breve histórico da Educação especial no Brasil com a ênfase da inclusão de surdos na escola regular de ensino RAIMUNDO, Priscila Joice Pereira1 RU 531060 NEVOT, RICARDO MARTINEZ 2 RESUMO Abordou-se nesta pesquisa o tema sobre Um breve histórico da Educação especial no Brasil com a ênfase da inclusão de surdos na escola regular de ensino. Tendo por objetivo Conhecer a retrospectiva da historia da educação especial no brasil. com enfoque no surdo e Investigar o tratamento dos alunos com surdez...

    4381  Palavras | 18  Páginas

  • A educação, a pessoa com necessidades especiais e o professor

    UNIRADIAL CURSO LICENCIATURA EM HISTÓRIA Gisele Finatti Baraglio “A EDUCAÇÃO, A PESSOA COM NECESSIDADES ESPECIAIS E O PROFESSOR” SÃO PAULO 2012 Gisele Finatti Baraglio A EDUCAÇÃO, A PESSOA COM NECESSIDADES ESPECIAIS E O PROFESSOR Artigo apresentado como requisito parcial a obtenção de aprovação na disciplina Educaçao Especial do curso de Licenciatura em história Orientador : Profa MS Luciane Prado São Paulo 2012 Resumo Pessoas com necessidades especiais, durante muito tempo, consideradas...

    6117  Palavras | 25  Páginas

  • Educação

    dificuldades sim, mas também com suas capacidades e que eles tem direito a educação e viver na sociedade, freqüentando escolas como qualquer outra criança. Aceitar um portador de deficiência é aceitar também suas diferenças e limitações. Para que isto ocorra é necessário ter uma resposta organizada para as suas necessidades educativas sendo competência da escola. Primeiramente falou-se em integração do portador de necessidades especiais, porém percebeu-se na verdade que integrar era apenas colocar a pessoa...

    8496  Palavras | 34  Páginas

  • MARCOS HISTÓRICOS E POLÍTICOS DA EDUCAÇÃO ESPECIAL E INCLUSIVA NA PERSPECTIVA REFLEXIVA

    REGINA PAES MARCOS HISTÓRICOS E POLÍTICOS DA EDUCAÇÃO ESPECIAL E INCLUSIVA NA PERSPECTIVA REFLEXIVA Casa Branca 2013 FACULDADE CASA BRANCA - FACAB CRISTIANE REGINA PAES MARCOS HISTÓRICOS E POLÍTICOS DA EDUCAÇÃO ESPECIAL E INCLUSIVA NA PERSPECTIVA REFLEXIVA Monografia apresentada como exigência parcial de avaliação para conclusão do curso de Pós-Graduação em Educação Inclusiva, pela Faculdade Casa Branca...

    9658  Palavras | 39  Páginas

  • Educação especial inclusiva

    PEDAGOGIA DANIELLE CRISTINA PIRES MARINHO STHEFANIE DO ROSÁRIO FERNANDES A EDUCAÇÃO ESPECIAL NO ENSINO FUDAMENTAL DO MUNICIPIO DE PARANAGUÁ PARANAGUÁ 2012 DANIELLE CRISTINA PIRES MARINHO STHEFANIE DO ROSÁRIO FERNANDES A EDUCAÇÃO ESPECIAL NO ENSINO FUNDAMENTAL DO MUNICIPIO DE PARANAGUÁ Trabalho de Metodologia da Pesquisa- TCC para avaliação do 1º bimestre do curso de Pedagogia do departamento de Educação da Faculdade Estadual de Filosofia, Ciências e Letras de Paranaguá – FAFIPAR ...

    3260  Palavras | 14  Páginas

  • Educação Especial: Da exclusão explícita ao assistencialismo acanhado

     Educação Especial: Da exclusão explícita ao assistencialismo acanhado. Durante o período da exclusão, o misticismo e o ocultismo colaboraram para que o deficiente fosse marginalizado em razão do desconhecimento sobre as causas da mesma. Até o século XV, crianças deformadas eram jogadas nos esgotos da Roma Antiga, enquanto que na Idade Média encontravam abrigo nas igrejas ou exerciam a função de bobos da corte. Do século XVI ao XIX, pessoas com deficiências físicas ou mentais continuavam isoladas...

    1541  Palavras | 7  Páginas

  • Educação especial: os obstáculos encontrados no ambiente escolar para a inclusão.

    EDUCAÇÃO ESPECIAL: os obstáculos encontrados no ambiente escolar para a inclusão. Projeto apresentado à disciplina de Metodologia da Pesquisa em Educação para obtenção parcial de nota. Orientado pela professora Dolores Cristina Sousa. São Luís 2012 SUMÁRIO |1 JUSTIFICATIVA...

    1763  Palavras | 8  Páginas

  • Da inclusão – exclusão: o aluno deficiente auditivo na educação profissional modalidade eja

    Aos professores que contribuíram... BEZERRA, Celia Maria de Souza. Título do trabalho: DA INCLUSÃO – EXCLUSÃO: O aluno deficiente auditivo na Educação Profissional modalidade EJA. Ano de Realização 2012. Número total de páginas. 35 Monografia (Especialização em Gestão Social, Politicas Públicas e Defesa e Direitos) – Sistema de Ensino Presencial Conectado, Universidade Norte do Paraná, Cidade, Ano 2012. RESUMO NO PRESENTE ESTUDO REALIZADO NA ESCOLA ESTADUAL...

