Brasil Colonia Aspectos Politicos E Economicos artigos e trabalhos de pesquisa

  • brasil na colonia

    BRASIL NO CENÁRIO INTERNACIONAL: DE COLÔNIA À EIXO EMERGENTE NO CENÁRIO POLÍTICO E ECONÔMICO. INTRODUÇÃO Este projeto tem por objetivo identificar a relação político-econômica do Brasil em sua formação histórica e como isso afetou seu encadeamento no âmbito global. Comparando seu modelo com o norte americano e investigando métodos distintos de colonização, analisa-se que dois fatores básicos impeliam as economias capitalistas avançadas no sentido de controle de nações menos desenvolvidas: o movimento...

    1390  Palavras | 6  Páginas

  • O DIREITO NA ÉPOCA DO BRASIL COLONIAL

    O DIREITO NA ÉPOCA DO BRASIL COLONIAL Primórdios da estrutura político-econômica brasileira Neste texto o autor busca problematizar os elementos culturais e econômicos presentes na época do Brasil colonial, e a influência lusitana no campo da formação do direito. Analisando as particularidades histórico-politicas herdadas, incorporadas e assimiladas a partir das influências étnicas e do processo de colonização lusitana. Vê-se, pelo texto, que a convivência entre um sistema patrimonialista e...

    1774  Palavras | 8  Páginas

  • Trabalho sobre as obras “Formação Econômica do Brasil”, de Celso Furtado e “História Econômica do Brasil”, de Caio Prado Júnior

    Trabalho sobre as obras “Formação Econômica do Brasil”, de Celso Furtado e “História Econômica do Brasil”, de Caio Prado Júnior Em sua obra “Formação Econômica do Brasil”, Celso Furtado faz um panorama do desenvolvimento econômico do Brasil e, no tópico “Projeção da Economia Açucareira: a Pecuária”, relata o início daquela atividade que seria, anos depois, uma das vertentes do crescimento econômico brasileiro, particularmente na sua interiorização. Inicialmente atrelada ao crescimento da indústria...

    1907  Palavras | 8  Páginas

  • Normas No Brasil

     1. INTRODUÇÃO Um problema marcante vem se estabelecendo no Brasil, ao longo dos tempos, afetando bastante as relações interindividuais, dificultando a efetivação do exercício de cidadania e, consequentemente, o implemento da tão sonhada justiça social e do tão desejado Estado Democrático de Direito: o desconhecimento das normas jurídicas por grande parte da população brasileira. Muitas pessoas, às vezes, se questionam “o que”, “como” e “quando” fazer em determinadas situações, estando expostas...

    2716  Palavras | 11  Páginas

  • JATAÍ, UMA COLÔNIA MILITAR NA CONSOLIDAÇÃO DO ESTADO NO BRASIL (1850- 1890).

    UNIVERSIDADE FEDERAL DE SÃO PAULO programa de pós graduação em História Escola de filosofia letras e ciencias humanas JÉSSIKA DE AQUINO BEZERRA JATAÍ, UMA COLÔNIA MILITAR NA CONSOLIDAÇÃO DO ESTADO NO BRASIL (1850- 1890). Orientadora: Profª Dra. Maria Luiza Ferreira de Oliveira SUMÁRIO 1. INTRODUÇÃO............................................................................................................03 2. OBJETIVOS E JUSTIFICATIVAS.....................

    8467  Palavras | 34  Páginas

  • Independência das colonias americas

    mercantilista as suas colónias da América do Norte. Os americanos começaram a reagir a atitude da metrópole colonizadora que impedia o seu desenvolvimento económico e a sua autonomia política. Após o conflito das duas potências devido as fronteiras entre a França e Inglaterra. Mais tarde, a França iria influenciar e participar na própria luta pala independência com o fim de reaver as suas possessões perdidas nessa guerra. Além dos factores políticos económicos, políticos também factores ideológicos...

    5511  Palavras | 23  Páginas

  • No labirintos das colônias

    A Economia Política dos Descobrimentos. In: Adauto Novaes (Org.). A Descoberta do Homem e do Mundo. São Paulo: Companhia das Letras, 1998, p. 193-207. O artigo do historiador e pesquisador Luiz Felipe de Alencastro intitulado “No Labirinto Das Colônias”, têm por objetivo traçar um panorama geral da política econômica existente na época dos descobrimentos, salientando entretanto determinados problemas que emergiram desde a transição do século XV ao século XVII. Esta abordagem, portanto, visa pautar-se...

    1519  Palavras | 7  Páginas

  • Brasil Colonia e demais

    Brasil Colonia Brasil Colônia foi o período colonial brasileiro da uma forma definida pela história, em que o território brasileiro era uma colônia do império português. Foi marcado pelo início do povoamento (fim do período pré-colonial brasileiro, em 1530) e não do descobrimento do Brasil pelos portugueses, se estendendo até a sua elevação a reino unido com Portugal, em 1815. A economia do período foi caracterizada pela monocultura, latifúndio e mão de obra escrava, e apesar das grandes diferenças...

