Imunodeficiência artigos e trabalhos de pesquisa

  • imunodeficiências

    Introdução As pessoas portadoras de imunodeficiências apresentam risco maior de adquirir infecções e neoplasias incomuns entre os imunocompetentes. Apesar de não haver tratamentos efetivos para a maioria das imunodeficiências, é importante reconhece-las, a fim de possibilitar a Profilaxia, o diagnóstico precoce e o tratamento específico de suas complicações. Neste trabalho vamos abortar estas possibilidades de tratamentos e diagnósticos das Imunodeficiências. ...

    997  Palavras | 4  Páginas

  • Imunodeficiencia

    IMUNODEFICIÊNCIA PRIMÁRIA E SECUNDÁRIA 1) O QUE ENTENDE POR IMUNODEFICIÊNCIA? Nós chamamos de imunodeficiência a falta ou ausência de resposta imunológica contra todos os antígenos. Então, o próprio nome está dizendo, Imunodeficiência é uma deficiência do sistema imunológico. Se ele está deficiente então ele não vai responder ou vai responder de uma maneira inadequada contra todos os antígenos. Falta ou ausência de resposta imunológica contra todos os antígenos. “Detalhes anatômicos”...

    6993  Palavras | 28  Páginas

  • imunodeficiencias

    para manter a função normal do hospedeiro: a resposta imunológica inespecífica e a específica. Qualquer desequilíbrio em alguma parte da resposta imunológica pode resultar em uma inabilidade de controlar a infecção com doença subjacente. As imunodeficiências incluem uma variedade de doenças que deixam os pacientes mais susceptíveis a infecções e são classificadas em primárias e secundárias. (DORNAS, P. B. et al,2010) A maioria das pessoas apresentam condições de destruir microrganismos, impedindo...

    795  Palavras | 4  Páginas

  • imunodeficiencia

    RESUMO As imunodeficiências congênitas – ou primárias – apresentam elevada morbidade, podendo levar os pacientes à morte. O diagnóstico antenatal é relevante, podendo evitar complicações graves e irreversíveis, além de, habitualmente, contribuir para melhores prognósticos clínicos. A busca pela maximização do entendimento científico dessas condições mórbidas constitui uma grande ferramenta clínica para a compreensão, bem como desenvolvimento de novas modalidades de tratamento, capazes de auxiliar...

    3189  Palavras | 13  Páginas

  • imunodeficiências

    Imunodeficiências Seminário de Imunologia http://www.portalsaofrancisco.com.br/alfa/corpo-humano-sistemaimunologico/corpo-humano-sistema-imunologico-4.php Alunos: Fran Castro Fernanda Sales Paula Daltro Matheus Nascimento Danilo Araújo Nayra Moraes Marina Cordeiro Layla Couto Tipos de imunodeficiências Primárias CONGÊNITAS Secundárias ADQUIRIDAS Consequências Principal: Susceptibilidade aumentada a infecções - Infecções oportunistas Susceptibilidade a alguns...

    2169  Palavras | 9  Páginas

  • IMUNODEFICIÊNCIA Adquerida

    IMUNODEFICIÊNCIA Imunodeficiência é a falha do sistema imune em proteger contra doença ou malignidade. Imunodeficiência primária é causada por defeitos no desenvolvimento ou genéticos no sistema imune. Esses defeitos estão presentes no nascimento mas devem aparecer mais tarde na vida. Imunodeficiência secundária ou adquirida é a perda da função do sistema imune como resultado da exposição a agentes de doenças, fatores ambientais, imunosupressão ou envelhecimento.    IMUNODEFICIÊNCIAS SECUNDÁRIAS...

    3373  Palavras | 14  Páginas

  • Imunodeficiencias

    Estas situações tornam o indivíduo muito vulnerável a infecções ou conduzem a reações violentas contra elementos do ambiente normalmente tolerados. As doenças devidas à imunodeficiência apresentam uma falha nas defesas do organismo que têm como objetivo combater as infecções e os tumores. O resultado desta imunodeficiência é o aparecimento recorrente ou a persistência de infecções, causadas por organismos que, em circunstâncias normais, não as causariam, o sistema imune está dividido, em dois...

    798  Palavras | 4  Páginas

  • Imunodeficiência Combinada Grave

    PROFESSOR ALOÍSIO TEIXEIRA - MACAÉ Imunodeficiência Combinada Grave Macaé Maio de 2014 1. Introdução De acordo com Tortora (2012), a ausência de uma resposta imunológica suficiente é chamada de imunodeficiência, podendo ser congênita ou adquirida. Algumas pessoas nascem com um sistema imune defeituoso. Os defeitos, ou a ausência, de uma série de genes herdados podem resultar em imunodeficiências congênitas. As imunodeficiências congênitas são desregulações...

