Explique Os Princípios Do Direito Penal artigos e trabalhos de pesquisa

  • DIREITO PROCESSUAL PENAL

    ATIVIDADE 01 – DIREITO PROCESSUAL PENAL I – PROJETO INTEGRADOR VII OBSERVAÇÕES: 1. A pedido dos alunos, a atividade de Direito Processual Penal I a ser desenvolvida na disciplina de Projeto Integrador VII será um questionário. 2. Em virtude disso, esse questionário será avaliado, também, na disciplina de Direito Processual Penal I, e o seu valor será de 3,0 (três) pontos. 3. A entrega do questionário deverá ser feita individualmente, através de postagem o portal, para a disciplina de Projeto...

    4003  Palavras | 17  Páginas

  • Exercícios Direito Penal PDF

    DIREITO PENAL 1 - O que é Direito Penal? R: É o limite da pena, que regula as penas, é o ramo do direito público dedicado às normas emanadas pelo Poder Legislativo para reprimir os delitos cominando penas com a finalidade de preservar a sociedade e de proporcionar o seu desenvolvimento. 2- Qual o princípio da legalidade? R: É o mais importante instrumento constitucional de proteção individual no Estado Democrático de Direito. Diz respeito à obediência às leis. Por meio dele, ninguém será obrigado...

    969  Palavras | 4  Páginas

  • questoes de direito processual penal 1

    Questionário de Direito Processual Penal. Prof. EDUARDO ALBERTO PINCA 1) Enumere e explique quais são os elementos da prejudicialidade? 2) Explique qual é o conceito de Questão Prejudicial Obrigatória? 3) Explique qual é o conceito de Questão Prejudicial Facultativa? 4) Explique quais são os conceitos de exceção dilatória e exceção peremptória, fornecendo exemplos. 5) Mencione quais são os motivos que ensejam a suspeição, de acordo com o previsto no Código de Processo Penal, comentando, brevemente...

    1608  Palavras | 7  Páginas

  • Principios penais

    Princípio da dignidade da pessoa humana: 01) O princípio da dignidade é fundamental num Estado de Direito democrático e social? Positiva ou negativa a resposta, qual(is) a(s) razã(oes)? Positiva, pois um dos fundamentos do Estado Brasileiro é a dignidade da pessoa humana, sendo então todos os direitos baseados no respeito a pessoa humana, agindo então como um principio estruturante. Um Estado Democrático de Direito, um fato punível deve ser encarado tendo em vista a finalidade do Direito...

    1293  Palavras | 6  Páginas

  • Direito Penal

    Direito Penal - 02/09. Professora: Fábia do Prado. Artigo 2º CP: Irretroatividade da lei penal. Artigo 5º, XL CF. Regra: Lei penal não retroage. Exceção: Retroage em benefício do réu. Retroatividade "in melius". LINDB: Vigência da lei. "caput" - absolitio criminis. Artigo 3º - Lei penal temporária ou excepcional. Aplica-se mesmo tendo cessado seu período de vigência. Temporária: Vigência por prazo determinado. Ex: 180 dias. Excepcional: Vigência em situações específico. Ex: calanidade. É ultrativa:...

    1041  Palavras | 5  Páginas

  • questionario de direito penal

     QUESTIONÁRIO O direito penal é uma ciência? Explique. Disserte sobre as escolas penais Neste âmbito temos as escolas clássicas, que baseia-se nas ideias do iluminismo e teve seu surgimento na primeira metade do sec. XIX. Tem como destaque “Corrara”. Defende pena no sentido de proteção do bem tutelado; a escola positivista surgiu com a evolução das ciências sociais. Esta escola leva em conta a pessoa do réu e sua capacidade de recuperação. Não é levado...

    740  Palavras | 3  Páginas

  • Processo Penal-Inquérito Policial

    UEMG – 2014 DIREITO PROCESSUAL PENAL QUESTIONÁRIO Lorraine Rodrigues Santos Tinum FRUTAL-MG 1. Explique e exemplifique as fontes do Direito Processual Penal De onde provém o preceito jurídico processual penal, podem ser classificados em: de produção (materiais), que constituem, criam o direito; e as formais (de cognição), que revelam o direito que são seus modos de expressão. Fonte de produção do processo penal é o Estado. As fontes formais são a lei (...

    1498  Palavras | 6  Páginas

  • Perguntas e respostas de direito penal

    01)Explique o significado do princípio da legalidade para o Direito Penal. R: O princípio da Legalidade corresponde ao Art. 5º, XXXIX da CF e 1º do CP, enveredando que “não há crime sem lei anterior que o defina, nem pena sem prévia cominação legal”, e contém nele, dois princípios diferentes: O da Reserva Legal e o da Anterioridade. 2) Quais as funções do princípio da legalidade? Explique. R: O Princípio da Legalidade, contém dois princípios, seguindo esses, as seguintes funções: ...

