Calcular A Probabilidade De Se Obter Exatamente 3 Caras E 2 Coroas Em 5 Lances De Uma Moeda artigos e trabalhos de pesquisa

  • Estatística e Probabilidade

     2. Probabilidade 2.1. Função de Probabilidade Definição É a função P que associa a cada evento de F um número real pertencente ao intervalo [0,1], satisfazendo aos axiomas: I) P() =1 II) P(AB) = P(A) + P(B) se A e B forem mutuamente exclusivos. III) , se A1, A2,..., An forem, dois a dois, eventos mutuamente exclusivos. Observamos pela definição que para todo evento A, A  . 2.2. Teoremas T.1 “Se os eventos A1, A2,..., An formam uma partição do espaço amostral, então: ...

    1422  Palavras | 6  Páginas

  • Probabilidade

    Ceará PROBABILIDADE I Prof. Jorge Luiz de Castro e Silva LISTA 2 DE EXERCÍCIOS - NOVA PROBABILIDADES EM ESPAÇOS AMOSTRAIS FINITOS 1) Peças que saem de uma linha de produção são marcadas defeituosas (D) ou não defeituosas (P). As peças são inspecionadas e suas condições registradas. Isto é feito até que duas peças defeituosas sejam fabricadas ou que quatro peças tenham sido inspecionadas, aquilo que ocorrer em primeiro lugar. Descreva o espaço amostral para este experimento. 2) Uma caixa...

    1787  Palavras | 8  Páginas

  • Lista De Exerc Cios De Probabilidade

    EXERCÍCIOS DE PROBABILIDADE Entregar no dia 29/10(N1) e 30/10(N2) Enunciado seguido de resolução para todos! Com capa digitada! Em duplas! Professor: Jorge Wilson Pereira da Silva 1. Uma urna contém 10 bolas verdes, 8 vermelhas, 4 amarelas, 4 pretas e cinco brancas, todas de mesmo raio. Uma bola é retirada ao acaso. Qual a probabilidade de a bola escolhida ser: a) Não verde b) Não-branca ou vermelha c) Vermelha ou preta d) Verde, vermelha ou amarela. 2. Três meninos e três meninas sentam-se...

    1945  Palavras | 8  Páginas

  • Lista de probabilidade

    Universidade Estadual do Ceará PROBABILIDADE I Prof. Jorge Luiz de Castro e Silva LISTA 2 DE EXERCÍCIOS - NOVA PROBABILIDADES EM ESPAÇOS AMOSTRAIS FINITOS 1) Peças que saem de uma linha de produção são marcadas defeituosas (D) ou não defeituosas (P). As peças são inspecionadas e suas condições registradas. Isto é feito até que duas peças defeituosas sejam fabricadas ou que quatro peças tenham sido inspecionadas, aquilo que ocorrer em primeiro lugar. Descreva o espaço amostral...

    1835  Palavras | 8  Páginas

  • 2015511 234940 Probabilidade Estatistica 1

    Probabilidade e Estatística Faculdade Mutivix 2015/1 Introdução: Variável É uma quantidade associada ao espaço amostral de um experimento aleatório: • Qualitativas - O resultado da variável é uma resposta não numérica. ◦ Exemplo: sexo, grau de instrução etc. • Quantitativas - O resultado é um número. ◦ Exemplo: idade, altura etc. Definição: Variável Aleatória  Definição • Uma variável aleatória é uma função com valores numéricos, cujo valor é determinado por fatores de chance. • Seja E...

    5055  Palavras | 21  Páginas

  • Probabilidade

    História das Probabilidades Origem das Probabilidades A noção de probabilidade tem a sua origem mais remota referida não só à prática de jogos ditos de “azar", mas também, antes disso, à instituição dos seguros que foram usados já pelas civilizações mais antigas, designadamente pelos fenícios, a fim de protegerem a sua atividade comercial marítima. O Cálculo das Probabilidades enquanto tal, na Idade média as primeiras tentativas de matematização do jogo de azar, muito difundidos na época. É sabido...

    2815  Palavras | 12  Páginas

  • Probabilidade

    PROBABILIDADE Na Análise Combinatória estudamos regras de contagem do número de modos de ocorrência de certos acontecimentos e do número de agrupamentos que podem ser feitos com uma quantidade finita de objetos dados. Na Teoria da Probabilidade procuramos quantificar numericamente a chance de que tais acontecimentos ocorram de determinadas maneiras e de que tais agrupamentos obedeçam a determinadas condições. Criada a partir dos jogos de azar, esta teoria desenvolveu-se nos últimos três séculos...

