• Estado Medieval resumo
    informativos das sociedades políticas que, integrando novos fatores, quebraram a rígida e bem definida organização romana, revelando novas possibilidades e novas aspirações, culminando no Estado Moderno. O cristianismo, as invasões dos bárbaros e o feudalismo foram principais elementos que se...
    1003 Palavras 5 Páginas
  • Poder, Politica e estado
    com a coesão social, inseriu-a de forma clara na questão. O Estado é fundamental numa sociedade que fica cada dia mais complexa, devendo estar acima das organizações comunitárias. Weber manifestava uma preocupação especifica com a estrutura política alemã, mas levava em conta também o sistema...
    909 Palavras 4 Páginas
  • economia
    . na base, provoca mudanças radicais, na forma de estado, nas leis, nas relações políticas, na moral, na ideologia, ou seja, na superestrutura. CONCLUSÃO Após a leitura do texto chegamos as seguintes considerações finais, a formação da sociedade humana foi totalmente diferente em todas...
    1998 Palavras 8 Páginas
  • Teoria da contabilidade
    personalidade própria. DO FEUDALISMO AO CAPITALISMO A sociedade feudal consistia de três classes: sacerdotes; guerreiro; trabalhadores. O trabalhador produzia no campo, grãos alimentos, vestuários para ambas as outras partes, eclesiástica e militar. Neste período cada...
    4316 Palavras 18 Páginas
  • Logística Industrial
    prevaleceu na Europa a partir do século IV, após a decadência do Império Romano e do crescimento das invasões bárbaras. A sociedade feudal era estática (com pouca mobilidade social) e hierarquizada. A nobreza feudal (senhores feudais, cavaleiros, condes, duques, viscondes) era detentora de terras e...
    4339 Palavras 18 Páginas
  • estados modernos
    guerras mundiais (I Guerra Mundial e II Guerra Mundial).  Como surgiu o estado moderno? O Estado moderno surgiu da desintegração do mundo feudal e das relações políticas até então dominantes na Europa. No período medieval, o poder estava nas mãos dos senhores feudais, que...
    1403 Palavras 6 Páginas
  • ORIGEM DA SOCIOLOGOGIA E SEUS PENSADORES
    ?..........................................................................11 5.2 CONTEXTO HISTÓRICO DO HUMANISMO.............................12 6 ILUSTRAÇÃO DOS DIFERENTES ASPECTOS...........................13 6.1 PARADÍGMAS DA FILOSOFIA POLÍTICA...............................14 7 CONCLUSÃO...
    1824 Palavras 8 Páginas
  • Fichamento Marx
    movido a braço nos dá a sociedade feudal, o moinho movido a vapor nos dá a sociedade capitalista industrial. Os conhecimentos básicos de forças produtivas e de relações sociais de produção demonstram que as relações citadas interligam-se de tal forma que se houverem mudanças em uma...
    2420 Palavras 10 Páginas
  • O estado e características
    servos acumulavam recursos econômicos e libertavam-se dos senhores feudais e migravam para as cidades. Agora a burguesia rica e poderosa precisava de uma nova organização política, acabar com os conflitos pelo poder entre os membros da igreja, reduzir os impostos cobrados pelos senhores feudais e...
    1080 Palavras 5 Páginas
  • Direito do trabalho
    Brasil 2- Contribuição sindical Contribuição Confederativa Contribuição Associativa Contribuição Mensal 3- Greve no ordenamento Jurídico Brasileiro 4- Conclusão 5- Referência Bibliográfica Introdução O desenvolvimento das sociedades permite que esta crie meios que...
    6735 Palavras 27 Páginas
  • cienciapolitica
    existente na sociedade. O surgimento da Sociologia O surgimento da sociologia ocorreu na desagregação da sociedade feudal e da consolidação da civilização capitalista. No século XVIII ouve um marco importante na historia do pensamento, surgia à sociologia onde os homens experimentaram mudanças...
    1954 Palavras 8 Páginas
  • Igreja, cultura medieval e baixa idade média
    , à partir do século XII terá um papel fundamental na economia européia. ESTRUTURA POLÍTICA O poder político era descentralizado, ou seja, distribuído entre os grandes proprietários de terra ( os SENHORES FEUDAIS). Apesar da fragmentação do poder político, havia os laços de fidelidade pessoal...
    3633 Palavras 15 Páginas
  • AQUESTÃO DO TRABALHO NA SOCIEDADE CONTEMPORÂNEA
    relembrar que, a partir de meados do século XlV várias transformações sociais, políticas e econômicas ocorreram para marcar a transição da sociedade feudal para a sociedade capitalista. Houve um deslocamento do foco da visão de mundo, que deixou de ser teocêntrica, Deus como centro do Universo, e...
    2892 Palavras 12 Páginas
  • O que é Sociologia
    Sociologia é a ciência que estuda a constituição das sociedades humanas, a sua evolução e desenvolvimento. O resultado social e político da Revolução Francesa foi à instalação do caos urbano, a anarquia política e a desorganização social. O ideal de Liberdade e igualdade foi um fiasco. O fato chamou a...
    1696 Palavras 7 Páginas
  • História do direito do trabalho
    país na segunda metade do século XIX, prenunciando a transição da sociedade senhorial para a empresarial”. 5 REGIME FEUDAL A passagem da escravidão para a servidão foi lenta e racional. A relação de domínio debilita-se para que o servo deixe de ser coisa e passe a ser visto como pessoa e...
    5068 Palavras 21 Páginas
  • Teoria de administração
    desenvolvimento das organizações. Não é difícil prever uma série de profundas mudanças na estrutura e no comportamento das empresas em consequência desse desenvolvimento. História da riqueza do homem A sociedade feudal era constituída de três classes principais: sacerdotes...
    2592 Palavras 11 Páginas
  • Conceito e evolução de estado
    governo de um reino ou império, seja por interesses econômicos mútuos, seja por dominação pela força. O estado como unidade política básica no mundo tem, em parte, vindo a evoluir no sentido de um supra nacionalismo, na forma de organizações regionais, como é o caso da União Européia. A Evolução...
    1420 Palavras 6 Páginas
  • ATPS
    -----------------------------------------------------------------------8 PLANO DE AÇÃO------------------------------------------------------------------------------------------9 CONCLUSÃO----------------------------------------------------------------------------------------------10 BIBLIOGRAFIA...
    2987 Palavras 12 Páginas
  • A recepção do direito romano na idade média
    para a grande importância que o Ius commune tem hoje. O Ius Commune só perdurou por tanto tempo devido ao seu pontencial estruturador, uma vez que mesmo com as variações (econômicas, políticas e sociais) o sistema de direito continuou basicamente o mesmo, ou seja, foi selecionado pela sociedade...
    2060 Palavras 9 Páginas
  • Resenha do livro 1492 a conquista do paraiso
    e XV um período de crise da economia e da sociedade, que "[...] marcou as dificuldades e os limites do modo de produção feudal no último período da Idade Média" (ANDERSON, 1998, p. 15), em conseqüência desse processo emergiu no Ocidente o Estado absolutista. A segunda proposta do autor é a...
    3629 Palavras 15 Páginas