    4682  Palavras | 19  Páginas

  • Imunodeficiências secundárias

    IMUNODEFICIÊNCIAS SECUNDÁRIAS: VÍRUS DA IMUNODEFICIÊNCIA HUMANO I E II (HIV-I/II) E VÍRUS LINFOTRÓPICO HUMANO I E II ( HTLV-I/II) BARBOZA, J.M.; LESSA, D.; ROSA, R; OLIVEIRA, J.C.; BECCO,A.; CORTEZE NETTO, G. INTRODUÇÃO: Imunodeficiências secundárias (IDS) são doenças que afetam diretamente as células T, deixando o sistema imunológico suscetível a condições adversas contra patógenos. São adquiridas ou herdadas pela predisposição genética e surgem devido traumas, má-nutrição, agentes biológicos...

    899  Palavras | 4  Páginas

  • Síndrome da Imunodeficiência Adquirida

    METODOLOGIA CIENTÍFICA SÍNDROME DA IMUNODEFICIÊNCIA ADQUIRIDA Importância da terapia antirretroviral na diminuição de complicações neurológicas em pacientes com SIDA Grupo 02: Beatriz L. Machado Brendon Grangeiro Camila R. Gama João Victor M. Murad Laís G. S. Silva Luis Eduardo D. Nunes RIO DE JANEIRO 2013 DRE 113080418 DRE 113055748 DRE 113058796 DRE 113045468 DRE 113037944 DRE 113029226 i Resumo A SIDA (Síndrome da Imunodeficiência Adquirida) é considerada hoje uma...

    2395  Palavras | 10  Páginas

  • Vírus da imunodeficiência adquirida humana - hiv

    TEGNER VANESSA JOHNER VÍRUS DA IMUNODEFICIÊNCIA ADQUIRIDA HUMANA - HIV Novo Hamburgo 2012 CARLENE MÜLLER [Digite uma citação do documento ou o resumo de uma questão interessante. Você pode posicionar a caixa de texto em qualquer lugar do documento. Use a guia Ferramentas de Caixa de Texto para alterar a formatação da caixa de texto da citação.] JOSIANE GRAZIELA DA SILVA MARIANE TEGNER VANESSA JOHNER VÍRUS DA IMUNODEFICIÊNCIA ADQUIRIDA HUMANA - HIV Trabalho cientifico...

    1308  Palavras | 6  Páginas

  • Gestantes portadoras de síndrome da imunodeficiência adquirida em trabalho de parto

    ADRIANA DE OLIVEIRA CARDOSO GESTANTES PORTADORAS DE SÍNDROME DA IMUNODEFICIÊNCIA ADQUIRIDA EM TRABALHO DE PARTO UNIVERSIDADE DO VALE DO SAPUCAÍ POUSO ALEGRE-MG 2012 ADRIANA DE OLIVEIRA CARDOSO GESTANTES PORTADORAS DE SÍNDROME DA IMUNODEFICIÊNCIA ADQUIRIDA EM TRABALHO DE PARTO Trabalho e Pesquisa apresentada ao Curso de Enfermagem da Universidade do Vale do Sapucaí. UNIVERSIDADE DO VALE DO SAPUCAÍ POUSO ALEGRE-MG 2012 LISTA DE SIGLAS E ABREVIATURAS AZT CDC DST HIV PAISM MS...

    4108  Palavras | 17  Páginas

  • Vírus da Imunodeficiencia Humana

    Vírus HIV O Vírus da Imunodeficiência Humana (HIV) pertence a um grupo de vírus conhecidos como retrovírus. Estes vírus armazenam o seu material genético como RNA (ácido ribonucleico), uma cadeia única de código genético. A maior parte dos organismos tem DNA (Ácido desoxirribonucleico), uma cadeia dupla de código genético. Quando o HIV infecta uma célula humana, converte o seu RNA em DNA, para poder utilizar a maquinaria da célula humana na criação de novos vírus. O vírus tem um núcleo central...

    626  Palavras | 3  Páginas

  • HIV (Vírus da Imunodeficiência Humana)

    HIV (Vírus da Imunodeficiência Humana) ORIGEM DO VIRUS • Existi a teoria que um vírus batizado de SIVcpz (sigla em inglês para Vírus da Imunodeficiência Símia para chimpanzés) seria a origem do HIV Chimpanzés têm o vírus, mas não ficam doentes HIV • HIV é a sigla em inglês do vírus da imunodeficiência humana • É um retrovírus • Classificado na subfamília dos Lentiviridae. MODO DE TRANSMISSÃO Relação sexual (sem preservativo) Transfusão de sangue Uso de agulhas...

