Considere 3 Lâmpadas Incandescentes De 127V E Potências 40W 60W E 100W Respectivamente Quando Tais Lâmpadas São Associadas Em Série A Uma Tensão Total De 127V Como Se Dá O Brilho De Cada Uma E Com artigos e trabalhos de pesquisa

  • Cap 1 2 e 3 El trica

    Revisão de circuitos elétricos - Exercícios. 1) Calcule o fator de potência do motor de uma máquina de lavar roupa se esta consome 4A e 420W de uma rede de 127V. 2) Calcule a corrente de um motor de indução monofásico de 1CV, 127V, fator de potência de 0,73 e rendimento de 0,72. Qual será a nova corrente se este mesmo motor for ligado em 220V? 3) Um aparelho de raios-x odontológico tem uma potência de 1500VA e trabalha em 127V. Calcule sua corrente. Qual será a corrente se o aparelho for de 220V...

    10136  Palavras | 41  Páginas

  • exercicios potencia energia eletrica 1340191549

    corrente elétrica que passa através do filamento de uma lâmpada incandescente de 120 V e 60 W instalada corretamente é de: a) 1,0A. b) 1,50A. c) 0,8A. d) 0,5A. 02. (PUC-MG) Em relação à questão de número 1, a resistência elétrica da lâmpada é de: a) 2,4 . 102. b) 1,20 . 102. c) 7,2 . 103. d) 6,0 . 101. 03. (Fuvest-SP) No medidor de energia elétrica usado na medição do consumo de residências, há um disco, visível externamente, que pode girar. Cada rotação completa do disco corresponde a um consumo...

    2026  Palavras | 9  Páginas

  • Potência Elétrica

     Potência Elétrica Laboratório de Eletricidade e Circuitos Elétricos Licenciatura em Física – Z3 Professora responsável: Sônia Maria Rodrigues Camila Malavazi – 0766313 Érika da Cunha Rodrigues – 0766232 Data da realização do experimento: 13/10/2008 Data da entrega do relatório: 20/10/2008 Objetivos: Levantar a curva da potência elétrica em função da corrente de um dado resistor e observar o efeito Joule. Introdução...

    2309  Palavras | 10  Páginas

  • Trabalho com eletricidade

    (quando as cargas têm mesmo sinal). 3) Defina corrente elétrica? É o nome dado ao movimento ordenado dos portadores de carga elétrica (elétrons) num dado meio (condutor). Sua intensidade é uma grandeza medida em ampères (A). 4) O que faz com que elétrons em movimento caótico num fio condutor passem a se movimentar de maneira ordenada? A ação de um campo elétrico definido ou, de outra forma, uma diferença de potencial entre dois pontos. 5) O que são condutores? E isolantes ou dielétricos...

    1065  Palavras | 5  Páginas

  • Eletricidade

    elétrica é uma propriedade que algumas partículas apresentam: os prótons (carga positiva) e os elétrons (carga negativa). Todas partículas elementares eletrizadas possuem diferentes cargas elétricas em valor absoluto. As partículas elementares são o próton, o elétron, o nêutron e o fóton. Resistência elétrica é a capacidade de um corpo qualquer se opor à passagem de corrente elétrica mesmo quando existe uma diferença de potencial aplicada. Corrente elétrica é o nome dado ao movimento ordenado...

    848  Palavras | 4  Páginas

  • Exerc Cio 00 De Circuitos El Tricos

    – Circuito Elétrico Simples. 2. A figura 2 mostra o circuito de uma campainha residencial. A campanhia tem uma resistência de 8 e precisa de uma corrente de 1,5A para funcionar. Determine a Tensão necessária para que a campanhia toque. Figura 02 – Circuito Elétrico com Campanhia. 3. Qual o conceito de Tensão Elétrica? Quais alguns símbolos que representam esta grandeza elétrica? Qual a unidade básica e o símbolo que a representa? Qual o instrumento utilizado para medi-la? 4. O Watt (W) é uma unidade...

    849  Palavras | 4  Páginas

  • circuitos em serie e paralelo

    ASSOCIAÇÃO EM SÉRIE E PARALELO 1) (PUCRS) Em uma associação em série de resistência de valores diferentes entre sí, pode-se afirmar que: a) a resistência equivalente é igual a soma das resistências associadas e a menor delas dissipa a maior potência. b) a corrente é a mesma em todas as resistências, e o inverso da resistência equivalente é igual a soma dos inversos das resistências associadas. c) a ddp em cada resistor da associação é inversamente proporcional à respectiva resistência, e...