    2820  Palavras | 12  Páginas

  • Questionario de Direito Penal

    Questionário de Direito Penal 01. Defina o Direito Penal. O Direito Penal é o ramo do direito público que contém a previsão de sanção penal para os crimes ou delito, e as contravenções penais possuindo o caráter valorativo, finalista, dogmático na interpretação de suas normas. 02. Qual a diferença entre Direito Penal Comum e Direito Penal Especial? No tipo penal comum é aplicado à todos os cidadãos em geral, e o tipo penal especial tem um campo de aplicabilidade...

    1907  Palavras | 8  Páginas

  • Questionário de penal

    QUESTÕES DIREITO PENAL 1- QUAL A FONTE MATERIAL DO DIREITO PENAL? R: A fonte material do Direito penal também é conhecida como formal ou substancial tudo isso diz respeito á gênese, á elaboração, á criação do Direito Penal. 2- QUAL A FONTE FORMAL DO DIREITO PENAL? R: São duas fontes formais as mediatas e imediatas. Ex. Lei Penal 3- O QUE É INTERPRETAÇÃO? R: é uma ação que consiste em estabelecer, simultânea ou consecutivamente, comunicação verbal ou não verbal entre duas entidades. 4-...

    1525  Palavras | 7  Páginas

  • Quest es Direito Penal 1bim

    Perguntas de Direito Penal – 1º bimestre – 2015     Prof. José Eduardo Melhen 1) Qual a melhor denominação: Direito Penal ou Direito Criminal? Justificar. 2) Qual o conceito de Direito Penal? 3) Quais os principais caracteres do Direito Penal? Explique. 4) Explique as relações do Direito Penal com as ciências jurídicas fundamentais. 5) Explique as relações do Direito Penal com outros ramos do Direito. 6) Indique e explique de forma resumida os cinco períodos históricos do Direito Penal. 7) Por que...

    2108  Palavras | 9  Páginas

  • Direito penal

    Curso: Direito Acadêmicos: Hanielly Palma Goes Alves de Lima e Vilson Borges de Oliveira Semestre: 2º Disciplina: Direito Penal Professora: Henriqueta 1- Qual é a diferença entre direito penal material e direito penal formal? R: Formal é o crime que consume ao mesmo tempo a ação e o resultado, eles ocorrem juntos. Ex: Calunia, difamação, ameaça, porque nestes exemplos a própria ação já faz o resultado. Material e aquele crime que é dividido em ação e resultado. Primeiro a ação e depois...

    1185  Palavras | 5  Páginas

  • Trabalho direito Penal

    FACULDADE DOM ALBERTO CURSO DE DIREITO Trabalho acadêmico Direito Penal Um. Rodrigo Luis Silveira Santa Cruz do Sul, Novembro de 2013. 1. Segundo Cezar Roberto Bitencourt, “poderíamos chamar de princípios reguladores do controle penal princípios constitucionais fundamentais de garantia do cidadão, ou simplesmente de Princípios Fundamentais de Direito Penal de um Estado Social e Democrático de Direito. Todos esses princípios são de garantias do cidadão perante o poder punitivo estatal e estão...

    2097  Palavras | 9  Páginas

  • Princípios penais fundamentais

    Princípios Penais Fundamentais Princípio da dignidade da pessoa humana: 01) O princípio da dignidade é fundamental num Estado de Direito democrático e social? Positiva ou negativa a resposta, qual (is) a(s) razã (oes)? R: Positiva, pois um dos fundamentos do Estado Brasileiro é a dignidade da pessoa humana, sendo então todos os direitos baseados no respeito à pessoa humana, agindo então como um principio estruturante. Um Estado Democrático de Direito, um fato punível deve ser encarado tendo...

    2178  Palavras | 9  Páginas

  • Question Rio De Penal I

    Recife, 10 de fevereiro de 2015 DIREITO PENAL I Profº. Newton de Souza ( Mestre em Direito Constitucional – Doutor em Filosofia do Direito – Delegado de Polícia) newtoon@bol.com.br Livro que usará como base de estudos: MANUAL DO DIREITO PENAL – Nucci Guilherme de Souza Custa em torno de 280,00 PS. Tomara q tenha em PDF, ou numa xerox bem barata... TRABALHOS Valem ATÉ dois pontos Não é obrigado fazer, mas ajudará na nota A pontuação pode ser usada na primeira nota ou na final, isso ainda será discutido...