    4013  Palavras | 17  Páginas

  • Fundamentos econômicos da ocupação territorial

    Resumo: FUNDAMENTOS ECONÔMICOS DA OCUPAÇÃO TERRITORIAL DA EXPANSÃO COMERCIAL À EMPRESA AGRÍCOLA A ocupação econômica das terras americanas constitui um episódio da expansão comercial da Europa. O comercio interno havia alcançado um elevado grau de desenvolvimento no século XV, quando as invasões turcas começaram a criar dificuldades crescentes as linhas orientais de abastecimento de produtos de alta qualidade, inclusive manufaturas. O início da ocupação econômica do território brasileiro...

    2419  Palavras | 10  Páginas

  • Fichamento - a história do direito no brasil - wolkmer

    paralelo ao Direito privado. Como ressalta o autor, citando Eliseu Figueira, “tais princípios de abstração, generalidade e impessoalidade têm no modelo liberal-individualista ‘um significado ideológico, o de ocultar a desigualdade real dos agentes econômicos, para desse modo se conseguir a aparência de uma igualdade formal, a igualdade perante a lei’” (p. 27). Princípio da generalidade: Implica a regra jurídica como preceito de ordem abrangente, obrigando a um número de pessoas que estejam em igual...

    3589  Palavras | 15  Páginas

  • formação social economica e politica do brasil

    social e econômico do Brasil-Colônia (1500-1822). ETAPA 2 - Esta atividade é importante para que nós pesquisarmos e compreendermos o panorama econômico e político do final do século XIX e XX. ETAPA 3- Esta atividade é importante para conhecermos a evolução política brasileira e as transformações sociais decorrentes dos anos 1940 a 1964 do século XX, décadas de 1960-1970 e meados de 1980 do século passado. ETAPA 4 - Esta atividade é importante para que nós compreendermos aspectos relevantes...

    2043  Palavras | 9  Páginas

  • Resenha - Formação Econômica do Brasil, de Celso Furtado

    Universidade Federal do ABC Amanda Mendonça dos Santos – RA 21041113 Interpretações do Brasil – Profº Gilberto Maringoni Resenha sobre o livro “Formação Econômica do Brasil”, de Celso Furtado O início A ocupação econômica das terras americanas foi um episódio da expansão comercial da Europa. A abertura de novas rotas no século XV permitiu que os portugueses eliminassem os intermediários árabes, quebrassem o monopólio dos venezianos – e, como consequência, baixassem os preços dos produtos. Inicialmente...

    3059  Palavras | 13  Páginas

  • Formacao do brasil contemporaneo por Caio Prado

    Revista Symposium Revista Symposium A FORMAÇÃO DO BRASIL CONTEMPORÂNEO POR CAIO PRADO JÚNIOR: contexto, epistemologia e hermenêutica de um clássico da historiografia brasileira. Vera Borges de Sá1 Resumo: A Formação do Brasil Contemporâneo por Caio Prado Júnior: contexto, epistemologia e hermenêutica de um clássico da historiografia brasileira. O artigo consiste numa caracterização da obra de Caio Prado Júnior, escrita em 1942, intitulada Formação do Brasil Contemporâneo, que busca explicar as origens...

    9838  Palavras | 40  Páginas

  • Portf lio Individual - OS PROCESSOS DE PLANEJAMENTO NA CONSTRUÇÃO DAS POLÍTICAS SOCIAIS NO BRASIL.

    SISTEMA DE ENSINO PRESENCIAL CONECTADO SERVIÇO SOCIAL DEISE CHRISLEN GONÇALVES LUZ Os processos de planejamento na construção das políticas sociais no brasil. Almenara/ MG 2014 DEISE CHRISLEN GONÇALVES LUZ Os processos de planejamento na construção das políticas sociais no brasil. Trabalho apresentado ao Curso Serviço Social da UNOPAR - Universidade Norte do Paraná, para a disciplina Fundamentos Históricos, Teóricos e Metodológicos do Serviço...

    3087  Palavras | 13  Páginas

  • Brasil colonial

    naquele palco, antes mesmo das cenas começarem. Este pano de boca representava o momento político em que a colônia estava passando, o líder, o monarca. E que até o presente momento ninguém havia visto um acontecimento como aquele, podendo dizer então que a coroação de D. João foi realmente um acontecimento inédito. Os valores históricos representados nesta pintura são os momentos políticos da época, mostra um Brasil imperial centralizado na figura de um rei representante de uma dinastia europeia decadente...

