Famoso Pintor Se Obrigou A Fazer Um Quadro Para Exposição Em Galeria De Arte artigos e trabalhos de pesquisa

  • Artes

    Caravaggio Michelangelo Merisi da Caravaggio (Caravaggio, 29 de setembro de 1571 – Porto Ercole, comuna de Monte Argentario, 18 de julho de 1610) foi um pintor italiano atuante em Roma, Nápoles, Malta e Sicília, entre 1593 e 1610. É normalmente identificado como um artista barroco, estilo do qual foi o primeiro grande representante. Caravaggio era o nome da aldeia natal da sua família e foi escolhido como seu nome artístico. "Após vários anos de trabalho, Caravaggio andou de cidade em cidade...

    17365  Palavras | 70  Páginas

  • Exposição Passagens por Paris - MASP

     RELATÓRIO: EXPOSIÇÃO PASSAGENS POR PARIS - MASP 1. INTRODUÇÃO À EXPOSIÇÃO A visita a esta exposição foi feita no dia 28 de fevereiro de 2014. O MASP - Museu de Arte de São Paulo - apresentou esta exposição com um conjunto de obras de sua própria coleção intitulada Passagens Por Paris. O título desta mostra foi inspirado em uma citação de Walter Benjamin e seu ensaio “Paris, Capital do século XIX”, onde foram citadas as passagens de Paris, onde se encontravam...

    1359  Palavras | 6  Páginas

  • Candido Portinari Trabalho Artes

    Parte superior do formulário Parte inferior do formulário Candido Portinari (Brodósqui, SP-1903 / Rio de Janeiro, RJ-1962) Pintor expressionista, gravador, ilustrador e professor. Candido Portinari foi um dos pintores brasileiros mais famosos. Portinari pintou quase cinco mil obras (de pequenos esboços e pinturas de proporções padrão como O Lavrador de Café à gigantescos murais, como os painéis Guerra e Paz, presenteados à sede da ONU em Nova Iorque em 1956 e que em dezembro de 2010, graças aos...

    1708  Palavras | 7  Páginas

  • ARTES

    Romero Britto Romero Britto (Recife, 6 de outubro de 1963) é um pintor, escultor e serígrafo brasileiro radicado nos Estados Unidos.1 Considerado um dos artistas mais prestigiados pelas celebridades americanas, já pintou quadros para personalidades como Madonna e Arnold Schwarzenegger, e foi responsável em produzir a capa de um dos CDs de Michael Jackson. Também produziu telas para nomes como Dilma Rousseff, Bill Clinton e o casal real príncipe William e Kate Middleton, e a convite do príncipe...

    826  Palavras | 4  Páginas

  • trabalho de artes

    História da Arte Beatriz Milhazes Frans Kracjberg Romero Brito Vick Muniz Índice Beatriz Milhazes Frans Krajcberg Romero Brito...

    1911  Palavras | 8  Páginas

  • Romero Brito e sua arte

    Introdução O que faz Romero Brito ter tanto destaque em suas obras?Qual o segredo de seu sucesso?A comercialização em massa de suas obras pode ser considerada arte? Para que começar a discutir sobre o assunto, abordaremos a vida e obra do artista Romero Britto, importância do movimento POP ARTE e sua utilização nos meios de comunicação, seguindo da percepção das cores e formas pelo individuo, e o que pensam alguns artistas. Romero Britto, um garoto pernambucano que chamava a atenção na escola...

    5733  Palavras | 23  Páginas

  • A arte faz parte de cada cantinho na minha cidade

    ZUCATELLI LIBARDI A ARTE DE SE FAZERARTE” A ARTE FAZ PARTE DE CADA CANTINHO NA MINHA CIDADE LINHARES 2010/ Maio BRYANDA CANTINHO NA MINHA CIDADE Trabalho apresentado ao Curso: Pedagogia da UNOPAR - Universidade Norte do Paraná, para a Disciplina de Fundamentos e metodologias do ensino das Artes, sob a orientação da Professora: Laura Célia...

    1731  Palavras | 7  Páginas

  • Arte pré pop

    ARTE POP ARTE POP Os artistas do pré-pop Rauschenberg e Jasper Johns no início dos anos sessenta, re-introduziram a imagem reconhecível, superando o Expressionismo abstrato, isso abriu o caminho para artistas que colhiam temas diretamente da cultura popular (pop). Com um estrondoso WHAAM!, os quadros derivados de história em quadrinhos de Roy Lichtenstein tomaram como alvo direto a arte abstrata dos anos cinqüenta. Além de Lichtenstein, artistas como Andy Warhol, Claes Oldenburg e James Rosenquist...