    555  Palavras | 3  Páginas

  • Questionário de Direito Processual Penal II

    Questionário de Direito Processual Penal II (1ª parte). 1)Enumere e explique quais são os elementos da prejudicialidade? R: os elementos da prejudicialidade são: A) anterioridade lógica, ou seja, a decisão da causa principal está subordinada à solução da questão prejudicial; B) necessariedade, não basta a mera dependência lógica, devendo a controvérsia mostrar-se fundamental para a solução da lide; C) autonomia, a questão prejudicial pode ser objeto de processo autônomo. 2) Explique qual é...

    4483  Palavras | 18  Páginas

  • Direito penal parte geral

    O que é direito penal objetivo? É o conjunto das normas juridicas que, mediante a cominação de penas, estatuem os crimes, bem como dispõem sobre o seu próprio ambito de validade. Sobre a estrutura e elemesntos dos crimes e sobre a aplicação e execução das penas e outras medidas nelas previstas. O que é o direito penal objetivo? o conjunto de normas impostas pelo Estado, a cuja observância os indivíduos podem ser compelidos mediante coerção. É o conjunto de normas que a todos vincula, constituindo...

    852  Palavras | 4  Páginas

  • TRABALHO PROCESSO PENAL

    1)- CONCEITUE E EXPLIQUE LEGITMIDADE ATIVA EM CADA AÇÃO PENAL R NA PÚBLICA CONDICIONA E INCONDICIONADA A LEGITIMIDADE ATIVA É EXCLUSIVA DO MP, EXCEÇÃO DA PERDA DO PRAZO PARA DENUNCIA, QUE AUTORIZA A VITIMA A OFERECER A AÇÃO PRIVADA SUBSIDICÁRIA DA PÚBLICA. NA AÇÃO PRIVADA ORDINÁRIA E SUBSIDIÁRIA DA PÚBLICA A LEGITIMIDADE ATIVA É DO OFENDIDO, SEUS REPRESENTANTES OU SUCESSORES E NA AÇÃO PRIVADA PERSONALISSIMA SOMENTE O OFENDIDO. 2)- QUAIS AS PROVIDÊNCIA DO MP AO RECEBER UM INQUÉRITO CONCLUÍDO. R...

    1065  Palavras | 5  Páginas

  • APS DIREITO PENAL

    ENSINAR BRASIL - REDE DOCTUM DE ENSINO CURSO DE DIREITO Luciano Igor Brandão Dias João Monlevade 2015 1. Explique com argumentos jurídicos a seguinte questão: “Todo ilícito penal e também um ilícito civil”. Não existe diferença de natureza ontológica (ilícito penal) e ilícito civil, pois ambos ferem o ordenamento...

    1112  Palavras | 5  Páginas

  • Penal

    Aula de Direito Penal – 18/03/2014 1- Conceitue Direito Penal. O Direito Penal é o setor ou parcela do ordenamento jurídico público interno que estabelece as ações ou omissões delitivas, cominando-lhes determinadas consequências jurídicas-penas ou medidas de segurança (conceito formal). Enquanto sistema normativo, integra-se por normas jurídicas (mandatos e proibições) que criam o injusto penal suas respectivas consequências. 2- Diferencie Direito Penal Objetivo de Direito Penal Subjetivo. ...

    2477  Palavras | 10  Páginas

  • Perguntas sobre Direito Penal

    1) a) Diferencie interpretação analógica de analogia. b) A analogia é permitida no direito penal brasileiro? Sim ou não? Se não, justifique. c) De um exemplo previsto no código penal de interpretação analógica. 2) Em 2022, uma terrível seca assolou o Brasil inteiro, fazendo com que o governo tomasse atitudes, como a criação de diversos programas de racionamento de agua. Além disso, uma norma penal foi instituída, e em seu texto legal ela dizia: “Art. 1º - Desperdiçar água, acima dos limites...

    836  Palavras | 4  Páginas

  • penal 1

    PENAL 1 Crime perfeito? Tentativa? Imperfeito? Desistência art 14 Crime tentado foi o crime que não foi consumado por alguma interferência alheia a vontade do agente. Na tentativa os atos são interrompidos e os atos não vão ocorrer. Pode ser interrompido durante a prática dos atos ou pode ser evitado esse resultado após todos atos executórios. Durante os atos executórios mas que não configuram tentativa. 3 institutos. Desistência voluntaria, arrependimento posterior, não ocorrendo o resultado...

