Karl Marx Os Individuos E As Classes Sociais artigos e trabalhos de pesquisa

  • Ciências sociais - Karl Marx

    FACULDADE DE CARIACICA KARL MARX CARIACICA/ES - 2014 UNIEST – FACULDADE DE CARIACICA DISCIPLINA: CIÊNCIAS HUMANAS E SOCIAIS O PENSAMENTO SOCIOLÓGICO DE KARL MARX 1. INTRODUÇÃO: O pensamento sociológico do alemão Karl Marx contribuiu muito para o desenvolvimento da Sociologia ao salientar em suas teorias que as relações sociais decorrem dos modos de produção. Segundo Marx, o homem relaciona-se com outros seres...

    2377  Palavras | 10  Páginas

  • karl marxs

    Karl Marxindivíduo x sociedade Antes de vermos qual a visão que Karl Marx oferece sobre a relação entre indivíduo e sociedade devemos fazer algumas considerações biográficas sobre este autor. Marx viveu no século XIX. Nasceu em 1818 e faleceu entre 1883. Sua juventude, portanto, teve como ambiente a Europa agitada pelas idéias da revolução francesa e sufocada pelo exército de Napoleão. A obra que escreveu reflete de maneira muito estreita a sua participação nos eventos mais marcantes de sua...

    2342  Palavras | 10  Páginas

  • Karl marx

    SUCKOW DA FONSECA | Karl Marx | E sua visão sobre o capitalismo e as classes sociais | KARL MARX Karl Marx compreende o trabalho como atividade fundante da humanidade e esta sendo a centralidade da atividade humana, se desenvolve socialmente, sendo o homem um ser social. Deste modo, suas relações de produção e suas relações sociais fundam todo processo de formação da humanidade. Esta compreensão e concepção do homem é radicalmente revolucionária, pois é a partir dela que Marx irá identificar a...

    2325  Palavras | 10  Páginas

  • KARL MARX

    1.0 - BIOGRAFIA DE KARL MARX............................................................................. DESENVOLVIMENTO 2.0 - CAPITALISMO E MARXISMO............................................................................ 2.1 – Marxismo....................................................................................................... 2.2 Modos de Produção como fenômeno Social.................................................. 3.0 - CONCEITOS DESENVOLVIDOS POR MARX......................

    3669  Palavras | 15  Páginas

  • Karl marx indivíduo e classes sociais

    Karl MarxIndivíduo e classes sociais Para o alemão Karl Marx (1818-1883), os indivíduos devem ser analisados de acordo com o contexto de suas condições e situações sociais, já que produzem sua existência em grupo. O homem primitivo, segundo ele, diferenciava-se do outros animais não apenas pela característica biológicas, mais também por aquilo que realizava no espaço e na época em que vivia. Caçando,defendendo-se e criando instrumentos, os indivíduos construíram suas história e sua existência...

    1060  Palavras | 5  Páginas

  • Karl Marx

    ..........................................................................................................3 Obras...................................................................................................................4 Conceitos de Karl Marx.......................................................................................6 Questão...............................................................................................................9 Conclusão.............................

    1941  Palavras | 8  Páginas

  • Karl marx

    CENTRO UNIVERSITÁRIO UNIRONDON ___________________________________________________________________ SOCIOLOGIA KARL MARX CUIABÁ – MT 2012 CENTRO UNIVERSITÁRIO UNIRONDON __________________________________________________________ KARL MARX Trabalho apresentado na disciplina de Sociologia, curso de Ciências Contábeis, (4º Semestre Noturno). Professora: Maria do Socorro Alunos: ALISSON TREVOR ANDRÉ RODRIGUES CARLOS MAGNO ...

    2137  Palavras | 9  Páginas

  • resumo sobre os sociólogos Max, Karl e Émile

     Objeto de estudo da sociedade Método Max Wber Ação Social Compreensão Social Émile Durkheim Fato Social Explicação Karl Marx Classes Sociais Dialética Max Weber: Ação Social: Produto das decisões tomadas pelos próprios indivíduos que dão sentido às suas ações. Compreensão Social: O método compreensivo, defendido por Weber, consiste em entender o sentido que as ações de um indivíduo contêm e não apenas o aspecto exterior dessas mesmas ações. Para realizar a análise compreensiva...

    570  Palavras | 3  Páginas

  • karl Marx

    .................................................................................. Vida de Karl Marx............................................................................... Visão de Karl Marx Sobre a divisão social do trabalho....................... Vida de Max Weber............................................................................. Visão de Max Weber sobre a divisão social do trabalho..................... Bibliografia.................................................