    4227  Palavras | 17  Páginas

  • Processo Colonizador: raízes coloniais-escravistas da questão social no Brasil

    PARTE I AS DETERMINAÇÕES SÓCIO-HISTÓRICAS DA QUESTÃO SOCIAL NO BRASIL Processo Colonizador: raízes coloniais-escravistas da questão social no Brasil1 1. Introdução O fenômeno da questão social2 será compreendido e analisado ao longo deste estudo e a partir deste momento, como sinônimo de antagonismo, exploração, contradição, conflitos e lutas sociais geradas no interior da sociedade capitalista brasileira traduzindo-se, historicamente...

    6401  Palavras | 26  Páginas

  • independencia da América espanhola, das treze colonias e América portuguesa

    Independência das treze colônias Antes da independência, os estados unidos da América era formado por treze colônias, sua metrópole era Inglaterra, que utilizava as colônias para obter lucros e recursos minerais e vegetais. Colônias do norte: região ocupada por protestantes europeus, ingleses, que fugiam de perseguições religiosas. A região sofreu uma colonização de povoamento com as seguintes características: mão de obra livre, economia baseada no comercio, pequenas propriedades, produção de consumo...

    1587  Palavras | 7  Páginas

  • OS CICLOS ECONOMICOS

    OS CICLOS ECONÔMICOS 1. Qual foi o legado sócio-politico- econômico do ciclo do açúcar? As exportações de açúcar representaram o eixo econômico da colônia, no período que se estende do século XVI, até o final do século XVIII. Sendo assim, o ciclo açucareiro deixou profundas marcas sobre a organização e o funcionamento da economia brasileira, inclusive até os dias atuais. Em primeiro lugar a monocultura exportadora da cana-de-açúcar exigia o cultivo em larga escala, razão pela qual as fazendas...

    913  Palavras | 4  Páginas

  • Instituições, retoricas e o bacharelismo no brasil

    ocidente permaneceu restrito ao Direito nacional e, quando muito, estendeu seu interesse particularmente ao Direito do continente europeu. Os fatos se repetem na história. Da mesma forma como ocorrera em Roma e Portugal, o Brasil passa a organizar-se, enquanto colônia, social, política e economicamente através de uma elite, representada pelos grandes proprietários rurais e mão-de-obra na sua maioria escrava (índios, mestiços e negros). Consolidando-se o poder sem identidade nacional, completamente...

    4223  Palavras | 17  Páginas

  • Independencia do Brasil

    Thamires Aparecida do Nascimento – B730GF-0 INDEPENDÊNCIA DO BRASIL CAMPINAS 2013 Amanda Beltrami Roberto de Lima – B602EG-6 Michele Almeida Barreto – B6252I-4 Thamires Aparecida do Nascimento – B730GF-0 INDEPENDÊNCIA DO BRASIL CAMPINAS 2013 SUMÁRIO 1.0 – INTRODUÇÃO......................................................................................01 2.0 - O PROCESSO DE INDEPENDÊNCIA DO BRASIL.............................02 3.0 - OS MOVIMENTOS DE EMANCIPAÇÃO...

    4236  Palavras | 17  Páginas

  • O que permanece e o que foi ultrapassado na herança colonial do Brasil: uma análise de "O Sentido da Colonização" de Caio Prado

    ultrapassado na herança colonial no Brasil” Uma análise da obra O Sentido da Colonização, de Caio Prado Acredito que uma das coisas mais visíveis, relacionadas à herança colonial, seria a questão agrária. Caio Prado, autor de Formação do Brasil Contemporâneo, no capítulo O Sentido da Colonização, fala sobre a questão da adaptação dos europeus no território latino americano e o fato da população portuguesa ser insuficiente para ocupar o território da nova colônia. Esse fato, faz com que a terra seja...

    1078  Palavras | 5  Páginas

  • Mapeamento dos debates historiográficos sobre as características da Independência do Brasil

    Universidade Estadual de Campinas IFCH/Departamento de História HH483/História do Brasil II 2o semestre de 2013/Sidney Chalhoub Primeiro trabalho escrito – mapeamento dos debates historiográficos sobre as características da Independência Natália Vicente Jaremko RA: 137142 Tema bastante polêmico inerente à historiografia é a questão da Independência do Brasil. As discussões operam-se em torno de seus sentidos políticos, transformações sociais, marcos, significações, influências, efeitos e há uma...

    2841  Palavras | 12  Páginas

  • Relações Políticas entre Brasil e Angola no século XIX

    Relações político-diplomáticas entre Brasil e Angola no período (1808-1840)1 Luccianne Guedes da Luz Martins2 Resumo O presente artigo trata das relações entre Brasil e Angola no contexto do Império Português do século XVIII e início do século XIX, que compreende os territórios metropolitanos e os domínios ultramarinos, inseridos estes no sistema mundial capitalista europeu. No interior desse sistema português, destaca-se o espaço luso-atlântico, por sua riqueza e dinamismo econômico, envolvendo...