    1552  Palavras | 7  Páginas

  • arte nouveau

    o XX marca uma época de contrastes profundos na Europa, a técnica progride rapidamente, mas este desenvolvimento industrial é visto com reservas, principalmente pelos artistas, que não aceitavam as novas possibilidades, de arte em massa, aberta pela Revolução Industrial. A arte, como em todos os tempos, mais uma vez refletirá o mundo que a cerca, quer reaja, concorde ou tente ficar alheia a ele. O crescente desenvolvimento da tecnologia permite a produção em série, vulgarizando assim a criação individual...

    2045  Palavras | 9  Páginas

  • A construção simbólica da nação: a pintura e a escultura nas exposições gerais da academia imperial das belas artes

    nas Exposições Gerais da Academia Imperial das Belas Artes. 19&20, Rio de Janeiro, v. II, n. 4, out. 2007. Disponível em: . Quando Le Breton organizou o plano para a dupla escola de artes deixou também a sugestão de serem realizadas amostras de arte para incentivar os artistas e dar a conhecer ao rei e aos seus súditos os seus progressos. Seria, ao mesmo tempo, uma forma de homenagear o rei pelo patrocínio às artes, e dar início a uma galeria de obras, sempre útil a diversas finalidades. Além da...

    5940  Palavras | 24  Páginas

  • Portfolio arte e cultura

    Portifólio de Atividades Complementares Arte e Cultura Julho 2012 Atividade A1 Romantismo a) O romantismo é todo um período cultural, artístico e literário que se inicia na Europa no final do século XVIII, espalhando-se pelo mundo até o final do século XIX. Nas artes plásticas, o romantismo deixou importantes marcas. Artistas como o espanhol Francisco Goya e o francês Eugène Delacroix são os maiores representantes da pintura desta fase. Estes artistas representavam a natureza, os problemas...

    8295  Palavras | 34  Páginas

  • 10 Arte Moderna

    Foxit Software http://www.foxitsoftware.com For evaluation only. "Pintar é libertar-se, e isso é o essencial." Pablo Picasso Generated by Foxit PDF Creator © Foxit Software http://www.foxitsoftware.com For evaluation only. SUMÁRIO 1. INTRODUÇÃO 2. ARTE MODERNA: A REVOLUÇÃO 3. IMPRESSIONISMO 4. NEO-IMPRESSIONISMO: O PONTILHISMO 4.1. SEURAT 4.2. PAUL SIGNAC 5. EXPRESSIONISMO 5.1. VAN GOGH 5.2. CEZANNE 6. FORMAS DO CUBISMO 6.1. PABLO PICASSO 6.2. GEORGES BRAQUE 7. DADAISMO 7.1. FUTURISMO 7.2. A BAUHAUS...

    13183  Palavras | 53  Páginas

  • Arte

    IMPRESSIONISMO O Impressionismo foi um movimento artístico que revolucionou profundamente a pintura e deu início às grandes tendências da arte do século XX. Havia algumas considerações gerais, muito mais práticas do que teóricas, que os artistas seguiam em seus procedimentos técnicos para obter os resultados que caracterizaram a pintura impressionista.  Principais características da pintura:  As figuras não devem ter contornos nítidos, pois a linha é uma abstração do ser humano para representar...

    3810  Palavras | 16  Páginas

  • Artes

    Bibliografia Pág. 11 Introdução Arte geralmente é entendida como a atividade humana ligada a manifestações de ordem estética ou comunicativa, realizada a partir da percepção, das emoções e das ideias, com o objetivo de estimular essas instâncias da consciência e dando um significado único e diferente para cada obra. A arte se vale para isso de uma grande variedade de meios e materiais, como a arquitetura, a escultura, a pintura...

    2741  Palavras | 11  Páginas

  • Artes juan miro

    graduado, não completou os estudos. Frequentou uma escola comercial e trabalhou num escritório por dois anos até sofrer um esgotamento nervoso. Em 1912, seus pais finalmente consentiram que ingressasse numa escola de arte em Barcelona. Estudou com Francisco Galí, que o apresentou às escolas de arte moderna de Paris, transmitiu-lhe sua paixão pelos afrescos de influência bizantina das igrejas da Catalunha e o introduziu à fantástica arquitetura de Antonio Gaudí. Miró trazia intuitivamente a visão despojada...

    1483  Palavras | 6  Páginas

  • Artes

    artísticas e das intervenções urbanas. Estilos de arte que quebraram paradigmas da época e que, até hoje, estão presentes no nosso cotidiano. 2.1 Instalação Artística Obras criadas para despertarem inquietação em quem caminha pelas cidades, e que espelham um momento exato da sociedade. Expostas em espaço público para provocar o espectador a construir um olhar mais crítico, a Instalação Artística modificou por completo todo o panorama das artes do fim do século XX e início do XXI. Entre...