    922  Palavras | 4  Páginas

  • Introdução à sociologia de karl marx

    Introdução Karl Heinrich Marx nasceu em 1818 em Treves, na Alemanha. Concluiu seus estudos na Universidade de Berlim, cursou filosofia, direito e história e teve seu destaque no campo da Sociologia e no campo econômico. Foi um dos principais autores que contribuiu para a sociologia. Desenvolveu estudos sobre as relações entre indivíduos e sociedade concebendo as divisões em classes, criando assim, o Marxismo. Preocupava-se em transformar o mundo, mas não sem antes interpretá-lo. Junto a Friedrich...

    1769  Palavras | 8  Páginas

  • Karl marx – a construção de uma sociedade sem classes

    Cintia Gomes Benvindo KARL MARX – A CONSTRUÇÃO DE UMA SOCIEDADE SEM CLASSES UFPI/UAPI Uruçuí 2011 Cintia Gomes Benvindo KARL MARX – A CONSTRUÇÃO DE UMA SOCIEDADE SEM CLASSES Projeto de Pesquisa apresentado a Universidade Aberta do Piauí-UAPI, como requisito básico de avaliação. Orientadores: José Renato e Alessandro Pimenta. UFPI/UAPI Uruçuí 2011 SUMÁRIO INTRODUÇÃO 3 OBJETIVOS 4 OBJETIVO GERAL 4 OBJETIVOS ESPECÍFICOS 4 JUSTIFICATIVA 5 REFERENCIAL...

    946  Palavras | 4  Páginas

  • Situação de classe segundo Karl Marx e Max Weber

    Ciências Sociais e no próprio Marxismo - conjunto de ideias filosóficas, económicas, políticas e sociais elaboradas primariamente por Karl Marx e Friedrich Engels e desenvolvidas, mais tarde, por outros seguidores -, esta não é uma problemática evidente. Para compreender as noções de situação de classe presentes nas obras de Karl Marx e Max Weber, é necessário confrontá-las. A partir destas perspetivas teóricas, irei demonstrar as diferentes interpretações das noções de situação de classe recorrendo...

    2086  Palavras | 9  Páginas

  • As relações entre indivíduo e sociedade, com os pensadores émile durkeim; karl marx e max weber.

    relações entre indivíduo e sociedade, com os pensadores Émile Durkeim; Karl Marx e Max Weber. Porto Velho RO, 18 DE MARÇO DE 2013. INTRODUÇÃO Irei falar de três pensadores, Émile Durkeim; Karl Marx e Max Weber em relação entre “Individuo e Sociedade”. Um deles transformou a educação e transformou radicalmente a sociedade capitalista, dividindo em duas classes: trabalhadores e capitalista. Outro pensador acreditava que os indivíduos são o produto de forças sociais complexas e não...

    892  Palavras | 4  Páginas

  • Principais pressupostos do marxismo: luta de classes, superestrutura e infra-estrutura, classes sociais, divisão social do trabalho, fator econômico como determinante da história

    Principais Pressupostos do Marxismo: Luta De Classes, Superestrutura E Infra-Estrutura, Classes Sociais, Divisão Social do Trabalho, Fator Econômico como Determinante da História Aldimar Jorge Gonçalves Jackson Henrique da Silva Bezerra Wesley Simões Júnior Resumo Para Marx o Estado é o instrumento na qual uma classe domina e explora outra classe. Na concepção de Marx ramificar as atividades do trabalho torna o ser humano aprisionado há uma única tarefa, o que deixa o trabalho estressante...

    3533  Palavras | 15  Páginas

  • karl marx

    Karl Marx e Émile Durkheim Manaus – AM 2014 Sumário Introdução. . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 3 Karl Marx . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 4 Biografia de Karl Marx . . . . . . ...

    3074  Palavras | 13  Páginas

  • karl Marx

    Estadual Doutor Fernando Corrêa da Costa Maria Tereza Morais Karl Marx e a desigualdade social Amambai 2013 Introdução Neste trabalho será abordado o pensamento e o ponto de vista de Karl Marques sobre a desigualdade social e sua forma para que segundo ele, esse problema fosse combatido. Desigualdade Social na concepção de Karl Marx Marx criticava o liberalismo porque só eram expressos os interesses de uma parte...