    7571  Palavras | 31  Páginas

  • Formaçao economica do brasil

    FORMAÇÃO ECONÔMICA DO BRASIL Sabemos que qualquer assunto histórico, ou mesmo atual, pode ser visto sob vários ângulos. Um fato social, econômico ou político é abordado historicamente por vários autores, de diversas linhas de pesquisas, bases e fontes. Essas análises diversas são importantes, pois ampliam a fundamentação histórica na medida em que provocam discussões sobre as divergências dos assuntos abordados. Essa riqueza bibliográfica da economia brasileira nos leva a refletir a formação...

    5380  Palavras | 22  Páginas

  • vida privada no Brasil

     Artigo:Condiçôes de privacidade na colônia O tema da obra ”Vida Privada no Brasil” tem o claro objetivo de demostrar com detalhes o dia a dia da vida privada no Novo Mundo. Nesse capitulo Condições da Privacidade na Colonia o autor propõe uma analise entre os níveis publico e privado que segundo ele se sobrepõem parcialmente umas as outras. No contexto de colonização privacidade abre caminho não so em contraponto com a formação do Estado,mas também com a gestão da nacionalidade. Na estrutura...

    636  Palavras | 3  Páginas

  • Diferentes regionalizações do Brasil Colônia até 1930

    determinava um meridiano há 370 léguas de Cabo Verde: as terras que ficavam a Leste, pertenciam a Portugal e a Oeste, à Espanha. Quando os portugueses chegaram ao Brasil, sua grande fonte de riqueza ainda era a Índia e suas especiárias. Ainda sim, viu-se a oportunidade de se explorar o primeiro recurso avistado no novo mundo: o pau-brasil. Durante vários anos, o território “descoberto” foi visitado várias vezes para que se extraísse tal recurso, além de expedições para reconhecimento da costa, e...

    1824  Palavras | 8  Páginas

  • Contexto historico do livro cidadania no brasil

    francesa de 1789,vamos tratar do contexto histórico do Brasil presente no primeiro capitulo com uma abordagem estritamente histórica sem de imediato problematizar a cidadania,para depois quando tratarmos da cidadania não ficarmos presos a explicações dos acontecimentos O contexto em questão vai compreender o período de 1500 a 1930 da história do Brasil,passando do Brasil colônia,independência ,primeira e segunda republica,abordando os aspectos importantes deste período no que é importante para compreender...

    3736  Palavras | 15  Páginas

  • Cidadania do brasil contexto historico

    francesa de 1789, vamos tratar do contexto histórico do Brasil presente no primeiro capitulo com uma abordagem estritamente histórica sem de imediato problematizar a cidadania, para depois quando tratarmos da cidadania não ficarmos presos a explicações dos acontecimentos. O contexto em questão vai compreender o período de 1500 a 1930 da história do Brasil, passando pelo Brasil colônia, independência, primeira e segunda república, abordando os aspectos importantes deste período no que é importante para...

    3713  Palavras | 15  Páginas

  • Formação econômica do brasil

    Formação Econômica do Brasil I)Fundamentos econômicos da ocupação territorial A ocupação das terras americanas constitui um episódio da expansão comercial da Europa. Um intenso comércio europeu é observado a partir do século XI e alcança um elevado grau de desenvolvimento no século XV, quando as invasões turcas começam a criar dificuldades às linhas orientais de abastecimento. O restabelecimento dessas linhas, contornando o obstáculo otomano, com a abertura da rota marítima das Índias Orientais...

    7748  Palavras | 31  Páginas

  • A Historiografia dos Primeiros Tempos do Brasil Moderno. Tendências e Desafios das Duas Últimas Décadas

    SCHWARZ, Stuart B..A Historiografia dos Primeiros Tempos do Brasil Moderno. Tendências e Desafios das Duas Últimas Décadas. In: História: Questões e Debates, Curitiba, n° 50. Editora UFPR, ano 2009, p. 175-216.  Schwarz trás em seu artigo, um exame da produção historiográfica sobre o Brasil colonial ao longo dos últimos 20 anos, em que a partir das principais datas comemorativas, como o descobrimento do Brasil, por exemplo, instigou muitas pesquisas e publicações com base na história cultural...