    23112  Palavras | 93  Páginas

  • Lista Exercicios Aula 5 Discreta

    número múltiplo de 2} B = {a bola retirada possui um número múltiplo de 5} Qual a probabilidade do evento ? 2) TE125 – (CESGRANRIO-77) Um juiz de futebol possui três carões no bolso. Um é todo amarelo, outro é todo vermelho e o terceiro é vermelho de um lado e amarelo do outro. Num determinado lance, o juiz retira, ao acaso, um cartão do bolso e o mostra a um jogador. Qual a probabilidade de a face que o juiz vê ser vermelha e de a outra face, mostrada ao jogador, ser amarela? 3) TE127 – (CESCEA-68)...

    1469  Palavras | 6  Páginas

  • Probabilidade

    Economia – UFPEL Prof.: Anderson Antonio Denardin PROBABILIDADE 1 30/06/2010 PROBABILIDADE  Os fenômenos estudados pela Estatística, mesmo em condições normais de experimentação, caracterizam-se pela sua variabilidade de uma observação para outra, dificultando a previsão de um resultado futuro.  Para a explicação desses fenômenos aleatórios) adotaremos um modelo probabilístico.  A teoria da probabilidade permite que se calcule a chance de ocorrência de um...

    8394  Palavras | 34  Páginas

  • probabilidade

    NEDER EXERCICIOS DE ESTATISTICA PROBABILIDADE 1. a. Se P(A ou B) 1/3, P(B) 1/4 e P(A e B) 1/5, determine P(A). b. Se P(A) 0,4 e P(B) 0,5, que se pode dizer quanto a P(A ou B) se A e B so eventos mutuamente excludentes c. Se P(A) 0,4 e P(B) 0,5, que se pode dizer quanto a P(A ou B), se A e B no so mutuamente excludentes 2. Se A e B so mutuamente excludentes e B e C tambm o so, os eventos A e C devem ser mutuamente excludentes D um exemplo que confirme sua resposta. 3. Como se modifica a regra da...

    19450  Palavras | 78  Páginas

  • Noções de Probabilidade

    Probabilidade Introdução É conveniente dispormos de uma medida que exprima a incerteza em afirmações tais como “É possível que chova amanhã” ou “Não há chance de vitória”, em termos de uma escala numérica que varie do impossível ao certo. O conceito de probabilidade é fundamental para o estudo de situações em que os resultados são variáveis, mesmo quando mantidas inalteradas as condições de sua realização. Por exemplo: As declarações de despesas por funcionário de uma empresa...

    1866  Palavras | 8  Páginas

  • Probabilidade

    Sumário PROBABILIDADE Há certos fenômenos (ou experimentos) que, embora sejam repetidos muitas vezes e sob condições idênticas, não apresentam os mesmos resultados. Por exemplo, no lançamento de uma moeda perfeita, o resultado é imprevisível; não se pode determiná-lo antes de ser realizado. Não se sabe se sairá “cara” ou “coroa”. Aos fenômenos (ou experimentos) desse tipo dá-se o nome de fenômenos aleatórios (ou casuais). São considerados aleatórios os seguintes...

    2476  Palavras | 10  Páginas

  • PROBABILIDADE E ESTATÍSTICA

    PROBABILIDADE E ESTATISTICA 1 RESENHA HISTORICA Os primeiros problemas sobre probabilidades refletiram o desenvolvimento da Análise Combinatória em jogos deazar. Em todos eles eram examinados os diferentes modos em que arranjos e combinações podiam ser empregados na enumeração dos casos favoráveis. Esses problemas eram dominados por considerações sobre os casos igualmente prováveis, com as probabilidades determinadas a priori, onde foi utilizado o seguinte tipo de raciocínio: dado uma...

    25246  Palavras | 101  Páginas

  • Lista de Exercícios de Probabilidade

    DE EXERCÍCIOS DE PROBABILIDADE2 1) Em um lote de 12 peças, 4 são defeituosas, 2 peças são retiradas uma após a outra, sem reposição. Qual a probabilidade de que ambas sejam boas? 2) Em certo colégio, 5% dos homens e 2% das mulheres têm mais do que 1,80 m de altura. Por outro lado, 60% dos estudantes são homens. Se um estudante é selecionado aleatoriamente e tem mais de 1,80m de altura, qual a probabilidade de que o estudante seja mulher? 3) Três máquinas,...