    2600  Palavras | 11  Páginas

  • penal

    1) Fale como se dá o princípio da anterioridade, dando ênfase a irretroatividade, retroatividade e extra-tividade da lei. princípio da anterioridade da lei significa que a lei deve ser anterior ao fato. No caso da lei penal, que não há crime sem lei anterior que o defina nem pena sem prévia cominação legal. Ou seja, não há fato criminoso hoje se a lei vigente assim não o considera. Se amanhã passa a ser crime o fato de ontem não pode ser punido. Chama-se também princípio da legalidade irretroatividade...

    1038  Palavras | 5  Páginas

  • direito penal especial II

     Direito Penal Especial I 1. Joca, credor de Jujuba, quando estavam discutindo sobre a dívida, imputou a esse o crime de furto, sabendo que Jujuba não era um “ladrão”. a) Joca praticou algum crime? Identifique e justifique legalmente. Sim. Crime de Calúnia. Art. 138 – Caluniar alguém, imputando-lhe falsamente DETERMINADO fato definido como crime: Pena – detenção, de seis (seis) meses a 2 (dois) anos, e multa. b) Caso Jujuba ingresse com a ação penal cabível, é possível que...

    1902  Palavras | 8  Páginas

  • AVALIAÇÃO PENAL II

    CHRISTUS FACULDADE DO PIAUÍ – CHRISFAPI NOME:_________________________________MATRÍCULA____________ DISCIPLINA: DIREITO PENAL II PERÍODO: 3º CURSO: BACHARELADO EM DIREITO PROFESSOR: PIRIPIRI (PI), _________DE DE MARÇO DE 2014. 1ª Avaliação (2ª Chamada) Valor: 10,0 Nota: _____ LEIA ATENTAMENTE AS REGRAS ANTES DE RESPONDER À PROVA: Verifique se este material está completo e preencha corretamente o cabeçalho. Caso contrário...

    1108  Palavras | 5  Páginas

  • Questionário inquérito e ação penal

    intervenção do Poder Judiciário? Explique. R. Não, graças ao principio do devido processo legal, previsto na constituição de 1988 em seu artigo 5°LVI, que diz “Ninguém será privado de sua liberdade sem o devido processo legal…” sendo esta a garantia de que só será considerada legitima a condenação se o processo for desenvolvido na forma prevista em lei, que em nosso país preza o poder judiciário sem a possibilidade de outras formas como a arbitragem no âmbito penal, cominado com o previsto pelo artigo...

    822  Palavras | 4  Páginas

  • Direito Trabalho

    FEDERAL DO PIAUÍ Disciplina: Noções de direito Professor(a): Sarah Freire Aluno(a): Ilka Azize Castro Lages dos Santos ESTUDO DIRIGIDO I – DIREITO DO TRABALHO 1º) Mencione os princípios específicos do Direito do Trabalho e comente-os. Princípio Protetor ou Tutelar: Pode-se dizer que este princípio norteia o Direito do Trabalho, garantindo ao empregado, na relação empregatícia, a implementação de seus direitos perdidos. Princípio da Norma mais Favorável: Este princípio encontra-se consubstanciado no artigo...

    3697  Palavras | 15  Páginas

  • Direitos Humanos

    **** Este questionário foi desenvolvido para complemento dos estudos da disciplina de “Direitos Humanos e Cidadania”. As avaliações abrangerão todo o conteúdo ministrado nas aulas **** DIREITOS HUMANOS E CIDADANIA Questões dissertativas 2 Sistema Global de Proteção dos Direitos Humanos 1 – Segundo Hannah Arendt, quais são os dois eventos de ruptura ocorridos na 2ª Guerra Mundial? As bombas de Hiroshima e Nagazaki e o Holocausto Alemão 2 – Qual o nome do documento que criou a...

    841  Palavras | 4  Páginas

  • Explique o que interpreta o extensiva

    11º Explique o que é interpretação extensiva, o que é interpretação analógica e qual a diferença entre analogia e interpretação analógica? R: Entende-se por interpretação analógica o processo de averiguação do sentido da norma jurídica, valendo-se de elementos fornecidos pela própria lei, através de método de semelhança. E estas, também não se confundem com a interpretação extensiva, que é o processo de extração do autêntico significado da norma, ampliando-se o alcance das palavras legais, a fim...

    687  Palavras | 3  Páginas

  • Inqu Rito Policial E A O Penal

    Disciplina: Direito Processual Penal II Prof. Márcio do Nascimento Turma: DN6 ALUNO: Bruno Gomes Ferreira EXERCÍCIOS - Inquérito policial e Ação Penal 1) Explique por que o inquérito é dispensável para o oferecimento de denúncia ou de queixa. O inquérito policial, procedimento adotado pela polícia judiciária para realizar a apuração das infrações penais e suas respectivas autorias. Ele não é a rigor indispensável para a propositura da ação penal, uma vez que o próprio Código de Processo Penal prevê...