    888  Palavras | 4  Páginas

  • Introdução à história da arte

    TÍTULO: INTRODUÇÃO À HISTÓRIA DA ARTE Autor: DANA ARNOLD Editora: ATICA Cidade: SÃO PAULO Ano : 2008 Número de paginas: 144 Agradecimentos Dana Arnold teve a oportunidade de escrever esta breve introdução à história da arte no final de sua gestão como editora da revista Art History. Através de todo seu envolvimento com a história da arte, lhe pareceu mais adequado sintetizar partes dos caminhos que história tomou, assim como identificar novos direcionamentos...

    12305  Palavras | 50  Páginas

  • ARTES SURREALISMO

    ARTES SURREALISMO O mundo pelo avesso O ponto principal do pensamento surrealista é não ficar preso às formas, ao cotidiano e a mesmice do modo mundo. O movimento surrealista chegou nos anos 20 com o objetivo de mudar a vida da época, transformar o mundo e quebrar regras e foi justamente isso que conseguiu: mostrar uma nova visão de mundo, visão que vem do inconsciente e não poupa a imaginação. A principal característica dos artistas surrealistas é fazer com que o mundo real se misture com o irreal...

    1807  Palavras | 8  Páginas

  • SeminarIo "O que é arte?"

     HISTÓRIA DAS ARTES SEMINÁRIO DO LIVRO: “O QUE É ARTE” JORGE COLI JÚLIA CHAVES SILVA TURMA A1 PROFESSORA VANESSA 2015 SEMINÁRIO DO LIVRO: “O QUE É ARTE” 1. Jorge Coli afirma que “se a arte é noção sólida e privilegiada, ela possui também limites imprecisos” (p. 10). O que significa dizer que é “noção sólida e privilegiada”? E o que significa dizer que “arte possui limites imprecisos”? Para que algo fosse considerado arte, foi preciso que pessoas conceituadas com entendimento no assunto...

    3298  Palavras | 14  Páginas

  • Arte

    SOBRE ARTE 001-013 Frontmatter.indd 3 001-013_Thisisart.indd 3 5/18/10 8:59:15 PM 7/29/10 10:29 AM PREFÁCIO À medida que o século XXI avança, mais e mais pessoas no mundo inteiro se dão conta da existência da arte. Museus e galerias informam, com orgulho, quantidades espetaculares de visitantes, não apenas em exposições dos grandes mestres, mas também em mostras de artistas contemporâneos e suas obras novas e polêmicas. O apetite por todas as modalidades de arte está sempre ...

    4016  Palavras | 17  Páginas

  • Apostila história da arte

    I - ARTE E CULTURA Arte é um fenômeno cultural. Regras absolutas sobre arte não sobrevivem ao tempo, mas em cada época, diferentes grupos (ou cada indivíduo) escolhem como devem compreender esse fenômeno. Os historiadores de arte buscam determinar os períodos que empregam certo estilo estético por 'movimentos artísticos'. A arte registra as idéias e os ideais das culturas e etnias, sendo assim, importante para a compreensão da história do Homem e do mundo. Formas artísticas podem extrapolar...

    26185  Palavras | 105  Páginas

  • Trabalho individual pedagogia arte 1

    tem por objetivo analisar de que forma a disciplina Arte pode ser aplicada na educação da criança. Por sentirmos necessidade de entender e responder qual o valor dessa disciplina e como ela pode ajudar na educação, visando estimular a sensibilidade do aluno, incentivando-o a pensar, sentir e agir de maneira diferente, por meio do uso de diversas linguagens artísticas, buscando favorecer o desenvolvimento do potencial criador do indivíduo. A arte tem uma grande importância na educação escolar e em...

    2409  Palavras | 10  Páginas

  • Arte do renascimento

    ARTE DO RENASCIMENTO Os modelos clássicos Os artistas do Renascimento, tal como os humanistas, tinham uma verdadeira paixão pela Antiguidade greco – romana. Os arquitectos puseram de parte a arquitectura medieval (a que chamavam, depreciativamente, gótica, isto é, bárbara) e inspiraram-se nas formas da arquitectura clássica greco – romana, caracterizada pela ordem e pela harmonia das proporções. Foi esta inspiração nos modelos clássicos que determinou duas das principais características da...

