Com Relação A Importancia Do Estado E Dos Conceitos De Nação O Território Para A Antropologia É Correto Afirmar Que artigos e trabalhos de pesquisa

  • Antropologia unidade 2 a 8

    UNIDADE 2 Pergunta 1 0,2 em 0,2 pontos Avalie as duas asserções a seguir: O antropólogo Franz Boas postulou que o conceito de cultura deveria substituir o conceito de raça PORQUE? Compreende que a diferença entre os povos é de ordem cultural e não racial. Com base nas duas asserções acima, assinale a alternativa correta: Resposta Selecionada: Corretab. As duas asserções são proposições verdadeiras, e a segunda é uma justificativa correta da primeira. Resposta Correta: ...

    6412  Palavras | 26  Páginas

  • ANTROPOLOGIA

    é que, a partir da antropologia de Franz Boas, estima‐se que para compreender o lugar particular ocupado por um determinado costume não se pode mais confiar nos investigadores (informantes). Apenas o antropólogo pode elaborar uma monografia, isto é, dar conta cientificamente de uma micro‐ sociedade, apreendida em sua totalidade e considerada em sua autonomia teórica. Pela primeira vez, o teórico e observador estão finalmente reunidos (...) O parágrafo acima sobre a antropologia produzida por Franz...

    8025  Palavras | 33  Páginas

  • ANTROPOLOGIA CULTURAL

    ANTROPOLOGIA CULTURAL DELIMITAÇÕES DA ANTROPOLOGIA CULTURAL 1. Como podemos definir a Antropologia Cultural? A antropologia cultural, é uma das quatro áreas da antropologia geral (four-field-approach), junto com a antropologia física (também conhecida como antropologia biológica), a arqueologia e a linguística. A antropologia cultural é diferente da antropologia social, diferindo principalmente na perspectiva. Tem por objetivo o estudo do homem e das sociedades humanas na sua vertente cultural...

    3222  Palavras | 13  Páginas

  • Ant02005 - antropologia e cultura brasileira (on.0)

    envio do teste: Atividade 1 Conteúdo Usuário | | Curso | ANT02005 - ANTROPOLOGIA E CULTURA BRASILEIRA (ON.0) - 201310.01672 | Teste | Atividade 1 | Iniciado | 09/03/13 19:11 | Enviado | 09/03/13 19:24 | Status | Completada | Resultado | 1 em 1 pontos   | Tempo decorrido | 12 minutos. | Instruções | | * Pergunta 1 0,2 em 0,2 pontos | | | Um dos principais conceitos da Antropologia considera o outro não como alguém superior ou inferior, mas como detentor de...

    7489  Palavras | 30  Páginas

  • ANTROPOLOGIA E CULTURA BRASILEIRA

    entre esses dois entes, o Eu, ou o sujeito pensante, e o Outro, ou o objeto da pesquisa. Portanto, levar o relativismo cultural como método às suas propriedades finais terminaria produzindo a impossibilidade do conhecimento. (GOMES, Mércio P. Antropologia: Ciência do Homem, Filosofia da Cultura. São Paulo: Contexto, 2012) A afirmativa acima escrita pelo antropólogo Mércio Gomes produz indagações a respeito do relativismo cultural e do método comparativo. Julgue as opções abaixo no que se refere...

    6923  Palavras | 28  Páginas

  • Antropologia e moralidade

    ANTROPOLOGIA E MORALIDADE  (*)   Roberto Cardoso de Oliveira   As idéias que pretendo desenvolver aqui versarão sobre a moralidade, considerando-a como uma instância suscetível de investigação antropológica. Para viabilizar esse objetivo, penso poder trilhar dois caminhos sucessivamente: um, procurando elucidar o próprio conceito de moralidade em termos que sejam consistentes com as possibilidades de tratamento interdisciplinar; outro, mostrando o quanto o conceito pode ser fecundo...

    7688  Palavras | 31  Páginas

  • ANTROPOLOGIA E CULTURA BRASILEIRA - respostas WEB

    . Resposta Resposta Selecionada:    Cultura erudita; Resposta Correta:    Cultura tradicional e popular; Feedback da resposta: O conceito de cultura popular defendido pela UNESCO recomenda a salvaguarda da cultura tradicional e popular (1989). Note a magnitude dessa definição. Pergunta 2 0,2 em 0,2 pontos Como vimos na Unidade 1, poucos conceitos possuem tantas definições como o de cultura e consequentemente, o de diversidade cultural e o de cultura tradicional e popular. No Brasil...