    650  Palavras | 3  Páginas

  • Karl Marx

    PENSAMENTOS DE KARL MARX 1ª FICHA Mais-valia O conceito de mais-valia foi empregado por Marx para explicar a obtenção de lucros no sistema capitalista. Mais-valia era a diferença entre o que o operário produz e o que ele recebe. Se um operário produz certa mercadoria, essa mesma mercadoria é vendida a um preço maior do que é pago ao funcionário, sendo está diferença um valor excedente, ou mais-valia. De modo geral, podemos dizer que a mais-valia era o lucro do empresário. Acredito que este...

    1681  Palavras | 7  Páginas

  • Karl marx

    Karl Marx  CAPITALISMO             Em 1848 diante de uma sociedade capitalista, onde crescia a desigualdade entre burguesia e proletariado, os pensadores Karl Marx e Friedrich Engels interessaram-se pelo estudo do modo de produção capitalista e elaboraram uma maneira de superá-la, através da revolução do grupo proletariado, e transformá-la numa sociedade comunista onde não haveria propriedade privada nem classes sociais e cada indivíduo trabalharia segundo suas capacidades e receberia segundo...

    1009  Palavras | 5  Páginas

  • Karl Marx

    Karl Marx: “Não é a consciência do homem que determina o ser, mas, ao contrário, o seu ser social que lhe determina a consciência.” Idealizava uma sociedade justa e equilibrada, via o capitalismo como grande injustiça social. LUTA ENTRE CLASSES Trabalhador vivendo na ideologia da classe dominante. Socialismo forma mais igualitária de governo. SER por TER alienação Coerência de propósitos Emile Durkheim: Compara a sociedade a um corpo vivo. Conjuntos de normas, de ações e pensamentos...

    1176  Palavras | 5  Páginas

  • Karl, Marx e a Saude Publica

    Karl Heinrich Marx foi um filósofo e revolucionário alemão. Criticou o capitalismo e criou as bases da doutrina comunista. Sua filosofia e ideais exerceram gigantescas influências em várias áreas do conhecimento, tais como Sociologia, Política, Direito, Teologia, Filosofia, Economia, Psicologia, entre outras. Marx nasceu em Trèves, cidade ao sul da Prússia Renana, na fronteira da França, no dia 5 de maio de 1818. Filho de Herschel Marx, advogado e conselheiro da justiça, descendente de judeu, era...

    2153  Palavras | 9  Páginas

  • Relações entre indivíduo e sociedade

    AS RELAÇÕES ENTRE INDIVÍDUO E SOCIEDADE Entre os estudiosos que se preocuparam em analisar a relação do indivíduo com a sociedade, destacam-se autores clássicos da Sociologia, como Karl Marx, Émile Durkheim, Mx Weber, Nobert Elias e Pierre Bourdieu. Através deste exercício entraremos em contatos com as principais ideias de dois deles: Karl Marx e Émile Durkheim. Karl Marx, os indivíduos e as classes sociais Para o alemão Karl Marx (1818-1883), os indivíduos devem ser analisados...

    985  Palavras | 4  Páginas

  • KARL MARX: UMA REVOLUÇÃO NA HISTÓRIA DO SER SOCIAL

    Márcia Ferreira Cavalcante, Maria das Graças de Sousa Oliveira, Roberta Bezerra do Nascimento e Tatiane Pontes de Sá. KARL MARX: UMA REVOLUÇÃO NA HISTÓRIA DO SER SOCIAL SOUSA-PB 2014 SUMÁRIO INTRODUÇÃO ............................................................................................................. 03 VIDA E OBRA DE KARL MARX .............................................................................. 04 MARXISMO .....................................

    1947  Palavras | 8  Páginas

  • tudo sobre karl max

    3.2.. – Karl Marx e o materialismo histórico e dialético 3.2.1. – Classes Sociais 3.2.2. – Ideologia e alienação 3.2.3. – Salário, valor, lucro, mais-valia 3.2.4. – A amplitude da contribuição de Karl Marx Karl Marx e o materialismo histórico e dialético Com o estudo do pensamento de Karl Marx, nossos objetivos são:    Compreender o processo de estabelecimento de diferentes formas de desigualdades para entender suas causas, persistências, possibilidades e dificuldades de amenizações; ...

    1571  Palavras | 7  Páginas

  • Karl Marx e Friedrich Engels

    Entre o século XVIII e XIX, surge dois grandes sociólogos na Alemanha, Karl Marx e Friedrich Engels, que também se destacaram em outras áreas como na filosofia e história na época do surgimento do capitalismo, no qual se destacava o materialismo da sociedade em suas diversas formas. Com eles nasceu o Marxismo ou socialismo científico, que gerava inquietação com as mesmas causas da época, como o modo de produção, luta das classes, materialismo histórico, mais-valia  e entre outros. ...