    3113  Palavras | 13  Páginas

  • SIMULAÇÃO DE TURBINA EÓLICA COM CONTROLE DE POTÊNCIA FORNECIDA À CARGA

    INSTITUTO FEDERAL DO ESPÍRITO SANTO CURSO SUPERIOR DE ENGENHARIA ELÉTRICA HIGOR SILVA SOBRAL SIMULAÇÃO DE TURBINA EÓLICA COM CONTROLE DE POTÊNCIA FORNECIDA À CARGA VITÓRIA 2013 HIGOR SILVA SOBRAL SIMULAÇÃO DE TURBINA EÓLICA COM CONTROLE DE POTÊNCIA FORNECIDA À CARGA Trabalho de conclusão de curso apresentado à Coordenadoria do curso de Engenharia Elétrica do Instituto Federal do Espírito Santo como requisito parcial para obtenção do título de Graduação em Engenharia Elétrica. Orientador: Prof...

    13490  Palavras | 54  Páginas

  • 23) Por que alguns elétrons recebem a denominação de elétrons livres?

    energia elétrica, tais como a eólica, a nuclear, a térmica, a solar etc. A respeito dessas vantagens e desvantagens em relação à geração hidrelétrica de energia, julgue os próximos itens. 2- O aproveitamento da energia solar apresenta a desvantagem da menor quantidade de energia elétrica produzida, mas a vantagem de não provocar direta, ou indiretamente, nenhum impacto negativo ao meio ambiente. A ( ) Certo. B ( ) Errado. 3- A geração térmica...

    1467  Palavras | 6  Páginas

  • potencia de sistemas trifasicos

    sistemas nas quais as fontes em corrente alternada operam na mesma frequência, mas com fases diferentes são denominados polifásicos. O circuito trifásico é um caso particular dos circuitos polifásicos que, por razões técnicas e econômicas tornou-se padrão em geração, transmissão e distribuição. Um sistema trifásico é produzido em um gerador conforme o esquema simplificado da Figura 1. Os três enrolamentos são estáticos e têm o mesmo número de espiras, enquanto o rotor do gerador se movimenta. O campo magnético...

    1961  Palavras | 8  Páginas

  • Eletricidade

    Eletricidade 3º ano – 1º bimestre Tensão, corrente, potência e resistência elétrica Caro aluno, você já pensou que estamos cercados por uma variedade de coisas que funcionam com eletricidade? Se fizermos uma lista de aparelhos elétricos e pensarmos no que eles produzem quando funcionam veremos que alguns têm a função de aquecer. Esses aparelhos possuem um pedaço de fio na forma de espiral chamado de resistor que esquentam durante o funcionamento. Esses aparelhos são chamados de resistivos. Eles...

    3912  Palavras | 16  Páginas

  • Recupera o 3 ano

     1) Ao encostar os terminais de uma bateria de 9V na língua, recebe-se um pequeno choque, porém se encostarmos esses terminais em qualquer outra parte do corpo não se recebe choque nem um. Por qual motivo isso acontece? a) Cada parte do corpo tem um coeficiente de resistividade elétrica diferente, sendo a da língua maior. b) A resistência elétrica da língua é muito grande permitindo a passagem de corrente elétrica. c) Isso acontece porque a corrente elétrica tem muita dificuldade em passar pela...

    507  Palavras | 3  Páginas

  • Tipos de Lampadas e Aplicações

    Trabalho de Eletrônica Industrial Lâmpadas fluorescentes eletrônicas e iluminação LED Guilherme Peres Sunhog 4111474-4 Lucas Oliveira Vetoraci 4104044-9 Renan Ferrarezi Silva 3097660-1 Rodrigo Araújo Dos Passos 3108615-2 7ºW Professor: Nelson Leopoldo Braghittoni São Pulo 2013 Sumário Introdução ............................................................................................................. 4 Lâmpadas de incandescência .......................

    9139  Palavras | 37  Páginas

  • Conteudo 3 AnoTodas2962013121840

    3° ano Dependência de Física Dependência de Física Colégio Meta (REPRODUçÃO PROIBIDA .Art 184 do código penal e lei 9.610 de 19 de fevereiro de 1998) 2 Dependência de Física CORRENTE ELÉTRICA "As cargas elétricas em movimento ordenado constituem a corrente elétrica. As cargas elétricas que constituem a corrente elétrica são os elétrons livres, no caso do sólido, e os íons, no caso dos fluídos." Intensidade da corrente elétrica i= ∆q ∆t ∆ q = n.e i = corrente elétrica (A) ∆ q = carga elétrica...