    2415  Palavras | 10  Páginas

  • Pintores clássicos

    Pintores Clássicos Leonardo Da Vinci. Leonardo da Vinci, artista renascentista italiano, nasceu em 15/04/1452. Existem algumas dúvidas sobre a cidade de seu nascimento: para alguns historiadores, seu berço foi em Anchiano, enquanto para outros, foi numa cidade, situada na margem direita do rio Arno, perto dos montes Albanos, entre as cidades italianas de Florença[->0] e Pisa. Foi um dos mais importantes pintores do Renascimento Cultural. É considerado um gênio, pois mostrou-se um excelente anatomista...

    2082  Palavras | 9  Páginas

  • Pintores do Impressionismo

    Introdução O impressionismo foi um movimento artístico (artes plásticas e música) que surgiu na França no final do século XIX. Este movimento é considerado o marco inicial da arte moderna. O nome “impressionismo” deriva de uma obra de Monet chamada Impressão, nascer do Sol (1872).Características do impressionismo nas artes plásticas: Ênfase nos temas da natureza, principalmente de paisagens; Uso de técnicas de pintura que valorização a ação da luz natural; Valorização da decomposição das...

    820  Palavras | 4  Páginas

  • Arte e arquitetura

    UNIVERSIDADE PRESBITERIANA MACKENZIE FACULDADE DE ARQUITETURA E URANISMO HELIO RIBEIRO DO LAGO JÚNIOR DO CONCRETO AO VIRTUAL: ESTUDO DE ARTES VISUAIS CONTEMPORÂNEAS ORIENTADOR: Arq. Dr. Ricardo Hernán Medrano Trabalho Final de Graduação apresentado no curso de Arquitetura e Urbanismo da Faculdade de Arquitetura e Urbanismo Mackenzie SÃO PAULO JUNHO 2010 Sumário Agradecimentos ...................................................................................................

    10579  Palavras | 43  Páginas

  • O Que é Arte -Jorge Coli

    O Que é Arte Jorge Coli Coleção Primeiros Passos Nº 46 COLI, Jorge. O que é Arte. 15ª ed., Editora Brasiliense, São Paulo – SP, 1995 ISBN 85-11-01046-7 Em memória de meu irmão Vicente e para meu afilhado Lúcio. INTRODUÇÃO Dizer o que seja a arte é coisa difícil. Um sem-número de tratados de estética debruçou-se sobre o problema, procurando situá-lo, procurando definir o conceito. Mas, se buscamos uma resposta clara e definitiva, decepcionamo-nos: elas são divergentes, contraditórias...

    25179  Palavras | 101  Páginas

  • Resumo do Jorge Coli- o que é arte

     O Que é Arte Jorge Coli Coleção Primeiros Passos Nº 46 COLI, Jorge. O que é Arte. 15ª ed., Editora Brasiliense, São Paulo – SP, 1995 ISBN 85-11-01046-7 Em memória de meu irmão Vicente e para meu afilhado Lúcio. INTRODUÇÃO Dizer o que seja a arte é coisa difícil. Um sem-número de tratados de estética debruçou-se sobre o problema, procurando situá-lo, procurando definir o conceito. Mas...

    25529  Palavras | 103  Páginas

  • História da Arte (multiculturalismo - mulheres)

    “colônias” internas. 3. MULTICULTURALISMO NAS ARTES No campo das artes, o multiculturalismo assume formas variadas, ainda que tenha sempre caráter engajado e intervencionista, definido em função da experiência social do artista: sua origem, pertencimento de classe, opção sexual etc. Arte e vida, imbricadas desde as vanguardas históricas - no dadaísmo, por exemplo - tornam-se agora termos inseparáveis: a vida é que dita os contornos da arte, que pode ser negra, gay, feminista, chicana etc. Os...

    4633  Palavras | 19  Páginas

  • Trabalho De Artes

    Trabalho de Arte – movimentos da Arte Pós Moderna e Arte Contemporânea FRIDA KALHO Centro de Ensino Fundamental 08 do Guará II EJA - (Educação de Jovens e Adultos) Alunas: Maria Audilene Ribeiro da Silva Cirilo e Ione Soares dos Santos Série: 8º Turma: A Prof: Lucinaide Pinheiro Data: 29/10/2014 Frida Kahlo Magdalena Carmen Frieda Kahlo y Calderón  foi uma das personagens mais marcantes da história do México. Patriota declarada, comunista e revolucionária Frida Kahlo...

