• Sustentabilidade ambiental nas organizações
    representantes dos fabricantes de pneus. O objetivo da pesquisa é identificar a aplicação do processo de logística reversa junto aos representantes dos fabricantes de pneus que são as revendas em Fortaleza e os objetivos específicos são: contextualizar logística reversa, apresentar a importância da logística...
    7325 Palavras 30 Páginas
  • Conama 416/09
    usado ou reformado importado; Considerando que a liberdade do comércio internacional e de importação de matéria-prima não devem representar mecanismo de transferência de passivos ambientais de um país para outro, resolve: Art. 1o Os fabricantes e os importadores de pneus novos, com peso...
    2361 Palavras 10 Páginas
  • logistica reversa dos pneus
    , importação e exportação, lâmpadas fluorescentes, aterros sanitários, entre outros. Com a aprovação da PNRS[1], em 2 de agosto de 2010, os fabricantes, distribuidores, importadores e comerciantes de agrotóxicos, pilhas e baterias, pneus, óleos lubrificantes, lâmpadas fluorescentes, de vapor de...
    6893 Palavras 28 Páginas
  • Gestao empresarial
    IBAMA o Relatório de Pneumáticos [9], referente à reciclagem de pneus inservíveis no período de outubro de 2009 a dezembro de 2010. Os dados foram obtidos no CTF do IBAMA. O relatório apresenta informações consolidadas de 15 fabricantes de pneus e 466 importadoras de pneus novos. A meta para a...
    3095 Palavras 13 Páginas
  • Logistica
    degradação ambiental causada por pneus inservíveis e sua destinação ambiental adequada, e estabelece as regras para as empresas fabricantes e as importadoras de pneus em relação à obrigatoriedade da coleta e destinação final aos pneus inservíveis existentes no território nacional. A logística...
    4371 Palavras 18 Páginas
  • Logistica reversa de pneumáticos
    fabricantes, mais de 2 milhões de toneladas, o equivalente a 400 mil pneus de carro de passeio já foram coletados e destinados de forma ambientalmente responsável. Todo o trabalho de coletar e destinar esses pneus é feito pela Reciclanip, entidade criada pelos fabricantes nacionais para cuidar...
    4418 Palavras 18 Páginas
  • Estudo de Caso Reciclanip: Logística Reversa
    Brasileira de Artefatos de Borracha Pneus Brasil, no Rio de Janeiro, no seu primeiro ano foram fabricados 29 mil pneus. Segundo a Associação Nacional da Indústria de Pneumáticos, entre 1938 e 1941, outras grandes fabricantes do mundo passaram a produzir seus pneus no País, elevando a produção nacional...
    10032 Palavras 41 Páginas
  • LOGÍSTICA REVERSA: A RECICLAGEM DE PNEUS
    LOGÍSTICA REVERSA: A RECICLAGEM DE PNEUS Virginia Elsabe Kaechele Administradora de Empresas RESUMO As empresas fabricantes de pneus são responsáveis pela destinação adequada dos pneus, conforme a Resolução 416/2009 do CONAMA. Assim sendo, passaram a utilizar a logística reversa como forma...
    2205 Palavras 9 Páginas
  • logistica reversa
    Logística reversa: o exemplo das embalagens de agrotóxicos Processo que obriga as empresas a recolherem e destinarem o produto de forma ambientalmente segura poderia solucionar a poluição dos oceanos por PET por Marcela Puccia Braz Design Pics fabricante de pneus Através de parcerias com...
    1291 Palavras 6 Páginas
  • gestão ambiental
    pneus usados por ano. A Resolução 416/2009 do CONAMA dispõe sobre a prevenção a degradação ambiental causada por pneus inservíveis e sua destinação ambiental adequada, e estabelece as regras para as empresas fabricantes e as importadoras de pneus em relação à obrigatoriedade da coleta e...
    7231 Palavras 29 Páginas
  • Artigo sobre reciclagem
    Pneu Brasileiro Os pneus começaram a ser produzidos no Brasil em 1934, com a criação da Pneus Brasil, no Rio de Janeiro. A Pneus Brasil produziu, apenas no primeiro ano de vida, 29 mil unidades. Poucos anos depois, grandes fabricantes do mundo passaram a produzir pneus no Brasil, elevando a...
    571 Palavras 3 Páginas
  • professor
    danos ou riscos à saúde pública e à segurança, e a minimizar os impactos ambientais adversos; Ponto de coleta: local definido pelos fabricantes e importadores de pneus para receber e armazenar provisoriamente os pneus inservíveis; Central de armazenamento: unidade de recepção e armazenamento...
    5602 Palavras 23 Páginas
  • Sociologia
    aponta que o câmbio, em patamar bem mais apreciado, freou as intenções mais ambiciosas dos fabricantes de pneus, “que poderiam transformar o Brasil numa verdadeira base exportadora de pneus. Mas a curto prazo as exportações deverão continuar no mesmo patamar devido à três motivos: a força dos contratos...
    1266 Palavras 6 Páginas
  • Escola
    , ser responsável pelo gerenciamento do retorno dos produtos ou destinação adequada, ou melhor, dizendo: um descarte ecologicamente correto. A resolução CONAMA Nº 416, DE 30 DE SETEMBRO DE 2009, trata que para cada pneu comercializado para o mercado de reposição, fabricantes e importadores deverão...
    2351 Palavras 10 Páginas
  • Trabalho sobre corrosão
    importação de matéria-prima não devem representar mecanismo de transferência de passivos ambientais de um país para outro, o decreto 6.514 resolve: Art. 1o Os fabricantes e os importadores de pneus novos, com peso unitário superior a 2,0 kg (dois quilos), ficam obrigados a coletar e dar destinação...
    1051 Palavras 5 Páginas
  • Muro de Contenção de pneus
    Nacional do Meio Ambiente), esta resolução tem como finalidade determinar um destino ambientalmente correto aos pneus inservíveis e que as empresas fabricantes tem também sua margem de responsabilidade quanto a isso. Deste modo, este projeto pretende discutir uma alternativa interessantíssima que...
    5788 Palavras 24 Páginas
  • Sustentabilidade
    foi entendido o desenvolvimento anteriormente, como surgiu o termo, as formas como ele pode ser medido e as teorias que ajudaram a criar a expressão. Vamos lá. Indústria terá que dar destino a pneus sem utilidade. Os fabricantes e importadores de pneus terão que dar destinação aos pneus sem...
    3059 Palavras 13 Páginas
  • Có-processamento de pneumáticos em fábricas de cimento no estado de sergipe
    de Artefatos de Borracha no Rio de Janeiro, que em seu primeiro ano de vida fabricou mais de 29 mil pneus.   Entre 1938 e 1941, outras grandes fabricantes do mundo passaram a produzir seus pneus no país, elevando a produção nacional para 441 mil unidades. No final dos anos 80, o Brasil já...
    3525 Palavras 15 Páginas
  • Logistica rebersa de pneus
    tão fácil. Tendo como objetivo diminuir os impactos ambientais, o Conselho Nacional do Meio Ambiente (CONAMA) publicou a Resolução nº 416, de 30 de setembro de 2009, que obriga as empresas fabricantes e importadoras de pneus a coletar e dar um destino final apropriado aos pneus inservíveis...
    7044 Palavras 29 Páginas
  • sociologia
    85% da sua produção. No mercado nacional, há uma questão de longa data entre os fabricantes de pneus e os produtores de borracha, que obriga os primeiros a adquirirem no mercado nacional uma percentagem de seu consumo de borracha natural, em torno de 50%, dirigido aos produtos vendidos no...
    10718 Palavras 43 Páginas