• Frederick Herzberg
    sentem por executar certa função são determinadas por dois conjuntos de itens : Fatores Higiênicos ou Extrínsecos e Fatores Motivacionais ou Intrínsecos. FATORES HIGIÊNICOS OU EXTRÍNSECOS Os fatores de Higiene são aqueles necessários para evitar a insatisfação no ambiente de trabalho. Estão...
    2834 Palavras 12 Páginas
  • Psicologia aplicada a administração
    nossos potenciais". 2) Descreva as principais descobertas de Herberg e apresente a definição de fatores higienicos e motivacionais. R: Ao contrário de outros pensadores, que tentavam explicar as necessidades humanas em diversos campos, a Teoria de Frederick Herzberg foi, desde o início...
    881 Palavras 4 Páginas
  • Teorias motivacionais
    . Ele desenvolveu um estudo para tentar entender os fatores que causariam insatisfação e aqueles que seriam os responsáveis pela satisfação no ambiente de trabalho. Os fatores que agradavam os funcionários foram chamados de motivadores. Aqueles que desagradavam levavam o nome de higiene. A...
    2034 Palavras 9 Páginas
  • administração
    de trabalho seria a Teoria de Herzberg, Motivação/Higiene, em que os fatores de motivação ,ou seja, realização, responsabilidade, crescimento satisfaz o profissional, os fatores motivadores incentivam a contribuição para a autorrealização e estima e ao mesmo tempo o Gestor poderá estar buscando...
    732 Palavras 3 Páginas
  • educação e cultura
    discorra sobre como esses fatores podem influenciar o comportamento das pessoas no trabalho. Resposta: Fatores higiênicos e fatores motivacionais. Fatores higiênicos são fatores que , quando ausentes ou não satisfatoriamente atendidos, promoverão a insatisfação e, portanto, desmotivarão os...
    1120 Palavras 5 Páginas
  • Administração
    higiênicos e motivacionais. As principais descobertas são: pessoas ficam insatisfeitas por um ambiente ruim, mas elas raramente ficam satisfeitas por um bom ambiente. A prevenção da insatisfação é tão importante quanto o incentivo de satisfação. Fatores de higiene operam independentemente dos...
    397 Palavras 2 Páginas
  • Motivação por Herzberg e Bergamini
    KITA’s não são fatores motivacionais, sejam eles positivos ou negativos; estando a única diferença em quem desfere o pontapé; nos negativos o chefe e no positivo, o próprio funcionário. A explicação para isso, segundo ele, é que só existirá motivação quando o empregado não precisar de estímulos para...
    2779 Palavras 12 Páginas
  • Tga- dois fatores
    diversas empresas , eram estimulados a explicitar quais seriam os fatores que os desagradavam, assim como os que agradavam na empresa. Os fatores que agradavam ao funcionário foram chamados de Motivacionais, aqueles que desagradavam eram chamados de fatores de Higiene. Por isso, a teoria é mais...
    447 Palavras 2 Páginas
  • Teoria de frederick herzberg
    a pirâmide de Maslow temos a base da pirâmide como os fatores de higiene, seriam as necessidades fisiológicas, segurança e sociais. Fatores motivadores: referem-se ao conteúdo do cargo, às tarefas e aos deveres relacionados com o cargo em si. São os fatores motivacionais que produzem efeito...
    315 Palavras 2 Páginas
  • NÍVEL MOTIVACIONAL DO EFETIVO DO 1º GRUPAMENTO DE BOMBEIROS
    futuros com o objetivo de sugerir modificações que facilitem a otimização dos recursos humanos disponíveis. O referencial teórico escolhido para balizar a pesquisa é a teoria dos dois fatores de Herzberg ou teoria higiene-motivacional de atitudes no trabalho; modelo teórico construído pelo psicólogo...
    3656 Palavras 15 Páginas
  • Tcc - motivação
    quais são os fatores motivacionais para essas pessoas; e qual a relação entre eles e como os mesmos estão sendo atingidos. Como por exemplo: Verificar se o trabalho em equipe é um fator de motivação e atinge ou atende as necessidades sociais. 3.2.3 Teoria da Motivação – Higiene de Herzberg...
    2531 Palavras 11 Páginas
  • Trabalho Herzberg
    to Work" - nesta obra ele apresenta todo o seu estudo e é onde ele expõe a teoria dos dois fatores. Teoria Herzberg é lembrado por todo o seu trabalho, mas principalmente pela "Teoria dos Dois Fatores: Higiênicos e Motivacionais", pois antes das teorias comportamentais ganharem espaço...
    1270 Palavras 6 Páginas
  • Trabalhitos
    empregados. Este, escolheu a expressão “higiene” exactamente para refletir o seu carácter e para mostrar que se destina simplesmente a evitar fontes de insatisfação do meio ambiente. Fatores Motivacionais Estes fatores são aqueles que se referem ao conteúdo do cargo, às tarefas e aos deveres...
    1038 Palavras 5 Páginas
  • Frederick herzberg
    executam o serviço. Pirâmide de Herzberg sobre seus fatores e a ordem de cada um: Herzberg notou que os fatores internos (motivacionais) podem nos deixar mais ou menos satisfeitos. Já os fatores externos (Higiênicos) apenas nos influencia para deixar mais ou menos insatisfeitos. Para Herzberg...
    940 Palavras 4 Páginas
  • Teoria da hierarquia das necessidades
    , refere-se ao impulso de buscar o crescimento pessoal e a auto realização. Uma necessidade somente começa a existir quando a outra está plenamente satisfeita. 3) Descreva as principais descobertas de Herzberg e apresente a definição de fatores higiênicos e motivacionais.          As...
    384 Palavras 2 Páginas
  • Administração
    fatores psicológicos e sociais na produtividade. Desta forma, torna-se imprescindível valorizar as relações humanas no trabalho, e temas como comunicação, motivação e liderança. Na década de 50, começa a ser desenvolvido um conjunto amplo de teorias motivacionais com foco nas necessidades internas...
    1024 Palavras 5 Páginas
  • Gestão comercial
    Teoria de Herzberg Herzberg e os fatores de higiene e motivação Frederick Herzberg desenvolveu a teoria da motivação-higiene, através de numerosas entrevistas com 200 engenheiros e contadores de indústrias em Pittsbrugh, onde procurou identificar os fatores que geravam satisfação e os fatores...
    1075 Palavras 5 Páginas
  • Teria
    Teoria de Herzberg Herzberg e os fatores de higiene e motivação Frederick Herzberg desenvolveu a teoria da motivação-higiene, através de numerosas entrevistas com 200 engenheiros e contadores de indústrias em Pittsbrugh, onde procurou identificar os fatores que geravam satisfação e os...
    1084 Palavras 5 Páginas
  • motivacao
    3 – Teoria de motivação-higiene. Referente aos fatores higiênicos e motivacionais, Herzberg realizou essenciais descobertas e fundamentações, como abaixo mencionadas: As pessoas ficam insatisfeitas por um ambiente desagradável, mas elas raramente ficam feitas satisfeito por um ambiente...
    2240 Palavras 9 Páginas
  • Sem trabalho
    estimulados a explicitar quais seriam os fatores que os desagradavam, assim como os que os agradavam na empresa. Os fatores que agradavam ao funcionário foram chamados de Motivadores. Aqueles que desagradavam levaram o nome de fatores de Higiene. Por isso, a teoria é mais conhecida como "a Teoria dos...
    712 Palavras 3 Páginas