    1854  Palavras | 8  Páginas

  • Paper-história da arte paul cézanne

    HISTÓRIA DA ARTE Paul Cézanne Acadêmica: Maria de Lourdes Cosmos ProfªMs. Heleuza Carrilho de Almeida Centro Universitário Leonardo da Vinci – UNIASSELVI Licenciatura em Artes Visuais (art 0056) – Prática do Módulo III 07/07/2012 RESUMO Paul Cézanne foi um pintor francês e seguidor do estílo impressionista. Não totalmente satisfeito com o resultado nas pinturas pelos seus colegas idealistas, Cézanne resolve inovar na forma e cor. Seu objetivo principal era converter suas obras em...

    1454  Palavras | 6  Páginas

  • artes visuais leonardo da vinci

    EIDINÉA DE ALMEIDA MARTINS TABALHO INTERDISCIPLINAR INDIVIDUAL Artes Visuais: Leonardo da Vinci RONDONÓPOLIS - MT 2014 Eidinéa de almeida martins trabalho interdisciplinar INDIVIDUAL Artes Visuais: Leonardo da Vinci Trabalho apresentado ao Curso de Pedagogia da UNOPAR - Universidade Norte do Paraná, para as disciplinas de: Organização e didática na Educação Infantil, Arte, educação e música, Ludicidade e educação, Prática pedagógica interdisciplinar...

    2936  Palavras | 12  Páginas

  • História de Arte

    nnnn O Realismo Maria Torres 1241 Joana Cruz 1297 Índice Introdução…………………………………………………………………………4 Revolução Permanente………………………………………………………..5 A Ruptura com a Tradição…………………………………………………..7 “Ser-se do seu tempo”…………………………………………………..7 “Fazer aquilo que se vê”……………………………………………….8 Outros Caminhos: os Pré-Rafaelitas……………………………….9 O Conceito de “Realismo”……………………………………………………11 O ano de 1848 em França…………………………………………………….14 A Escola de Barbizon e o apogeu da paisagem………………………..16 Os Salões……………………………………………………………………………...

    9749  Palavras | 39  Páginas

  • Trabalho De Arte

    mudaram após a chegada de Napoleão III ao poder. Seu pai pretendia trabalhar em um jornal da capital peruana e foi o idealizador da viagem. Porém, durante a longa e terrível viagem de navio acabou por ter complicações de saúde e faleceu. Assim, o futuro pintor desembarcou em Lima apenas com sua mãe e irmã3 . Vida adulta e início de carreira Quando voltou para seu país natal, em 1855, Gauguin estudou em Orléans e, aos 17 anos, ingressou na marinha mercante e correu o mundo. Trabalhou em seguida numa corretora...

    4365  Palavras | 18  Páginas

  • trabalho individual artes visuais

    1 INTRODUÇÃO Quero começar meu trabalho falando da importância da arte para a o desenvolvimento escolar e também na vida pessoal de toda criança, pois ela permeia nossas vidas por meios dos sons, imagens, movimentos em manifestações culturais e artísticas diversas. Sendo assim, podemos compreender que a arte esta presente no nosso dia a dia, mas às vezes não a percebemos. Existem varias situações onde a arte aparece como nas apresentações artísticas de rua ou em locais próprios nas apresentações...

    1379  Palavras | 6  Páginas

  • História da Arte

    PRÉ-HISTÓRIA        Por volta de 40 mil anos atrás começava a história da humanidade: estava nascendo a arte. Cavernas do sudoeste da França e Norte da Espanha. Os homens se organizaram naturalmente: caçadores e mulheres. Foi a partir de observação, instigação, curiosidade que o homem primitivo deixou para nós suas marcas. Arte Xamanista. No Paleolítico superior encontramos as primeiras manifestações artísticas. Peleolítico (do grego) paleo = velho; lithos = pedra. Estamos...

    36491  Palavras | 146  Páginas

  • ALFREDO FOGUEBECCA VOLPI DE 1896 A 1988 UM PINTOR ÍTALO-BRASILEIRO TRABALHO CIENTÍFICO

    (1896-1988): UM PINTOR ÍTALOBRASILEIRO São Luís (MA) Junho/2012 2 Colégio Exitus São Luís-Maranhão, 8 de junho de 2012, sexta-feira Disciplina: Artes Professora: Lília Turma: Única, Turno: Matutino, 6º ano (5ª série) Amanda Louriana Lobato Barata, número 1 Aline Gláucia, número 2 Arthur Amorim de Sá, número 3 Adriano, número 4 Andrei, número 5 Aline Costa Nascimento, número 6 Anny Caroline Costa Sousa, número 7 ALFREDO FOGUEBECCA VOLPI (1896-1988): UM PINTOR ÍTALOBRASILEIRO ...