    22216  Palavras | 89  Páginas

  • Antropologia brasileira

    ditas “simples” uma felicidade absoluta criando o conceito de “Bom selvagem” para os habitantes do novo mundo? Resposta Resposta Selecionada:    Rousseau; Resposta Correta:    Rousseau; Feedback da resposta: ROUSSEAU, em obras como “Do Contrato Social” e “Discurso sobre a Origem e os Fundamentos da Desigualdade”, analisou de que maneira foi traçado o pacto entre os homens para a saída do estado de natureza e inaugurar o estado civil. Em sua crítica a sociedade repressiva européia...

    7786  Palavras | 32  Páginas

  • Antropologia

    nasce velho: contribuições à antropologia jurídica Kleiber Gomes Reis*   Resumo: Fundamental para a compreensão da diversidade, a Antropologia cada vez mais tem assumido destacado espaço no mundo jurídico. Sendo assim, buscar-se-á demonstrar, neste trabalho, como a Antropologia Jurídica é uma categoria elementar para o saber/pensar o Direito. Trabalhar-se-á de forma sumária algumas questões que envolvem e perfazem o delicado elo de ligação entre o Direito e a Antropologia. Com isso, tentar-se-á instigar...

    10304  Palavras | 42  Páginas

  • Dalmo De Abreu Dallari - Elementos De Teoria Geral Do Estado

    INTERNACIONAIS- 2012 TEORIA GERAL DO ESTADO ASSUNTO: Dalmo De Abreu Dallari - Elementos De Teoria Geral Do Estado - 2º Edição - Ano 1998.pdf (Cap.II) CAPÍTULO II DO ESTADO ORIGEM E FORMAÇÃO DO ESTADO “O estudo da origem do Estado implica duas espécies de indagação: uma a respeito da época do aparecimento do Estado; outra relativa aos motivos que determinaram e determinam o surgimento dos Estados.” (p.23) “Para muitos autores, o Estado, assim como a própria sociedade, existiu...

    7238  Palavras | 29  Páginas

  • ANTROPOLOGIA E CULTURA BRASILEIRA

    humana. Afinal, os animais sabem e sentem. E nós sabemos e sentimos. Mas a diferença está em que nós sabemos que sabemos, e nos sabemos (ou não sabendo); e nos sentimos sabendo e nos sabemos sentindo. (BRANDÃO apud ROCHA, Gilmar; TOSTA, Sandra P. Antropologia & Educação. Belo Horizonte: Autêntica Editora, 2009) O parágrafo acima tem como objetivo principal a elaboração de uma reflexão sobre as diferenças entre seres humanos e animais irracionais. Assinale a alternativa que melhor traduz essa DIFERENÇA: ...

    10045  Palavras | 41  Páginas

  • resposta antropologia

    resposta: O objetivo da antropologia não é dividir o homem em natureza e cultura, mas apreendê-lo como “homem total”, tal como sugeriu o antropólogo francês Marcel Mauss. Nessa perspectiva, o ser humano é, ao mesmo tempo, biológico, psicológico e sócio-histórico. Pergunta 2 0,2 em 0,2 pontos A dimensão simbólica é também parte constitutiva do ser humano, porque o homem está imerso na linguagem e na cultura. Sobre a dimensão simbólica é correto afirmar que a ciência antropológica...

    8806  Palavras | 36  Páginas

  • Antropologia

    Frequência de Antropologia: ► O papel da antropologia no turismo: O turismo é uma actividade complexa e mutável, multifacetada e multidimensional que não deve ser reduzida exclusivamente a negócio, actividade industrial, marketing ou gestão de produtos. Isto leva a que alguns autores (Tribe) definam o turismo como uma indisciplina. Na realidade, o turismo é um fenómeno sociocultural que pode ser abordado de distintos pontos de vista (Carvajal) e com diferentes perspectivas disciplinares, nomeadamente...

    3323  Palavras | 14  Páginas

  • CONCEITOS DE SOCIOLOGIA

    grego significa estudo, formando assim, o “estudo do social” ou “estudo da sociedade”. 1.2. CONCEITOS DE SOCIOLOGIA A sociologia possui uma infinidade de conceitos para identificá-la e explicá-la, diferenciando-a de outras ciências ou tipos de conhecimentos. Vejamos alguns conceitos segundo alguns sociólogos: para Durkheim “a sociologia é a ciência das instituições”; para L. Ward e W. G. Summer “a sociologia é a ciência da sociedade”;...

    38707  Palavras | 155  Páginas

  • antropologia

    Texto 10 Liminaridade, distinção e mistura: a importância das fronteiras Só se pode comprender esta forma particular de luta das classificações que é a luta pela definição da identidade «regional» ou «étnica» com a condição de se passar para além da oposição que a ciência deve primeiro operar para romper com as pré-noções da sociologia espontânea, entre a representação e a realidade, e com a condição de se incluir no real a representação do real ou, mais exactamente, a luta das representações...

