Análise Crítica De Obras De Artes Visuais artigos e trabalhos de pesquisa

  • Artes visuais

    TEMÁTICO I: CONHECIMENTO E EXPRESSÃO EM ARTES VISUAIS Tema 1: Percepção visual e sensibilidade estética Sub-tema: Apreciação e análise de imagens e objetos artísticos Tópico 1: Análise e crítica de obras de artes visuais Habilidades: 1 - Identificar os elementos de composição de obras de artes visuais 2 - Usar vocabulário apropriado para a análise de obras de artes visuais Porque ensinar Para uma melhor compreensão das expressões artísticas de obras visuais é importante o conhecimento dos elementos...

    1037  Palavras | 5  Páginas

  • Historia da arte

    ARNOLD, Dana. "O que é a história da Arte" – Resumo do começo do livro. Apreciação da arte e crítica Quando olhamos para uma obra, perguntamos quem, quando e como a fez. Essas informações ajudam a determinar o valor monetário da obra, mas não sua história. A apreciação pode ser feita apenas pelo gosto, mas quando mais crítica, deve observar aspectos como estilo, composição, cor, outras obras do mesmo autor, etc. O conhecimento especializado A apreciação e crítica estão relacionadas à perícia do...

    957  Palavras | 4  Páginas

  • artes

    Comum (CBC) em Arte do Ensino Médio do 1º ano Eixo Temático ITema 1: Percepção Audiovisual e Sensibilidade Estética: Apreciação e Análise de Imagens e Sons em Produtos Audiovisuais Conhecimento e Expressão em Artes Audiovisuais 1º BIMESTRE TÓPICOS/ SUBTÓPICO HABILIDADES N° DE AULAS METODOLOGIA 1º ANO AVALIAÇÃO 1.1. Análise e crítica de produtos audiovisuais contemporâneos. 1. 1.1.1. Estabelecer relações entre análise formal, contextualização...

    1039  Palavras | 5  Páginas

  • Plano de Curso de Artes - 6º ano

    _______________________________________________ II- OBJETIVOS GERAIS Reconhecer a Arte como área de conhecimento. Experimentar e explorar as possibilidades de cada expressão artística Conhecer e saber utilizar os diferentes procedimentos de arte, desenvolvendo uma relação autoconfiança com a produção artística. Conhecimento e expressão em artes visuais. Introduzir à teoria da forma. Elaborar obras bidimensionais. Construir um conhecimento sobre dança. Compreender plano e peso dos gestos...

    1301  Palavras | 6  Páginas

  • Elementos visuais

    LEITURA DE IMAGEM, EM ARTES VISUAIS, NA ESCOLA: O OLHAR E O VER DO ALUNO DA 6ª SÉRIE. RIBEIRO, N. M.* NUNES, A. L. R** RESUMO – Este trabalho é o resultado de uma investigação-ação num processo de intervenção pedagógica na escola que faz parte do Programa de Desenvolvimento Educacional – PDE da Secretaria de Estado de Educação do Paraná e buscou contribuir na reflexão de Leitura de Imagem na Escola Estadual Professor Amálio Pinheiro – Ensino Fundamental, Ponta Grossa – Paraná. As reflexões...

    8525  Palavras | 35  Páginas

  • artes visuais resumos

    Introdução: 1.1. BIOGRAFIA DE ERWIN PANOFSKY Erwin Panofsky Erwin Panofsky, critico e historiador de arte nasceu em Hannover no ano de 1892 e tornou-se um dos principais representantes do chamado método iconológico desenvolvendo profundamente a sua tese e explicando-a detalhadamente no meu objeto de estudo, o livro O Significado nas Artes Visuais. Foi também discípulo de Aby Warburg, grande historiador de arte alemão, célebre pelos seus estudos sobre o ressurgimento do paganismo no renascimento italiano...

    2493  Palavras | 10  Páginas

  • Plano De Trabalho Anual Arte Ef 6c2ba Ano

    Plano de trabalho anual – arte 6º ano Eixo temático: Lugares 1º bimestre Expectativa de aprendizagem: Desenvolver habilidade crítica para a leitura e releitura de imagens e obras de arte. Conteúdo: Linear Pictórico Abstrato Figurativo Bidimensional Tridimensional Ver e olhar Estilos Livre expressão Realista e moderno Memórias 2º bimestre Expectativa de aprendizagem: Perceber a escola como um universo possível para expressarem seu discurso, seu olhar sobre o mundo e suas produções e criações...

    938  Palavras | 4  Páginas

  • A crise da arte

    A Crise da Arte como ‘‘Ciência Europeia’’, trata da incorporação à leitura da história em um novo cenário. Em análise refletimos sobre a arte que temos nos dias atuais pra espelhar no que queremos para o futuro. Aponta dificuldades de criticar a partir das experiências artísticas das décadas. Durante todo o capitulo Argan aponta dificuldade de se fazer crítica a partir das experiências artísticas de 1960 a 19 70. No mundo capitalista que vivemos que mercantiliza tudo, um técnico de imagem fica...

