• DIDATICA
    ETAPA 2 A origem da educação escolar no Brasil – a ação dos jesuítas como parte do movimento da contrarreforma católica . Os jesuítas faziam parte de uma ordem religiosa católica chamada Companhia de Jesus. Criados com o objetivo de disseminar a fé católica pelo mundo, os padres jesuítas eram subordinados...
    1082 Palavras 5 Páginas
  • Gestão escolar
    SILVA EDUCAÇÃO E ESCOLARIZAÇÃO NO BRASIL COLÔNIA: CAMINHOS E DESAFIOS INICIAIS CAMPINAS 2012 FLÁVIA DE MORAES DA SILVA EDUCAÇÃO JESUÍTICA NO MUNDO COLONIAL IBÉRICO (1549 – 1768) ...
    1033 Palavras 5 Páginas
  • Missões jesuiticas
    AS MISSÕES JESUÍTICAS Aluno Profª. educandario Licenciatura em História (HID 0220) – Práticas Educativas do Módulo I 23/11/2011 RESUMO Através do tema ¨Missões Jesuíticas¨ será abordada a trajetória missionária brasileira, alicerçada nos valores e ensinamentos repassados aos indígenas...
    2454 Palavras 10 Páginas
  • Uma pedagogia brasílica
    UMA PEDAGOGIA BRASÍLICA (1549-1599). Educação Indígena -Na chegada de Pedro Álvares Cabral: Não era sociedade estruturada em classes, e em grupo, se apropriavam dos meios necessários à subsistência através da caça, pesca e plantações. Eram livres, com direitos iguais e valorizavam a propriedade...
    649 Palavras 3 Páginas
  • Educação Jesuiítica
    Filosofia da Educação Educação Jesuítica Setembro 2013 A história da educação brasileira é constituída de várias histórias e uma dessas histórias, sem dúvida, reporta­se ao Brasil colônia, com a educação a cargo da Companhia de Jesus – a chamada educação jesuítica sendo quase impossível...
    586 Palavras 3 Páginas
  • Padres Jesuítas no Brasil
    EDUCAÇÃO NO BRASIL: Analisando a chegada dos Jesuítas e o início da educação “formal” no Brasil Autor Centro Universitário Leonardo da Vinci - UNIASSELVI Licenciatura em História (HID0340) – Prática do Módulo 1 04/06/2014 RESUMO O trabalho a ser apresentado visa a analisar no contexto...
    2150 Palavras 9 Páginas
  • Historia da educação no periodo colonial
    Historia da Educação no Brasil Colonial Crislaine Pessoa Prof° Selma Adão Centro Universitário Leonardo da Vinci – Uniasselvi Curso de Pedagogia – PED 0640 – Historia da Educação 09/09/2012 Resumo Com os estudos da Historia da Educação, podemos notar que em todos os períodos, a educação sempre...
    1507 Palavras 7 Páginas
  • historia
    Brasil. Continuaram a funcionar o Seminário episcospal, no Pará, e os Seminários de São José e São Pedro, que não se encontravam sob a jurisdição jesuítica; a Escola de Artes e Edificações Militares, na Bahia; e a Escola de Artilharia, no Rio de Janeiro. Os jesuítas foram expulsos das colônias...
    561 Palavras 3 Páginas
  • Ratio studiorum
    sustentar a educação jesuítica ganhou status de norma para toda a Companhia de Jesus. Tinha por finalidade ordenar as atividades, funções e os métodos de avaliação nas escolas jesuíticas. Não estava explícito no texto o desejo de que ela se tornasse um método inovador que influenciasse a educação moderna...
    328 Palavras 2 Páginas
  • Marquês de pombal e reforma educacional basileira
    Jaboatão dos Guararapes Secretaria de Educação Gestão Democrática Curso: Profuncionário Turma: 2011 Tutora: Sandra Lira Estudante: Wydmarck Alves Galdino MARQUÊS DE POMBAL E A REFORMA EDUCACIONAL BRASILEIRA RESUMO: A origem e o desenvolvimento histórico da educação pública no Brasil são estritamente...