    3935  Palavras | 16  Páginas

  • Probabilidade

    PARTE I PROBABILIDADE 1 - RELAÇÃO ENTRE PROBABILIDADE E ESTATÍSTICA Para entendermos a inferência estatística é preciso entender vários conceitos de probabilidade. A probabilidade e a estatística estão estreitamente relacionadas, porque formulam tipos opostos de questões. Na probabilidade, sabemos como um processo funciona e queremos predizer quais serão os resultados de tal processo. Por exemplo, uma caixa com 40 fichas azuis e 60 vermelhas; extraímos 10 aleatoriamente. Pela teoria das probabilidades...

    2114  Palavras | 9  Páginas

  • Probabilidade

    000. Sorteando um número ao acaso, qual a probabilidade de o número sorteado ser da sua classe que comprou todos os números de três algarismos? 2. Vinte e seis homens e quatorze mulheres participam de um bingo. Se não der empate, qual a probabilidade do vencedor ser um homem? 3. Jogando ao acaso um dado e uma moeda, qual é a probabilidade de ocorrer coroa e um número maior que 3? 4. Numa caixa há 6 bolas brancas e 4 bolas verdes. Qual a probabilidade de, ao acaso, retirar: a) Uma bola branca ...

    544  Palavras | 3  Páginas

  • DISTRIBUIÇÃO TEÓRICA DE PROBABILIDADES

    4. DISTRIBUIÇÃO TEÓRICA DE PROBABILIDADES (Wilks, cap. 4) 4.1 Introdução. Como discute Wilks (1995) distribuições de probabilidade são abstrações. Ou seja, representam os dados apenas aproximadamente, embora em muitos casos a aproximação pode ser muito boa. Basicamente, existem 3 jeitos nos quais o emprego de distribuições de probabilidade pode ser útil: Compactação: quando tratamos com conjuntos de dados grandes. Uma distribuição de probabilidades teórica que se ajuste bem aos seus dados...

    2278  Palavras | 10  Páginas

  • Exercicios Estatistica - Probabilidade

    NOTAS DE AULA - ESTATÍSTICA PROBABILIDADE DISTRIBUIÇÃO DE PROBABILIDADE ISABEL C. C. LEITE SALVADOR – BA 2007 Estatística Prof.ª Isabel C. C. Leite 1 Probabilidades Introdução De modo geral ao estudarmos qualquer fenômeno devemos procurar um modelo matemático que nos ajude a descrever de forma satisfatória o fenômeno apresentado. Assim, necessitamos materializar uma forma matemática para os fenômenos de observação, tais modelos matemáticos são de dois tipos: Determinístico...

    6202  Palavras | 25  Páginas

  • Lista probabilidade

    Determinar a probabilidade P ou sua estimativa de cada um dos seguintes eventos: a) Aparecer um rei, ás , valete de copas ou dama de ouros ao tirar uma carta única de um baralho comum, bem embaralhado. b) Resultar a soma oito em um único lance de dois dados honestos. c) Obter 7 ou 11 na soma de pontos de uma única jogada de um par de dados honestos. d) Ocorrer ao menos uma cara em três lances de uma moeda honesta.  Um lote é formado de 10 artigos bons, 4 com defeitos menores e 2 com defeitos...

    1618  Palavras | 7  Páginas

  • Probabilidade

    LISTA DE PROBABILIDADES - GABARITO 1) As jogadoras Arminda(A) e Belisária(B) lançam um dado, uma vez cada uma. Vence o jogo quem tirar o maior número de pontos. Se a jogadora A obtiver o resultado 2, qual é a probabilidade de: a) A vencer o jogo? b) haver empate? c) B vencer o jogo? Solução. O espaço amostral dos resultados dos dados é composto de 36 pares ordenados. Como é informado que a jogadora A obteve resultado 2, o espaço amostral...

    1960  Palavras | 8  Páginas

  • Introdução a Probabilidade

    ................................................ 5 1. Cálculo de Probabilidades ......................................................................................................... 8 1. Introdução ............................................................................................................................. 8 2. Experimentos aleatórios, espaço amostral e eventos .......................................................... 9 3. Combinações de eventos ............................

    14906  Palavras | 60  Páginas

  • uma moeda e viciada

    Uma moeda é viciada, de forma que as caras são três vezes mais prováveis de aparecer do que as coroas.? ✓ Seguir de forma pública ✓ Seguir de forma privada Deixar de seguir Determine a probabilidade de num lançamento sair coroa. Melhor respostaEscolha do autor da pergunta Nipo Braz respondido 3 anos atrás 25% 4-----100% 1-----x% 100=4x x=100/4 x=25% Source: BRAZ Classificação e comentário do autor da pergunta ::::::::: 1 1 Comentário Outras respostas...