    1852  Palavras | 8  Páginas

  • Apontamentos antropologia

    Antropologia II Teste Identidade | Cultura | - Muito plástica- Implica reconhecimento- Processos de ordem consciente- Objectivos; estratégias; etc…- Pode ser escolhida- As estratégias identitárias podem manipular e alterar a cultura | - Modos de vida desenvolvidos em comunidade- Pode existir cultura sem consciência identitária (um grupo pode ter as suas especificidades mas não as reivindica)- Constrói-se no dia-a-dia (processos inconscientes) | Identidade Cultural - É o sentimento de identidade...

    2747  Palavras | 11  Páginas

  • ANTROPOLOGIA E CULTURA BRASILEIRA ANHEMBI MORUMBI EAD UNIDADE 2 A 8

    UNIDADE 2 Pergunta 1 0,2 em 0,2 pontos A antropologia cultural evolucionista desenvolveu-se no século XIX. A respeito da visão antropológica evolucionista sobre a noção de progresso, considere as opções a seguir: I. A ideia de progresso estava ligada à noção de civilização. II. A ideia de progresso estava ligada à noção de capitalismo ocidental. III. A ideia de progresso estava ligada à noção de superioridade do branco europeu. IV. A ideia de progresso estava ligada à noção de relativismo...

    6653  Palavras | 27  Páginas

  • Livro Antropologia Mercio Gomes

    Mércio Pereira Gomes ANTROPOLOGIA Ciência do homem Filosofia da cultura A Editora não é responsável pelo conteúdo da obra, com o qual não necessariamente concorda. O Autor conhece os fatos narrados, pelos quais é responsável, assim como se responsabiliza pelos juizos emitidos. editoracontexto Copyright 2008 Mercio Pereira Gomes Todos os direitos desta edição reservados à Editora Contexto (Editora Pinsky Ltda.) Foto de capa índio Guajá, Christian Knepper Montagem de capa e...

    77153  Palavras | 309  Páginas

  • Elementos essenciais a existência de um Estado

    EXISTÊNCIA DE UM ESTADO WESSELING, Emerson Luiz1 CONTE, Osmar Antonio2 RESUMO Apresenta-se aqui o resultado de uma pesquisa bibliográfica elaborada para discutir os conceitos trazidos pelos teóricos do Estado quando tratam dos seus elementos essenciais. Partiu-se do ponto de vista jurídico para se chegar a conclusão de que são essenciais a um Estado: o seu Povo, conjunto de cidadãos que são sujeitos de direitos e deveres para com a sociedade politica estatal; Território, espaço físico onde...

    2519  Palavras | 11  Páginas

  • Revista de antropologia

    ISSN 0034-7701 Revista de Antropologia Publicação do Departamento de Antropologia Faculdade de Filosofia, Letras e Ciências Humanas Universidade de São Paulo Volume 53 nº 2 Número especial: Antropologia do Direito SÃO PAULO julho-dezembro 2010 revista_2010_53(2)_finalh.indd 433 8/14/11 8:19 PM Revista de Antropologia Fundada por Egon Schaden em 1953 Editora Responsável: Heloísa Buarque de Almeida Comissão Editorial Heloísa Buarque de Almeida; Renato Sztutman; Laura Moutinho ...

    125391  Palavras | 502  Páginas

  • Antropologia e Direito

    antropologia & direito associação breasileira de antropologia 2002–2004 Gustavo Lins Ribeiro presidente Antonio Carlos de Souza Lima vice-presidente antropologia & direito 2004–2006 Miriam Pillar Grossi presidente Peter Henry Fry vice-presidente temas antropológicos 2006–2008 Luís Roberto Cardoso de Oliveira presidente Roberto Kant de Lima vice-presidente para estudos jurídicos 2008–2010 Carlos Alberto Caroso Soares presidente Lia Zanotta Machado vice-presidente ...

    165136  Palavras | 661  Páginas

  • Antropologia e sociedade

    MANHUAÇU SERVIÇO SOCIAL TATIANE DE OLIVEIRA BORÉL Antropologia e sociedade Manhuaçu 2009 Monica Abib Lima Miranda antropologia e sociedade Trabalho apresentado ao Curso Serviço Social da UNOPAR - Universidade Norte do Paraná, para a disciplina Antropologia. Orientador: Giane ALbiazzetti ...

    2552  Palavras | 11  Páginas

  • Antropologia juridica

    TEXTO 5 Antropologia: 1) Contexto histórico e científico do surgimento da disciplina: 1.1 Contexo Histórico: .A antropologia como disciplina surge na metade do século XIX. Alguns autores fazem seu histórico remontando a Heródoto, Idade Média, Renascimento ou Iluminismo. Acontece que esses estudos não são trabalhos antropológicos como os que conhecemos hoje. Eram apenas estudiosos que tinham interesse por outas culturas e imprimiam um olhar diferenciado sobre elas. Aí formou-se o embrião de...