    1770  Palavras | 8  Páginas

  • Artes

    História da arte Material de apoio para pesquisa Professores Março/2005 História da Arte     Introdução   O pintor suíço Paul Klee disse uma vez que "a arte não imita o visível: cria o visível". Sua frase sintetiza uma das principais discussões da história da arte, aquela que opõe de um lado os adeptos da imitação e de outro os da invenção. Mais sistemático, o pintor russo Vassili Kandinski definiu três elementos...

    30195  Palavras | 121  Páginas

  • Historia da arte

    sol (1872), de Claude Monet. Tudo começou com um grupo de jovens pintores que rompeu com as regras da pintura vigentes até então. Os autores impressionistas não mais se preocupavam com os preceitos do Realismo ou da academia. A busca pelos elementos fundamentais de cada arte levou os pintores impressionistas a pesquisar a produção pictórica não mais interessados em temáticas nobres ou no retrato fiel da realidade, mas em ver o quadro como obra em si mesma. A luz e o movimento utilizando pinceladas...

    2691  Palavras | 11  Páginas

  • As vanguardas européias a arte moderna brasileira arte contemporânea

    Escola Estadual Odilon Behrens As vanguardas européias A Arte Moderna Brasileira Arte Contemporânea Aluno(a): Jéssica Mônica Miranda Ubaldo Trabalho apresentado, na disciplina de Artes, no 3º ano, proposto pela Professora Regina Felício. Barão de Cocais Novembro/2011 * Sumário *Introdução; PAG: 03 *As vanguardas européias: PAG: 04 Expressionismo; ...

    10319  Palavras | 42  Páginas

  • História da arte

    HISTÓRIA DA ARTE CAU-FAG 2005 PROFESSORA ARQUITETA SOLANGE IRENE SMOLAREK DIAS BIBLIOGRAFIA : HOME PAGE : http://www.historiadaarte.com.br/linhadotempo.html INDICE INTRODUÇÃO 1- PRÉ HISTÓRIA 01. PALEOLÍTICO INFERIOR 02. PALEOLÍTICO SUPERIOR 03. NEOLÍTICO 04. IDADE DOS METAIS 2- ARTE ANTIGA 2.01 EGÍPCIA ...

    28762  Palavras | 116  Páginas

  • Apostila de Arte

    ....................................................18 UNIDADE II - HISTÓRIA DA ARTE ........................................................................................................................................19 2 IDADE MODERNA (2ª PARTE) ......................................................................................................................................19 2.1 2.2 3 ARTE NO SÉC. XIX..........................................................................

    17581  Palavras | 71  Páginas

  • arte moderna

     ARTE MODERNA __________________________ Raquel Morais REALISMO Entre 1850 e 1900 surge nas artes européias, sobretudo na pintura francesa, uma nova tendência estética chamada Realismo, que se desenvolveu ao lado da crescente industrialização das sociedades. O Início m europeu, que tinha aprendido a utilizar o conhecimento científico e a técnica para interpretar e dominar a natureza, convenceu-se de que precisava...

    18729  Palavras | 75  Páginas

  • Artes

    Colégio Pedro II Departamento de Desenho e Artes Visuais APOSTILA PARA O 9º ANO DO E.F. ARTE MODERNA Depto. De Desenho e Artes Visuais Chefia: Profa. Ana Céli apresenta Arte Moderna Apostila de Artes Visuais para o 9O ano do E.F. Material didático elaborado pelos professores de Artes Visuais do Departamento de Desenho e Artes Visuais do Colégio Pedro II e desenvolvido dentro do projeto de Dedicação Exclusiva intitulado “Elaboração de Material Pedagógico” Org. Professora Greice...

    10434  Palavras | 42  Páginas

  • arte na antiguidade

    Sumário Introdução: A Arte na Antiguidade Desenvolvimento: Unidade I 1- Arte na ré- história 2- Arte no Egito 3- Arte na Grécia 4- Arte na Roma Unidade II 1- Arte na Idade Média 2- Arte no Renascentismo 3- Arte Barroca 4- Impressionismo 5- Movimentos modernistas 6- Arte Contemporânea Conclusão: Referências Bibliográficas Introdução A Arte na Antiguidade Arte Antiga refere-se à arte desenvolvida pelas civilizações antigas...

    11801  Palavras | 48  Páginas

  • Portefoleo de historia de arte - a cultura do palco

    El Greco Francisco de Holanda Helena Almeida Helena Almeida nasceu em Lisboa em 1934. Tirou o curso de Pintura da Escola Superior de Belas-Artes de Lisboa. A sua obra, muito diversificada (pintura, desenho, instalação, escultura e gravura), tem um denominador comum: a fotografia. Pela primeira vez, em 1967, expõe individualmente na Galeria Buchholz, onde apresenta uma pintura abstracta geométrica, usando o azul e o laranja e interrogando a natureza e a função dos suportes e da moldura...