    1664  Palavras | 7  Páginas

  • Probabilidade

    1 4 PROBABILIDADES As aplicações iniciais referiam-se quase todas a jogos de azar. O ponto de desenvolvimento da teoria das probabilidades pode ser atribuído a Fermat (1601-1665) e Pascal (1623-1662). Atualmente os governos, as empresas, as organizações profissionais incorporam a teoria das probabilidades em seus processos de deliberações. A utilização das probabilidades indica que existe um elemento de acaso, ou incerteza, quanto à ocorrência ou não de um evento futuro. Mediante determinada...

    12169  Palavras | 49  Páginas

  • Probabilidade

    genéti­cos. A probabilidade de que um acontecimento A ocorra é igual ao quociente do número de casos favoráveis à ocorrência de A, pelo número total de casos possíveis. Simbolicamente, se P(A) indica a probabilidade de que A ocorra quando o experimento é realizado e se n e m indicam, respectivamente, o número total de casos favoráveis e possíveis, teremos: Fórmula da probabilidade Exemplos: 1) Ao lançarmos uma moeda num jogo de cara ou coroa, qual a probabilidade de se obter cara? Os resultados...

    737  Palavras | 3  Páginas

  • Distribuição de probabilidade

    Estatística Prof.ª Isabel C. C. Leite 11 DISTRIBUIÇÃO DE PROBABILIDADE VARIÁVEL ALEATÓRIA é aquela cujos valores são determinados por processos acidentais, ao acaso, que não estão sob o controle do observador. TIPOS: • DISCRETA – se o número de resultados possíveis é finito ou pode ser contado. Variáveis aleatórias discretas são determinadas por uma contagem. • CONTÍNUA – se pode assumir qualquer valor dentro de determinado intervalo. O número de resultados possíveis não pode...

    3237  Palavras | 13  Páginas

  • Probabilidade

    denotado S, Ω ou U (de "universo"), de um experimento ou teste aleatório é o conjunto de todos os resultados possíveis. Por exemplo, se o experimento é lançar uma moeda e verificar a face voltada para cima, o espaço amostral é o conjunto {cara, coroa}. para o lançamento de um dado de seis faces, o espaço amostral é {1, 2, 3, 4, 5, 6}. Qualquer subconjunto de um espaço amostral é comumente chamado um evento, enquanto subconjuntos de um espaço amostral contendo apenas um único elemento é chamado...

    2735  Palavras | 11  Páginas

  • Probabilidade genetica

    Disciplina: Biologia Série: 2ª série EM - 1º TRIM Professora: Ivone Azevedo da Fonseca Assunto: Probabilidade Genética PROBABILIDADE GENÉTICA A CIÊNCIA E AS LEIS DAS PROBABILIDADES - Podemos prevenir ou controlar a ocorrência de eventos? – Durante nossa vida, com todas as atribulações diárias, tempo contado para cada compromisso, longe de pensarmos que cálculos de probabilidade sejam de responsabilidade dos laboratórios de matemática, podemos não nos dar conta de que, a todo o momento...

    2186  Palavras | 9  Páginas

  • APOSTILA ESTATÍSTICA E PROBABILIDADE PARA ENGENHARIA ELETRICA

    Apostila elaborada pelo prof. Jorge Santana - Estatística ESTATÍSTICA e PROBABILIDADE – APOSTILA 1 CURSO DE ENGENHARIA ELÉTRICA 3º PERÍODO/NOTURNO – 2014-2 Prof. Jorge Santana Montes Claros Agosto/2014 1 Apostila elaborada pelo prof. Jorge Santana - Estatística 1 – OS MÉTODOS ESTATÍSTICOS: finalidade e aplicações; conceitos básicos de Estatística. 1.1 - O que é Estatística? A Estatística é uma parte da Matemática Aplicada que fornece métodos para coleta, organização, descrição...

    9749  Palavras | 39  Páginas

  • Resolucoes cap 4 meyer probabilidade

    Livro: Probabilidade - Aplicações à Estatística – Paul L. Meyer Capitulo 4 – Variáveis Aleatórias Unidimensionais. Exemplo 4.9. Ao operar determinada máquina, existe alguma probabilidade de que o operador da máquina cometa um erro. Pode-se admitir, razoavelmente, que o operador aprenda, no sentido de que decresça a probabilidade de cometer um erro, se ele usar repetidamente a máquina. Suponha que o operador faça n tentativas e que as repetições sejam estatisticamente independentes. Suponhamos, especificamente...