    1511  Palavras | 7  Páginas

  • Marx conflito de classes

    1. Karl Marx e o Conflito de Classes As lutas de classes existem desde a idade média, quando as classes dominantes como os reis e a burguesia, lutavam contra os trabalhadores. As classes dominantes exercem seu poder de forma autoritária e, isso acaba gerando conflitos com as classes inferiores. Luta de classes é a oposição entre as diferentes classes da sociedade e envolve a economia, a política e a sociedade como um todo. O termo luta de classes foi uma denominação criada pelo filósofo alemão...

    1107  Palavras | 5  Páginas

  • Karl Marx e a divisão social do trabalho

    1. INTRODUÇÃO Karl Marx criticava e atacava diretamente o sistema capitalista. Segundo ele, o capitalismo era o principal responsável pela desorientação humana e pelas diferenças sociais. Este filósofo compreende o trabalho como atividade fundante da humanidade. E sendo assim, a centralidade da atividade humana, se desenvolve socialmente. Em seu livro “O Capital”, tem como tema principal a economia, que demonstra o acúmulo de capital, identificando que o lucro obtido pelos trabalhadores acaba...

    3898  Palavras | 16  Páginas

  • Sociologia, educação e teóricos: Karl Marx, Émile Durkheim e Max Weber

    Sociologia, educação e teóricos: Karl Marx, Émile Durkheim e Max Weber Nos autores da Sociologia encontramos muitas questões referentes à educação que se têm tornado temas centrais nas sociedades contemporâneas. A discussão implica em uma reflexão sobre o próprio conceito de educação. São três os principais pensadores clássicos da Sociologia: Karl Marx, Émile Durkheim e Max Weber. Karl Marx (1818-1883) foi um intelectual e revolucionário alemão, teve influência na economia, na filosofia, na...

    616  Palavras | 3  Páginas

  • Karl Marx

    Karl Marx . Mais-valia é um conceito fundamental da politica marxista, que consiste no valor pago ao trabalhador, isto é na exploração exercida pelos capitalistas sobres seus assalariados. Este conceito foi empregado por Marx para explicar a obtenção dos lucros no sistema capitalista, Logo a mais valia é a diferença entre o que o empregado produz e o que ele recebe. Os capitalistas podem lançar mãos de duas estratégias para ampliar sua taxa de lucro: Mais valia absoluta consiste estender a...

    781  Palavras | 4  Páginas

  • Karl Marx e a Divisão Social do Trabalho

    DIVISÃO SOCIAL DO TRABALHO: SEGUNDO KARL MARX DIVISÃO SOCIAL DO TRABALHO “Se o bicho da seda tecesse para ligar as duas pontas, continuando a ser uma lagarta, seria o assalariado perfeito...” Karl Marx Sumário Introdução___________________________________________05 Desenvolvimento______________________________________06 Biografia de Karl Marx__________________________________08 Influências...

    1251  Palavras | 6  Páginas

  • Teoria de classes e Eatratificação Social

    Colégio Municipal Prof.ª Ana Aparecida Sant’Ana Sociologia Estratificação Social Karl Max e Max Weber Nome: Bruna Dias Nº: 02 Série: 2ºA ...

    1605  Palavras | 7  Páginas

  • Karl Marx

    INTRODUÇÃO Desenvolvimento 1.Emile Durkheim 1.2 Coerção social 1.3 Normalidade e anomalia social 1.4 Solidariedade e o cimento social 1.5 Solidariedade mecânica e orgânica 2.Max Weber 2.2 Sociologia compreensiva 2.3 Etica protestante e espirito capitalismo 3.Karl marx 3.2 Ideia de alienação 3.3 Conceito marxista de sociedade EMILE DURKHEIM (1858 – 1917) Comparou a sociedade a um organismo vivo, criando o organicismo ou funcionalismo...

    1037  Palavras | 5  Páginas

  • Marx

    A CONTRIBUIÇÃO DO PENSAMENTO DE KARL MARX PARA A COMPREENSÃO DA ESTRUTURAÇÃO DO SISTEMA EDUCACIONAL Adriana Aparecida Rodrigues (FAFIPA, drikarodrigues66@hotmail.com)1; Neide de Almeida Lança Galvão Favaro (FAFIPA, lnfavaro@bol.com.br) 2. RESUMO A escolha desse tema está fundamentada na complexidade que o mesmo envolve ao ser trabalhado em nossa sociedade, pois infelizmente por estamos presos em um sistema de reprodução social (alienação), não somos capazes muitas vezes de compreender a...