    909  Palavras | 4  Páginas

  • APS 2013- PRINCIPAIS ALTERAÇÕES IMUNOLÓGICAS DECORRENTES DA INFEÇÃO PELO VÍRUS DA IMUNODEFICIÊNCIA HUMANA ADQUIRIDA

     David Ribeiro RA: B34GHB-8 Fabiana Brito Marques RA:B398DI-9 APS: PRINCIPAIS ALTERAÇÕES IMUNOLÓGICAS DECORRENTES DA INFECÇÃO PELO VIRUS DA IMUNODEFICIÊNCIA IMUNOLÓGICA (HIV) SANTOS 2013 SANTOS 2013 UNIVERSIDADE PAULISTA INSTITUTO DE CIÊNCIAS DA SAÚDE FARMÁCIA ATIVIDADE PRÁTICA SUPERVISIONADA APS SANTOS JUNHO / 2013 Campus...

    2566  Palavras | 11  Páginas

  • Síndrome da imunodeficiência adquirida

    HIV LAGES 2014 INTRODUÇÃO: As imunodeficiências são estados graves já que os pacientes são muito suscetíveis as infecções, mesmo a agentes saprófitas. Podem ser primarias e secundarias. As primarias são raras e as últimas freqüentes,sendo a infecção por HIV a mais importante causa de imunodeficiência secundaria, afetando milhões de pessoas pelo mundo. HIV é a sigla em inglês do Vírus da Imunodeficiência Humana. Causador da AIDS, que ataca o sistema imunológico, responsável...

    1622  Palavras | 7  Páginas

  • PRINCIPAIS ALTERACOES IMUNOLOGICA DECORRENTE DA INFECCAO PELO VIRUS DA IMUNODEFICIENCIA HUMANA ADQUIRIDA..

    PRINCIPAIS ALTERACOES IMUNOLOGICOS DECORRENTE DA INFECCOES PELO VIRUS DA IMUNODEFICIENCIA HUMANA ADQUIRIDA HIV. Vírus da imunodeficiência humana ( HIV), é transmitida através de contacto com um fluido corporal que contém o vírus . HIV destrói certos tipos de glóbulos brancos do sangue , enfraquecendo as defesas do organismo contra infecções e cânceres. Quando as pessoas estão infectadas em primeiro lugar, os sintomas de febre , erupções cutâneas, inchaço dos gânglios linfáticos , e fadiga...

    2984  Palavras | 12  Páginas

  • Vírus da Imunodeficiencia Humana

    Resumo Vírus da imunodeficiência humana(HIV) o agente etiológico da imunodeficiência adquirida(AIDS) .é uma doença causada pela infecção com o HIV, sendo caracterizada pela imunossupresão profunda associada a infecção oportunista e tumores malignos ,perda de peso e degeneração do sistema nervoso central.O HIV infecta varias tipos de células do sistema imunológico incluindo as células T auxiliares CD4,macrófagos e células dendriticas. A principal conseqüência da imunodeficiência é a maior suscentibilidade...

    2735  Palavras | 11  Páginas

  • Avaliação do Risco Cardiovascular, em Pacientes Adultos com Síndrome da Imunodeficiência Adquirida antes e após seis meses de Terapia Antiretroviral, conforme Escala de Framingham.

    Risco Cardiovascular, em Pacientes Adultos com Síndrome da Imunodeficiência Adquirida antes e após seis meses de Terapia Antiretroviral, conforme Escala de Framingham. Autor (a): Viviane Raquel Buffon Trabalho de Conclusão de Curso: Residência Médica Infectologia Orientador (a): Juliano Fracasso Caxias do Sul, 31 de janeiro de 2012. 1 Avaliação do Risco Cardiovascular, em Pacientes Adultos com Síndrome da Imunodeficiência Adquirida antes e após seis meses de Terapia Antiretroviral...

    4955  Palavras | 20  Páginas

  • Síndrome da imunodeficiência adquirida

    Escola Estadual Senador Petrônio Portella Síndrome da Imunodeficiência Adquirida Manaus 2012 Amanda Rocha nº03 Andresson Rodrigues nº04 Gil Willon nº18 Guilherme Araújo nº19 Paula Cristina nº34 Thais Gomes nº37 Síndrome da Imunodeficiência Adquirida Este trabalho foi Solicitado Pelo professor Hélcio da Disciplina de Biologia para a obtenção de nota parcial do 1º bimestre Manaus 2012 SUMÁRIO *...

    5990  Palavras | 24  Páginas

  • SARCOMA DE KAPOSI ASSOCIADO À SINDROME DA IMUNODEFICIENCIA ADQUIRIDA

    SARCOMA DE KAPOSI ASSOCIADO À SINDROME DA IMUNODEFICIENCIA ADQUIRIDA INTRODUÇÃO O Sarcoma de Kaposi (SK) foi descrito como uma nova patologia em 1872 pelo dermatologista húngaro Morris Kaposi (BUONAGURO et al., 2003). É uma doença proliferativa de origem vascular, caracterizada pela proliferação de células em forma de fuso, angiogênese e infiltração de células inflamatórias (MARQUES; MANSUR, 2000). Trata-se de uma neoplasia rara, maligna, com característica de lesões cutâneas, múltiplas...