    1035  Palavras | 5  Páginas

  • Seminários Penal

      1ª AULA – QUESTÕES PARA FIXAÇÃO 1) Qual é a importância da fixação da pena? Explique. A pena deve ser fixada de acordo com a teoria da individualização da pena e deve seguir os critérios estabelecidos previamente em lei. Quando um ato ilícito é praticado, o agente infrator deve ser punido. Tendo em vista que a pena deve corresponder ao fato praticado, ou seja, deve ter equilíbrio da sentença proferida e o crime. Contudo, quando é proferida uma sentença tem em vista que o réu pague pelo crime...

    3234  Palavras | 13  Páginas

  • Nulidades no processo penal

    sobre nulidades 1)Descreva a tipicidade processual 2)Diferencie ato inexistente , ato nulo , ato anulável e mera irregularidade. 3)Explique o princípio do “pas de nullité sans grief” 4)Descreva o princípio da conservação dos atos processuais 5)Explique o princípio da instrumentalidade das formas 6)Explique o princípio da convalidação 7)Explique o princípio da causalidade 8)Descreva a nulidade por ilegitimidade de parte 9)Descreva a nulidade pela ausência do número mínimo de jurados para...

    780  Palavras | 4  Páginas

  • Questoes Penal

    agente. 02- Qual a teoria adotada sobre a culpabilidade pelo código penal? R: A teoria adotada sobre culpabilidade pelo código penal é a “Teoria finalista da ação” ou “ Teoria da ação final. 03- Explique o que é co-cupabilidade. R: A teoria da co-culpabilidade aponta e evidencia a parcela de responsabilidade que deve ser atribuída à sociedade quando da prática de determinadas infrações penais pelos seus supostos cidadãos. Resumindo, co-culpabilidade são causas sociais que...

    2868  Palavras | 12  Páginas

  • direito comercial

    QUESTIONÁRIO DE DIREITO EMPRESARIAL AUGUSTINÓPOLIS-TO DEZEMBRO DE 2014 JOÃO ELIAS BARBOSA NETO QUESTIONÁRIO DE DIREITO EMPRESARIAL Trabalho acadêmico apresentado a Fundação Universidade do Tocantins - UNITINS, como requisito para obtenção de nota parcial na disciplina de Direito Empresarial I. DOCENTE: RAFAEL BRÍGIDO AUGUSTINÓPOLIS-TO DEZEMBRO DE 2014 1. Quais os principais princípios do direito empresarial? Aponte-os...

    716  Palavras | 3  Páginas

  • Questionário de direito penal parte especial

    FUNDAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DE RONDÔNIA CURSO DE DIREITO DIREITO PENAL IV PROF. SÉRGIO WILLIAM DOMINGUES TEIXEIRA QUESTIONÁRIO 1. O que é peculato e quais os seus tipos? Como está previsto no CP, art. 312, caput, 1ª parte, peculato é “apropriar-se o funcionário público de dinheiro, valor ou qualquer outro bem móvel, público ou particular, de que tem a posse em razão do cargo” os tipos de peculato são: peculato próprio, impróprio, culposo e mediante erro de outrem. 2. Quem pode...

    2041  Palavras | 9  Páginas

  • Penal

    DIREITO PENAL I – 2014/2 – 1º BIMESTRE – TURMA A – DIURNO PROFa. Maria Luiza Bernardi 1. Indique, nas opções a seguir, dois princípios contidos no art. 1º do Código Penal: a. ( ) da legalidade e da anterioridade. b. ( ) da reserva legal e da culpabilidade. c. ( ) da proporcionalidade e da legalidade. d. ( ) do duplo grau de jurisdição e da reserva legal. e. ( ) da culpabilidade e do devido processo legal. 2. Tem efeito retroativo a lei que: a. ( ) elimina circunstância atenuante da...

    1758  Palavras | 8  Páginas

  • Questões direito penal - estudos dos tipos penas em espécie

    1) Sobre a obra A proteção de bens jurídicos como função do Direito Penal, de Claus Roxin: Claus Roxin defende que a função do Direito Penal, nos Estados Democráticos de Direito, é a proteção de bens jurídicos. O que é bem jurídico para esse autor? Circunstâncias reais dadas ou finalidades necessárias para uma vida segura e livre, que garanta direitos humanos e civis de cada um na sociedade ou para o funcionamento de um sistema estatal que se baseia nesses objetivos. 2) Quais são os bens jurídicos...