    5455  Palavras | 22  Páginas

  • Karl Marx e o materialismo histórico e dialético

    Karl Marx e o materialismo histórico e dialético Com o estudo do pensamento de Karl Marx, nossos objetivos são: • Compreender o processo de estabelecimento de diferentes formas de desigualdades e entender suas causas, persistências, possibilidades e dificuldades de amenizações; • Esclarecer as bases sociais sobre as quais se assentaram as desigualdades; • Refletir sobre o processo de criação, reprodução e aprofundamento das desigualdades sociais. Suas principais obras são: • A ideologia...

    1604  Palavras | 7  Páginas

  • Visão sobre Educação e Sociedade para Émile Durkheim e Karl Marx e suas contribuições para a construção das bases da sociais

    e Sociedade para Émile Durkheim e Karl Marx e suas contribuições para a construção das bases da sociais Introdução A Sociologia é a parte das ciências humanas que estuda o comportamento humano e os processos que interligam os indivíduos em uma dada sociedade. Tendo uma base teórico-metodológica voltada para o estudo dos fenômenos sociais, tentando explicá-los e analisar os indivíduos em suas relações de interdependência...

    2908  Palavras | 12  Páginas

  • KARL MARX

    Aluna: Ana Clécia da Fonseca Santos Profº: Daniel Brandão Natal, 17 de Junho de 2013. SUMÁRIO 1. Biografia Karl Marx ............................................................................ 03 2. Desenvolvimento: Karl Marx – e o Materialismo Dialético e Histórico............................................................................................... 04 3. Histórico .......................................

    2246  Palavras | 9  Páginas

  • Karl Marx, Max Weber e desigualdade social

    FACULDADE ESTÁCIO DE SÁ DE VITÓRIA LARISSA KARL MARX, MAX WEBER E DESIGUALDADE SOCIAL VITÓRIA, 2012 LARISSA KARL MARX, MAX WEBER E DESIGUALDADE SOCIAL ESTE TRABALHO FOI REALIZADO PELA ALUNA LARISSA DO CURSO DE ADMINISTRAÇÃO DO TURNO MATUTINO PARA A DISCIPLINA DE FUNDAMENTOS DAS CIÊNCIAS SOCIAIS COMO PRÉ-REQUISITO CONHECER MELHOR AS ANALISES DOS SOCIOLOGOS E SUAS TEORIAS. VITÓRIA, 2012 MAX WEBER Max weber (1864-1920) foi um...

    2049  Palavras | 9  Páginas

  • Karl marx

    Marxista Karl Marx junto com Engels constituíram a mais interessante teoria econômica do estado, o Socialismo, e logo, criaram algumas de suas variações para assim o aperfeiçoamento da teoria. Tal coisa é percebida quando Marx cria a variação entre o Socialismo utópico e cientifico. Marx sofre uma grande influencia de Engels em suas teorias, afinal, Engels financiava todas as teorias criadas por Marx. Ele ainda criticou a divisão de classes em seu livro A ideologia alemã. Marxismo Karl Marx com...

    811  Palavras | 4  Páginas

  • Relações sociais

    KARL MARK E AS RELAÇÕES SOCIAS RESUMO Karl Marx se dedicou a um grandioso estudo crítico da economia política. Suas obras, em geral são muito complicadas, pois, tem várias interpretações e compreensões. Criou um método novo de analisar o mundo e a sociedade, o chamado materialismo histórico e dialético. Fez pesadas críticas ao capitalismo e a exploração que a classe dominante impõe as classes dominadas por ela. Para Marx, as relações sociais que os homens estabelecem entre si, e que constituem...

    1866  Palavras | 8  Páginas

  • Karl Marx, Max Weber ...

     Conceitos Sociológicos Karl Marx, Émile Durkheim, Max Weber Há vários conceitos com relação aos estudos científicos das relações sociais e a Sociologia, que está pautada nos estudos científicos de grandes pensadores como: Karl Marx, Émile Durkheim, Max weber entre outros, onde, cada um deles trata seus estudos científicos relacionados ao desenvolvimento social de maneira bem peculiar ao que cada um acredita. 1. Karl Max Karl Max – Nasceu na Alemanha (1818-1883), foi um intelectual...