    10067  Palavras | 41  Páginas

  • Potência elétrica

    6 – Potência e trabalho elétrico Quando vamos comprar uma lâmpada ou um motor elétrico, com certeza uma informação imprescindível é a sua potência. Da mesma forma, eletrodomésticos também apresentam um valor de potência, embora nem sempre nos importemos com isso na hora da compra. Esse mau hábito aos poucos vai desaparecendo na medida em que as pessoas passam a entender que a potência de um eletrodoméstico ou aparelho qualquer está diretamente ligado ao consumo de energia, o que reflete em custo...

    1467  Palavras | 6  Páginas

  • Lampadas incandescentes

    Dias Curso: Engenharia Civil Assunto: Ligação de Lâmpadas Incandescentes Universidade de Fortaleza Março - 2013 INTRODUÇÃO No primeiro experimento, realizado em laboratório, estudamos um pouco a respeito de lâmpadas incandescentes, bem como a forma de comandá-las através de interruptores simples, de uma, duas e três seções, e através de interruptores paralelos...

    1575  Palavras | 7  Páginas

  • Eletrônica de Potência - Controle de Fase com TCA785

    Almeida de Faria Michel Demézio Rafael Gusberti São Paulo 2013 OBJETIVOS Analisar o funcionamento do TCA 785 e o controle de fase de TRIAC, utilizando uma lâmpada incandescente como carga. INTRODUÇÃO TÉCNICA O circuito integrado TCA785 da Siemens é projetado para fazer o controle de Tiristores, Triacs e transistores em circuitos de alta potência. Os pulsos de disparo podem ser deslocados em ângulos...

    1862  Palavras | 8  Páginas

  • 4eeenfis 06

    paralelo com as aulas teóricas, com alunos do terceiro ano do ensino médio de uma escola no município de Pinheiral, no Estado do Rio de Janeiro. Durante as aulas experimentais os alunos montaram circuitos elétricos em série, analisando os conceitos de corrente elétrica, tensão elétrica, potencia elétrica, resistência elétrica, de forma qualitativa e quantitativa. Os resultados qualitativos foram comparados com um questionário prévio respondido antes das aulas experimentais e apresentaram uma grande evolução...

    2820  Palavras | 12  Páginas

  • DP Eletricidade e optica

    ELETRICIDADE E OPTICA 1) Materiais que não conduzem cargas elétricas (ex: madeira, vidro, plástico, etc.) são chamados de : C-isolantes elétricos. R: São isolantes elétricos porque a carga elétrica não consegue se mover livremente, assim não há energia nos materiais. 2) É possível medir a passagem de 2 000 elétrons por segundo através de uma secção de um condutor com certo aparelho sensível. Sendo a carga´do elétron 1,6.10-19 C, calcule a intensidade da corrente correspondente ao movimento...

    12987  Palavras | 52  Páginas

  • Uma abordagem de ensino através de atividades experimentais para o estudo das lâmpadas de tungstênio, fluorescente e LED

    Uma abordagem de ensino através de atividades experimentais para o estudo das lâmpadas de tungstênio, fluorescente e LED Campinas - SP 2012 Ricardo Naruki Hiramatsu Trabalho de Conclusão...

    4987  Palavras | 20  Páginas

  • eleltricidade de optica

    da carga em Couloumbs (C) t = variação do tempo em segundos (s) portanto:i= 32/4 = 8 A Materiais que não conduzem cargas elétricas (ex: madeira, vidro, plástico, etc.) são chamados de : A -condutores iônicos. B -isolantes acústicos. C -isolantes elétricos. D -semicondutores. E -resistores. R: São isolantes elétricos porque a carga elétrica não consegue se mover livremente, assim não há energia nos materiais. É possível medir a passagem de 2 000 elétrons por segundo através...

    3664  Palavras | 15  Páginas

  • ESTUDOS DE POSSÍVEIS CASOS DE AFUNDAMENTO DE TENSÃO

    Gobbe ESTUDOS DE POSSÍVEIS CASOS DE AFUNDAMENTO DE TENSÃO LINS-SP 2008 2 Clerisson Marcos da Paz Oliveira Rodrigo Zumerli Volpe Leandro Ferreira Gobbe ESTUDOS DE POSSÍVEIS CASOS DE AFUNDAMENTO DE TENSÃO Trabalho de conclusão de curso apresentado como requisito para aprovação no curso de Engenharia Elétrica do Centro Universitário de Lins UNILINS, sob orientação do Prof. Mestre Devair Rios Garcia. LINS-SP 2008 3 Centro Universitário de Lins - UNILINS Clerisson...