    1832  Palavras | 8  Páginas

  • Probabilidade

    de Anápolis Davy Carlos Lariane Sena Rafaela Reis PROBABILIDADE Anápolis Go 2014 1-Num lote de 12 peças, 4 são defeituosas; duas peças são retiradas aleatoriamente. Calcule: a) A probabilidade de ambas serem defeituosas; b) A probabilidade de ambas não serem defeituosas; c) A probabilidade de ao menos uma ser defeituosa; 2-Uma bolsa contém 2 moedas de um centavo, três de 10 centavos e 4 de um cruzeiro. Duas moedas serão escolhidas da bolsa, ao acaso. Usando as fórmulas de...

    1120  Palavras | 5  Páginas

  • Probabilidade

    Estatística e Probabilidade Flávio Bittencourt 2012/1 MAT 157 Estatística e Probabilidade Professor Flávio Bittencourt SOMATÓRIO Índices ou notação por índices O símbolo xi (leia-se x índice i) representa qualquer um dos n valores, x1, x2, ..., xn, assumidos pela variável X, na amostra ou no conjunto de dados. A letra i, usada como índice, pode representar qualquer um dos valores: 1, 2, ..., n. Evidentemente pode ser usada qualquer outra letra além de i. Notação de somatório n ...

    25138  Palavras | 101  Páginas

  • probabilidade

    11208909 Trabalho de complementação de carga horária : Jaguariúna 2013 SUMÁRIO 1. probabilidade: Espaços amostrais e eventos, e interpretações, regras de adição e multiplicação, probabilidade condicional e Total. 2. Distribuições de Probabilidades em relação as Variáveis aleatórias discretas e contínuas * FACULDADE DE JAGUARIÚNA Campus I: (19) 3837-8800 – Rua Amazonas, 504...

    3882  Palavras | 16  Páginas

  • Distribuições discretas de probabilidade

    6. DISTRIBUIÇÕES DISCRETAS DE PROBABILIDADE 1. Introdução Tal como nos modelos matemáticos determinísticos, nos quais algumas relações funcionais desempenham papel importante (como por exemplo a linear, a quadrática, a exponencial, a trigonométrica, etc.), também verifica-se que na construção de modelos probabilísticos para fenômenos observáveis, algumas distribuições de probabilidade são mais importantes devido ao seu maior uso. No caso de variáveis aleatórias discretas as distribuições...

    3158  Palavras | 13  Páginas

  • Atps de matemática fundamental ii e médio 3 semestre

    Trigonometria 1 2. História da Trigonometria 1 3. Porque estudar Trigonometria 5 4. Exercícios 6 a 18 ETAPA 2 5 A História da analise combinatória 19 6 Análise Combinatória 19 7 Fatorial 20 8 Princípio fundamental da Contagem 20 9 Arranjo Simples 20 10 Combinação Simples 20 11 Permutações Simples 21 12 Permutação de elementos repetidos 21 13 Exercícios 22 ETAPA 3 14 Aula-tema: Probabilidade 35 15 Exercícios ...

    7560  Palavras | 31  Páginas

  • DISTRIBUIÇÃO DE PROBABILIDADE

    DISTRIBUIÇÃO DE PROBABILIDADE Uma distribuição de probabilidade é um modelo matemático que relaciona um certo valor da variável em estudo com a sua probabilidade de ocorrência. Ela associa uma probabilidade a cada resultado numérico de um experimento, ou seja, dá a probabilidade de cada valor de uma variável aleatória. Variável Aleatória A variável aleatória é uma variável que tem um valor único (determinado aleatoriamente) para cada resulta do de um experimento. A palavra aleatória indica...

    4547  Palavras | 19  Páginas

  • Probabilidade

    NOÇÔES DE PROBABILIDADES - espaço amostral É o conjunto de todos os resultados possíveis de um experimento aleatório (ou experiência aleatória). Símbolo: S Exemplo: Vamos determinar o espaço amostral dos seguintes experimentos aleatórios:. a): Joga-se um dado, não viciado, e observa-se o número obtido na face superior. S = { 1, 2, 3, 4, 5, 6 } b) Lança-se uma moeda, honesta, e verifica-se...

    692  Palavras | 3  Páginas

  • Probabilidade

    Probabilidade O estudo da probabilidade vem da necessidade de em certas situações, prevermos a possibilidade de ocorrência de determinados fatos. Ao começarmos o estudo da probabilidade, normalmente a primeira ideia que nos vem à mente é a da sua utilização em jogos, mas podemos utilizá-lo em muitas outras áreas. Um bom exemplo é na área comercial, onde um site de comércio eletrônico pode dela se utilizar, para prever a possibilidade de fraude por parte de um possível comprador...

