• Livro de magia ss
    KRYSTOS MEYER LIVRO SS Um Manual Prático de Magia LIVRO SS Um Manual Prático de Magia KRYSTOS MEYER ÍNDICE Introdução Livro Zero: Magia, Alma e Mundos Capítulo 1: A Magia e a Alma Capítulo 2: A Árvore da Vida Capítulo 3: Os Quatro Mundos Capítulo 4: Técnicas Básicas da...
    42238 Palavras 169 Páginas
  • Fichamento o que é arte
    AGES FACULDADE DE CIÊNCIAS HUMANAS E SOCIAIS LINCENCIATURA EM PEDAGOGIA ANDRÉA SILVA SANTOS COSTA O QUE É ARTE JORGE COLI Trabalho apresentado no curso de Pedagogia da Faculdade AGES, como um dos pré-requisitos para a obtenção de nota parcial da disciplina Arte e Educação do 2º pe...
    1657 Palavras 7 Páginas
  • Levantamento de bibliografia e softwares sobre arte e tecnologia nas modalidades: generative art, code art e software art
    Levantamento de bibliografia e softwares sobre arte e tecnologia nas modalidades: generative art, code art e software art Renata Lima[1] (UFMS) renatalds88@gmail.com Venise Melo[2] (UFMS) venisemelo@gmail.com Resumo Este artigo apresenta as atividades desenvolvidas no projeto de pesq...
    7176 Palavras 29 Páginas
  • Graça aranha
    José Pereira da Graça Aranha nasceu em 21 de junho de 1868, na capital do Estado do Maranhão, filho de Temístocles da Silva Maciel Aranha e de Maria da Glória da Graça. Faleceu no Rio de Janeiro, em 26 de janeiro de 1931. Graça Aranha foi um escritor e diplomata brasileiro, e um imortal da Ac...
    1034 Palavras 5 Páginas
  • ARTE RUPESTRE EM CASTELO DO PIAUÍ COMO UM INSTRUMENTO DE FASCINAÇÃO DO IMAGINÁRIO POPULAR
    FACULDADE EVANGÉLICA DO PIAUÍ – FAEPI CURSO: LICENCIATURA PLENA EM HISTÓRIA ARTE RUPESTRE EM CASTELO DO PIAUÍ COMO UM INSTRUMENTO DE FASCINAÇÃO DO IMAGINÁRIO POPULAR EXPEDITO RODRIGUES DE LIMA...
    1514 Palavras 7 Páginas
  • Graça Aranha
    Jose Pereira da Graca Aranha 15/04/2013 José Pereira da Graça Aranha (1866/1931) Aluno de Tobias Barreto, seguiu a carreira diplomática depois de ser juiz no Maranhão e no Espírito Santo. Participou ativamente do movimento modernista, como doutrinador....
    887 Palavras 4 Páginas
  • Maravilhosa Graça
    SEMINÁRIO MINISTERIAL FLUIR DA GRAÇA TEOLOGIA DA GRAÇA Nome:Tânia Campos Data: 26/02/2013. LIVRO MARAVILHOSA GRAÇA – Philip Yancey UMA ANÁLISE CONTUNDENTE E INSTIGANTE DA GRAÇA DE DEUS Capítulo 5 A NOVA MATEMÁTICA DA GRAÇA Nós recebemos a...
    1313 Palavras 6 Páginas
  • manifestaçao da arte
     INTITUTO PRESBITERIANO DE EDUCAÇÃO ARTE R.JÚNIOR A MANIFESTAÇÃO DA...
    2228 Palavras 9 Páginas
  • Arte oriental
    INTRODUÇÃO Este trabalho irá abordar o contexto histórico das artes específicos das regiões do Japão, China, Índia, Pérsia e Islã, mostrando a enorme diversidade de culturas existentes no oriente. Serão mostrados exemplos em fotos dos períodos citados, exibindo arquitetura, pintura,...
    6403 Palavras 26 Páginas
  • Clara do Anjos - Livro
    E.E LEDA GUIMARÃES NATAL CLARA DOS ANJOS LIMA BARRETO Disciplina: Filosofia Professor: São Paulo 2013 ÍNDICE Introdução...
    3126 Palavras 13 Páginas
  • Historia
     Vida e obras De Jorge Amado Infância filho de Joâo Amado de Faria e dona Eulalia Leal ,Jorge Amado Leal de Faria...