    13900  Palavras | 56  Páginas

  • Semana da Arte Moderna 1922

    Influências 4) Características 5) Conclusão 6) Bibliografia Introdução A Semana de Arte Moderna, também chamada de Semana de 22, ocorreu em São Paulo em Fevereiro do ano de 1922, no Teatro Municipal. Cada dia da semana foi dedicado a um tema: respectivamente, pintura e escultura, poesia, literatura e música. Foi o marco inicial do modernismo no Brasil. A intenção dos modernistas era, em suma, reformular a arte brasileira, embora esta estivesse em constante sintonia com tendências europeias...

    1513  Palavras | 7  Páginas

  • Arte Urbana Grafite

    Binho Ribeiro 8  Cranio 9  Tikka 10  Eduardo Kobra 10  Nina 11  Os Gêmeos 12  Banksy 13  Kurt Wenner 14  Edgar Mueller 14  Aryz 15 5. Grafite e o preconceito 16 6. Projetos Sociais 17 7. A relação inconsistente entre Arte Urbana e poder público 18 8. Museu Aberto de Arte Urbana (MAAU-SP) 19 9. Pichação 20 10. Grafite X Pichação 21  Semelhanças 21  Diferenças 22 11. Conclusão 23 12. Referências 24 Livros: 24 Documentários: 24 Links: 24 13. Anexos 26  Figura 1 26  Figura 2 26  Figura 3 27...

    7887  Palavras | 32  Páginas

  • Análise do quadro "Ponte sobre Hève na Vazante"

    Análise do quadro "Ponte sobre Hève na Vazante" – Monet  Introdução Claude Monet nasceu em 14 de novembro de 1840, em Paris e foi um dos fundadores do impressionismo. Sua tia Marie-Jeanne Lecadre foi quem o apoiou a seguir a carreira artística, pois ela era pintora também. Teve como mentor Eugène Boudin que lhe ensinou usar tintas a óleo e as técnicas de “em plein air” (ao ar liver) para pintar. No final de sua vida teve uma catarata, devido às pinturas ao ar livre em diferentes horários do dia...

    1123  Palavras | 5  Páginas

  • Arte naíf nas escolas: possibilidades de diálogos e ensino

    ARTE NAÍF NAS ESCOLAS: Possibilidades de Diálogos e Ensino SUMÁRIO ARTE E HISTÓRIA: PRIMEIRAS APROXIMAÇÕES .....................................................14 1.1 Discussão Histórica e Conceitual ...............................................................................14 1.2 A Arte Naíf ................................................................................................................. 18 1.3. Ingênuos e primitivos .......................................................

    10397  Palavras | 42  Páginas

  • Artes

    francês les fauves, "as feras", como foram chamados os pintores não seguidores do cânone impressionista, vigente à época) é uma corrente artística do início do século XX, que se desenvolveu sobretudo entre 1905 e 1907. Associada à busca da máxima expressão pictórica, o estilo começou em 1901 mas só foi denominado e reconhecido como um movimento artístico em 1905. Segundo Henry Matisse, em "Notes d'un Peintre", pretendia-se com o fauvismo "uma arte do equilíbrio, da pureza e da serenidade, destituída...

    2944  Palavras | 12  Páginas

  • Arte e Música

    FUNDAMENTOS TEÓRICOS E METODOLÓGICOS DO ENSINO DE ARTE E MÚSICA Qual o nome da obra? Qual o autor? A obra que escolhi chama-se Heart kids e é do autor Romero Britto. Descreva detalhadamente o que você vê no quadro. Vejo um quadro muito colorido, as cores vivas usadas são muito bonitas aos meus olhos. Vejo um menino e uma menina, como se fossem um casal de namorados, estão muito alegres e os vejo em sintonia com um único sentimento: o amor. Embora tudo seja totalmente diferente a diversidade...

    587  Palavras | 3  Páginas

  • História da Arte

    para descrever o trabalho dos pintores da Califórnia. O Expressionismo Abstrato entrou em cena com força total. Emocional, impulsivo, trazia nas pinceladas a assinatura do artista. Limparam a arte, eliminando o ato dos pintores de ação. O Hard Edge abstraiu o Expressionismo do Expressionismo Abstrato. Em vez da abstração espontânea, subjetiva, a nova tendência oferecia uma abstração calculada, impessoal. A pintura Hard Edge usa formas simples e contornos rígidos. Os quadros são precisos e frios, como...

