Gráfico De Árvore Genealógica Indicando Parentes De Até 4º Grau Na Linha Colateral E Reta Trabalhos Escolares e Acadêmicos Prontos

  • Direito de familia

    proteção do Estado, é reconhecida a união estável entre o homem e a mulher como entidade familiar, devendo a lei facilitar sua conversão em casamento” e no §. “entende-se, também, como entidade familiar a comunidade formada por qualquer dos pais e seus descendentes”. Considerados estes dispositivos: ...

      4602 Palavras | 19 Páginas  

  • Aula01e 02 Apresenta O E Conceito De Familia Principios

    entidades familiares legisladas e não legisladas (contornos constitucionais)2 Parentesco: conceito, modalidades de parentesco 3 Parentesco: contagem de graus, afinidades, efeitos do parentesco.3 Esponsais: conceito, quebra de compromisso e responsabilidade civil. A posição dos Tribunais brasileiros quanto...

      3522 Palavras | 15 Páginas  

  • Grau de parentesco d. civil

    3. PARENTESCO Conceito. Linhas de parentesco. Graus de parentesco. Tipos de parentesco. Efeitos do parentesco 3.1. Conceito Consiste o parentesco no vínculo que une duas ou mais pessoas, em decorrência de uma delas descender da outra ou de ambas procederem de um genitor comum (Venosa). Para...

      1995 Palavras | 8 Páginas  

  • Migos

    em linha reta quando as pessoas descendem umas das outras diretamente (filho, neto, bisneto, trineto etc), e parentesco colateral quando as pessoas não descendem uma das outras, mas possuem um ancestral em comum (tios, primos, etc.). Índice [esconder] 1 Graus de parentesco 1.1 São parentes 1...

      1117 Palavras | 5 Páginas  

  • Graus de parentesco / civil v

    parentesco em linha reta quando as pessoas descendem umas das outras diretamente (filho, neto, bisneto, trineto, tataraneto, etc), e parentesco colateral quando as pessoas não descendem uma das outras, mas possuem um ancestral em comum (tios, primos, etc.). Índice [esconder] * 1 Graus de parentesco...

      1052 Palavras | 5 Páginas  

  • monografia da sucessão legitima

    aceita-la ou não. No que tange aos legitimados, é necessário que se entendam as relações de parentesco e que se saiba diferenciar o que são graus e linhas, o que é parentesco consanguíneo, por afinidade e civil. Além disto, para compreender a sucessão legítima, é necessário entender os outros ...

      7816 Palavras | 32 Páginas  

  • Sucessoes

    CADERNO DE SUCESSÕES AULA 1 Caso Concreto 1 Elabore o gráfico de sua árvore genealógica indicando parentes de até 4o.grau na linha colateral e reta. CORRIGIDA EM SALA Caso Concreto 2 (V Exame OAB 2011 - adaptada) Cristina dos Santos desapareceu após uma enchente provocada por uma forte...

      1565 Palavras | 7 Páginas  

  • Alimentos

    (credor/alimentando) e verificar a possibilidade daquele que está sendo cobrado (devedor/alimentante), ou seja, ele tem condições de pagar alimentos? Até que preço? Da conjugação desse binômio, que o juiz efetivamente irá fixar o valor que uma pessoa deve a outra a título de alimentos.  Ex: Dois filhos...

      913 Palavras | 4 Páginas  

  • Direito de familia

    Estabilidade DAS RELAÇÕES DE PARENTESCO: Art. 1.591. São parentes em linha reta as pessoas que estão umas para com as outras na relação de ascendentes e descendentes. Art. 1.592. São parentes em linha colateral ou transversal, até o quarto grau, as pessoas provenientes de um só tronco, sem descenderem...

      11371 Palavras | 46 Páginas  

  • direito familia

    famílias reunidas – Chefe – Proteção. Grande Família - “Chefe” – Autoridade Absoluta – segurança, alimento, educação, saúde. Chefe – “Pater Familie” Até 88 – Ideia de Chefer Depois de 88 – Pós constituição – Homem e mulher ficam em situação de igualdade perante a família. Pequena Família (Tradicional...

