• rotaçao do capital
    capital e a taxa de lucro. Ele tem por objetivo verificar se o aumento da velocidade de rotação do capital constitui uma contra-tendência a Lei da Queda Tendencial da Taxa de Lucro. Esta verificação, por sua vez, foi feita através da leitura crítica de bibliografia selecionada. Por fim, concluiu...
    6752 Palavras 28 Páginas
  • O enigma do capital e as crises do capitalismo
    queda da taxa de lucro Marxistas marxianos Explicação subconsumista Explicação superacumulacionista Justificativa da divisória • Marx, no capítulo A lei tendencial da queda da taxa de juros, afirma: “(...) tampouco toda a Economia até hoje (...) conseguiu descobri-la. (...) Dada...
    2069 Palavras 9 Páginas
  • 377293390108
    Painel Geral 51 Lei da queda da taxa de lucro No capítulo 26 de sua famosa obra Rosdolsky nos diz: que os textos de Marx trazem soluções para vários dos problemas da ciência econômica, inclusive o da queda tendencial da taxa de lucro. O filosofo e economista alemão pode nos ajudar nessa...
    841 Palavras 4 Páginas
  • Economia
    Seção do Livro III, em que Marx estuda o problema da lei da queda tendencial da taxa de lucro. Não concordamos que uma leitura causal do problema possa ser considerada o melhor caminho para se entender o tema da crise. A categoria de causa é uma categoria das chamadas filosofias do entendimento...
    6125 Palavras 25 Páginas
  • superprodução
    temporária da própria acumulação, para sua posterior recuperação. A Superexploração, Superprodução e a Lei da Queda Tendencial da Taxa de Lucro Como Marx mencionou nos Grundrisse a acumulação de capital é um entrave inerente ao processo produtivo. Isto é, quanto maior o desenvolvimento do...
    2747 Palavras 11 Páginas
  • Discussão Gramsci
    , por parte da indústria, de superar a lei tendencial da queda da taxa de lucro; a psicanálise (sua enorme difusão no pós-guerra), como expressão da aumentada coerção moral, exercida pelo aparato estatal e social, sobre os indivíduos particulares e pelas crises doentias que tal coerção determina; 9) o...
    12286 Palavras 50 Páginas
  • Conceitos de fordismo
    crise do fordismo-keynesianismo como regulação e reprodução capitalista, de acordo com o pensamento de Marx (1984), é explicada pela lei da queda tendencial da taxa de lucro. Porque, segundo Marx, com o desenvolvimento do capitalismo há modificações na composição orgânica do capital6, há um aumento...
    2445 Palavras 10 Páginas
  • Sociologia
    , incluindo-se nesse universo a reprodução e gestão ampliada da força de trabalho. O autor constata também que as intervenções econômicas do Estado, por mais heterogêneas que possam parecer, se organizam em torno de um fio condutor: a queda tendencial da taxa de lucro. Elas operam como contratendências...
    5080 Palavras 21 Páginas
  • A controvérsia do capital
    influencias mais importantes são as variações da demanda agregada, as inovações tecnológicas, a abertura de novos mercados, a situação política, etc. Quanto à distribuição de renda devemos rever a lei de Marx da "queda tendencial da taxa de lucro". Com a flexibilidade da sua teoria dos salários...
    3525 Palavras 15 Páginas
  • A superexploração do trabalho em economias periféricas dependentes
    valia e da composição orgânica do capital, ‘pressupondo uma taxa de mais valia constante’, o crescimento da composição orgânica do capital leva necessariamente à queda da taxa de lucro. Esta é a lei da queda tendencial da taxa de lucro” (CARCANHOLO, 1996, p. 15, destaque dos autores). Isto posto...
    7638 Palavras 31 Páginas
  • As crises do capitalismo
    mantêm os preços do mercado, com isso o capitalista inovador aproveita o lucro extra. Mas a concorrência obriga aos outros capitalistas a inovar também, então acaba a vantagem do capitalista inovador, baixando assim a taxa de lucro de todos os capitalistas. Essa é a lei tendencial que leva a...
    3473 Palavras 14 Páginas
  • resumo dos capítulo 5 6 e7 do livro economia poli´tica
    inovações para melhorarem. A lei tendencial que leva a queda da taxa de lucro é: p = m/c+v, em que p é a taxa de lucro, m é a mais valia, c é capital constante e v capital variável. Com a introdução de inovações o c se eleva, e isso leva p a cair. A importância desse fenômeno é que a partir dele nota-se...
    1753 Palavras 8 Páginas
  • A flexibilização trabalhista
    generalizada. Essa crise do fordismo-keynesianismo como regulação e reprodução capitalista, de acordo com o pensamento de Marx (1984), é explicada pela lei da queda tendencial da taxa de lucro. Porque, segundo Marx, com o desenvolvimento do capitalismo há modificações na composição orgânica do...
    4735 Palavras 19 Páginas
  • Politica econômica
    3. Explique cada uma destas equações marxistas, relacionando-as à sua analise sobre a "lei de movimento" do capitalismo: a) Valor = c + v + s A lei de tendência à queda da taxa de lucro ética por Marx e seus seguidores como a principal lei econômica tendencial do movimento do capital. Conceito...
    1385 Palavras 6 Páginas
  • Fichamento de artigo
    reprodução capitalista, de acordo com o pensamento de Marx (1984), é explicada pela lei da queda tendencial da taxa de lucro” (Santos Vinicius) “‘uma economia estruturada em torno do mercado submete a uma inesgotável rivalidade tecnológica’ Isso é observado no período fordista-keynesiano pela...
    1423 Palavras 6 Páginas
  • Proupe
    de um exército industrial de reserva, e o fim a miséria de camadas cada vez maiores do exército ativo e o pesomorto do pauperismo”. No Livro III, Seção 3 do Capital, Marx trata da lei da queda tendencial da taxa de lucro. Definida como a “lei fundamental da economia moderna”, é ela que determina o...
    31165 Palavras 125 Páginas
  • Politica social
    resistência à exploração; são processos que implicaram a queda da taxa de lucros. Crise de credibilidade do capitalismo, enquanto sistema capaz de garantir o pleno emprego, o nível de vida e as liberdades democráticas. Tudo indica que a hipótese geral de Mandel permanece valida, qual seja “Uma retomada...
    1446 Palavras 6 Páginas
  • ECONOMIA
    inexistência prática de interesses e operação do grande capital no mercado de serviços odontológicos. As razões para a pequinesa do mercado capitalista em Odontologia decorrem fundamentalmente da progressão geométrica da concorrência, da consequente queda tendencial da taxa de lucros e da falta de medidas...
    9365 Palavras 38 Páginas
  • Fichamento de ana elizabete mota - crise contemporânea e as transformações na sociedade capitalista
    relacionada com a lei tendencial de queda das taxas de lucro, sendo assim uma crise econômica. Dessa forma as crises expressam um desequilíbrio ente produção e o consumo, destaca Mota, visto que quando são produzidas mais mercadorias do que a população pode comprar, o processo de acumulação é...
    712 Palavras 3 Páginas
  • historia do pensamento economico
    e os meios de subsistência em proporção aritmética? 68. De que forma a lei da população de Malthus liga-se à lei dos rendimentos decrescentes e à teoria do fundo de salários? 69. Por que os desajustes virtuais entre as diferentes taxas tendenciais de crescimento da população e dos meios de...
    2835 Palavras 12 Páginas