    2795  Palavras | 12  Páginas

  • Síndrome da imunodeficiência adquirida

    Indice Indíce ------------------------------------------------------------------------------------------- pag.1 Introdução -------------------------------------------------------------------------------------- pag.2 Síndrome da imunodeficiência adquirida (Desenvolvimento) --------------- pag.3 História e origem ----------------------------------------------------------------- pag. 3 Progressão e sintomas ----------------------------------------------------------- pag. 4 Síndromes clínicas...

    6273  Palavras | 26  Páginas

  • HIV-1 Imunodeficiência

    DE CIÊNCIAS BIOLÓGICAS PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO BIOLOGIA DE AGENTES INFECCIOSOS E PARASITÁRIOS EPIDEMIOLOGIA MOLECULAR DO VÍRUS DA IMUNODEFICIÊNCIA HUMANA 1 (HIV-1) EM MULHERES (MÃES E GRÁVIDAS) DOS ESTADOS DO ACRE E TOCANTINS, BRASIL IRAN BARROS COSTA Belém-Pará 2009 1 IRAN BARROS COSTA EPIDEMIOLOGIA MOLECULAR DO VÍRUS DA IMUNODEFICIÊNCIA HUMANA 1 (HIV-1) EM MULHERES (MÃES E GRÁVIDAS) DOS ESTADOS DO ACRE E TOCANTINS, BRASIL Dissertação de Mestrado apresentada ao Programa ...

    9917  Palavras | 40  Páginas

  • Principais Alterações Imunológicas decorrentes da Infecção pelo Vírus da Imunodeficiência Humana (HIV).

    Imunologia Principais Alterações Imunológicas decorrentes da Infecção pelo Vírus da Imunodeficiência Humana (HIV).   PATOGÊNESE E IMUNIDADE A redução no sangue do número de LT-CD4+ é o fenômeno que constitui uma das principais características da doença causada pelo HIV. Nas fases finais de progressão da AIDS, no entanto, instala-se completo desequilíbrio das defesas do organismo, atingindo praticamente todos os setores do sistema imunológico. I. Infecção Aguda O comportamento...

    1891  Palavras | 8  Páginas

  • O VÍRUS DA IMUNODEFICIÊNCIA HUMANA (HIV): UM ESTUDO COM BASE NA MANIFESTAÇÃO E NOS SINTOMAS VITAIS NA VIDA DO PORTADOR

    O VÍRUS DA IMUNODEFICIÊNCIA HUMANA (HIV): UM ESTUDO COM BASE NA MANIFESTAÇÃO E NOS SINTOMAS VITAIS NA VIDA DO PORTADOR Débora Consuelo Neves Queiroz Prof.ª Gabriela Zeidan Centro Universitário Leonardo da Vinci – UNIASSELVI Licenciatura em Ciências Biológicas (BID 0153) – Prática 1/2012 22/06/2012 RESUMO O objetivo desse paper é proporcionar uma reflexão sobre a manifestação silenciosa do vírus HIV e de sua devastação no organismo dos portadores, proporcionando um alerta nos sintomas...

    2074  Palavras | 9  Páginas

  • AIDS Síndrome da imunodeficiência adquirida

    Sumário 1. INTRODUÇÃO A sigla Aids significa Síndrome da Imunodeficiência Adquirida. O vírus  da Aids é conhecido como HIV e encontra-se no sangue, no esperma, na secreção vaginal e no leite materno das pessoas infectadas pelo vírus. Objetos contaminados pelas substâncias citadas, também podem transmitir o HIV, caso haja contato direto com o sangue de uma pessoa. Após o contágio, a doença pode demorar até 10 anos para se manifestar. Por isso, a pessoa pode ter o vírus...

    2030  Palavras | 9  Páginas

  • Vulnerabilidade ao vírus da imunodeficiência humana – hiv entre homens e mulheres: foco no atendimento de usuários no centro de testagem e aconselhamento – cta, do município de boa vista.

    | |HIV |VÍRUS DA IMUNODEFICIÊNCIA HUMANA | |DST |DOENÇAS SEXUALMENTE TRANSMISSIVEIS | |AIDS |SINDROME DA IMUNODEFICIÊNCIA ADQUIRIDA | |CTA ...

    10407  Palavras | 42  Páginas

  • A síndrome da imunodeficiência adquirida

    A síndrome da imunodeficiência adquirida (aids) é a manifestação clínica (manifestação de sinais,  sintomas e/ou resultados laboratoriais que indiquem deficiência imunológica) da infecção pelo vírus HIV que leva, em média, oito anos para se manifestar. No Brasil, desde a identificação do primeiro caso de aids, em 1980, até junho de 2007, já foram identificados cerca de 474 mil casos da doença. Até metade da década de 90, as taxas de incidência - número de casos novos de aids dividido pela população...

