• Émile durkheim
    . Aos problemas que ele observou, ele considerou como patologia social, e chamou aquela sociedade doente de "Anomana". A anomia era a grande inimiga da sociedade, algo que devia ser vencido, e a sociologia era o meio para isso. O papel do sociólogo seria, portanto, estudar, entender e ajudar a...
    1688 Palavras 7 Páginas
  • Introducao ao curso de Sociologia
    -americano C. Wright Mills, numa frase famosa, chamou de imaginação sociológica” (p.24) − o exemplo dado do hábito de tomar um café serve para mostrar esse tipo de “olhar”, de “imaginação” que deve – precisa – ter o sociólogo. Os fatos não devem ser observados de modo a explicarem-se em si mesmos. É...
    2578 Palavras 11 Páginas
  • Trabalho
    . É considerando o fundador da Sociologia moderna. Foi um dos primeiros a estudar mais profundamente o suicídio, o qual, segundo ele, é praticado na maioria das vezes em virtude da desilusão do indivíduo com relação ao seu meio social. Para Durkeim, o objeto da Sociologia são os fatos sociais, os...
    1262 Palavras 6 Páginas
  • Durkheim - as regras do método sociológico
    desconsiderar nossas paixões quando estivermos fazendo sociologia. Esta primeira regra diz o que o sociólogo não deve fazer, e a segunda regra consiste no que fazer quando já se escapou do conhecimento vulgar, ou seja, trata de como se apoderar do fato social. A pesquisa científica, antes de tudo, deve ter...
    6218 Palavras 25 Páginas
  • psicologia
    psicologia, a Sociologia tem uma base teórico-metodológica, que serve para estudar os fenômenos sociais, tentando explicá-los, analisando os homens em suas relações de interdependência. Os resultados da pesquisa sociológica não são de interesse apenas de sociólogos. Cobrindo todas as áreas do convívio...
    2790 Palavras 12 Páginas
  • Sociologia
    “A sociologia é o estudo da vida social humana dos grupos e das sociedades.” (GIDDENS) Estudar sociologia não pode ser um processo rotineiro de adquirir conhecimento, mas deve desenvolver em nós a capacidade de apresentar as coisas em um contexto mais amplo.A imaginação sociológica capacita seu...
    1133 Palavras 5 Páginas
  • mestre da sociologia
    coletivos (ou fatos sociais), considerados como “coisas”. A causa de cada fato social deve ser procurada entre os fenômenos sociais que o antecedem. Os fatos sociais são exteriores aos indivíduos e formam uma realidade específica que exerce sobre eles um poder coercitivo. As principais obras de...
    2612 Palavras 11 Páginas
  • Fichamento durkheim
    deve ser seguida pelo sociólogo para que a Sociologia efetivamente possa ser uma ciência? ❖ Texto 41: Por que a proposta de Simmel de uma sociologia formal não é suficiente para fundamentar a Sociologia enquanto ciência? 2. Tese ❖ Texto 22: Os fatos sociais devem ser...
    1692 Palavras 7 Páginas
  • Sociologia jurídica
    analiticamente subdividido. Mas o fato deve integrar os sistemas sociais. ORDENS DE NECESSIDADES Ao abordar o direito (suas boas e más qualidades), a Sociologia procura elementos para analisar os vários processos pelos quais as leis são forjadas.Para tanto,leva em conta a determinação do...
    2398 Palavras 10 Páginas
  • Sociologia
    progressos. Enquanto resposta intelectual à "crise social" de seu tempo, os primeiros sociólogos irão revalorizar determinadas instituições que segundo eles desempenham papéis fundamentais na integração e na coesão da vida social. A jovem ciência assumia como tarefa intelectual repensar o...
    1431 Palavras 6 Páginas
  • Fichamento sociologia
    Mills, numa frase famosa, chamou de imaginação sociológica” (p.24) – o exemplo dado do hábito de tomar um café serve para mostrar esse tipo de “olhar”, de “imaginação” que deve – precisa – ter o sociólogo. Os fatos não devem ser observados de modo a explicarem-se em si mesmos. É preciso analisar...
    2385 Palavras 10 Páginas
  • Sociologia do direito dias
    da vida social fornecendo subsídios para suas transformações no tempo e no espaço. A sociologia deve apenas relatar e registrar o fato sem se envolver com valores ideologias ou normas. É tarefa do sociólogo descrever os fatos. Outros autores identificam 5 campos de estudo específicos para a...
    2449 Palavras 10 Páginas
  • Sociologia
    consenso entre os sociólogos quanto ao objeto e aos métodos de investigação, possibilitou a formação de distintas sociologias. Saint-Simon (1760-1850) é saudado como um dos fundadores do positivismo. Ele acreditava que o progresso econômico do capitalismo contribuiria para a coesão social, no entanto...
    1247 Palavras 5 Páginas
  • Regras do método Sociológico, Durkheim
    nossas paixões quando estivermos fazendo sociologia. Esta primeira regra diz o que o sociólogo não deve fazer, e a segunda regra consiste no que fazer quando já se escapou do conhecimento vulgar, ou seja, trata de como se apoderar do fato social. A pesquisa científica, antes de tudo, deve ter um...
    6723 Palavras 27 Páginas
  • Durkheim
    Para Émile Durkheim sociólogo francês, os FATOS SOCIAIS, ou objeto de estudo da sociologia, tinha por finalidade explicar a sociedade encontrando soluções para vida social!! são regras e normas coletivas orientando a vida dos indivíduos em sociedade. Quer dizer que em toda a sociedade deve haver a...
    460 Palavras 2 Páginas
  • A sociologia
    Mills, numa frase famosa, chamou de imaginação sociológica” (p.24) – o exemplo dado do hábito de tomar um café serve para mostrar esse tipo de “olhar”, de “imaginação” que deve – precisa – ter o sociólogo. Os fatos não devem ser observados de modo a explicarem-se em si mesmos. É preciso analisar...
    2389 Palavras 10 Páginas
  • religiao
    ciências naturais – física, química – pois, ali, é mais provável a repetição na ocorrência dos fatos naturais. Na sociologia e nas ciências sociais em geral, que estão preocupadas em estudar a ação e a interação social ou, mais amplamente, o comportamento humano, a generalização não é possível...
    505 Palavras 3 Páginas
  • trabalhos cientificos
    capitalismo”. Para esse teórico, é apenas após a definição do tema, quando se vai partir rumo à pesquisa em si, que se faz possível ser objetivo e imparcial. Compare-se Durkheim e Weber, agora do ponto de vista do objeto de estudo sociológico. O primeiro dirá que a Sociologia deve estudar os fatos sociais...
    1219 Palavras 5 Páginas
  • Teoria tridimensional
    do conhecimento humano, sendo seu objeto de estudo unicamente a norma jurídica, a segunda contrapondo-se a este conceito, postula que o estudo do direito deve alicerçar-se na conduta humana que é fato anterior e conseqüentemente gerador da norma. Então é nesse contexto antagônico que entra a Teoria...
    474 Palavras 2 Páginas
  • ação social de max weber
    dirá que a Sociologia deve estudar os fatos sociais, que precisam ser: gerais, exteriores e coercitivos, além de objetivos, para esta ser chamada corretamente de “ciência”. Enquanto o segundo optará pelo estudo da ação social que, como descrita acima, é dividida em tipologias. Ademais...
    714 Palavras 3 Páginas