• Hipóteses de alfabetização segundo emilia ferreiro e ana teberosky
    HIPÓTESES DE ALFABETIZAÇÃO SEGUNDO EMILIA FERREIRO E ANA TEBEROSKY “(...) a escrita é alheia a qualquer busca de correspondência entre grafia e os sons, ou seja, não apresenta nenhum tipo de correspondência sonora. Esse processo representa a escrita de um período longo do processo de alfa
    940 Palavras 4 Páginas
  • Níveis de escrita segundo emilia ferreiro
    HIPÓTESES DE ALFABETIZAÇÃO SEGUNDO EMILIA FERREIRO E ANA TEBEROSKY. Por acreditarem que a criança busca a aprendizagem na medida em que constrói o raciocínio lógico e que o processo evolutivo de aprender a ler e escrever passa por níveis de conceitualização que revelam as hi
    579 Palavras 3 Páginas
  • Educacao segundo emilia ferreiro
    UNINORTE - CENTRO UNIVERSITARIO DO NORTE CURSO LICENCIATURA EM PEDAGOGIA IVO MARTINS DE ARRUDA JR EMILIA FERREIRO MANAUS 2012 CURSO LICENCIATURA EM PEDAGOGIA EMILIA FERREIRO Trabalho Apresentado para obtenção de nota na disciplina de psicologia da educação, ministra
    2216 Palavras 9 Páginas
  • Hipóteses da Escrita Infantil - Segundo Emilia Ferreiro
    Hipóteses da Escrita Infantil - Segundo Emilia Ferreiro Elas podem ser classificadas em: Pré-silábica: Subdividida em dois níveis, nessa fase, a criança não traça o papel com a intenção de realizar o registro sonoro do que foi proposto para a escrita: a) Nível 1 - Ela apresenta baixa...
    808 Palavras 4 Páginas
  • Emilia Ferreiro fases da escrita
    EMILIA FERREIRO Evolução da escrita Dinâmica Árvore do Saber Número de participantes: Grupos com três componentes por cada grupo, não importando o número de grupos. Duração: 5 minutos Objetivos Pedagógicos: Introduzir, rever e consolidar os conteúdos abordados nas...
    3085 Palavras 13 Páginas
  • Considerações sobre emilia ferreiro
    FERREIRO, Emília. Reflexões sobre alfabetização. 12ª ed. São Paulo: Cortez, 1988. 104p. A autora Emília Ferreiro no livro “Reflexões sobre Alfabetização” apresenta pesquisas realizadas por ela e seus colaboradores. A “psicogênese da escrita na criança”, foi o resultado des
    3531 Palavras 15 Páginas
  • Emilia ferreiro
    Emilia Ferreiro, psicóloga e pesquisadora argentina, radicada no México, fez seu doutorado na Universidade de Genebra, sob a orientação de Jean Piaget. Na Universidade de Buenos Aires, a partir de 1974, c
    498 Palavras 2 Páginas
  • Emilia ferreiro
    Emilia Ferreiro Emilia Ferreiro, psicóloga e pesquisadora argentina, fez seu doutorado na Universidade de Genebra, a partir de 1974, como docente, iniciou seus trabalhos experimentais, que deram orig
    439 Palavras 2 Páginas
  • Teoria emilia ferreiro
    Educação e Pesquisa: a produção do conhecimento e a formação de pesquisadores Lins, 17 – 21 de outubro de 2011 III ENCONTRO CIENTÍFICO E SIMPÓSIO DE EDUCAÇÃO UNISALESIANO ALFABETIZAÇÃO HOJE: TEORIAS, CONCEPÇÕES VIGENTES E PRÁTICAS DOCENTES DOS PROFESSORES ALFABETIZADORES. Cás
    4654 Palavras 19 Páginas
  • Construtivismo de piaget a emilia ferreiro
    Construtivismo De Piaget a Emilia Ferreiro Em todas as áreas do conhecimento o homem busca pelo método ideal. Na educação, a busca pelo método ideal de ensino tem sido sempre um tema de grande discussão entre os pensadores e educadores; eles foram criados para solucionar a marginal
    1084 Palavras 5 Páginas
  • Método de alfabetização de emilia ferreiro e ana teberosky
    MÉTODO DE ALFABETIZAÇÃO DE EMILIA FERREIRO E ANA TEBEROSKY Por acreditarem que a criança busca a aprendizagem na medida em que constrói o raciocínio lógico e que o processo evolutivo de aprender a ler e escrever passa por níveis de conceitualização que revelam as hipóteses a que chego
    690 Palavras 3 Páginas
  • aula de conceito de letramento
    Prática de Ensino II Aula 06 Os direitos desta obra foram cedidos à Universidade Nove de Julho Este material é parte integrante da disciplina oferecida pela UNINOVE. O acesso às atividades, conteúdos multimídia e interativo, encontros virtuais, fóruns de discussão e a comunicação...