    1573  Palavras | 7  Páginas

  • RESENHA E FICHAMENTO SOBRE PENSAMENTO POLÍTICO NO BRASIL

     28 de Novembro de 2012 TEMA: PENSAMENTO POLÍTICO NO BRASIL DEBATES E CONTROVÉRSIAS DISCIPLINA: Pensamento Político no Brasil ALUNO: Antonio Vicente Pessoa de Oliveira DOCENTE: Carlos Henrique Gileno Araraquara, 28 de Novembro de 2012 SUMÁRIO: 1 – INTRODUÇÃO 1 – PANORAMA GERAL DO DEBATE ENTRE OS AUTORES TRATADOS, UMA REVISÃO BIBLIOGRÁFICA 5 – O PATRIMONIALISMO EXÓGENO NO CONTEXTO DE TRANSFORMAÇÕES IMPOSTAS PELO ALTO 6 – A FORMAÇÃO DA ORDEM BURGUESA E A MODERNIZAÇÃO...

    5718  Palavras | 23  Páginas

  • Raízes do Brasil

    PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM HISTÓRIA DO BRASIL DISCIPLINA: TÓPICO ESPECIAL – HISTÓRIA E CIDADE NO BRASIL PROFESSOR: FRANCISCO ALCIDES DO NASCIMENTO RESENHA HOLANDA, Sérgio Buarque de. O Semeador e o Ladrilhador. In: Raízes do Brasil. 26. ed. São Paulo: Companhia das Letras, 1997. IARA CONCEIÇÃO G. DE MIRANDA MOURA TERESINA-PI ABRIL, 2008. HOLANDA, Sérgio Buarque de. O Semeador e o Ladrilhador. In: Raízes do Brasil. 26. ed. São Paulo: Companhia das Letras...

    3221  Palavras | 13  Páginas

  • A descoberta do ouro no Brasil

    A DESCOBERTA DO OURO NO BRASIL No fim do século XVII a produção açucareira no Brasil enfrenta uma séria crise devido à prosperidade dos engenhos açucareiros nas colônias holandesas, francesas e inglesas da América Central. Como Portugal dependia, e muito, dos impostos que eram cobrados da colônia a Coroa passou a estimular seus funcionários e demais habitantes, principalmente os do Planalto de Piratininga, atual São Paulo, a desbravar as terras ainda desconhecidas em busca deouro e pedras preciosas...

    509  Palavras | 3  Páginas

  • brasil

    Curso: História do Brasil I   Semestre/ Módulo: Componente Curricular: Professor(es): Prof. Leandro Seawright Carga Horária: 47 horas Período: 2º SEMESTRE / 2014 Ementa Estudo da expansão da civilização europeia na Época Moderna, a partir da colonização portuguesa e a estruturação do Brasil colonial e relações com o meio ambiente. Análise das culturas indígenas brasileiras. Permitir que o aluno conheça e reflita sobre a estruturação do Brasil Colônia até o século XVIII, sob...

    1610  Palavras | 7  Páginas

  • FORMAÇÃO DO BRASIL CONTEMPORÂNEO CAIO PRADO JUNIOR

    VERA LÚCIA CASARIN FORMAÇÃO DO BRASIL CONTEMPORÂNEO Barreiras- BA 2013 FORMAÇÃO DO BRASIL CONTEMPORÂNEO CAIO PRADO JUNIOR Publicado em 1942, o livro Formação do Brasil contemporâneo é considerado um clássico do pensamento social e da historiografia brasileira que vem traz com bastante veemência assuntos relativos a construção da nação brasileira ao longo dos séculos e vem mobilizando estudiosos e políticos, fazer frente a suas teses e contextualizá-las até os tempos atuais...

    1865  Palavras | 8  Páginas

  • BRASIL COLÔNIA (1500-1822)

    RESUMO A história das eleições no Brasil é quase tão antiga quanto o processo de formação da própria colônia. Apesar das distorções existentes na forma como a política é feita no país, com hipertrofia do executivo, interferênca entre os poderes, grande números de partidos etc., o sistema eleitoral brasileiro é reconhecidamente um dos mais avançados do mundo, inclusive exportando sua tecnologia para outros países. Retomando o processo histórico, vemos que o exercício do voto surgiu em terras...

    935  Palavras | 4  Páginas

  • brasil colonia - mineração

     “Ciclo do Ouro” e a economia do Brasil Colonial. Heitor Fernandes Barbosa Formação Econômica Brasileira Turma: manhã Tema nº 4 Introdução: Este trabalho tem como objetivo analisar a influência da economia mineradora sobre o nível de monetização da economia e sobre o desenvolvimento do mercado interno durante o período colonial brasileiro. Explicitando os fatos históricos do “ciclo do ouro” e suas transformações políticas, sociais e principalmente econômicas. ...

    2408  Palavras | 10  Páginas

  • Monarquia imperial do brasil

    Colégio Santa Rita Fase Imperial do Brasil Nomes: Andre, Felipe Eduardo, Glauber, Jeferson Prof. Luciano 2° Ano EM Geografia 2013 Introdução: Durante quase todo o século 19 o Brasil foi à única monarquia da América Latina, até o início do século, a da América Latina foi praticamente à mesma, mesmo que tenha existido uma grande diferença entre o processo colonizador espanhol e português, o Novo Continente sempre foi visto de modo geral como um fornecedor de produtos tropicais e matéria-prima...