    9672  Palavras | 39  Páginas

  • antropologia da educação

    Antropologia Cultural 1.            Discorra sobre a discriminação racial contra os negros, sob o ponto de vista de Gilberto Freyre. Segundo Freyre, não havia uma definição clara do que era ser negro, já que a pessoa que não fosse aparentemente negra era considerada branca. Assim sendo, no Brasil os negros estavam desaparecendo, sendo incorporados aos brancos. Portanto Freyre afirmou que a miscigenação era a possível solução contra o racismo. 2.            Desde a metade do século XVI a...

    3994  Palavras | 16  Páginas

  • mudolo antropologia unidade 1

    PEDAGÓGICAS Vamos tentar compreender a relação entre a Antropologia e a Educação. Inicialmente iremos buscar algumas referências históricas que nos auxiliem a estabelecer relações entre uma e outra. Antropologia e Educação são duas importantes áreas do conhecimento científico moderno que se distanciam nos seus conteúdos de reflexão, mas que também se aproximam nos seus processos de análise. UESC Pedagogia 19 Antropologia e Educação Civilização e escrita na formação...

    6670  Palavras | 27  Páginas

  • Unidade web 1 a 5 antropologia

    ABAIXO E RESPONDA A QUESTÃO PROPOSTA: “Os outros, aqueles que são diferentes de nós e com os quais não nos identificamos, mas que julgamos a partir de nós mesmos, ou seja, o que não conhecemos porém classificamos, conceitos prévios de algo que não sabemos, a essência do preconceito (pré-conceito). Ao classificar algo que não conhecemos, utilizamos parâmetros exclusivamente nossos, assim, se chamamos alguém desconhecido de selvagem, de bárbaro, estamos na realidade falando de nós mesmos, pois o outro certamente...

    7532  Palavras | 31  Páginas

  • SOBERANIA, TERRITÓRIO E POVO

    CAJAZEIRAS – FAFIC BACHARELADO EM CIÊNCIAS JURÍDICAS E SOCIAIS RÔMULO MAIA PINHO ELEMENTOS DE TEORIA GERAL DO ESTADO: SOBERANIA, TERRITÓRIO E POVO CAJAZEIRAS – PB 2014 RÔMULO MAIA PINHO ELEMENTOS DE TEORIA GERAL DO ESTADO: SOBERANIA, TERRITÓRIO E POVO Fichamento apresentado à Faculdade de Filosofia, Ciências e Letras de Cajazeiras – FAFIC, como requisito parcial para...

    2365  Palavras | 10  Páginas

  • DO ESTADO ORIGEM E FORMAÇÃO DO ESTADO

    CAPÍTULO II - DO ESTADOORIGEM E FORMAÇÃO DO ESTADO . O estudo da origem do Estado implica duas espécies de indagação: uma a respeito da época do aparecimento do Estado; outrarelativa aos motivos que determinaram e determinam o surgimento dos Estados. Antes de abordarmos esses dois aspectos, porém, éindispensável um esclarecimento preliminar sobre a noção de Estado que tem sido adotada pelas inúmeras correntes teóricas, poisem conseqüência de diferentes concepções, como se verá, resultam conclusões...

    21350  Palavras | 86  Páginas

  • Antropologia Cultural

    Antropologia Cultural antropologia cultural Fundação Biblioteca Nacional ISBN 978-85-7638-731-2 Fundação Biblioteca Nacional ISBN 978-85-387-3082-8 Antropologia Cultural Priscila Rezende Este material é parte integrante do acervo do IESDE BRASIL S.A., mais informações www.iesde.com.br Este material é parte integrante do acervo do IESDE BRASIL S.A., mais informações www.iesde.com.br Priscila Rezende Antropologia Cultural Edição revisada IESDE Brasil S.A. Curitiba ...

    39202  Palavras | 157  Páginas

  • Dicionario de Conceitos

    Brasil) Silva, Kalina Vanderlei Dicionário de conceitos históricos / Kalina Vanderlei Silva, Maciel Henrique Silva. – 2.ed., 2ª reimpressão. – São Paulo : Contexto, 2009. Bibliografia ISBN 978-85-7244-298-5 1. História – Dicionários 2. História – Estudo e ensino I. Silva, Maciel Henrique. II. Título. 05-3069 Índices para catálogo sistemático: 1. Conceitos históricos : Dicionários 903 2. Dicionários : Conceitos históricos 903 CDD-903 Editora Contexto ...