    17080  Palavras | 69  Páginas

  • Fisica 3

    elementar , qual a carga deste corpo? Eletrização de corpos 3. Em uma atividade no laboratório de física, um estudante, usando uma luva de material isolante, encosta uma esfera metálica A, carregada com carga +8µC, em outra idêntica B, eletricamente neutra. Em seguida, encosta a esfera B em outra C, também idêntica e elétricamente neutra. Qual a carga de cada uma das esferas? Lei de Coulomb 4. Considere duas partículas carregadas respectivamente com +2,5 µC e -1,5 µC, dispostas conforme mostra a figura...

    3801  Palavras | 16  Páginas

  • Eletricidade E Optica

    Justifique: i= 32 C/ 4s  i= 8 C/s  2. Materiais que não conduzem cargas elétricas (ex: madeira, vidro, plástico, etc.) são chamados de : a) condutores iônicos. b) isolantes acústicos. c) isolantes elétricos. d) semicondutores. e) resistores. Justifique: São isolantes elétricos porque a carga elétrica não consegue se mover livremente, assim não há energia nos materiais. 3. É possível medir a passagem de 2 000 elétrons por segundo através de uma secção de um condutor com certo aparelho sensível...

    8544  Palavras | 35  Páginas

  • Controlador de tensão CA com Carga Resistiva

    Eletrônica Industrial Controlador de tensão CA com Carga Resistiva Prof. Lazaro Neto André Cunha Guilherme de Oliveira Jean Carlos Ramon Carneiro 110220 110854 110080 111725 Data realização: Data entrega: 29/08/2014 01/09/2014 Sorocaba / SP 2014 SUMÁRIO 1. OBJETIVO.......................................................................................3 2. MATERIAL UTILIZADO..................................................................3 3. PROCEDIMENTO EXPERIMENTAL.......

    855  Palavras | 4  Páginas

  • Lâmpadas fluorescentes

    Lâmpadas Fluorescentes Recife, 04 de Abril de 2013. Lâmpadas Fluorescentes HISTÓRIA DA LÂMPADA Sem sombra de dúvidas, podemos dizer que as lâmpadas incandescentes foram umas das maiores invenções de toda a história, pois acabaram substituindo os lampiões a gás, os quais eram bastante perigosos, poluentes e apresentavam uma luminosidade relativamente limitada. Além disso, abriu caminho para o desenvolvimento da eletrônica e a criação posterior de outros importantes inventos. Embora diversos...

    3067  Palavras | 13  Páginas

  • RIC Baixa Tensão

    Instalações Consumidoras Fornecimento em Tensão Secundária de Distribuição Rede de Distribuição Aérea Janeiro 2011 AES Sul Distribuidora Gaúcha de Energia S/A Companhia Estadual de Distribuição de Energia Elétrica Rio Grande Energia S/A REGULAMENTO DE INSTALAÇÕES CONSUMIDORAS FORNECIMENTO EM TENSÃO SECUNDÁRIA REDE DE DISTRIBUIÇÃO AÉREA 5ª Edição Versão 1.3 Janeiro/2011 Regulamento de Instalações Consumidoras 2 SUMÁRIO 1. 2. 3. Objetivo .............................

    14929  Palavras | 60  Páginas

  • Magnetismo

    r ão p vers inar elim física GREF ELETROMAGNETISMO para ler, fazer e pensar leituras de 7 a 13 7. Chuveiros elétricos 10. O controle da corrente elétrica 8. Lâmpadas e fusíveis 11. Ligações elétricas na residência 9. A potência nos aparelhos resistivos 12. Circuitos elétricos e sua representação 13. Exercícios Leituras de Física é uma publicação do GREF - Grupo de Reelaboração do Ensino de Física Instituto de Física da USP EQUIPE DE ELABORAÇÃO DAS LEITURAS DE FÍSICA Anna Cecília...

    7018  Palavras | 29  Páginas

  • tipos de lâmpadas

    características de lâmpadas Sistemas de iluminação O passado… O presente… http://www.prof2000.pt/users/lpa O futuro próximo… Características de uma lâmpada Vida útil É definida como o tempo em horas, no qual cerca de 25% do fluxo luminoso das lâmpadas testadas foi reduzido. Depreciação do fluxo luminoso Ao longo da vida útil da lâmpada, é comum ocorrer uma diminuição do fluxo luminoso que sai da luminária, por motivo da própria depreciação normal do fluxo da lâmpada e devido ao acumular...

    3047  Palavras | 13  Páginas

  • Diversos

    CONHECIMENTOS GERAIS 1) Em um circuito elétrico constituído de uma fonte de tensão que alimenta uma carga. Para medir a corrente do circuito e a tensão na carga, deve-se: (A) O amperímetro e o voltímetro em série com o resistor; (B) O amperímetro antes e o voltímetro depois do resistor (essa colocação depende do sentido da corrente elétrica); (C) O amperímetro em paralelo e o voltímetro em série com o resistor; (D) O amperímetro em série e o voltímetro em paralelo com o resistor. (E) Nenhuma das anteriores...