    1570  Palavras | 7  Páginas

  • Probabilidade Conceitos Matem tica Didatica

    31/05/2015 Probabilidade ­ Conceitos ­ Matemática Didática Probabilidade O  estudo  da  probabilidade  vem  da  necessidade  de  em  certas  situações,  prevermos  a  possibilidade  de  ocorrência  de determinados fatos. Ao começarmos o estudo da probabilidade, normalmente a primeira ideia que nos vem à mente é a da sua utilização em jogos, mas podemos utilizá­lo em muitas outras áreas. Um bom exemplo é na área comercial, onde um site de comércio eletrônico pode dela se utilizar, para prever a...

    1401  Palavras | 6  Páginas

  • Probabilidade

     CAPÍTULO 5 Noções Básicas de probabilidade 5.1 Experimentos Aleatórios Um experimento aleatório é todo aquele que quando realizado várias vezes nas mesmas condições não produzem o mesmo resultado. Vejamos alguns exemplos: a) lançamento de uma moeda e observar a face de cima; b) lançamento de um dado e observar o número da face de cima c) Lançamento de uma moeda e um dado conjuntamente e observar a face e o número de cima, respectivamente; d) De um baralho de 52 cartas, selecionar...

    6054  Palavras | 25  Páginas

  • Probabilidade e análise combinatória

    JUNIOR JOVANI AGUIAR LAGE PIETRA CAMUZZI VIEIRA MACHADO RAMON OLIVEIRA HEQUER ROMULO PATROCÍNIO PROBABILIDADE E ANÁLISE COMBINATÓRIA VILA VELHA 2012 ADALBERTO FIALHO MOTA JUNIOR JOVANI AGUIAR LAGE PIETRA CAMUZZI VIEIRA MACHADO RAMON OLIVEIRA HEQUER ROMULO PATROCÍNIO PROBABILIDADE E ANÁLISE COMBINATÓRIA ...

    3374  Palavras | 14  Páginas

  • Probabilidade e porcentagem

    Probabilidade e porcentagem A fração foi construída para mostrar a relação entre a parte e o todo. A experiência mais conhecida é com o número fracionário, para resolver o problema de repartir ou dividir determinadas quantidades. Para retomar essa importante idéia da matemática, vamos imaginar o clássico problema de dividirmos duas maçãs entre três crianças. Nessa situação, dividimos cada maçã em três partes iguais, dando um total de seis pedaços. Logo depois, dividimos esses seis pedaços em três...

    1833  Palavras | 8  Páginas

  • Probabilidade

    Probabilidade Introdução A Teoria das Probabilidades surgiu no século XVI, com o objetivo de analisar os jogos de azar, como os jogos de cartas e a roleta. O primeiro matemático a conceituar probabilidade e a calculá-la foi Cardano (1501 - 1576) e, em seguida, Galileu Galilei (1564 - 1642) que analisou e enunciou problemas sobre jogos de dados. O real desenvolvimento da Teoria das Probabilidades pode, todavia, ser atribuído a Fermat (1601 - 1665) e a Pascal (1623 - 1662). Pascal descreveu...

    3194  Palavras | 13  Páginas

  • Estatistica probabilidade

    MAT 027 - ESTATISTICA IV 450 400 350 No of obs 300 250 200 150 100 50 0 0 5 10 15 20 25 30 35 40 Upper Boundaries (x np = 53 C: o indivíduo apresenta pressão arterial elevada => nc = 20 Q: o indivíduo simultaneamente tem peso normal e pressão arterial elevada. Q = P ∩ C => nP ∩ C = 8 Assim: nQ = 8 Usando a definição de probabilidade, queremos calcular: 8 no .de casos favoráveis ao evento = = P (“ter pressão elevada, sabendo que tem peso normal”)...

    5960  Palavras | 24  Páginas

  • PROBABILIDADE APLICADA ÀS TELECOMUNICAÇÕES

    MÓDULO DE: PROBABILIDADE APLICADA ÀS TELECOMUNICAÇÕES AUTORIA: GERALDO BULL DA SILVA JUNIOR Copyright © 2008, ESAB – Escola Superior Aberta do Brasil Copyright © 2007, ESAB – Escola Superior Aberta do Brasil 1 Módulo de: Probabilidade Aplicada às Telecomunicações Autoria: Geraldo Bull da Silva Junior Primeira edição: 2008 CITAÇÃO DE MARCAS NOTÓRIAS Várias marcas registradas são citadas no conteúdo deste módulo. Mais do que simplesmente listar esses nomes e informar...