    721  Palavras | 3  Páginas

  • Princípios da legalidade da taxatividade e da extra-atividade da lei penal

    PRINCÍPIOS DA LEGALIDADE DA TAXATIVIDADE E DA EXTRA-ATIVIDADE DA LEI PENAL SILVA, Igor Luis Pereira e. Disciplina: Direito Penal 1 Leia o texto indicado abaixo e responda aos questionamentos que se seguem. Texto: SILVA, Igor Luis Pereira e. PRINCÍPIOS DA LEGALIDADE DA TAXATIVIDADE E DA EXTRA-ATIVIDADE DA LEI PENAL. Princípios Penais. Editora JusPodivm: Salvador,2012. Questões: 1) Com base nos argumentos no texto, discorra sobre a importância do Princípio da Legalidade do Direito Penal...

    618  Palavras | 3  Páginas

  • Direito Civil I

    Direito Civil II Semana 01 Caso Concreto 1 Da leitura do material didático, autor Flávio Tartuce, p. 03-39, responda: a) É correto afirmar que as normas de Direito Obrigacional são hoje as que mais se aplicam com frequência? Explique sua resposta. É possível conceber a hipótese de uma pessoa viver uma vida inteira sem necessidade de conhecer os direitos das sucessões, ou a maior parte do Direito de Família (casamento, regime de bens), ou até as partes mais significativas do Direito das Coisas...

    555  Palavras | 3  Páginas

  • Direito

    Curso de Direito Trabalho para complementar 1ª nota Acadêmico: Ezequias Araújo Cunha Caxias 2012 Questões 1 – Qual a distinção entre norma material e norma processual? Aquelas, normas materiais, são as contidas, em regra, no Direito material que disciplinam as relações entre as pessoas e os direitos e as obrigações, visando prevenir conflitos entre os titulares desses direitos e obrigações...

    2229  Palavras | 9  Páginas

  • Perguntas sobre a Introdução ao Direito Constitucional

     TRABALHO DE DIREITO CONSTITUCIONAL I 1 - Diferencie poder constituinte originário e derivado, apontando suas principais características. Poder Constituinte Originário ou poder inaugural é aquele que estabelece uma nova ordem constitucional, isto é, dá conformação nova ao Estado e rompe com a ordem constitucional anterior. Já o poder constituinte derivado é denominado de poder instituído, constituído, secundário ou poder de 2º grau, é aquele criado pelo poder constituinte...

    3005  Palavras | 13  Páginas

  • Estudo dirigido Introducao ao Estudo do Direito

    entre os indivíduos? R. Organizar a sociedade por meio de ordens estabelecidas no texto da lei. 2- O vocábulo direito possui uma pluralidade semântica, quais são os principais sentidos atribuídos a esse vocábulo? R. Certo, justo, correto, ordem, lei, responsável, ciência, norma, honestidade... 3- O que são brocardos jurídicos? Dê exemplo. R. São expressões em latim que significam algo em direito. Dura lex sed lex => A lei é dura mas é a lei. 4- Qual a importância dos instrumentos de controle social para...

    944  Palavras | 4  Páginas

  • Penal

    Judiciário? Explique. Há casos em que o Estado pode delegar ao ofendido a legitimidade para dar início ao processo, assimconferindo-lhe o “ jus persequendi ”, porém manté m consigo a exclusividade do jus puniendi. Essedireito de punir é genérico e impessoal porque não se dirige especificamente contra uma pessoa, e simcontra a sociedade como um todo. 2. Qual o mecanismo de ativação da jurisdição? O mecanismo que ativa a jurisdição é a Ação, no caso a ação penal, que leva o Estado...

    513  Palavras | 3  Páginas

  • Questões Direito Penal

    1) Qual o conceito formal de crime? R: Crime é uma conduta (ação ou omissão) contrária ao Direito, a que a lei atribui uma pena. 2) Qual o conceito substancial de crime? R: Crime é a conduta humana que lesa ou expõe a perigo um bem jurídico protegido pela lei penal. 3) Explique o conceito de crime no aspecto analítico. R: Há no Brasil uma grande polêmica entre os penalistas sobre o conceito analítico de crime. Existem, basicamente, duas correntes preferidas. Uma que adota um conceito tripartido...

    6822  Palavras | 28  Páginas

  • direito internacional

    para que se possa falar em nacionalidade dos seres humanos? Explique. Sim. A nacionalidade é o vínculo jurídico que conecta o indivíduo ao Estado. É o Estado que atribui a nacionalidade à pessoa. Ela pode ser primária, decorre da ligação do local de nascimento e independe da vontade do indivíduo, ou pode ser secundária, depende da manifestação de vontade da pessoa. 2. Quais as condições básicas para extradição, no Brasil? Explique-as. Deve existir com o país requisitante um tratado ou compromisso...