    710  Palavras | 3  Páginas

  • INVERSORES DE TENSÃO

    TECNICA CURSO NOBRE ALEXANDRE PIMENTA PALMEIRA INVERSORES DE TENSÃO SÃO JOSÉ DO RIO PRETO 2014 ESCOLA TECNICA CURSO NOBRE ALEXANDRE PIMENTA PALMEIRA INVERSORES DE TENSÃO Trabalho de Conclusão de Curso apresentado como requisito parcial para obtenção...

    5888  Palavras | 24  Páginas

  • exercicios resolvidos de fisica

    1999) Lâmpadas incandescentes são normalmente projetadas para trabalhar com a tensão da rede elétrica em que serão ligadas. Em 1997, contudo, lâmpadas projetadas para funcionar com 127V foram retiradas do mercado e, em seu lugar, colocaram-se lâmpadas concebidas para uma tensão de 120V. Segundo dados recentes, essa substituição representou uma mudança significativa no consumo de energia elétrica para cerca de 80 milhões de brasileiros que residem nas regiões em que a tensão da rede é de 127V. A tabela...

    1975  Palavras | 8  Páginas

  • ELETROTECNICA

    resistência utilizando a “Lei de Ohm” (relação entre a tensão e a corrente) e escrever os valores no Quadro I. Observar os valores calculados com o valor da resistência do resistor medido através do ohmímetro. (d) Fazer um gráfico de “tensão x corrente” em um papel milimetrado. (e) Indicar abaixo e justificar no verso se o resistor teve um comportamento ôhmico ou não-ôhmico. Ôhmico Não-ôhmico Quadro I U (V) I (A) R (Ω) 2 3 4 5 6 7 2 EXPERIÊNCIA Nº 2 – CIRCUITO I 1ª...

    6338  Palavras | 26  Páginas

  • APS Física 3- Circuitos Paralelo, Série e Misto

    relações APS - FÍSICA 3 TOLEDO 2013 Guilherme Pedro Escher Inácio Bacarin Zavilenski Guilherme Nunes Análise de Circuitos e suas relações TOLEDO 2013 SUMÁRIO 1. INTRODUÇÃO Em busca de assimilar o conhecimento, havendo a necessidade de confrontar a teoria com prática, resolvemos analisar o comportamento de um circuito resistivo qualquer. Nele pretendemos analisar as relações que envolvem a tensão, corrente, resistência, Lei de Ohm...

    920  Palavras | 4  Páginas

  • Energização de uma lâmpada

    ligação (energização) de uma lâmpada. 2 - MONTAGEM -1 base de madeira medindo 247mm X 192mm X 19mm -1 bocal de louça E27 -2 conectores de louça 12AWG -1 interruptor Pial Legrand 10A -1 tomada de 2 pinos de 10A / 250V -1 lâmpada Osram incandescente de 40W / 127V -1 chave teste de 100 a 500V Decorlux -Fio de 2,5mm 3 - DESCRIÇÃO Na base de madeira foi montado todo o sistema para ligação da lâmpada. A experiência consistiu em ligar uma lâmpada na rede elétrica 127V, onde a fase foi ligada...

    767  Palavras | 4  Páginas

  • Relatório da aula 3 de laboratório de eletrotécnica

    [pic] Relatório da Aula 3 de Laboratório de Eletrotécnica Alunos: Jean Marco Antônio Marco Bruno Geraldo Jeferson [pic] Introdução: Nessa terceira aula, realizamos a montagem de um tipo de circuito, que segue com maiores detalhes[pic] abaixo. Teoria: George Simon Ohm (1787-1854) foi um dos pesquisadores que, no século XIX, mais precisamente em 1827, conseguiu formular um enunciado que envolvia um novo conceito por ele determinado, o da resistência elétrica...

    810  Palavras | 4  Páginas

  • Fundamentos Básicos da Eletricidade

    na fonte energética mais utilizada até o presente momento. Ainda que a pesquisa de geração de eletricidade tenha se voltado para campos, como o aproveitamento da energia das marés, da energia eólica e da energia solar, os meios mais utilizados são o através das quedas d'água ou energia hidráulica, e da energia térmica, proveniente da queima de combustíveis minerais sólidos ou líquidos e da fissão nuclear. “Eletricidade é a designação comum aos fenômenos em que estão envolvidas cargas elétricas...