    15434  Palavras | 62  Páginas

  • Probabilidade

    Probabilidade e Espaço Amostral Conteúdo 1.1. Conjuntos. . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . p. 3 1.2. Modelos probabilísticos. . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . p. 6 1.3. Probabilidade condicional. . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . p. 16 1.4. Teorema probabilidade total e a regra de Bayes . . . . p. 25 1.5. Independência. . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . p. 31 1.6. Contagem. . . . . ....

    2645  Palavras | 11  Páginas

  • Apostila Probabilidade

    SÉRIE: Probabilidade INTRODUÇÃO SUMÁRIO 1. COMBINATÓRIA............................................................................................................................................................. 5 1.1. CONJUNTOS ................................................................................................................................................................... 5 1.2. OPERAÇÕES COM CONJUNTOS ....................................................................

    17535  Palavras | 71  Páginas

  • probabilidade

    SÉRIE: Probabilidade INTRODUÇÃO SUMÁRIO 1. COMBINATÓRIA............................................................................................................................................................. 5 1.1. CONJUNTOS ................................................................................................................................................................... 5 1.2. OPERAÇÕES COM CONJUNTOS ....................................................................

    18500  Palavras | 74  Páginas

  • Probabilidade

    PROBABILIDADE Profa. Ms. Lilian S. F. Blumer PROBABILIDADE • A probabilidade serve para estimar matematicamente a possibilidade de ocorrer eventos que acontecem ao acaso, ou seja, por questão de sorte. Pode ser definida pela seguinte fórmula: P= A S Onde P é a probabilidade de um evento ocorrer, A é o número de eventos desejados e S é o número total de eventos possíveis. • Exemplo: Quando jogamos uma moeda para cima, temos duas possibilidades de resultado: ela...

    1031  Palavras | 5  Páginas

  • Noções de Probabilidade

    1. 2. 3. 4. 5. 6. Probabilidades Motivação; Conceitos importantes; Definições de probabilidades; Probabilidade Condicional; Independência de eventos; Regra da probabilidade total. Probabilidades Probabilidades OS RESULTADOS, MESMO EM CONDIÇÕES NORMAIS DE EXPERIMENTAÇÃO, VARIAM DE UMA OBSERVAÇÃO PARA OUTRA. DIFICULTA A PREVISÃO DE RESULTADOS FUTUROS Probabilidades A teoria das probabilidades nada mais é do que o bom senso transformado em cálculo. A probabilidade...

    2763  Palavras | 12  Páginas

  • probabilidade

    4) Um credor está à sua procura. A probabilidade dele encontrá-lo em casa é 0,4. Se ele fizer 5 tentativas, qual a probabilidade do credor lhe encontrar uma vez em casa? Ou o credor vai a sua casa e o encontra, ou ele vai e não o encontra, como em cada tentativa estamos tratando de um sucesso ou de um fracasso e não há outra possibilidade, além do fato de a probabilidade ser a mesma em todas as tentativas, vamos resolver o problema utilizando o termo geral do Binômio de Newton: n é o número...

    2960  Palavras | 12  Páginas

  • 6 Lista De Exercicios Probabilidade

    PROBABILIDADE - Introdução Embora o cálculo das probabilidades pertença ao campo da Matemática, sua inclusão neste conteúdo se justifica pelo fato de a maioria dos fenômenos de que trata a Estatística ser de natureza aleatória ou probabilística. Consequentemente, o conhecimento dos aspectos fundamentais do cálculo de probabilidades é uma necessidade essencial para o estudo da Estatística Indutiva ou Inferencial. Procuramos resumir aqui os conhecimentos que julgamos necessários para termos um ponto...

    3680  Palavras | 15  Páginas

  • Probabilidade

    7 - Probabilidade da união de dois eventos Sejam A e B eventos de um mesmo espaço amostral Ω. Vamos encontrar uma expressão para a probabilidade de ocorrer o evento A ou o evento B, isto é, a probabilidade da ocorrência do evento A B. A fórmula geral é: p(A B) = p(A) + p(B) – p(A B). Observação: o evento A B representa a ocorr ê ncia simultânea dos eventos A e B. Sendo assim, quando este evento for igual a zero, significa que A e B são eventos mutuamente exclusivos e p(A B)...

    593  Palavras | 3  Páginas

  • Probabilidade

    PROBABILIDADE Introdução: O cálculo das probabilidades pertence ao campo da Matemática, entretanto a maioria dos fenômenos de que trata a Estatística são de natureza aleatória ou probabilística. O conhecimento dos aspectos fundamentais do cálculo das probabilidades é uma necessidade essencial para o estudo da Estatística Indutiva ou Inferência. Experimento Aleatório São fenômenos que, mesmo repetidos várias vezes sob condições semelhantes, apresentam resultados imprevisíveis. O resultado final...