    586  Palavras | 3  Páginas

  • IMUNODEFICIENCIA ADQUIRIDA

    HIV-1 and genetics of human resistance to AIDS Rejane M.T. Grotto¹; Maria I.M.C. Pardini¹ ¹Laboratório de Biologia Molecular – Divisão Hemocentro – Faculdade de Medicina de Botucatu - UNESP – SP Resumo A evolução da infecção pelo Vírus da Imunodeficiência Humana Tipo 1 (HIV-1) é influenciada por fatores virais e pelo hospedeiro. Os fatores virais estão relacionados ao subtipo circulante, tropismo, citopatogenicidade, antigenicidade e mutações no genótipo viral que induzem a resistência às drogas...

    4078  Palavras | 17  Páginas

  • A doença de imunodeficiência adquirida (aids)

    Resumo A doença de imunodeficiência adquirida (AIDS) A AIDS é uma das doenças mais mortais da idade moderna e representa uma ameaça grave para a saúde global. A Organização Mundial da Saúde estimou que, em 1995, cerca de seis mil pessoas estavam sendo infectadas pelo vírus a cada dia. A doença deixou de ser caracterizada como ocorrência somente nos países em desenvolvimento e é hoje em muitos países industrializados uma das 10 principais causas de mortes. Desde 1985, houve uma mudança no...

    1205  Palavras | 5  Páginas

  • Hiv- o virus da imunodeficiencia humana

    INTRODUÇÃO A síndrome da imunodeficiência adquirida (AIDS) é uma doença pandêmica que tem como agente etiológico o vírus HIV (Human immunodeficiency virus), um retrovírus pertencente à subfamília Lentivirinae. Retrovírus são vírus que contém RNA1. No mundo inteiro, estima-se que 33,4 milhões de pessoas (32,2 milhões de adultos e 1,2 milhões de crianças com menos de 15 anos) estão vivendo com HIV/AIDS. No Brasil, de 1980 até agosto de 1998, foram assinalados 140.362 casos de AIDS, com 71...

    2202  Palavras | 9  Páginas

  • Tuberculose como doença oportunista em paciente com a síndrome da imunodeficiência adquirida

    Tuberculose como doença oportunista em paciente com a síndrome da imunodeficiência adquirida INTRODUÇÃO A tuberculose é uma doença de notificação obrigatória, considerada uma das prioridades do Ministério da Saúde no Brasil desde 2003, é uma das cinco doenças mais em foco atualmente. Está presente no programa Pacto pela Vida, Mais Saúde, Programação das Ações de Vigilância em Saúde, entre outros. (BRASIL, 2012) “É considerada uma das doenças mais antigas que acometem o ser humano...

    3968  Palavras | 16  Páginas

  • imunologia

    UNIDADE ACADÊMICA DE ENFERMAGEM BACHARELADO EM ENFERMAGEM DISCIPLINA: IMUNOLOGIA PROFESSORA: LUCIANA IMUNODEFICIÊNCIAS: CONGÊNITAS (PRIMÁRIAS) E ADQUIRIDAS (SECUNDÁRIA) CAJAZEIRAS – PB 2013 ANA RAQUEL LOURENÇO ANGELYSE NÓBREGA ISABELLA SARMENTO JOSYMARA DUARTE PABLO BALTASAR PÂMERA CORDEIRO THAÍS KAMILLA IMUNODEFICIÊNCIAS: CONGÊNITAS (PRIMÁRIAS) E ADQUIRIDAS (SECUNDÁRIA) Trabalho apresentado à disciplina Imunologia, ministrada...

    1485  Palavras | 6  Páginas

  • Odontologia

    NORTE- UNINORTE FACULDADE BARÃO DO RIO BRANCO- FAB FACULDADE DO ACRE – FAC IMUNODEFICIÊNCIA PRIMÁRIA Rio Branco - Acre 2012 ÍSIS MICHELLE QUEIROZ MARTINS JULIANA ALEXANDRE SOUZA LORRANY FRANÇA RODRIGUES MARIANA VICTÓRIA ANTUNES MATANA VÍVIAN LIMA DE OLIVEIRA WILKEN GOMES DA SILVA IMUNODEFICIÊNCIA PRIMÁRIA Trabalho digitado ao professor Vitor Dattoli. Para obtenção parcial da N2, da disciplina...

    1718  Palavras | 7  Páginas

  • Curriculum

    da imunodeficiência. Algumas modalidades de tratamento consistem de medicações para estimular a produção de glóbulos brancos, a reposição mensal de anticorpos, a terapia gênica (ainda não disponível no Brasil), e o transplante de medula óssea, já realizado em nosso país para várias imunodeficiências. O mais importante é que as imunodeficiências sejam corretamente diagnosticadas, para que o tratamento mais adequado seja indicado o mais precocemente O que é Imunodeficiência? Imunodeficiência (ou...