    1636 Palavras 7 Páginas
  • Dominios da Historia
    Livro: Domínios da Historia – Ensaios de Teoria e Metodologia – Ciro Flamarion Cardoso e Ronaldo Vainfas Resumido por, Barbara Alencar CAPITULO 1 – HISTÓRIA ECONÔMICA A história econômica agoniza. E num paroxismo tal que, parafraseando M.J. Daunton, a ninguém lhe espantaria de um...
    17487 Palavras 70 Páginas
  • ARQUITETURA PRÉ HISTORIA
    UNIÃO DAS FACULDADES DOS GRANDES LAGO UNILAGO ARQUITETURA E URBANISMO ARQUITETURA – PRÉ HISTÓRIA. SÃO JOSÉ DO RIO PRETO – SÃO PAULO 2013 RAFAEL DO NASCIMENTO MENDONÇA LETICIA FERREIRA DA SILVA RAFAEL SANTOS VARO GUSTAVO HENRIQUE DE OLIVEIRA SANTOS ALESSANDRO CAFFAGNI...
    3284 Palavras 14 Páginas
  • fichamento iniciação a historia da filosofia, Aristoteles
    Fichamento de filosofia Livro: iniciação a historia da filosofia / Aristóteles Roberto vieira Lopes publicidade e propaganda 2º período Apesar de ter estudado na escola de Platão, Aristóteles elabora um novo sistema filosófico com base na critica da teoria das ideias de Platão. A...
    552 Palavras 3 Páginas
  • arte
    A ARTE TESTEMUNHANDO A HISTÓRIA As pinturas abaixo são feitas em paredes. Elas retratam cenas do cotidiano, mas milhares de anos as separam. Maurício Villaça; grafitismo Bisões na gruta de Lascaux - França Mesmo que não houvesse legenda nas fotos, com certeza saberíamos...
    544 Palavras 3 Páginas
  • Resumo do capítulo "ICONOGRAFIA E ICONOLOGIA: UMA INTRODUÇÃO AO ESTUDO DA ARTE DO RENASCIMENTO" de Erwin Panofsky
    História da Arte I Resumo do capítulo "ICONOGRAFIA E ICONOLOGIA: UMA INTRODUÇÃO AO ESTUDO DA ARTE DO RENASCIMENTO" Erwin panofsky "O significado nas Artes Visuais" 2013/2014 Introdução Erwin Panorsky, critico e historiador de arte, alemão nasceu em Hannover em 1892....
    3801 Palavras 16 Páginas
  • Resumo do Livro Mito Fundador e Sociedade Autoritária
    Resumo do livro: BRASIL: MITO FUNDADOR E SOCIEDADE AUTORITÁRIA Autora Marilena Chaui Com fé e orgulho No começo do livro, o autor diz que aprendemos na escola o significado da bandeira e como nossa nação é maravilhosa, terra que desconhece as catástrofes naturais. Que somos um povo bom,...
    4197 Palavras 17 Páginas
  • Graça
    O Enigma da Graça ▄_________________________________________▄ Um Comentário Bíblico Existencial sobre o Livro de Jó ▄_________________________________________▄ Caio Fábio O Enigma da Graça Caio Fábio D'Araujo Filho Primeira Edição Outubro de 2002 Projeto Gráfico,...
    80355 Palavras 322 Páginas
  • A viagem do Tigre - Livro
    Para meu marido, Brad – prova de que de fato existem caras assim por aí. Sumário Prólogo De volta para casa Capítulo 1 Estudos Capítulo 2 Whushu Capítulo 3 Encontros Capítulo 4 Um presente de Natal Capítulo 5 Retorno Capítulo 6 Escolhas...
    149001 Palavras 597 Páginas
  • Análise do livro "Na Senzala, Uma Flor" - Robert Slenes
    SLENES, Robert W. Na Senzala, Uma Flor: esperanças e recordações na formação da família escrava, Brasil Sudeste, século XIX. – Rio de Janeiro: Nova Fronteira, 1999. “Nos cubículos dos negros, jamais vi uma flor: é que lá não existem nem esperanças nem recordações” – RIBEYROLLES, Charles....
    3095 Palavras 13 Páginas