    2094  Palavras | 9  Páginas

  • Probabilidade

    pode assumir são 0 e 1. A função de probabilidade associada à variável aleatória X é x(0) = q e x(1) = p. O valor esperado da variável aleatória x é: µ(x) = p. A variância da variável aleatória x é: 2 (x) = p.q e o desvio padrão da variável aleatória x é (x) = Vp.q. Exemplo No lançamento de uma moeda, a variável aleatória x anota o número de caras obtidas. Determine a média, a variância e o desvio padrão da variável aleatória x. E(x) = µ(x) = 0,5 2 (x) = 0,5 . 0,5 = 0,25 ...

    1196  Palavras | 5  Páginas

  • Probabilidade

    PROBABILIDADE Introdução: O cálculo das probabilidades pertence ao campo da Matemática, entretanto a maioria dos fenômenos de que trata a Estatística são de natureza aleatória ou probabilística. O conhecimento dos aspectos fundamentais do cálculo das probabilidades é uma necessidade essencial para o estudo da Estatística Indutiva ou Inferência. Experimento Aleatório São fenômenos que, mesmo repetidos várias vezes sob condições semelhantes, apresentam resultados imprevisíveis. O resultado final...

    2094  Palavras | 9  Páginas

  • Probabilidade

    010 UNIDADE 2 Representação gráfica e tabular/ análise e interpretação de gráficos e tabelas Distribuição de frequências: construção e tipos Representação gráfica: histograma, polígono e ogivas 019 UNIDADE 3 Medidas de posição: medidas de tendência central Média Aritmética (x) Mediana (Md) Moda (Mo) 037 038 038 043 048 020 020 028 UNIDADE 4 054 Medidas de posição: medidas separatrizes 055 Introdução 055 Quartis 055 Percentis061 5 6 7 8 ...

    23004  Palavras | 93  Páginas

  • Probabilidade

    PROBABILIDADE – TIPOS DE EVENTOS 1. Determinar o espaço amostral nos seguintes experimentos. a) Joga-se uma moeda e lê-se a figura da face voltada para cima. Faça C = cara e K = coroa. (C,K) b) Joga-se um dado comum e lê-se o número voltado para cima. {1, 2, 3, 4, 5, 6} c) Jogam-se duas moedas diferentes e lêem-se as figuras das faces voltadas para cima. {(C, C), (C, K), (K, K), (K, C)} 2. Considere o experimento: lançamento de dois dados, um branco e outro verde, e observação...

    4046  Palavras | 17  Páginas

  • Probabilidade

    Pré-Avaliação A 01) No lançamento de 2 dados, qual a probabilidade de se obter soma dos pontos maior que 10? O exercício pede que a soma obtida seja maior que 10. Portanto, servem as somas 11 e 12. Como são 6 resultados possíveis para o primeiro dado e 6 para o segundo dado, temos um total de 6 · 6 = 36 resultados possíveis para o lançamento dos dois 3 1 dados. Desses 36, só interessam os resultados 56 e 65, que somam 11, e 66, que soma 12. Logo, P   . 36 12 02) (MACK-SP) Quatro pessoas deixam...

    994  Palavras | 4  Páginas

  • Probabilidade

    18 Probabilidade Condicional Sumário 18.1 Introdução . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 2 2 18.2 Probabilidade Condicional . . . . . . . . . . . . . . . 1 Unidade 18 Introdução 18.1 Introdução Nessa unidade, é apresentada mais uma técnica básica importante em probabilidades, a chamada Probabilidade Condicional. Usa-se essa técnica quando se quer calcular a probabilidade de um evento, na presença de uma informação privilegiada. Mais precisamente, é uma maneira de calcular...

    2779  Palavras | 12  Páginas

  • Aula 1 14 05 Probabilidade

    Probabilidade Noção Intuitiva: é a chance ou possibilidade de um evento ocorrer. Definições Experimento Aleatório É todo experimento que, mesmo repetido várias vezes, sob condições semelhantes, apresenta resultados imprevisíveis dentre os resultados possíveis. Exemplos - Lançamento de dados, moedas; - Extração de uma carta de baralho. Espaço Amostral É o conjunto de todos os resultados possíveis de um experimento. Notação: S ou Ω (ômega) n(S) -> nº de elementos do espaço amostral, nº...

    680  Palavras | 3  Páginas

tracking img