    9374  Palavras | 38  Páginas

  • História da arte em forma de conto

    HISTÓRIA DA ARTE PARA ALUNOS DO ENSINO BÁSICO FORMA DE CONTO BRASÍLIA, 2011 ANGÉLICA ANTÔNIA DA SILVA HISTÓRIA DA ARTE PARA ALUNOS DO ENSINO BÁSICO FORMA DE CONTO Trabalho de conclusão de curso apresentado ao curso de graduação de Artes Plásticas – Licenciatura, oferecido pela Universidade de Brasília como requisito parcial para a obtenção do titulo de licenciatura em Artes Plásticas, sob a orientação da...

    7546  Palavras | 31  Páginas

  • artes

    fevereiro 2013 Economia Como um quadro pode valer milhões? A arte movimenta uma das economias mais estranhas do mundo, com bolinhas coloridas e pinturas com esterco valendo milhões de reais. Entenda as regras do mercado dos artistas por Edição e Reportagem: Luiz Romero "63 milhões de dólares. É um aviso. Estou vendendo", ameaçou o leiloeiro, "64 milhões de dólares. Ainda em tempo", continuou. Os lances, que elevavam o preço do quadro em US$ 1 milhão a cada três segundos, eram sinalizados...

    1559  Palavras | 7  Páginas

  • História da Arte

    entre Interiores Barrocos e Interiores Neoclássicos, no passado e hoje e pesquisa sobre uma obra de arte barroca HISTÓRIA DA ARTE E ARQUITETURA MODERNA Trabalho: Estudo comparativo entre Interiores Barrocos e Interiores Neoclássicos, no passado e hoje e pesquisa sobre uma obra de arte barroca DESIGN DE INTERIORES Disciplina: ESTÉTICA E HISTÓRIA DA ARTE MODERNA Data: 07/10/2014 Edifício Barroco Europeu (construído entre os séculos XVII ou XVIII) ...

    6356  Palavras | 26  Páginas

  • Tcc Transporte De Obras De Arte

    1 CENTRO ESTADUAL DE EDUCAÇÃO TECNOLÓGICA PAULA SOUZA ETEC PROFESSOR ANDRÉ BOGASIAN LOGÍSTICA TRANSPORTE DE OBRAS DE ARTE OSASCO 2014 2 CLAUDEMIR CAZOLA DA SILVA FELIPE AZEVEDO JOSÉ ERNANDES DE SOUSA SAMUEL DORIA DO SANTOS TRANSPORTE DE OBRAS DE ARTE Trabalho de Conclusão de Curso, apresentado ao Curso de Técnico em Logística, do Centro Estadual de Educação Tecnológica Paula Souza - Etec Prof. André Bogasian como pré-requisito para obtenção de título de Técnico em Logística. Orientadora:...

    14013  Palavras | 57  Páginas

  • Aulas de Artes

    APRESENTAÇÃO A arte é uma grande belezura que está presente em nossas vidas das mais variadas formas: na roupa que vestimos, na música que ouvimos, na fotografia, no cinema, na televisão, no teatro, na pintura, na dança, no artesanato, nos desenhos, na caricatura, na literatura, enfim, arte é tudo de bom. Até os anos 80, a matéria Educação Artística era vista como uma forma de lazer, era um momento para descansar das aulas sérias. Cabia ao professor também fazer murais e lembrancinhas em datas...

    14294  Palavras | 58  Páginas

  • Resumo - O que é Arte , Jorge Coli

    Barbosa História da Arte I COLI, Jorge. O que é Arte. 15ª ed., Editora Brasiliense, São Paulo – SP, 1995. Dizer o que é Arte, é sempre uma tarefa difícil, e segundo Jorge Coli não há como pensar ou até mesmo estudar sobre esse assunto e não querer fazer outra coisa ao invés disso, por tão complexo e tão extenso que essa filosofia se estende. Porém, por mais complexo que seja, se pedirmos para qualquer pessoa que tenha um pouco de contato com a cultura e com a Arte, para nos dar exemplo...

    4551  Palavras | 19  Páginas

  • SEMINÁRIO O QUE É ARTE

    SEMINÁRIO História das Artes Livro: “O que é Arte” PROF.: Vanessa Madrona Salles Aluna: Julia Vieira Bressan INTRODUÇÃO: 1. A arte possui limites imprecisos por que eventualmente, artistas inovadores questionam: "o que é arte?' "O que faz de um objeto uma obra de arte?" Isso pode ser percebido em uma das obras de Marcel Duchamp. O artista apropriou-se de um sanitário de louça e deu ao objeto status de obra de arte. 2. O discurso sobre o objeto...

    1549  Palavras | 7  Páginas

tracking img