    1583 Palavras 7 Páginas
  • história da educação
    educacional na Europa. Question 2 Notas: 1 A respeito da educação jesuítica, não é correto afirmar que: Escolher uma resposta. a. Todas as atividades eram padronizadas representando o primeiro sistema organizado de educação católica. A Ratio Studiorum constituia o plano de estudos e de métodos...
    1051 Palavras 5 Páginas
  • Periodo pombalino
    da Vinci - UNIASSELVI Licenciatura em Pedagogia (PED0310) – História da Educação 05/07/11 RESUMO A reforma pombalina é um importante marco para a história da educação brasileira. O desenvolvimento histórico da educação no Brasil tem a sua origem ligada as ações reformistas realizadas pelo Marquês...
    1662 Palavras 7 Páginas
  • Sociologia
    Educação Jesuítica A educação formal na sociedade colonial brasileira se deve as atividades educativas dos padres jesuítas. Os jesuítas exerceram suas atividades educacionais e catequéticas de 1549 a 1759 até serem expulsos pelo Marquês de Pombal. A educação no período colonial retratou a organização...
    432 Palavras 2 Páginas
  • Resumo do Filme "A Missão"
    de trazer “educação” para os nativos ou indígenas. Os nativos eram percebidos pelos colonizadores como “animais incivilizados”, sendo necessário receber educação, já que a sua educação não era valorizada. A educação nas sociedades nativas tinha características bastante diferentes da educação dos europeus...
    629 Palavras 3 Páginas
  • Historia da educação
    DIANA APARECIDA SILVINO MACHADO HISTÓRIA DA EDUCAÇÃO Colatina 2010 DIANA APARECIDA SILVINO MACHADO HISTÓRIA DA EDUCAÇÃO Trabalho apresentado ao...
    1432 Palavras 6 Páginas
  • Companhia de jesus
    filhos dos colonos, mas a tendência da educação jesuítica que se confirmou foi separa “catequizados” e os “instruídos”. A ação dos indígenas resumiu-se então em pacificar e cristianizar para os trabalhos nas aldeias. Com os filhos dos colonos, porém, a educação podia se estender além da escola elementar...
    483 Palavras 2 Páginas
  • Trabalho
    Cruzes (1970), graduação em Pedagogia pela Faculdade de Filosofia Ciências e Letras Tupã (1976), mestrado em Educação pela Universidade Estadual de Campinas (1978), doutorado e pós-doutorado em Educação pela Universidade Estadual de Campinas (1985, 2003). -Trabalhou na Universidade Federal de Viçosa (1980-1991)...
    560 Palavras 3 Páginas
  • 117346150222
    iluminismo, buscando fortalecer o Estado. As reformas pombalinas constituíram uma violenta reação antijesuítica. Após viver séculos sob a ideologia jesuítica, Portugal percebeu seu distanciamento tanto econômico como ideológico das novas idéias que se disseminavam pela Europa. Na busca de recompor o atraso...
    1184 Palavras 5 Páginas
  • Pedagogia
    constituição e o fortalecimento da história da educação como campo de investigação no Brasil certamente merecem a escrita de uma história à parte.[2] Se Miriam Warde, em meados dos anos 1980, indicava certo “pragmatismo” nos trabalhos de história da educação realizados nos programas de Pós-Graduação que...
    2489 Palavras 10 Páginas
  • Historia da educação
    A educação no brasil Período colonial,a fase jesuítica da escolarização colonial; Com o fracasso das capitanias hereditárias no Brasil foi criado o governo geral e teve como politica impor a educação jesuítica aos indígenas convertendo-os a fé católica. Os padres jesuítas como Manuel da Nóbrega chegam...
    1444 Palavras 6 Páginas