    187433  Palavras | 750  Páginas

  • Antropologia, estudos culturais e educação

    Pro-Posições, v. 19, n. 3 (57) - set./dez. 2008 Antropologia, Estudos Culturais e Educação: desafios da modernidade Neusa Maria Mendes de Gusmão * Resumo: Desde sempre a questão da diversidade e do contato cultural esteve presente na humanidade e, agora, coloca-se de modo intenso nas sociedades modernas. O que é novo é o questionamento das formas constituídas de explicação, cujas premissas teóricas parecem estar superadas como possibilidade de compreensão desse novo momento e dessa nova realidade...

    16085  Palavras | 65  Páginas

  • Antropologia brasileira- artigo

     os  negros vindos para o Brasil e os enviados para os Estados Unidos e, como a generalização  que faz com os grupos indígenas do território brasileiro considerando­os semi­nômades, de  baixo conhcimento em agricultura, moles e introvertidos e em escala inferior, em termos  culturais, que os grupos africanos que desembarcaram no Brasil):  “Mas dentro da orientação e dos propósitos deste, interessam­nos menos as diferenças de  antropologia física (que ao nosso ver não explicam inferioridade ou superioridade humanas...

    11468  Palavras | 46  Páginas

  • Antropologia

    Antropologia Primeiras Aproximações ao Estudo de Antropologia A origem etimológica da Antropologia remete aos gregos anthropos, que significa homem, e logos, estudo. Portanto, é uma ciência humana que elege o ser humano enquanto objeto de investigação. Entretanto, a antropologia não foi criada pelos gregos, tal como a filosofia. Somente no contexto mais recente do Iluminismo (século XVIII), como você irá estudar, antropologia se estabelece enquanto ciência que busca investigar as possibilidades...

    7622  Palavras | 31  Páginas

  • monografia atividades antropologia

    Atividade 3 Pergunta 1 Avalie as asserções acerca da concepção do estudioso Luiz Mello sobre a noção de estrutura na Antropologia de Lévi-Strauss: I. O princípio fundamental é que a noção de estrutura não se refere à realidade empírica (o vivido cotidiano dos seres humanos nas culturas), mas aos modelos construídos em conformidade com esta. II. O princípio fundamental é que a noção de estrutura se refere à realidade empírica (o vivido cotidiano dos seres humanos nas culturas) e não...

    7690  Palavras | 31  Páginas

  • Antropologia e Direitos Humanos

    Antropologia e direitos humanos: alteridade e ética no movimento de expansão dos direitos universais Introdução Passarei em revista quatro grandes temas que revelam a tensão entre normas locais e normas de mais amplo espectro. Em primeiro lugar, abordarei a diferença entre a lei e a moral, cuja distinção se faz necessária para o entendimento da coabitação de uma diversidade de comunidades morais2 no universo de uma nação, frente ao papel mediador da lei (em condições ótimas e em contextos plenamente...

    11764  Palavras | 48  Páginas

  • respostas antropologia e cultura brasileira

    é que, a partir da antropologia de Franz Boas, estima-se que para compreender o lugar particular ocupado por um determinado costume não se pode mais confiar nos investigadores (informantes). Apenas o antropólogo pode elaborar uma monografia, isto é, dar conta cientificamente de uma micro-sociedade, apreendida em sua totalidade e considerada em sua autonomia teórica. Pela primeira vez, o teórico e observador estão finalmente reunidos (...) O parágrafo acima sobre a antropologia produzida por Franz...

    7249  Palavras | 29  Páginas

  • Mana Antropologia e direitos humanos alteridade e tica no movimento de expans o dos direitos universais

    16/07/2015 Mana ­ Antropologia e direitos humanos: alteridade e ética no movimento de expansão dos direitos universais        Mana Services on Demand On­line version ISSN 1678­4944 Article Mana vol.12 no.1 Rio de Janeiro Apr. 2006 Portuguese (pdf) http://dx.doi.org/10.1590/S0104­93132006000100008  Portuguese (epdf) ARTIGOS   Article in xml format Article references Antropologia e direitos humanos: alteridade e ética no movimento1 de expansão dos direitos universais How to cite this article...

    12785  Palavras | 52  Páginas

  • Antropologia

    Antropologia Jurídica. Anotações de aula Professor Euclides Di Dário 1. Conceito de Antropologia 2. Natureza Cultura e Comportamento 3. Antropologia e Direito 4. A globalização e a sociedade de consumo 5. Pluralismo jurídico 6. Costumes e leis 7. Direitos humanos 1. Conceito de antropologia Na perspectiva da cultura ou da evolução humana, antropologia é uma ciência que se interessa por ideias, valores, símbolos, normas, costumes, crenças, invenções ambiente etc., e, portanto, encontra-se...

    6765  Palavras | 28  Páginas

  • Antropologia

    Introdução A atividade virtual 1 apresentada à disciplina Antropologia, discute os conteúdos do 1° semestre do curso de Bacharelado em Serviço Social, trazendo-nos discussão e questionamentos acerca do que é a Antropologia em seu mais ambragente aspecto, tornando-a de total importância para conhecermos as nossas origens, nosso passado, e assim entendermos o nosso presente.Compreendermos também, as dimensões acerca de cultura, nação, afirmação da história do povo brasileiro e patrimônio, que também...