    1290  Palavras | 6  Páginas

  • PROVA DE PENAL

     Curso: Direito Data:03/10/2013 Disciplina: DIREITO PENAL II Professor: Marcelo Bomfim Pereira Bimestre:1º Turma:  602131 Aluno (a): PROVA REGIMENTAL Leia atenciosamente as questões antes de responder. Esta prova contém NOVE questões, cada uma indicando seu respectivo valor. É proibido o uso de qualquer meio de comunicação eletrônica, fixa ou móvel (celular, pager, walk-talk, rádios, palm, etc) na sala. É permitido...

    1172  Palavras | 5  Páginas

  • Direito

    trabalhistas? Faça uma comparação e evolução histórica. 4. Conceitue Direito do Trabalho. 5. Diferencie trabalhador e empregado. 6. Explique o que é Direito de natureza pública. Por que ele é irrenunciável? 7. Explique o que é Direito de natureza privada. Por que ele é supletivo? 8. Qual é a natureza do Direito do Trabalho? Explique. 9. Qual é o princípio em que a sanção é proporcional à falta? E o que significa? Exemplifique. 10. O princípio da proteção pode ser subdividido em três categorias. Quais...

    503  Palavras | 3  Páginas

  • Questionario Direito do trabalho

    Questionário Direito do Trabalho 1) Qual a função dos princípios? Atuar na verdade ate mesmo na fase d construção da regra do direito, garantindo direito trabalhista e equilíbrio existente entre emprego e empregador. Na função informativa, normativa e interpretativa. 2) Cite e explique qual o principio mais importante para o direito do trabalho? Principio protetor, porque protege o empregado, a relação de emprego e desigualdade, vem pra igualar as relações. Subdivide em Benéfica, favorável...

    742  Palavras | 3  Páginas

  • Questionario Direito

    trabalhistas? Faça uma comparação e evolução histórica. 4. Conceitue Direito do Trabalho. 5. Diferencie trabalhador e empregado. 6. Explique o que é Direito de natureza pública. Por que ele é irrenunciável? 7. Explique o que é Direito de natureza privada. Por que ele é supletivo? 8. Qual é a natureza do Direito do Trabalho? Explique. 9. Qual é o princípio em que a sanção é proporcional à falta? E o que significa? Exemplifique. 10. O princípio da proteção pode ser subdividido em três categorias. Quais são...

    546  Palavras | 3  Páginas

  • Direito pena

    ESTUDO DIRIGIDO DE DIREITO PENAL 1. Diferencie Fato Típico, Tipicidade e Tipo Penal. R.: O Fato típico é o fato advindo do comportamento humano que provoca um resultado contrário ao Direito Penal; Tipo Penal é toda lei penal incriminadora e Tipicidade é um processo de conhecimento que faz a ponte entre a conduta e o tipo, ou seja, enquadra a conduta ao descrito na norma. Se o fato típico se enquadrar no tipo penal dizemos que há tipicidade, caso não trata-se de fato atípico. 2. Aponte...

    3210  Palavras | 13  Páginas

  • ATPS Direito Penal II

    PAULO – UNIAN – UNIDADE ABC 5ª Série B CURSO DE DIREITO PATRÍCIA CRISTINA DE O. CARVALHO RA: 6268245965 JEFFERSON VASCONCELOS SILVA RA: 6820478496 TARYS VIEIRA LOPES RA: 6451302287 ATPS DIREITO PENAL II SÃO BERNARDO DO CAMPO / SP 2015 ANHANGUERA EDUCACIONAL UNIVERSIDADE ANHANGUERA DE SÃO PAULO – UNIAN – UNIDADE ABC 5ª Série B CURSO DE DIREITO PATRÍCIA CRISTINA DE O. CARVALHO RA:...

    3823  Palavras | 16  Páginas

  • Direito Civil

    Disciplina : Direito Civil II 1 – O que é o Princípio do pacta sunt servanda? O pacta sunt servanda é um princípio base do Direito civil. Esse princípio significa que o contrato faz lei entre as partes, não podendo ser modificado pelo Judiciário. Também é destinado a dar segurança aos negócios em geral. 2 – O que é inadimplemento culposo? Pressupõe o não cumprimento voluntário da obrigação, ou seja, culpa. Em princípio, todo inadimplemento presume-se culposo, salvo em se tratando de obrigação...