      17122 Palavras | 69 Páginas  

  • O Parentesco no Mundo

    outras relações sociais recebe o nome de parentesco por afinidade. Chama-se de parentesco em linha reta quando as pessoas descendem umas das outras diretamente (filho, neto, bisneto, trineto etc), e parentesco colateral quando as pessoas não descendem uma das outras, mas possuem um ancestral em comum (tios...

      1918 Palavras | 8 Páginas  

  • DO PARENTESCO

    INTRODUÇÃO 1. CONTEXTO HISTÓRICO 2. CONCEITO DE PARENTESCO 3. VÍNCULO DE PARENTESCO 3.1 Parentesco em linha reta 3.2 Parentesco em linha colateral 4. CONTAGEM EM GRAUS 5. ESPÉCIES DE PARENTESCO 5.1 Parentesco natural 5.2 Parentesco civil 5.3 Parentesco por afinidade CONCLUSÃO...

      3388 Palavras | 14 Páginas  

  • critica a filosofia DO DIREITO

    da sociedade conjugal: É a igualdade do marido e da mulher dentro do casamento trazida pela CF de 1988. Dissolubilidade do vínculo matrimonial: Até 1977 o principio constitucional era de que o casamento era indissolúvel. Hoje o casamento pode ser desfeito pelos cônjuges. Planejamento familiar:...

      16950 Palavras | 68 Páginas  

  • apostila

    pagamento de pequena taxa de administração e coleta de recursos, objetivavam a aquisição de automóveis por meio de sorteio mensal. A operação se repetia até que todos tivessem recebido seus bens. Sua característica simples, com flexibilidade na exigência de garantias, baixas mensalidades e seu caráter sócio-grupal...

      12564 Palavras | 51 Páginas  

  • direito civil 1

    Diniz, a (licc) contém normas sobre normas, assinalando-lhes a maneira de aplicação e entendimento, predeterminando as fontes do direito positivo, indicando-lhes as dimensões espaços-temporais. Também iremos falar do código civil das pessoas é o ser humano, considerado como sujeito de direito e deveres...

      7544 Palavras | 31 Páginas  

  • Direito Empresarial

    (sogro, nora, cunhado, avó) São parentes: Por consanguinidade: Pai, mãe e filhos (em primeiro grau) Irmãos, avós e netos (em segundo grau) Tios, sobrinhos, bisavós e bisnetos (em terceiro grau) Primos, trisavós, trinetos, tios-avós e sobrinhos-netos (em quarto grau)[5] Por afinidade: Sogro, sogra...

      1314 Palavras | 6 Páginas  

  • Direito

    LEI NO TEMPO E NO ESPAÇO 9 2. DAS PESSOAS 11 2.1. PESSOA FÍSICA NATURAL 11 2.2. INDIVIDUALIZAÇÃO DA PESSOA 13 2.3. GRAUS DE PARENTESCO 15 2.4. GRAUS DE CAPACIDADE 15 2.5. EMANCIPAÇÃO 16 2.6. DOMICÍLIO E RESIDÊNCIA 17 2.7. PESSOA JURÍDICA 19 3. DOS BENS 22 3...

      6473 Palavras | 26 Páginas  

  • ADENDO DIREITO DE FAM LIA

    estrito composta por: pai, mãe e seus filhos. No sentido amplo são os ascendentes e descententes em linha reta, em qualquer geração e, na linha colateral: os irmãos, os tios e os primos, até o quarto grau. Hoje, diferentemente de outros tempos, onde a família se reunia nos feudos, como centros econômicos...

      2912 Palavras | 12 Páginas  

  • Direito Romano

    de vontades) - ACORDO + ENTREGA CONSENSUAIS- aqueles que se constituem com o simples acordo de vontade. Podem ser feitos formal ou informalmente e até mesmo tácito (não é necessário termo escrito, fórmula solene verbal, muito menos entrega da coisa). Ex: compra e venda – SÓ ACORDO (ORAL, ESCRITO OU...

      5519 Palavras | 23 Páginas  

  • hahaha

    ou observância da matéria passível de normatização por parte das entidades federativas Vigência – Período de validade de uma norma (começa a vigorar até revogação ou cessação da vigência [fim do prazo estipulado]) Promulgação – Ato que atesta a existência de uma lei que já foi elaborada, fazendo a ser...

      5521 Palavras | 23 Páginas  

tracking img