    1924  Palavras | 8  Páginas

  • Monarquia imperialista no brasil

    Introdução: Durante quase todo o século 19 o Brasil foi à única monarquia da América Latina, até o início do século, a da América Latina foi praticamente à mesma, mesmo que tenha existido uma grande diferença entre o processo colonizador espanhol e português, o Novo Continente sempre foi visto de modo geral como um fornecedor de produtos tropicais e matéria-prima para o mercado europeu, tanto o Brasil quando as demais nações da América Latina tiveram praticamente a mesma formação colonial. Enquanto...

    1904  Palavras | 8  Páginas

  • Diviso regional do brasil

    PolíticoAdministrativa e a Divisão Regional do Brasil” / “Os Complexos Regionais Brasileiros” Unidades 66 e 67 – Pág. 383 – 389. marciobredariol@gmail.com • A divisão política-administrativa brasileira nem sempre foi a mesma, do século XVI até a atualidade, ela passou por sensíveis modificações: • • • • Donatárias (Brasil Colônia); Capitanias hereditárias (Brasil Colônia); Províncias (Brasil Império); Estados, Distritos e municípios (Brasil República). • Atualmente dividimos o país...

    1260  Palavras | 6  Páginas

  • Fichamaneto - Livro: História do Direito no Brasil

    HISTÓRIA DO DIREITO FICHAMENTO DO LIVRO – HISTÓRIA DO DIREITO NO BRASIL Bibliografia: WOLKMER, Antônio Carlos. História do Direito no Brasil. 7ª edição Rio de Janeiro: Editora Forense, 2014. INTRODUÇÃO A História do Direito no Brasil, este é o tema a ser abordado pela obra. Mas qual história? Demonstra-se desde o início que o comprometimento aqui, não é com o formalismo, com história identificada com a “verdade dominante”, convencional universalizada e tida como a única detentora...

    10748  Palavras | 43  Páginas

  • Brasil colonial

    Brasil Colonial - O objetivo é reconstruir teoricamente o processo da formação social, econômica, política e cultural do Brasil a partir dos estudos dos clássicos do pensamento social brasileiro: Caio Prado Júnior, Gilberto Freire, Sérgio Buarque de Holanda. - Nesse sentido para compreender o Brasil é considerar os processos que envolveram o chamado “descobrimento do Brasil”, por consequência o processo de colonização e o conjunto de atividades econômicas voltadas para o mercado externo, que passa...

    1797  Palavras | 8  Páginas

  • Independencia 13 COLONIAS

    A Crise do Sistema Colonial ( emancipação americana séc XVIII e XIX) “para explorar a colônia, a metrópole precisava desenvolvê-la; quanto mais a colônia se desenvolvia, mais se aproximava da independência.” 1. A expansão territorial no séc. XVI a colonização portuguesa no Brasil limitava-­se ao litoral brasileiro (engenhos para a produção do açúcar, e onde se realizava a extração do pau-brasil) No séc XVII tem início o processo de expansão territorial a partir de: ⇒ Pecuária: fonte de alimentação...

    1312  Palavras | 6  Páginas

  • lista estados unidos e colonias espanholas

    Questão 01) Estimuladas pelas idéias iluministas e pelo exemplo vitorioso da Revolução Americana, muitas colônias da América tornaram-se independentes ao longo das duas primeiras décadas do século XIX. A independência do Haiti, colônia francesa, foi a mais singular de todas porque: a) foi feita pelos escravos que, ao mesmo tempo proclamaram a independência e aboliram a escravidão. b) levou à criação de um país que adotou a monarquia absoluta como forma de governo. c) tornou-se uma monarquia...

    4924  Palavras | 20  Páginas

  • Mineração no brasil

    A economia do Brasil sempre teve uma relação estreita com a extração mineral. Desde os tempos de colônia, o Brasil transformou a mineração - também responsável por parte da ocupação territorial - em um dos setores básicos da economia nacional. Atualmente, é responsável de três a cinco por cento do Produto Interno Bruto.1 Na obtenção de matérias-primas, é utilizada por indústrias metalúrgicas, siderúrgicas, fertilizantes, petroquímica e responsável pela interiorização da indústria inclusive em...

    639  Palavras | 3  Páginas

  • Caio Prado Jr - Forma__o do Brasil Contemporaneo resumo_2

    Social do Brasil Prof. Dr. José Renato “Formação do Brasil Contemporâneo” Autor: Caio Prado Junior São Paulo – SP - 1996 Editora Brasiliense Aluno: Wagner Kimura Nº USP: 6891465 São Paulo 2009 Resenha Uma breve Introdução Militante do Partido Comunista, Caio da Silva Prado Junior nasceu em São Paulo, em 11 de fevereiro de 1907. Formado em Direito pela Universidade de São Paulo em 1928, exerceu mandato eletivo, alguns cargos dentro do partido político e em 1933...