    1662  Palavras | 7  Páginas

  • Direito do Trabalho

    durante a Revolução Francesa, que reconheceu o direito do trabalho. Por que se afirma que o período industrial foi o mais massacrante para o trabalhador? No período da Revolução Industrial o operário não tinha nenhum direito referente ao seu trabalho, todos eram obrigados a trabalhar em situações desumanas, homens mulheres, crianças, idosos trabalhavam cerca de 15 horas diárias, sem horário para almoço, nem descanso semanal e nenhum dos direitos que temos hoje. Quais são as características...

    583  Palavras | 3  Páginas

  • Direito

    Introdução ao Direito 1) O que é Direito ? Qual a sua importância para a vida do homem em sociedade ? Quais são as fontes do Direito? Explique-as? Quais os meios integradores do Direito? Direito é uma norma de conduta social imposto pelo Estado para a realização da segurança, segundo os critérios de justiça. O direito não representa somente um instrumento para organizar a sociedade, garantir a ordem e a segurança, o bem esta e o progresso. Atualmente ele é um fator que assegura o desenvolvimento...

    1742  Palavras | 7  Páginas

  • Direito penal

    Explique a diferença entre mera legalidade e estrita legalidade. O principio da merda legalidade exige a lei como condição necessária da pena e do delito, enquanto o principio da legalidade estrita exige todas as garantias, a lei em sentido substancial, como condições necessárias da legalidade penal. No que consiste o caráter absoluto da reserva legal? Consiste na dispensa da titularidade provisória. É vedado ao legislador utilizar-se de decretos, medidas provisórias ou outras formas legislativas...

    767  Palavras | 4  Páginas

  • Direito Penal

    FACULDADE DOM ALBERTO DIREITO PENAL I PROF. EVINIS DA SILVEIRA TALON Atividade acadêmica 1)Analise o seguinte julgado: (…) Não é caso de reconhecimento da desistência voluntária relativo ao segundo fato, pois o réu não prosseguiu na execução do delito em razão de circunstância alheia à sua vontade, pois fugiu quando os policiais se aproximaram do local, caracterizando...

    2195  Palavras | 9  Páginas

  • direito ambiental

    Questionário de Direito Ambiental 1)Pergunta-se: de acordo com a lei nº 9.605/98, a pessoa jurídica pratica crime? Fundamente a resposta. R: Sim, o s artigos 21 a 24 da Lei n. 9605/98, fazem a previsão expressa da metodologia de aplicação das penas às pessoas jurídicas que cometerem crimes contra o meio ambiente.“Art. 21. As penas aplicáveis isolada, cumulativa ou alternativamente às pessoas jurídicas, de acordo com o disposto no art. 3º, são: I – multa; II – restritivas de direitos; III – prestações...

    2579  Palavras | 11  Páginas

  • Fontes do direito

    UNIVERSIDADE DO VALE DO ITAJAÍ – UNIVALI Centro de ciências jurídicas e sociais – CCJS Curso de direito Período: 1º Turno: Matutino Disciplina: Introdução ao Direito ATIVIDADE CURRICULAR SOBRE FONTES DO DIREITO. 1: O que se entende por relação jurídica e quais são os seus elementos? R: Relação Jurídica vem a ser o vinculo entre pessoas, do qual derivam consequências obrigatórias, por corresponder a uma hipótese normativa. Em toda relação há quatro elementos fundamentais: sujeito...

    2770  Palavras | 12  Páginas

  • Resumo Direito Penal 1

    1) Qual é a finalidade do direito penal? Nas palavras de Nilo Batista, a missão do direito penal é a proteção de bens jurídicos, através da cominação, aplicação e execução da pena. A pena, portanto, é simplesmente o instrumento de coerção de que se vale o Direito Penal para a proteção dos bens, valores e interesses mais significativos da sociedade. Com o direito penal objetiva-se tutelar os bens que, por serem extremamente valiosos, não do ponto de vista econômico, mas sim político, e que não podem...

    10260  Palavras | 42  Páginas

  • Penal habeas corpus

    HABEAS CORPUS Quais os princípios do Direito Penal foram aplicados para fundamentar a decisão proferida no Habeas Corpus n° 82959-7, que declara de forma incidental, a inconstitucionalidade do artigo 2° paragrafo 1° da lei 8072/90, fundamente sua resposta vinculando a decisão com os citados princípios. Um dos fundamentos do Estado Democrático de Direito, é a dignidade da pessoa humana presente no inciso III do artigo 1° da Constituição Federal. A dignidade da pessoa humana possui uma orbita...

    683  Palavras | 3  Páginas

tracking img