    2396  Palavras | 10  Páginas

  • Karl marx

    históricos de Karl Marx A obra de Karl Marx, “Para uma crítica da economia política” está dividido em quatro partes: - 1. Produção; 2. A Relação Geral da Produção com a Distribuição, Troca e Consumo; 3. O Método da Economia Política; 4. Produção, Meios de Produção e Relações de Produção. Relações de Produção e Relações Comerciais. Formas de Estado e de Consciência em relação com as Relações de Produção e de Comércio. Relações Jurídicas. Relações Familiares. A primeira parte, denominada por Marx de Produção...

    2942  Palavras | 12  Páginas

  • Resumo Marx

    SOCIOLOGIA – RESUMO DE AULA – KARL MARX KARL MARX (1818-1883) “O trabalhador é tanto mais pobre quanto mais riqueza produz, quanto mais cresce sua produção em potência e em volume. O trabalhador converte-se numa mercadoria tanto mais barata quanto mais mercadorias produz. A desvalorização do mundo humano cresce na razão direta da valorização do mundo das coisas. O trabalho não apenas produz mercadorias, produz também a si mesmo e ao operário como mercadoria e justamente na proporção em que...

    1721  Palavras | 7  Páginas

  • MARX VIDA E OBRA

    VIDA: Karl Marx nasceu na cidade de Treves, na Alemanha em 1818. Em 1836, matriculou-se na Universidade de Berlim, doutorando-se em filosofia em Jena (Iena). Mudou-se para Paris em 1842, onde conheceu Friedrich Engels, seu companheiro de ideias e publicações por toda a vida. Expulso da França em 1845, foi para Bruxelas participar da recém fundada Liga dos Comunistas. Em 1848 escreveu com Engels o Manifesto Comunista, obra fundadora do ‘marxismo’ enquanto movimento político e social a favor...

    4442  Palavras | 18  Páginas

  • Consciência de Classe

    idéias e representações sobre o mundo social segundo a sociologia clássica e contemporânea Área: Demais áreas das CSA - Teorias sociológicas José Otacilio da Silva Universidade Estadual do Oeste do Paraná -UNIOESTE Rua Manuel Ribas, 3537 – Cascavel-PR otacilio@certto.com.br Resumo: O presente estudo faz parte de um projeto mais amplo que visa trazer à tona os diversos aspectos das teorias sociológicas elaboradas pelos diversos cientistas sociais para que, em seguida, seja possível a...

    10720  Palavras | 43  Páginas

  • Apresentação de karl marx

    KARL MARX “De nada valem as idéias sem homens que possam pô-las em prática.” PERFIL O seu traço característico: a coerência de propósitos. O defeito que mais desculpa: a credulidade. Sua idéia de felicidade: a luta. Sua idéia de desgraça: a submissão. Sua cor predileta: o vermelho. Sua máxima predileta: nada de humano me é estranho. Sua divisa predileta: dúvida de tudo. BIOGRAFIA Idealizador de uma sociedade com uma distribuição de renda justa e equilibrada, o economista, cientista...

    1778  Palavras | 8  Páginas

  • Karl

    conhecimentos sobre a obra de Karl Marx 1. (Uem 2012) Escrito há quase duzentos anos, por Karl Marx e Friedrich Engels, o Manifesto Comunista denunciava as desigualdades sociais vividas pelos homens na sociedade capitalista. Leia trecho dessa obra, reproduzido a seguir, e assinale o que for correto sobre o desenvolvimento econômico. “A sociedade burguesa moderna, que brotou das ruínas da sociedade feudal, não aboliu os antagonismos das classes. Estabeleceu novas classes, novas condições de opressão...

    4946  Palavras | 20  Páginas

  • O conceito de classes sociais na teoria marxsita

    O conceito de classes sociais na teoria marxsita 1. Introdução Os estudos sobre classes sociais trazem à luz, invariavelmente, o desenvolvimento do tema das desigualdades econômicas. São várias as leituras e entendimentos a cerca do conceito de classe social que se organizam em torno de elementos fundamentais. Faz-se necessário desenvolver minimamente o debate sobre a atualidade dos estudos sobre as classes sociais. Muitas são as críticas, na academia e fora dela, sobre a importância da análise...

    2144  Palavras | 9  Páginas

  • CONFLITO SOCIAL: KARL MARX

    DE CIÊNCIAS SOCIAIS APLICADAS DE EXTREMA ANNA RITA SARACHINNI GODOI FELIPE JOSÉ FARIA DO NASCIMENTO LUCIANA SABARÁ DA SILVA RAFAEL DE CARVALHO RAMOS DA SILVA THIAGO OZAKI DE LIMA VANESSA DE CÁSSIA DE ALMEIDA CONFLITO SOCIAL: KARL MARX EXTREMA 2015 ANNA RITA SARACHINNI GODOI FELIPE JOSÉ FARIA DO NASCIMENTO LUCIANA SABARÁ DA SILVA RAFAEL DE CARVALHO RAMOS DA SILVA THIAGO OZAKI DE LIMA VANESSA DE CÁSSIA DE ALMEIDA CONFLITO SOCIAL: KARL MARX Trabalho sobre Conflito Social segundo a...