    5453  Palavras | 22  Páginas

  • Associação de resistorem em serie e paralelo

    .................................................................... 03 3. Conclusão ........................................................................................... 06 4. Bibliografia ........................................................................................... 07 1. Objetivo Verificação do funcionamento da associação de resistores em serie e paralelo. 2...

    668  Palavras | 3  Páginas

  • Eletrodinamica

    corrente, em Amperes, no fio? 2) (UEL) Pela secção reta de um condutor de eletricidade passam 12,0C a cada minuto. Nesse condutor a intensidade da corrente elétrica, em ampères, é igual a: a) 0,08 b) 0,20 c) 5,0 d) 7,2 e) 12 3) (UERJ) Observe as configurações abaixo: Aquela que permite acender uma lâmpada de lanterna, usando uma pilha comum e alguns pedaços de fio, é a de número: a) 1 b) 2 c) 3 d) 4 e) 1 ou 4 4) (Unifesp) Um condutor é percorrido por uma corrente elétrica de intensidade i = 800...

    20921  Palavras | 84  Páginas

  • TD De F Sica Para O ENEM

    dimensionamento da potência requerida, da fiação necessária, dos eletrodutos, entre outras. Para cada aparelho elétrico existe um valor de potência associado. Valores típicos de potências para alguns aparelhos elétricos são apresentados no quadro seguinte: A escolha das lâmpadas é essencial para obtenção de uma boa iluminação. A potência da lâmpada deverá estar de acordo com o tamanho do cômodo a ser iluminado. O quadro a seguir mostra a relação entre as áreas dos cômodos (em m²) e as potências das lâmpadas...

    1488  Palavras | 6  Páginas

  • Eletrodinâmica

    ELÉTRICA, TENSÃO, LEIS DE OHM E POTÊNCIA ELÉTRICA 1. (Ufg 2006) Um desfibrilador externo, usado para reversão de paradas cardíacas, provoca a descarga rápida de um capacitor através do coração, por meio de eletrodos aplicados ao tórax do paciente. Na figura a seguir, vê-se o gráfico de descarga de um capacitor de capacidade C, inicialmente 100% carregado, através de um resistor de resistência R, em função do tempo, o qual é dado em termos da constante de tempo = RC. Observe que, a cada constante...

    7744  Palavras | 31  Páginas

  • Relatorio de Laboratorio de eletrotecnica

    ANÁLISE DE LÂMPADAS FLUORESCENTES Grupo: Turma: E 1 de December de 2013 Juiz de Fora - MG INTRODUÇÃO A fluorescência é uma das formas de converter energia elétrica em luz. As lâmpadas que se baseiam nesse princípio possuem quatro componentes básicos: um tubo de vidro transparente, dois eletrodos (um em cada ponta), uma mistura de gases e um material que reveste internamente o tubo. A Figura 1, representa tais componentes. Figura 1 – Componentes de uma lâmpada fluorescente...

    2070  Palavras | 9  Páginas

  • Eficiência Energética de Lampadas Econômicas

    elétricos são introduzidos, trazendo novos benefícios e se tornando indispensáveis ao cotidiano da população, a qualidade da energia passa a ser um fator preocupante, já que pode influenciar na competitividade dos setores industriais e de serviço. Este trabalho apresenta os resultados da investigação do impacto na qualidade de energia elétrica causado pela introdução das lâmpadas fluorescentes compactas, conhecidas também como lâmpadas econômicas, em substituição às lâmpadas incandescentes. 1. INTRODUÇÃO ...

    3515  Palavras | 15  Páginas

  • exercicios de comandos elétricos

    2)a)Calcule a corrente elétrica que um chuveiro de 10 consome ligado em uma rede de 127V. b)Um ferro elétrico de 30 de resistência está ligado em uma rede de 127V. Calcule a sua corrente elétrica. c)Calcule a corrente elétrica que uma lâmpada com 200 consome ligada em tensão de 220V. d)Uma resistência elétrica de 22,5 está ligada em uma rede de 220V. calcule a sua corrente elétrica. 3) Calcule a tensão elétrica nos circuitos a seguir: a) b) c) d) ...

    7771  Palavras | 32  Páginas

  • Senai - eletrotécnica - materiais e equipamentos em sistemas de baixa tensão i

    Pessoal de Manutenção Elétrica Materiais e Equipamentos em Sistemas de Baixa Tensão _________________________________________________________________________________________________ SENAI Departamento Regional do Espírito Santo 3 Espírito Santo _________________________________________________________________________________________________ Materiais e Equipamentos em Sistemas de Baixa Tensão - I - Elétrica © SENAI - ES, 1997 Trabalho realizado em parceria SENAI / CST...