    8022  Palavras | 33  Páginas

  • A ATUAÇÃO DO PROFESSOR DE EDUCAÇÃO FIDICA JUNTO AOS ALUNOS COM DURDEZ

    ATUAÇÃO DO PROFESSOR DE EDUCAÇÃO FÍSICA JUNTO AOS ALUNOS COM SURDEZ José Ednelson Santos da Silva * Juciléia Rodrigues Maciel * Renaldo de Almeida Pessoa * Prof.ª Jany Maria Barbosa Pantoja ** RESUMO Este trabalho tem como finalidade analisar a atuação do professor de Educação Física com os alunos que apresentam Necessidades Educacionais Auditivas na Escola Estadual Wilson Hill de Araújo, no município de Itaubal-AP. Diante da realidade social e educacional brasileira face à inclusão...

    9281  Palavras | 38  Páginas

  • educação especial

     TRABALHO DE AAA GRUPO MENINAS PODEROSAS A evolução da educação especial É fundamental analisar o percurso da história da Educação de pessoas com deficiência na sociedade , ao passo que muitas concepções influenciaram as atitudes da sociedade e determinaram o atendimento ofertado a esse grupo de pessoas. Na idade clássica, a prática comum era a de abandono do diferente, numa sociedade que visava a perfeição do indivíduo , a participação nas atividades de ginástica ou dança, a importância...

    1351  Palavras | 6  Páginas

  • História da Educação dos Surdos

    UNIVERSIDADE POTIGUAR PRÓ-REITORIA DE PESQUISA E PÓS-GRADUAÇÃO CURSO DE ESPECIALIZAÇÃO EM PSICOPEDAGOGIA LUISA DE MARILAC DE CASTRO SILVA A EDUCAÇÃO DOS SURDOS NO RIO GRANDE DO NORTE: da segregação à inclusão Natal/RN 2002 LUISA DE MARILAC DE CASTRO SILVA A EDUCAÇÃO DOS SURDOS NO RIO GRANDE DO NORTE: da segregação à inclusão Monografia apresentada ao Curso de Especialização em Psicopedagogia da Universidade Potiguar...

    15386  Palavras | 62  Páginas

  • Educação Inclusiva: A concepção dos educadores acerca do processo de inclusão dos portadores de necessidades educacionais especiais mentais na 3ª série do Ensino Fundamental

    Estado do Pará Centro de Ciências Sociais e Educação Curso de Licenciatura Plena em Pedagogia Núcleo de Tucuruí Luciene Jardim Fiel Educação Inclusiva: A concepção dos educadores acerca do processo de inclusão dos portadores de necessidades educacionais especiais mentais na 3ª série do Ensino Fundamental Tucuruí 2006 Luciene Jardim Fiel Educação Inclusiva: A concepção dos educadores acerca...

    18584  Palavras | 75  Páginas

  • EDUCAÇÃO ESPECIAL E INCLUSÃO: A EVOLUÇÃO E SITUAÇÃO VIGENTE DO AMBIENTE ESCOLAR PELO PRISMA DAS NECESSIDADES ESPECIAIS

    – CEERSEMA CURSO DE LICENCIATURA EM PEDAGOGIA ANTÔNIA MONTEIRO ARAGÃO DE OLIVEIRA DEFICIÊNCIA E INCLUSÃO: A EVOLUÇÃO E SITUAÇÃO VIGENTE DAS NECESSIDADES ESPECIAIS E AS MUDANÇAS QUE A MESMA ACARRETA Pedreiras – MA 2014 ANTÔNIA MONTEIRO ARAGÃO DE OLIVEIRA DEFICIÊNCIA E INCLUSÃO: A EVOLUÇÃO E SITUAÇÃO VIGENTE DAS NECESSIDADES ESPECIAIS E AS MUDANÇAS QUE A MESMA ACARRETA Monografia apresentada ao Departamento de Pedagogia do Centro Ecumênico de Estudos Religiosos Superiores do Estado do Maranhão...

    11324  Palavras | 46  Páginas

  • Educação especial: segregação ou inclusão social?

    EDUCAÇÃO ESPECIAL: SEGREGAÇÃO OU INCLUSÃO SOCIAL? Elisângela Maria Ricardo, Maria da Conceição de Carvalho Barros RESUMO A educação especial passou por diversos momentos que se estende da antiguidade até os dias atuais, cada momento com suas especificidades próprias. A partir desta perspectiva efetuamos um retrospecto histórico da humanidade e constatamos que em algumas épocas as pessoas com necessidades especiais eram abandonadas em lugares inóspitos sem a menor chance de sobrevivência...