    731  Palavras | 3  Páginas

  • Anormalidade

    A anormalidade primária de diversas imunodeficiencias, pode ser tanto na imunidade natural, em estágios diferentes de desenvolvimento dos linfócitos, ou ainda quando os linfócitos maduros responderem aos estímulos antigênicos. Essas anormalidades afetam alguns componentes essenciais na resposta imune. As anormalidades herdadas que afetam a imunidade natural vão afetar a via do complemento na maioria das vezes ou os fagócitos. Já as anormalidades no desenvolvimento dos linfócitos podem ser causadas...

    1970  Palavras | 8  Páginas

  • SIDA

    elaborado por: Isabel Liliana Marta Ano/Turma: 9ºA Disciplina: T.I.C. O que é a SIDA? SIDA - Síndroma da Imunodeficiência Adquirida, é uma doença complexa, constituída por um grupo de infecções e cancros, que surge quando o sistema imunitário, que defende o organismo, fica destruído. A SIDA é a consequência final e tardia da infecção pelos vírus - VIH - Vírus da Imunodeficiência Humana. A SIDA não se transmite das seguintes formas: Utilizar os mesmos copos e talheres Picadas...

    2916  Palavras | 12  Páginas

  • imunologia

    GENERALIDADES Será abordado nessa segunda parte da aula as imunodeficiências congênitas e adquiridas. O sistema imunológico para efetuar uma resposta adequada, precisa estar íntegro. Foi visto que as mutações podem culminar em doenças autoimunes. Agora, essas mesmas mutações podem, também, conduzir às imunodeficiências. Será estudado agora, o defeito do sistema imunológico, acarretando em uma deficiência da resposta. Existem duas classes de imunodeficiência. Inicialmente será abordada a classe congênita ou...

    4151  Palavras | 17  Páginas

  • imuno

    sistema imunológico. Algumas partes do sistema imunológico possuem efeito imunossupressor sobre outras partes do sistema imunológico, e a imunossupressão pode ocorrer como reação adversa ao tratamento de outras condições. As afecções devidas a imunodeficiência são um conjunto de doenças diversas nas quais o sistema imunitário não funciona de forma adequada e, como consequência, as infecções são mais habituais, recidivam com maior frequência, são em geral mais graves e duram mais do que o habitual. ...

    934  Palavras | 4  Páginas

  • iunodeficiencia

    Imunodeficiências Secundárias Guilherme Iapequino Larissa Marquizzeppe Marina Pastore Paula Varella Saliha Samidi O Imunodeficiência: é a falha do sistema imune em proteger contra doença ou malignidade. O Imunodeficiência primária: é causada por defeitos no desenvolvimento ou genéticos no sistema imune. O Imunodeficiência secundária : é a perda da função do sistema imune como resultado da exposição a alguns fatores Imunodeficiência Secundária O Causas: -- Infecções...

    2059  Palavras | 9  Páginas

  • Guerra do Paraguai

     Trabalho de Biologia Vírus da Imunodeficiência Humana E Tricomoníase Nome: Gabriel Fidelis Nome: Henrique Kauã Nome: Leonardo Monteiro Nome: Rafael Monteiro Nome:Thalles Fiore Professor:...

    674  Palavras | 3  Páginas

  • Imunologia

    E IMUNIDADE Á PATOGENOS Aluna: Turma: Curso: Farmácia - 3º período IMUNODEFICIÊNCIA Imunodeficiência (ou deficiência imunológica) é um estado no qual a capacidade do sistema imunológico para combater doenças infecciosas é comprometida ou completamente ausente. Maioria dos casos de imunodeficiência são adquiridos ("secundário"), mas algumas pessoas nascem com defeitos no sistema imunológico, ou imunodeficiência primária.Pacientes transplantados tomam medicamentos para suprimir seu sistema...

    1683  Palavras | 7  Páginas

  • TRNASPLANTES IMUNODEFICIu00CANCIAS

    doença recorrente ou “de novo” do enxerto Imunodeficiências O que se entende por Imunodeficiências? Uma falha em um ou mais mecanismos de defesa do organismo resultando em doença ou morte. Qualquer parte do sistema imune pode estar deficiente: células, proteínas, mecanismos de sinalização, etc. A Imunodeficiência pode ser primária ou secundária. Imunodeficiências Primárias Aparecem sem uma causa específica. Geralmente tem origem genética. Imunodeficiências Secundárias: Aparecem devido a uma patologia...

    1037  Palavras | 5  Páginas

  • Lonyex

    concebido para que ficássemos todos a compreender factos sobre a SIDA. Nesta pesquisa fala-se sobre vários temas, nomeadamente, o que é a SIDA. O que é a SIDA A SIDA é provocada pelo Vírus da Imunodeficiência Humana (VIH), que penetra no organismo por contacto com uma pessoa infectada que, começa de imediato a reproduzir-se dentro dos linfócitos T4 (ou células CD4) acabando por matá-las. As células CD4 são, precisamente, os elementos do sistema imunológico...