    38368  Palavras | 154  Páginas

  • Exercicios comandos eletricos

    2)a)Calcule a corrente elétrica que um chuveiro de 10( consome ligado em uma rede de 127V. b)Um ferro elétrico de 30( de resistência está ligado em uma rede de 127V. Calcule a sua corrente elétrica. c)Calcule a corrente elétrica que uma lâmpada com 200( consome ligada em tensão de 220V. d)Uma resistência elétrica de 22,5( está ligada em uma rede de 220V. calcule a sua corrente elétrica. 3) Calcule a tensão elétrica nos circuitos a seguir: a) b) c) d) ...

    7771  Palavras | 32  Páginas

  • Tipos de lampadas

    RESUMO Lâmpada, uma das maiores invenções da historia. Talvez nos dias de hoje com tanta tecnologia ao nosso redor, esta invenção que de forma grandiosa fez com que o homem mudasse seu estilo de vida, possa estar passando despercebida quanto ao grau de sua importância em nosso daí - dia, ou seja, só lembramo-nos dela quando esta quebra, queima ou de algum modo para de funcionar. Atualmente existem vários modelos de lâmpadas encontradas no mercado, porem cada uma delas tem seu próprio sistema de...

    2046  Palavras | 9  Páginas

  • lampadas

    LÂMPADAS 1. Conceito Dispositivo usado na iluminação, que encandeia algum pavio usando combustão ou energia elétrica, o mesmo que farol de iluminação ou lampião. 2. Características Uma lâmpada possui várias características, levando-se em conta alguns pontos de vista. Entre as principais podemos considerar: tensão de alimentação, intensidade da corrente, posição de funcionamento, tipo de casquilho, dimensão, etc. Do ponto de vista luminotécnico há que se considerar: rendimento luminoso, temperatura...

    2731  Palavras | 11  Páginas

  • UNIP ( Disciplina Online) ELETRICIDADE E OPTICA

    (ENEM 1999) Lâmpadas incandescentes são normalmente projetadas para trabalhar com a tensão da rede elétrica em que serão ligadas. Em 1997, contudo, lâmpadas projetadas para funcionar com 127V foram retiradas do mercado e, em seu lugar, colocaram­se lâmpadas concebidas para uma tensão de 120V. Segundo dados recentes, essa substituição representou uma mudança significativa no consumo de energia elétrica para cerca de 80 milhões de brasileiros que residem nas regiões em que a tensão da rede é de 127V. A t...

    2416  Palavras | 10  Páginas

  • Sistemas de emergência

    Guia Prático Philips Iluminação Lâmpadas, Reatores, Luminárias e LEDs Bem-Vindo ao Guia Prático Philips Iluminação O Guia Prático é uma ferramenta de fácil utilização que contém todas as informações necessárias da Índice Lâmpadas Incandescentes .................................................................................6 - 13 Halógenas.........................................................................................14 - 21 Fluorescentes Compactas Integradas e MASTER LED .............

    19204  Palavras | 77  Páginas

  • iluminação residencial

    Canfild Faculdade Assis Gurgacz Engenheira Eletricista _________________________________________________________________ Professor: Yuri Ferruzzi Faculdade Assis Gurgacz Mestrado em Engenharia Agrícola Cascavel, 27 de Dezembro de 2006. 3 DEDICATÓRIA Aos meus pais, Pedro Lecheta e Beatriz Lecheta, por ter me proporcionado à realização deste sonho. Aos meus irmãos Liliane e Ângelo, e minha namorada Tatiana Barioni, por serem pessoas maravilhosas que sempre confiaram e acreditaram...

    14704  Palavras | 59  Páginas

  • trbaio

    1018. d) 1017. e) 1016. 3. (Unifesp) Num livro de eletricidade você encontra três informações: a primeira afirma que isolantes são corpos que não permitem a passagem da corrente elétrica; a segunda afirma que o ar é isolante e a terceira afirma que, em média, um raio se constitui de uma descarga elétrica correspondente a uma corrente de 10000 ampères que atravessa o ar e desloca, da nuvem à Terra, cerca de 20 coulombs. Pode-se concluir que essas três informações são: a) coerentes, e que o intervalo...

    1204  Palavras | 5  Páginas

  • lampadas led

    .....................................3 2. O QUE É UM LED?..............................................................................................................4 2.1 Histórico..............................................................................................................................4 3. PRINCIPAIS USOS..............................................................................................................6 4. LÂMPADAS LED....................................