    5178  Palavras | 21  Páginas

  • Educação especial no brasil

    EDUCAÇÃO ESPECIAL NO BRASIL História e Políticas Públicas INTRODUÇÃO Marcos Mazzota faz uma reconstrução da história da Educação Especial no Brasil. Seu estudo deu-se a partir do início de seu trabalho como professor de classe especial para deficientes mentais, em 1964. Buscando um melhor entendimento do sentido da educação especial no sistema escolar brasileiro, apoiou-se em documentos oficiais, textos legais, textos oficiais, recortes de jornais e revistas, anotações de seminários...

    4364  Palavras | 18  Páginas

  • O PROFESSOR DE EDUCA O ESPECIAL NO CONTEXTO DA ESCOLA INCLUSIVA

    importância na área de Educação Inclusiva bem como para a própria Pedagogia. O professor de educação especial é o profissional responsável pela educação de alunos que apresentam algum tipo e deficiência, seja ela física ou mental, ou até mesmo num sentido social e antropológico de ordem cultural e étnica. Eles atuam nas escolas dentro da educação inclusiva. O presente estudo tem como objetivo verificar como e qual a atuação destes profissionais dentro das escolas especiais ou até mesmo de ensino...

    9699  Palavras | 39  Páginas

  • DIREITO À EDUCAÇÃO DOS PORTADORES DE DISLEXIA

    DIREITO À EDUCAÇÃO DOS PORTADORES DE DISLEXIA EDUCATION’S RIGHT FROM THE DYSLEXIA’S BEARERS Ana Manuela dos Reis Rampazzo Ana Cleusa Delben RESUMO A dislexia afeta uma parcela expressiva da população mundial e brasileira. Com origem desconhecida e de difícil diagnóstico no início da vida escolar, em sua grande maioria, os disléxicos de início são taxados de preguiçosos e deixados a margem da sociedade, não recebendo os cuidados educacionais dignos. Por isso, se historicamente essa parcela ...

    10601  Palavras | 43  Páginas

  • O confronto da situação: o aluno com necessidades educacionais especiais e o professor buscando soluções

    EDUCACIONAIS ESPECIAIS E O PROFESSOR BUSCANDO SOLUÇÕES SÃOJOSÉ DOS CAMPOS 2008 ELIANA FÁTIMA DE SOUZA DA SILVA O CONFRONTO DA SITUAÇÃO: O ALUNO COM NECESSIDADES EDUCACIONAIS ESPECIAIS E O PROFESSOR BUSCANDO SOLUÇÕES Trabalho de Conclusão de Curso de Pós Graduação apresentado ao Centro Universitário Claretiano para obtenção de titulo de especialização em Educação Especial. Orientadora:...

    3792  Palavras | 16  Páginas

  • educação dos deficientes auditivos

    alunos com necessidade especiais tem sido alvo de intensos debates, instigando professores, pais, pesquisadores e alunos a se questionarem sobre a forma com que essa inclusão ocorre. São inúmeros os projetos que buscam uma escola para todos, onde todo aluno terá suas necessidades individuais atendidas e o ensino adaptado as suas capacidades, objetivando um ensino qualificado que atenda a diversidade humana(OLIVEIRA & POKER, 2002). A partir da Constituição de 1988, a educação passa a ser defendida...

    4455  Palavras | 18  Páginas

  • Pessoas com deficiência intelectual: políticas de escolarização

    Pessoas com deficiência intelectual: políticas de escolarização   Carlos Felipe de Freitas Rossi Mestre em Psicologia; email: carlosfeliperossi@gmail.com Tânia Maria de Freitas Rossi Doutora em Psicologia; email: taniamrossi@gmail.com Resumo: Segundo a abordagem histórico-cultural, a deficiência intelectual é uma mudança no desenvolvimento onde há determinada complicação, o que faz o indivíduo apresentar um ritmo diferente. Já existe uma visão centrada na constituição social do...

    4510  Palavras | 19  Páginas

  • Educaçao especial

    RELATÓRIO DE LEITURA (SÍNTESE) 6 Nome do texto: MAZZOTTA, Marcos. J.S. Educação Especial no Brasil: história e políticas públicas. 3.ed. São Paulo: Cortez, 2001. Introdução, Capítulo I – Atendimento educacional aos portadores de deficiências, p.15-25, Capítulo II – História da educação especial no Brasil, p.27-65. 1. Quais são as principais idéias do texto? a. Muitos não veem a educação especial como método para educar de fato, mas como uma forma de assistência, um pensamento que muitas...

    2333  Palavras | 10  Páginas

  • Inclusão de crianças com nesidades especiais na educação infantil

    UNIVERSIDADE ESTADUAL VALE DO ACARAÚ CURSO DE PEDAGOGIA ANTONIA SILVANA ANDRADE NOGUEIRA INCLUSÃO DE CRIANÇAS ESPECIAIS NA EDUCAÇÃO INFANTIL FORTALEZA - 2012 ANTONIA SILVANA ANDRADE NOGUEIRA INCLUSÃO DE CRIANÇAS ESPECIAIS NA EDUCAÇÃO INFANTIL Monografia apresentada a curso de Graduação em Pedagogia da Universidade Estadual Vale do Acaraú, como requisito essencial para obtenção do título de graduação em...

    13078  Palavras | 53  Páginas

tracking img