    645  Palavras | 3  Páginas

  • Antropologia e Sociologia

    FUNDAMENTOS DE ANTROPOLOGIA E SOCIOLOGIA Esse material foi produzido a partir de Convênio de Colaboração firmado entre as Instituições: Fundamentos de Antropologia e So1 1 2/1/2008 16:51:26 Expediente Curso de Direito — Coletânea de Exercícios Coordenação Geral do Curso de Direito da Universidade Estácio de Sá Prof. André Cleófas Uchôa Cavalcanti Coordenação do Projeto Núcleo de Qualificação e Apoio Didático-Pedagógico Coordenação Pedagógica Profa. Tereza Moura Organização...

    15393  Palavras | 62  Páginas

  • RESUMO DO LIVRO: O MITO DA DESTERRITORIALIZAÇÃO Do “Fim dos Territórios” à Multiterritorialidade – Rogério Haesbaert

    ALUNO (A): GILMAR DE SOUSA DIAS RESUMO O MITO DA DESTERRITORIALIZAÇÃO Do “Fim dos Territórios” à Multiterritorialidade – Rogério Haesbaert CRATO, MAIO 2014 O MITO DA DESTERRITORIALIZAÇÃO Do “Fim dos Territórios” À Multiterritorialidade O Mito da Desterritorialização é o mito dos que imaginam que o homem pode viver sem território, que sociedade e espaço podem ser dissociados, como se o movimento de destruição de territórios não fosse sempre, de algum modo, a sua reconstrução em novas bases. Rogério...

    5194  Palavras | 21  Páginas

  • Livro elementos de teoria geral do estado

    da origem do Estado implica duas espécies de indagação: uma a respeito da época do aparecimento do Estado; outra relativa aos motivos que determinaram e determinam o surgimento dos Estados. Antes de abordarmos esses dois aspectos, porém, é indispensável um esclarecimento preliminar sobre a noção de Estado que tem sido adotada pelas inúmeras correntes teóricas, pois em conseqüência de diferentes concepções, como se verá, resultam conclusões absolutamente diversas. A denominação Estado (do latim status...

    20980  Palavras | 84  Páginas

  • TRABALHO ESTUDOS SOCIAIS TERRITORIO

    SANTA BÁRBARA NÁDIA SOLANGE NOMINATO RITA TOMAZ TERRITÓRIO Trabalho da disciplina de Estudos Sociais e Econômicos, apresentado à Faculdade de Engenharia, no Curso de Arquitetura e Urbanismo da Universidade Vale do Rio Doce. Professora: Edileila Maria Leite Portes. Governador Valadares 2014 Sumário 1 INTRODUÇÃO 3 2 O CONCEITO DE TERRITÓRIO 5 3 O CONCEITO DE ALGUNS TEÓRICOS 7 4 O SURGIMENTO DO CONCEITO NA HISTÓRIA 11 5 AMPLIANDO CONCEITOS - TERRITORIALIDADES 13 6 A OCUPAÇÃO E O PROCESSO DE...

    13732  Palavras | 55  Páginas

  • ANTROPOLOGIA CULTURAL

    ANTROPOLOGIA CULTURAL Foto: Jony Culo  A Antropologia, sendo a ciência da humanidade e da cultura, tem um campo de investigação extremamente vasto: abrange, no espaço, toda a terra habitada; no tempo, pelo menos dois milhões de anos, e todas as populações socialmente organizadas. Divide-se em duas grandes áreas de estudo, com objectivos definidos e interesses teóricos próprios: a Antropologia Física (ou Biológica) e aAntropologia Cultural, que se centram no desejo do homem de conhecer a sua origem...

    8382  Palavras | 34  Páginas

  • antropologia e direitos humanos

    12(1): 207-236, 2006 ANTROPOLOGIA E DIREITOS HUMANOS: ALTERIDADE E ÉTICA NO MOVIMENTO1 DE EXPANSÃO DOS DIREITOS UNIVERSAIS Rita Laura Segato Introdução Passarei em revista quatro grandes temas que revelam a tensão entre normas locais e normas de mais amplo espectro. Em primeiro lugar, abordarei a diferença entre a lei e a moral, cuja distinção se faz necessária para o entendimento da coabitação de uma diversidade de comunidades morais2 no universo de uma nação, frente ao papel mediador...