    845  Palavras | 4  Páginas

  • A Sida

     INTRODUÇÃO A Sida é provocada pelo vírus da imunodeficiência humana (VIH), que penetra no organismo por contacto com uma pessoa infectada. A transmissão pode a acontecer de três formas: relações sexuais; contacto com o sangue de uma pessoa infectada; de mãe para filho; durante a gravidez ou o parto ou pela amamentação. A Sida ao entrar no organismo humano e ao penetrar no sistema sanguíneo, começa de imediato a reproduzir-se dentro dos linfócitos T4 (ou...

    947  Palavras | 4  Páginas

  • imunologia

    sobre uma alteração genética do ligante CD4, logo é um exemplo de uma imunodeficiência primária QUESTÃO 13 - A neutropenia cíclica é marcada por baixos números de neutrófilos circulantes aproximadamente a cada três semanas. A neutropenia dura cerca de uma semana durante a qual os pacientes são susceptíveis a infecção. O defeito aparenta ser devido à pobre regulação da produção de neutrófilos. Classifique este tipo de imunodeficiência. A) Um deficiência primária, associada à resposta imune inata -...

    2658  Palavras | 11  Páginas

  • 03 Imunidade Adaptativa Humoral

    e célula B imatura; e na periferia: célula B madura, plasmócito e célula de memória (Figura 2). Figura 2: Maturação da célula B e imunodeficiências relacionadas. Em amarelo, eventos da maturação da célula B e em verde, imunodeficiências (vide texto). Abreviações: BCR- receptor de célula B; BTK-tirosina kinase de Brutton; Ig-imunoglobulina; CVID- imunodeficiência variável comum. A célula tronco precursora dá origem a todas as células hematopoéticas mielóides e linfóides através de estímulos de...

    2100  Palavras | 9  Páginas

  • 10sinais

    Imunodeficiência Primária Os 10 sinais de alerta Sistema Imunológico Sistema Imune Inato Sistema Imune Adaptativo Barreira físicas e químicas Fagócitos Sistema Complemento Células “Natural Killer” Proteínas fase aguda Citocinas Linfócitos T à imunidade celular Linfócitos B à anticorpos Fagócitos Os leucócitos polimorfonucleares (PMN) ou neutrófilos são produzidos na medula óssea e circulam por 6 a 12 horas antes de se infiltrarem permanentemente nos tecidos completando ...

    768  Palavras | 4  Páginas

  • Doenças imunológicas

    Alergias, doença autoimune, leucemias, transplantes e imunodeficiência As alergias são reações imunitárias a um antígeno estranho despropositadas. No indivíduo alérgico, o sistema imunitário não consegue distinguir alguns antígenos não-self inócuos, como grãos de pólen, de antígenos pertencentes a invasores perigosos. Logo gera-se uma reação imunitária a estímulos que não põem a integridade do indivíduo em risco. As doenças autoimunes são devidas à perda da capacidade dos linfócitos em distinguir...

    1411  Palavras | 6  Páginas

  • RESUMO IMUNOPATOLOGIA

    Imunopatologia é a ciência que estuda as lesões e doenças produzidas pela resposta imunitária. Podem ser agrupadas em quatro categorias de estudo: doenças por hipersensibilidade, doenças autoimunes, imunodeficiências e rejeição de transplantes. Hipersensibilidade Definição Reação imune aberrante, excessiva, descontrolada, adversa, mediada tanto por Anticorpos (Imediata = Tipo I; ou não = Tipos II e III) ou por células T (sempre retardada e leva de 24 a 48 hrs = tipo IV). Os estados de Hipersensibilidade...

    3621  Palavras | 15  Páginas

  • UNIVERSIDADE PAULIST1 APS 2015

    UNIVERSIDADE PAULISTA - UNIP PRINCIPAIS ALTERAÇÕES IMUNOLÓGICAS DECORRENTES DA INFECÇÃO PELO VÍRUS DA IMUNODEFICIÊNCIA HUMANA ADQUIRIDA – HIV GOIANIA 05/15 UNIVERSIDADE PAULISTA – UNIP ANA LUCIA AMORELLI/ RA:C1697J-7 BRENDO BORGES MAGALHAES DE ALENCAR/ RA:B6933A-1 EDUARDO RAMOS BATISTA/ RA: B93HJJ-6 NAIARA QUEIROZ LOMES/ RA: C03JGA-2 THAMYRES RIBEIRO GOMES/ RA: C3797I-3 THAYNARA GOMIDE GUIMARÃES/ RA: C17376-2 Trabalho apresentado a professora Keila do curso de farmácia...

    3533  Palavras | 15  Páginas

  • Deficiências imunológicas

    portanto, para a sobrevivência de todos os indivíduos. Defeitos em um ou mais componentes do sistema imunológico podem levar a distúrbios graves, e muitas vezes fatais, tais distúrbios são chamados de deficiências imunológicas (ou imunodeficiências). As imunodeficiências têm como causa principal a susceptibilidade aumentada para as infecções e certos tipos de tumores. Estas doenças são classificadas, grosso modo, em deficiências imunológicas congênitas (primárias) e deficiências imunológicas adquiridas...