    1425 Palavras 6 Páginas
  • . A Relevância Do Conceito De Letramento Para A Educação Lingüística.
    Segundo Magda Soares (apud BAGNO et al., 2007, p. 52), letramento é o “estado ou condição de quem não só sabe ler e escrever, mas exerce as práticas sociais da leitura e de escrita que circulam na sociedade em que vive, conjugando-as com as práticas sociais de interação oral.” Além...
    566 Palavras 3 Páginas
  • Emilia ferreiro
    Nenhum nome teve mais influência sobre a educação brasileira nos últimos 20 anos do que o da psicolinguista argentina Emilia Ferreiro. A divulgação de seus livros no Brasil, a partir de meados dos anos 1980, causou um grande impacto sobre a concepção que se tinha do processo de alfabetizaçÃ
    437 Palavras 2 Páginas
  • Trabalho sobre emilia ferreiro
    UNIVERSIDADE LUTERANA DO BRASIL - ULBRA PEDAGOGIA Emilia Beatriz Maria Ferreiro Schavi: Sua Biografia e Contribuição para a Educação Eunápolis Setembro de 2009 Adriana Santos Almeida Edilene Marques Emily Oliveira Bastos Josciara Silva Araújo Emilia Beatriz Maria Ferreiro S
    1190 Palavras 5 Páginas
  • Resenha livro emilia ferreiro
    PONTIFICIA UNIVERSIDADE CATÓLICA DO RIO GRANDE DO SUL FACULDADE DE EDUCAÇÃO CURSO DE PEDAGOGIA KAREN THELINE C DOS SANTOS Resenha do livro de Emília Ferreiro – “Passado e Presente do verbo ler e escrever”. PESQUISA E PRODUÇÃO TEXTUAL EM EDUCAÇÃO Prof.: SÔNIA MARIA DE SOUZA BONEL
    876 Palavras 4 Páginas
  • Resenha do livro de emilia ferreiro
    A obra Passado e Presente dos Verbos Ler e Escrever (96 págs., Ed. Cortez, tel. 11/3611-9616), de Emilia Ferreiro, conduz o leitor a uma reflexão sobre as práticas de leitura e escrita e a importância da diversidade no processo de alfabetização. O livro reúne trabalhos apresentados em congres
    327 Palavras 2 Páginas
  • Emilia ferreiro
    Emilia Ferreiro: “Quem tem muito pouco, ou quase nada, merece que a escola lhe abra horizontes” “Um dos maiores danos que se pode causar a uma criança é levá-la a perder a confiança na sua própria capacidade de pensar” Emilia Ferreiro nasceu na Argentina em 1936. Doutorou-se na Un
    1306 Palavras 6 Páginas
  • emilia ferreiro educar
    Emília Ferreiro, a estudiosa que revolucionou a alfabetização. A psicolinguista argentina desvendou os mecanismos pelos quais as crianças aprendem a ler e escrever, o que levou os educadores a rever radicalmente seus métodos. Emília Ferreiro Nenhum nome teve mais influência sobre a...
    1297 Palavras 6 Páginas
  • RESUMO EMILIA FERREIRO COM TODAS AS LETRAS
     Livro: Reflexões sobre a alfabetização Autora: Emília Ferreiro Emilia ferreiro em sua obra “Reflexões sobre a alfabetização”, faz uma análise sobre a alfabetização, fazendo-nos repensar a nossa prática escolar, na qual se baseia em experiências vivenciada por ela e por outros...
    2368 Palavras 10 Páginas