    2094  Palavras | 9  Páginas

  • Instalação Elétrica Canteiro de Obras

    mínimas de tomadas e potências mínimas de iluminação, de acordo com as tabelas a seguir: Tabela 01 - Tomada para banheiros ÁREA (m²) PERÍMETRO (m) T.U.G. (600W) Qualquer Qualquer 1 Tabela 2 - Tomadas para demais cômodos e dependências. ÁREA (m²) PERÍMETRO (m) T.U.G. (100W) A ≤ 6 Qualquer 1 A > 6 5,0 < P ≤ 10,0 2 10,0 < P ≤ 15,0 3 15,0 < P ≤ 20,0 4 20,0 < P ≤ 25,0 5 25,0 < P ≤ 30,0 6 30,0 < P ≤ 35,0 7 35,0 < P ≤ 40,0 8 Tabela 3 – Tabela para dimensionamento...

    3762  Palavras | 16  Páginas

  • Automação residencial

    Costa Canfild Faculdade Assis Gurgacz Engenheira Eletricista ____________________________________________________________ _____ Professor: Yuri Ferruzzi Faculdade Assis Gurgacz Mestrado em Engenharia Agrícola Cascavel, 27 de Dezembro de 2006. 3 DEDICATÓRIA Aos meus pais, Pedro Lecheta e Beatriz Lecheta, por ter me proporcionado à realização deste sonho. Aos meus irmãos Liliane e Ângelo, e minha namorada Tatiana Barioni, por serem pessoas maravilhosas que sempre confiaram e acreditaram...

    15048  Palavras | 61  Páginas

  • Topicos

    Lâmpadas Halógenas Dicróica MASTERLine Design completo e excelente performance. Foto Ilustrativa São lâmpadas halógenas com base bipino anticorrosiva, com cobertura dicróica e um vidro frontal protetor. Possuem a tecnologia patenteada de supressão de infravermelho, emitem menos calor, são 40% mais eficientes e oferecem 66% mais vida que as lâmpadas dicróicas Standard. Operam em baixa tensão (12V) necessitando de um transformador e podem ser dimerizadas. Design completo e ótima performance, oferecem...

    17939  Palavras | 72  Páginas

  • Relatório Lampada com Relé

    CENTRO UNIVERSITÁRIO DO NORTE PAULISTA ENGENHARIA ELÉTRICA - 3° ANO RELATÓRIO - EXPERIÊNCIA DE MONTAGEM DE CIRCUITO DE LAMPADA 127Vca COM RELÉ 12Vcc 2° BIMESTRE ELETRÔNICA BÁSICA Nome: André Felipe A. Carvalho Professor: Paulo Fantinato São José do Rio Preto 2014 Sumário 1. Introdução 2. Desenvolvimento • Descrições de Componentes 3. Procedimentos • Diagrama desenvolvido no Programa Proteus 8.1 • Explicação de Funcionamento • Lista de componentes utilizados 4....

    731  Palavras | 3  Páginas

  • fisica 3 revisao

    PROFº EDI REVISÃO FÍSICA 3 1) (Fafi-MG) Dizer que a carga elétrica é quantizada significa que ela: a) só pode ser positiva b) não pode ser criada nem destruída c) pode ser isolada em qualquer quantidade d) só pode existir como múltipla de uma quantidade mínima definida e) pode ser positiva ou negativa. para ficar em equilíbrio sob ação somente de forças elétricas? 2) (Unitau-SP) Uma esfera metálica tem carga elétrica -4 negativa de valor igual a 3,2.10 C. Sendo a carga do -19 ...

    3826  Palavras | 16  Páginas

  • exercico de potencia eletrica

    Testes: 02. (SÃO LEOPOLDO-RS) Num escritório são instalados 10 lâmpadas de 100W, que funcionarão, em média, 5 horas por dia. Ao final do mês, à razão de R$ 0,12 por kWh, o valor da conta será:   a) R$ 28,00 b) R$ 25,00 c) R$ 18,00 d) R$ 8,00 e) n.d.a.       03. (FUVEST) Um chuveiro elétrico, ligado em média uma hora por dia, gasta R$ 10,80 de energia elétrica por mês. Se a tarifa cobrada é de R$ 0,12 por quilowatt-hora, então a potencia desse aparelho elétrico é:   a) 90W b) 360W c) 2...

    1210  Palavras | 5  Páginas

  • Eletronica

    Faraday (1791-1867) em 1833. 2 - Conceitos da Eletrostática A carga elétrica é considerada como sendo uma propriedade que se manifesta em algumas das chamadas partículas elementares; por exemplo, nos prótons e elétrons. Os prótons e elétrons são os portadores do que denominamos carga elétrica, mas esta propriedade não se manifesta exatamente da mesma forma nessas partículas; convencionou-se, então, a chamar a carga elétrica dos prótons de positiva (+) e a dos elétrons de negativa (-). Experiências...

    19150  Palavras | 77  Páginas

tracking img