    3118  Palavras | 13  Páginas

  • IMIGRANTES NO BRASIL

    IMIGRANTES NO BRASIL A Imigração é considerada um fator importante para a formação do povo brasileiro, com influência direta em aspectos sociais, culturais e econômicos do país. Em geral considera-se que as pessoas que entraram no Brasil até 1822, ano da independência, foram colonizadores. A partir de então, as que entraram na nação independente foram imigrantes. Nas primeiras décadas do século XX o Brasil recebeu um grande fluxo de imigrantes estrangeiros que tentavam fugir de um contexto de guerra...

    2541  Palavras | 11  Páginas

  • Resenha: boxer, charles ralph. a idade de ouro do brasil: dores de crescimento de uma sociedade colonial. 3. ed. rio de janeiro: nova fronteira, 2000.

    UNIVERSIDADE FEDERAL FLUMINENSE CURSO DE ESPECIALIZAÇÃO EM HISTÓRIA DO BRASIL ELISANA FURTADO DE LIRA KAUFFMANN MÓDULO COLÔNIA TURMA F RESENHA: BOXER, Charles Ralph. A idade de ouro do Brasil: dores de crescimento de uma sociedade colonial. 3. ed. Rio de Janeiro: Nova Fronteira, 2000. NITERÓI, 09/2005 BOXER, Charles Ralph. A idade de ouro do Brasil: dores de crescimento de uma sociedade colonial. 3. ed. Rio de Janeiro: Nova Fronteira, 2000. Obra...

    1900  Palavras | 8  Páginas

  • Análise do texto do formação brasil contemporâneo, de caio prado júnior.

    1. Análise do texto do Formação Brasil contemporâneo, de Caio Prado Júnior. Caio Prado Júnior é político e historiador brasileiro nascido em São Paulo em 1907, educado nas melhores escolas de São Paulo, com passagem pela Inglaterra, ainda novo com 21 anos formou-se bacharel em ciências jurídicas e sociais. Publicado em 1942, a Formação do Brasil contemporâneo, de Caio Prado Júnior, analisa a situação de um Brasil partindo de seu passado como colônia até o momento histórico em que foram elaboradas...

    1165  Palavras | 5  Páginas

  • A organização politico-administrativa do brasil

    A ORGANIZAÇÃO POLITICO-ADMINISTRATIVA DO BRASIL INTRODUÇÃO O federalismo é um modelo de organização político-administrativa, que, em teoria, traz unidade e autonomia ao mesmo tempo para qualquer tipo de estado. Entretanto, com o desenrolar da moderna história humana, notamos várias modificações neste modelo que, geraram em alguns casos e por períodos notadamente longos, maior centralização do poder e perda de autonomia dos Estados membros. Nos tempos atuais, com novos desafios, ligados especialmente...

    2558  Palavras | 11  Páginas

  • Revisão de Conteúdo de Formação Social, Econômica e Política do Brasil.

    Política do Brasil. 1- A colonização brasileira A história da colonização brasileira tem início por meio da expansão ultramarina do império português, representante audaz do capitalismo comercial. Por meio do domínio português o Brasil exportou grande volume de riquezas para todo o continente europeu. 2- O comércio Inicialmente o pau-brasil foi o produto brasileiro que tinha aceitação às redes mercantis da Europa. Portugal havia consolidado o seu comércio de escravos. O excedente econômico veio...

    1585  Palavras | 7  Páginas

  • Formação social econômica e política do brasil – desafio de aprendizagem

    ECONÔMICA E POLÍTICA DO BRASIL – DESAFIO DE APRENDIZAGEM GRAJAÚ-MA 2011 FORMAÇÃO SOCIAL ECONÔMICA E POLÍTICA DO BRASIL SÍNTESE RESUMO: A formação econômica do Brasil é marcada pelas grandes divisões de sua história política e geral. No entanto muitos autores identificam continuidades, uma permanência das marcas deixadas pela colonização, formulando teorias como a da dependência e ressaltando as diferenças. A economia brasileira viveu vários ciclos ao longo da história do Brasil. Em cada ciclo,...

    3434  Palavras | 14  Páginas

  • Síntese do Período da Educação do Brasil

    Educação II Delane Lima Síntese do Período da Educação do Brasil Essa síntese tem como objetivo descrever os aspectos históricos da educação no Brasil. Veremos como a educação jesuítica que monopolizou a educação na colônia, a reforma pombalina, as reformas educacionais de Dom João VI em solo brasileiro, bem como as reformas na educação durante o primeiro e o segundo Império. Período Jesuítico (1549 – 1759) A história da educação no Brasil desde seu início no século XVI é marcada pelo descaso das...