    4808  Palavras | 20  Páginas

  • serviço social

    Análise as Convergências e as Advergência entre Karl Marx, Max Weber e Émile Durkheim. Karl Marx, Max Weber e Émile Durkheim, considerados fundadores das ciências sociais, desenvolveram interpretações e conceitos sobre o mundo social que permanecem como referências de análise até os tempos atuais. Nesse sentido, assinale a opção correta a respeito de interpretações e conceitos elaborados pelos referidos autores. Karl Marx desenvolveu os conceitos de relações de produção e alienação;...

    1213  Palavras | 5  Páginas

  • Karl Mark, Émile Durkhein e Max Weber

    Instituto Federal de Educação, Ciências e Tecnologia do Maranhão Sociologia de Karl Marx, Émile Durkhein e Max Weber Açailândia 2013 Gustavo Mota Karl Mark, Émile Durkhein e Max Weber Trabalho apresentado à professora Deide Luci para recuperar a nota final do modulo de sociologia. Açailândia 2013 1. Identificação Aluno: Gustavo Mota Turno: Matutino Disciplina: Sociologia Curso: Eletromecânica...

    775  Palavras | 4  Páginas

  • Conceitos de émile durkheim e karl marx

    unem os indivíduos entre si) como fundamento da sociedade. A divisão do trabalho produz dois diferentes tipos de solidariedade: Mecânica: A solidariedade de tipo mecânica não liga apenas o indivíduo ao grupo, mas harmoniza os pormenores dessa conexão, pois é a semelhança entre os indivíduos que gera o vínculo social. A divisão social do trabalho, nesse caso, é pequena ou inexiste simplesmente. Há uma identidade entre as consciências individual e a coletiva, isto é, a identidade social se dá porque...

    1037  Palavras | 5  Páginas

  • Classes e relações sociais

    TRANSPORTES E COMUNICAÇÃO SOCIOLOGIA Classes sociais KARL MARX , MAX WEBER E EMILLE DURKEIN Trabalho em grupo “GRUPO N°2” DOCENTE ___________________ Classificação_________________ MARCO DE 2013 INTRODUÇÃO O presente trabaIho consiste numa breve exposição das classes sociais e do pensamento sociológico de Karl Marx , Max weber e Emille Durkein. Em Karl Marx explora-se as analises do capitalismo e a sua relação com as classes, sociais e em Weber apresenta-se aspetos gerais...

    1975  Palavras | 8  Páginas

  • Paulo freire e karl marx

    SUMÁRIO INTRODUÇÃO 2 PAULO FREIRE 3 SUA PEDAGOGIA 4 SUAS IDÉIAS 5 KARL MARX 6 SUAS IDÉIAS 7 SUA TEORIA SOBRE EDUCAÇÃO 8 KARL MARX E PAULO FREIRE RELAÇÃO ENTRE SUAS VISÕES SOBRE EDUCAÇÃO 9 RELAÇÃO KARL MARX COM A PEDAGOGIA DE PAULO FREIRE 11 CONCLUSÃO 12 BIBLIOGRAFIA 13 INTRODUÇÃO Neste trabalho procurei aproximar o pensamento desses dois autores, Paulo Freire e Karl Marx, tanto no que diz a respeito aos principais conceitos trabalhados por Paulo Freire...

    3188  Palavras | 13  Páginas

  • Karl marx

    a realização do trabalho: A chamada “mais valia” de Marx: Mais-valia é o termo famosamente empregado por Karl Marx à diferença entre o valor da mercadoria produzida e a soma do valor dos meios de produção e do valor dotrabalho, que seria a base do lucro no sistema capitalista. O que é comunismo? O comunismo é uma ideologia política e socioeconômica, que pretende promover o estabelecimento de uma sociedade igualitária, sem classes sociais e apátrida, baseada na propriedade comum e no controle...

    709  Palavras | 3  Páginas

  • A teoria de karl marx e èmile durkheim sobre a divisão de renda social do pais

    entender as modificações que esta sempre presente no mundo, sendo que o trabalho é indispensável para a sociedade. Se analisarmos a teoria de Karl Marx e Emile Durkheim vamos entender melhor os fatores sociais e econômicos que envolve toda uma sociedade. Estamos ciente que a divisão de trabalho ficou definida dentro da sociedade e que as relações sociais ainda sofre pelas influencias dos grandes. Através desse trabalho podemos analisar as mudanças que foram feitas durante todo esse tempo,...