    13616  Palavras | 55  Páginas

  • Antropologia e Cultura

    DIREITO ANTROPOLOGIA LUCAS OLIVEIRA VIANNA CULTURA COMO OBJETO DA ANTROPOLOGIA BAGÉ 2014 LUCAS OLIVEIRA VIANNA CULTURA COMO OBJETO DA ANTROPOLOGIA Trabalho apresentado para fins avaliativos na disciplina de Antropologia, do curso de Direito da Universidade Regional da Campanha. Orientação: Prof.ª Maria Helena G. Dias de Oliveira, BAGÉ 2014 RESUMO O trabalho visa identificar os conceitos de cultura...

    2376  Palavras | 10  Páginas

  • Antropologia

    do pensamento evolucionista na antropologia: Lewis Henry Morgan (1818-1881), Edward Burnett Tylor (1832-1917) e James George Frazer (1854-1941). As datas de publicação original dos textos — entre 1871 e 1908 — correspondem aproximadamente aos limites do período de hegemonia do evolucionismo no pensamento antropológico. Ao tornar acessíveis textos não traduzidos ou de difícil acesso em português, a intenção desta seleção é apresentar aos estudantes de antropologia, principalmente os alunos de...

    33835  Palavras | 136  Páginas

  • Elementos do estado

    SEM REVISÃO Pressupostos (elementos) de existência do Estado Roy Reis Friede Juiz Federal – SP (*) Os pressupostos (elementos essenciais) de existência do Estado, como já informou na tradução conceitual de Estado, podem ser elencados de forma tríade, compreendendo o elemento físico do território, o elemento humano do povo e o elemento subjetivo da soberania (v., nesse sentido, Marcelo Caetano (“Manual de Ciência Política e Direito Constitucional”, 6ª ed., Lisboa, Coimbra Ed., 1972, tomo...

    10965  Palavras | 44  Páginas

  • Apostila antropologia

    reflexãoþ      A naturezaþ      A cultura |  þ      A linguagemþ      A imaginaçãoþ      A ilusão | Antropologia Objetivo(s) da Disciplina Caracterizar a ciência antropológica e seus fundamentos. Analisar os principais conceitos e “escolas” Criticar os preconceitos culturais e as formas de pensar o homem a partir de uma perspectiva antropocêntrica. Ementa Antropologia como campo de conhecimento. A Antropologia e as demais ciências sociais. O social e o biológico. A evolução humana. As noções de natureza...

    10645  Palavras | 43  Páginas

  • AULA CIENCIA POLITICA TGE ELEMENTOS CONSTITUTIVOS DO ESTADO PARTE I

    OS ELEMENTOS CONSTITUTIVOS DO ESTADO Governo/Soberania População Território Elementos materiais Elemento formal Principais elementos “definidores” (manifestações físicas e sociais) de uma determinada realidade do Estado: Elemento teleológico Finalidades ESTADO, GOVERNO E SOBERANIA: UMA PERSPECTIVA HISTÓRICA A RESPEITO DO GOVERNO    GOVERNO relaciona-se à gestão, à administração cotidiana dos negócios públicos e se expressa pelo conjunto de normas, princípios, aparato técnico-administrativo...

    4041  Palavras | 17  Páginas

  • Projeto "A importância da Cultura Afro Brasileira nos Anos iniciais"

    PROJETO A IMPORTÂNCIA DA CULTURA AFRO-BRASILEIRA NOS ANOS INICIAIS Autores: Neuceli Alves de Oliveira Lage Sátiê Cristina Furucho dos Santos Borges Alta Floresta- MT 2011 TEMA: Diversidade cultural – Relação Étnico Racial SUB TEMA: Importância da cultura Afro-brasileira nas séries iniciais. INTRODUÇÃO Educar é um ato de coragem, de determinação e de ousadia, dentro desta perspectiva,...

    6420  Palavras | 26  Páginas

  • antropologia

    Aula 1 - Está faltando. quinta-feira, 8 de agosto de 2013 11:29 Página 1 de Antropologia Aula 2 - Constituição e desenvolvimento do campo de análise e pesquisa da antropologia jurídica quinta-feira, 8 de agosto de 2013 11:25 Contexto da disciplina e como influencia nas consequências da configuração assumida. Projeção do discurso antropológico para um época em que não poderia existir efetivamente. É um equívoco recorrente entre os autores, projetar a matéria para um período em...

    19058  Palavras | 77  Páginas

  • Cultura é o que? reflexões sobre o conceito de cultura e a atuação dos poderes públicos

    de 2009 Faculdade de Comunicação/UFBa, Salvador-Bahia-Brasil. “CULTURA É O QUÊ?” - REFLEXÕES SOBRE O CONCEITO DE CULTURA E A ATUAÇÃO DOS PODERES PÚBLICOS Daniele Canedo1 Resumo Este artigo é baseado na dissertação de mestrado “Cultura, Democracia e Participação Social: um estudo da II Conferência Estadual de Cultura da Bahia”. Tem como foco central de análise os diferentes usos e conceitos de cultura em voga na contemporaneidade. Inicia-se traçando um breve panorama da evolução do termo e das...