    2471  Palavras | 10  Páginas

  • formação economica do brasil

    FICHA DE RESUMO OU DE CONTEÚDO PRIMEIRA PARTE Fundamentos Econômicos da ocupação territorial Da Expansão Comercial à Empresa Agrícola Capítulo 1 FURTADO, Celso. “Formação Econômica do Brasil”. 19ª edição. Editora Cia. e Editora Nacional. São Paulo: 1984. Página 9 O início da ocupação econômica do território brasileiro é em boa medida uma conseqüência da pressão política exercida sobre Portugal e Espanha, pelas demais nações européias. Nestas últimas prevalecia o princípio de que...

    1377  Palavras | 6  Páginas

  • Formação social, política e econômica do brasil

    PRIMEIRO SEMESTRE FORMAÇÃO SOCIAL, POLÍTICA E ECONÔMICA DO BRASIL Uruaçu 29 de outubro de 2010 SISTEMA DE ENSINO PRESENCIAL CONECTADO SERVIÇO SOCIAL GLEITON LUIZ DE LIMA FORMAÇÃO SOCIAL, POLÍTICA E ECONÔMICA DO BRASIL POLO DE URUAÇU GO 29/10/2010 FORMAÇÃO SOCIAL, POLÍTICA E ECONÔMICA DO BRASIL Trabalho apresentado ao Curso de Serviço Social da Unopar Virtual Universidade Norte do Paraná, Pólo de Uruaçu...

    6229  Palavras | 25  Páginas

  • O ouro no Brasil

     O ouro no Brasil: No fim do século XVII a produção açucareira no Brasil enfrenta uma séria crise devido à prosperidade dos engenhos açucareiros nas colônias holandesas, francesas e inglesas da América Central. Como Portugal dependia, e muito, dos impostos que eram cobrados da colônia a Coroa passou a estimular seus funcionários e demais habitantes, principalmente os do Planalto de Piratininga, atual São Paulo, a desbravar as terras ainda desconhecidas em busca de ouro e...

    570  Palavras | 3  Páginas

  • História do ouro no brasil

    História do Ouro no Brasil No fim do século XVII a produção açucareira no Brasil enfrenta uma séria crise devido à prosperidade dos engenhos açucareiros nas colônias holandesas, francesas e inglesas da América Central. Como Portugal dependia, e muito, dos impostos que eram cobrados da colônia a Coroa passou a estimular seus funcionários e demais habitantes, principalmente os do Planalto de Piratininga, atual São Paulo, a desbravar as terras ainda desconhecidas em busca de ouro e pedras preciosas...

    575  Palavras | 3  Páginas

  • INDEPENDÊNCIA DO BRASIL

    A Independência do Brasil Ainda é muito comum a Independência do Brasil ser associada ao “Grito do Ipiranga”, sendo D. Pedro considerado o herói e principal responsável por esse acontecimento. Mas não foi tão simples assim a conquista de liberdade do Brasil de ser colônia Portuguesa, porque isso obviamente desinteressava Portugal, por essa razão ocorreram muitas mortes nos vários conflitos em busca desse ideal, a libertação. A grande trajetória histórica da independência deu-se início com a...

    2113  Palavras | 9  Páginas

  • Brasil CPLP

    UNIVERSIDADE DE SÃO PAULO FACULDADE DE FILOSOFIA, LETRAS E CIÊNCIAS HUMANAS DEPARTAMENTO DE CIÊNCIA POLÍTICA MARIANA VILLARES PIRES CERQUEIRA DA MOTA Brasil, Portugal e a CPLP: Possíveis estratégias internacionais no século XXI SÃO PAULO 2009 MARIANA VILLARES PIRES CERQUEIRA DA MOTA Brasil, Portugal e a CPLP: Possíveis estratégias internacionais no século XXI Dissertação de mestrado na Universidade de São Paulo como exigência para a obtenção do Título de Mestre em Ciência...

    43283  Palavras | 174  Páginas

  • Síntese dos capítulos 16, 17, 18, 19, 20, 21, 22, 23, 24 do livro de celso furtado: formação econômica do brasil

    sofre uma baixa, nesse mesmo período a população havia crescido um pouco mais de três milhões de habitantes, onde gerou uma renda per capita de cinquenta dólares, acarretando um nível de renda mais baixo que se conheceu no Brasil em todo o período colonial. A economia do Brasil se baseava em dois tipos de produtos, o açúcar e o ouro, não obstante a economia pecuária do nordeste que estava ligada ao açúcar começava a crescer de forma significativa, neste período o Maranhão se constituiu como um sistema...

    1887  Palavras | 8  Páginas

tracking img