    2050  Palavras | 9  Páginas

  • Microbiologia- Tuberculose

    Discente TÍTULO: Co-infecção por Mycobacterium tuberculosis e vírus da imunodeficiência humana: uma análise epidemiológica em Taubaté (SP). PESQUISADORES: Luiz Gustavo Miranda de Carvalho; Anabelli Zanchetta Buani; Maria Stella Amorim da Costa Zöllner; Alexandre Prado Scherma. LOCAL: Taubaté. OBJETIVO: Discutir os principais aspectos da co-infecção por Mycobacterium tuberculosis e vírus da imunodeficiência humana no município de Taubaté (SP) nos anos de 2001 e 2002 MÉTODOS: Este...

    1585  Palavras | 7  Páginas

  • Resenha de sistematica e filogenetica

    Caracterização filogenética de amostras do vírus da imunodeficiência felina (FIV) do Estado de São Paulo Trabalho apresentado na disciplina de Sistemática e. Filogenética. SÃO PAULO DEZEMBRO / 2012 1. REFERÊNCIAS LARA, Valéria M.; TANIWAKI, Sueli A.; ARAUJO JR, João P. . Pesq. Vet. Bras...

    759  Palavras | 4  Páginas

  • Sistema Imunitário

    resultam da incapacidade do sistema imunitário de responder a agentes infecciosos (doenças de imunodeficiência) e outras que provêm de uma reacção excessiva do sistema imunitário, contra agentes estranhos inócuos (inofensivo) ou aos próprios constituintes do organismo (doenças de hipersensibilidade). Desequilibrios do sistema imunitário Doença de hipersensibilidade Doença de imunodeficiência Definição Exemplos Refere-se às reações excessivas, indesejadas, produzidas pelo sistema ...

    2052  Palavras | 9  Páginas

  • Introdu 1

    que formas nos podemos prevenir, viver com SIDA, , onde obter informação e apoio sobre os testes do VIH, estatísticas e números sobre a SIDA e um pequeno glossário. Desenvolvimento (o que é o sida) A SIDA é provocada pelo Vírus da Imunodeficiência Humana (VIH), que penetra no organismo por contacto com uma pessoa infectada que, começa de imediato a reproduzir-se dentro dos linfócitos T4 (ou células CD4) acabando por matá-las. As células CD4 são, precisamente, os elementos do sistema imunológico...

    2533  Palavras | 11  Páginas

  • DST(Doença Sexualmente Transmissíveis);

    sociedade da época e que repercutem até hoje. Sem cura ou tratamento, muitos portadores vieram a falecer, pessoas famosas como Cazuza são um exemplo como essas doenças eram devastadoras. Uma das mais agravantes é a SIDA (Síndrome da Imunodeficiência Adquirida). Atualmente, a maioria tem cura ou tratamento, muitos portadores levam uma vida tranquila e saudável, no entanto a desinformação da população, embora o assunto por vezes esteja presente na mídia, leva a discriminação e a exclusão social...

    2380  Palavras | 10  Páginas

  • Ação do HIV no sistema imunológico

    mil não sabem que têm o vírus. Atualmente, ainda há mais casos da doença entre os homens do que entre as mulheres, mas essa diferença vem diminuindo ao longo dos anos. Quando o indivíduo se expõe a alguma situação de risco e contrai o Vírus da Imunodeficiência Humana (VIH), da família dos retrovírus e responsável pela SIDA (AIDS), também conhecido como HIV (sigla em inglês para human immunodeficiency vírus), o sistema imunológico reconhece sua presença e dá início à produção de anticorpos anti-HIV...

    2763  Palavras | 12  Páginas

  • Síndrome de hiper- igm

    que se encontra na superfície dos linfócitos T ativados. A proteína designada de “CD40 ligando”, uma vez que se liga a uma proteína em linfócitos B chamado CD40. O CD40 ligando é produzida por um gene presente no cromossoma X. Portanto, esta imunodeficiência primária é uma doença hereditária ligada ao X recessiva e encontrada somente em crianças do sexo masculino. Como consequência da sua defde induzir a mudança da produção de IgG, IgA e IgE apartir da IgM, pelos linfócitos B. Além disso, CD40...

    1716  Palavras | 7  Páginas

  • economia

    Existem as imunodeficiências primárias, caracterizado por deficiências genéticas ligadas ao sistema imune. Como exemplo defeitos nas funções de linfócitos T e B. E as imunodeficiências secundárias, são induzidas por agentes etiológicos virais. Caracterizado por imunodeficiências profundas tornando-as cancerosas. Além de agentes virais, outra causa pra imunodeficiência secundária são as infecções microbianas e parasitárias, toxinas, desnutrição e idade. Exemplos comuns de imunodeficiência secundária...

    721  Palavras | 3  Páginas

tracking img