    4998  Palavras | 20  Páginas

  • A Forma Ao Dos Estados Nacionais Na Argentina

    A formação do Estado nacional da Argentina: uma discussão sobre identidade e nacionalidade Wanda Cristina Rocha Wenceslau* Resumo A constituição da identidade nacional, ou da nacionalidade, dos países é tema de profundos estudos, por parte de vários autores. Este artigo pretende apresentar as considerações de dois autores a esse respeito, contrapondo-as ao caso da formação do Estado Nacional argentino, buscando demonstrar que, se para Anderson a nação é uma comunidade imaginada, ou seja, existe...

    5518  Palavras | 23  Páginas

  • A identidade Kinikinau como Máquina de Guerra para a Manutenção Territorial da etnia no Estado de MS

    Ghizoni Dieterich – Jardim: [s.n], 2012. 61 f. TCC (Graduação) – Universidade Estadual de mato Grosso do Sul. Orientadora: Prof.ª Dra. Sandra Cristina de Souza. 1. Caracterização histórica dos Kinikinau 2. Pressupostos Teóricos 3. Território Kinikinau. É concedida à Universidade Estadual de Mato Grosso do Sul a permissão para publicação e reprodução de cópia(s) deste Trabalho de Conclusão de Curso (TCC), apenas para propósitos acadêmicos e científicos, resguardando-se a autoria...

    14239  Palavras | 57  Páginas

  • a importancia da contabilidade financeiras para as empresas

    Kaiowá e colonos assentados no Sul de Mato Grosso Sul, pode auxiliar na solução de dilemas comuns do território, buscando, no cotidiano da convivência, a criação e o desenvolvimento de capital social para fazer emergir possibilidades locais e capacidades de efetivações coletivas. Ações voltadas ao estímulo do diálogo e da reflexão sobre as necessidades imediatas dos atores, intermediadas pelo Estado, gerador do conflito, podem permitir a construção de entendimentos capazes de unir os dois grupos...

    27334  Palavras | 110  Páginas

  • Antropologia e seu papel

    O PAPEL DA ANTROPOLOGIA NA EDUCAÇÃO: Construção da Identidade na Contemporaneidade NOVEMBRO/2011 Como e por quem, diferentes tipos de identidades são construídas, e com quais resultados, são questões que não podem ser abordadas em linhas gerais, abstratas: estão estritamente relacionadas a um contexto social. A política de identidade, escreve Zaretsky,”‘deve ser situada historicamente”. (CASTELLS, 2002, p. 26). SUMÁRIO INTRODUÇÃO ...................

    10027  Palavras | 41  Páginas

  • Ensaios Sobre o Conceito de Cul - Zygmunt Bauman

    nossa sociedade poderá enfim evoluir a um novo nível." Zy gmunt Bauman ENSAIOS SOBRE O CONCEITO DE CULTURA Tradução: Carlos Alberto Medeiros Obras de Zy gmunt Bauman: 44 cartas do mundo líquido moderno Amor líquido Aprendendo a pensar com a sociologia A arte da vida Bauman sobre Bauman Capitalismo parasitário Comunidade Confiança e medo na cidade Em busca da política Ensaios sobre o conceito de cultura A ética é possível num mundo de consumidores? Europa Globalização: As consequências...

    104348  Palavras | 418  Páginas

  • O estado

    O ESTADO Extrema - MG 2012 FAEX – FACULDADE DE CIÊNCIAS SOCIAIS APLICADAS DE EXTREMA O ESTADO Trabalho Acadêmico, para complementação de nota do 1º bimestre do 1º semestre de 2012, relativo à matéria Ciência Política e Teoria Geral do Estado dirigido à Faculdade de Ciências Sociais Aplicadas de Extrema – FAEX. Extrema – MG 2012 SUMÁRIO INTRODUÇÃO 1. CONCEITO DE ESTADO ...

    1933  Palavras | 8  Páginas

  • IMIGRAÇÃO, RACISMO E NAÇÃO DO SÉCULO XIX AO XX

    IMIGRAÇÃO, RACISMO E NAÇÃO DO SÉCULO XIX AO XX Paulo Divino Ribeiro da Cruz – UFMT/CNPq RESUMO Partindo da perspectiva Pós-Colonial, analiso as influências do pensamento racista europeu e norte americano na construção do conceito de Nação, na imigração européia e as interferências destes fatores no processo de desqualificação e subalternização do negro. Palavras Chave: Racismo, Imigração, Nação A Perspectiva Pós-Colonial A passagem da Monarquia para a República, a imigração européia...

    6761  Palavras | 28  Páginas

tracking img