    963  Palavras | 4  Páginas

  • Pesquisa Biografica Marx

    Pontifícia Universidade Católica de São Paulo Pesquisa Biográfica – Karl Marx Lucas Cloretti - RA: 00167319 Daniel Carvalho - RA: 00167378 Turma: MB-1 Sala: 125 Disciplina: Introdução à Economia Professor: José Geraldo Portugal São Paulo, 1 de Junho de 2015 Sumário 1 Introdução...................................................................................................................... 3 2 Quem foi Karl Marx.......................................................................

    1836  Palavras | 8  Páginas

  • A divisão do trabalho e suas relações econômicas segundo émile durkheim, karl marx e max weber

    UNIVERSITÁRIO DE BARRA DO BUGRES | | A DIVISÃO DO TRABALHO E SUAS RELAÇÕES ECONÔMICAS SEGUNDO ÉMILE DURKHEIM, KARL MARX E MAX WEBER BARRA DO BUGRES 2011 GABRIELA SOUZA ALVES A DIVISÃO DO TRABALHO E SUAS RELAÇÕES ECONÔMICAS SEGUNDO ÉMILE DURKHEIM, KARL MARX E MAX WEBER Trabalho referente: A divisão do trabalho e suas relações econômicas segundo Émile Durkheim, Karl Marx e Max Weber apresentado ao docente Ronaldo Santos da Universidade do Estado de Mato Grosso – UNEMAT – como parte...

    2125  Palavras | 9  Páginas

  • O SOCIALISMO DE KARL MARX E OS PROBLEMAS SÓCIO-ECONÔMICOS DA ATUALIDADE

    O Socialismo de Karl Marx e os Problemas Sócio-Econômicos da Atualidade sumário 1 INTRODUÇÃO 3 2 A ECONOMIA POLÍTICA DE KARL MARX 4 3 A TROCA 4 4 O CAPITAL 5 5 O PROCESSO DE REPRODUÇÃO 6 CONCLUSÃO 8 REFERÊNCIAS 9 1 INTRODUÇÃO Karl Marx, que desenvolveu a mais interessante e provocativa teoria econômica do Estado, para Marx o Estado é o instrumento na qual uma classe domina e explora outra classe. De acordo com...

    1592  Palavras | 7  Páginas

  • Karl Max

    Karl Marx - Questões de Vestibulares - Gabarito 1. (Uncisal 2012) A Escola Marxista tem na teoria do conflito um dos seus fundamentos mais importantes em termos sociológicos. Tal teoria, pela óptica marxista, defende que  a) os conflitos sociais são culturais, sendo expressões do embate entre a tradição e a inovação.  b) os conflitos nascem das contradições, sendo estas resultantes do acesso desigual aos meios de produção.     c) as sociedades mais avançadas são aquelas que melhor se adaptaram...

    2606  Palavras | 11  Páginas

  • A Influencia da sociedade no individuo, segundo Marx e Durkheim

    ADMINISTRAÇÃO E ECONOMIA FACULDADE DE ADMINISTRAÇÃO A INFLUÊNCIA DA SOCIEDADE NO INDIVÍDUO SEGUNDO MARX E DURKHEIM UNIVERSIDADE METODISTA DE SÃO PAULO FACULDADE DE ADMINISTRAÇÃO E ECONOMIA FACULDADE DE ADMINISTRAÇÃO A INFLUÊNCIA DA SOCIEDADE NO INDIVÍDUO SEGUNDO MARX E DURKHEIM Trabalho de Sociologia II apresentado ao Módulo Organizações Contemporâneas e a Dimensão Humana...

    2802  Palavras | 12  Páginas

  • Estudo Dirigido: Karl Marx

    tividade 2.2 - Estudo Dirigido: Karl Marx Responda às seguintes questões dissertativas em um editor de textos (tipo Word) e depois envie o arquivo com as respostas. 1) Vimos em nossas aulas que Marx se apropria do modelo de pensamento dialético de Hegel alterando-o de uma perspectiva idealista para uma perspectiva materialista. Como funciona o pensamento dialético proposto por Hegel? Para Hegel, a dialética se movimenta da seguinte forma: primeiro existe a TESE, que é a idéia, gerando uma ANTÍTESE...

    980  Palavras | 4  Páginas

tracking img