    3170  Palavras | 13  Páginas

  • O significado das artes visuais

    O Significado das artes visuais Curso: Escultura ------------------------------------------------- Disciplina: História da Arte 2012 /1013 Índice Paginas Introdução………………………………………………………………………………3 O significado das artes visuais………………………………………………………….6 Resumo: Iconografia e Iconologia uma introdução ao estudo da arte do Renascimento……………………………………………………………………6 Iconografia……………………………………………………………….6 Iconologia………………………………………………………………..7 Fazes...

    4147  Palavras | 17  Páginas

  • ARTES PARTE 1

    ENSINO DUNDAMENTAL ARTES 1. ANALISE E CRITICA DE OBRAS E ARTES VISUAIS. Arte contemporânea Arte contemporânea Quando se fala em arte contemporânea não é para designar tudo o que é produzido no momento, e sim aquilo que nos propõe um pensamento sobre a própria arte ou uma análise crítica da teoria visual. Como dispositivo de pensamento, a arte interroga e atribui novos significados ao se apropriar... Reconhecer a Arte como área de conhecimento.  Experimentar e explorar as possibilidades de cada...

    598  Palavras | 3  Páginas

  • Ensino de artes visuais na contemporaneidade: educação para compreensão da cultura visual

    PÓS-GRADUAÇÃO “LATO SENSU” INSTITUTO A VEZ DO MESTRE Ensino de artes visuais na contemporaneidade: educação para compreensão da cultura visual Por: André Dias Pires Orientadora Profa. Mary Sue Pereira Rio de Janeiro 2011 UNIVERSIDADE CANDIDO MENDES compreensão da cultura visual Apresentação de monografia à Universidade Candido Mendes...

    9508  Palavras | 39  Páginas

  • Resumo catadores da cultura visual

    deriva da tradição agrícola daqueles que recolhem os restos da sementeira e que os artistas impressionistas representam como perturbadora insistência. É uma ruptura com o discurso dualista que dá origem aos pares deterministas como emissor/receptor, arte/popular, autor/leitor, produtor/consumidor, professor/estudante, corpo/mente, ensinar/aprender e que deixam poucos resquícios à capacitação de ação, de resistência e de reinvenção dos sujeitos. Com o gesto de “apropriar-se dos restos”, estavam realizando...

    6698  Palavras | 27  Páginas

  • arte

    ENSINO/APRENDIZAGEM DE ARTES VISUAIS Milena Guerson (EBA/UFMG) Prof. Lincoln Volpini Spolaor (Orientador - EBA/UFMG) Resumo: Pareyson posiciona a atividade artística entre as idéias de “Forma” e “Formatividade”, definindo a Arte como “Fazer, Exprimir e Conhecer”; concepções que não devem ser “absolutizadas.” Ana Mae Barbosa posiciona o conteúdo da Arte nas instâncias da Abordagem Triangular (Fazer, Ler e Contextualizar); sistematiza, aplica e divulga essa proposta para o ensino da Arte, difundindo...

    9463  Palavras | 38  Páginas

  • arte, criatividade e recreação

    ARTE, CRIATIVIDADE E RECREAÇÃO Tutor à distância: Profa. Ma. Adriana Rodrigues da Silva Promissão-SP 17/09/2012 Registros individuais dos integrantes da equipe a respeitos das memórias escolares. A arte na infância As memórias escolares baseadas em práticas artísticas são ricas em conteúdos e aprendizado. Os professores que deram as aulas buscavam ensinar sobre diferentes artistas plásticos e famosas obras pintadas, eram feita releitura da obra e pesquisa...

    2034  Palavras | 9  Páginas

  • Resumo de um capitulo do livro significado nas artes visuais

    FACULDADE DE BELAS – ARTES UNIVERSIDADE DE LISBOA LICENCIATURA EM ESCULTURA [pic] 2010 INDICE INTRODUÇÃO 1. Biografia de Erwin Panofsky 1.1. Principais obras do autor 2. Introdução ao capítulo I do livro O Significado nas Artes Visuais RESUMO Iconografia e iconologia: uma introdução ao estudo da arte do renascimento 1. I 2. II CONCLUSÃO BIBLIOGRAFIA Iconografia – descrição das imagens, quadros, bustos e pinturas antigas e moderna; conjunto de imagens...

    5768  Palavras | 24  Páginas

  • LEITURA DE IMAGEM COM A ARTE MARANHENSE

    LEITURA DE IMAGENS COM A ARTE MARANHENSE Karoline Mendes Marques* Rajma Winnie Santos Martins ** Resumo : O presente artigo pretende desmistificar o conceito e os métodos da leitura de imagens que é usada como ferramenta para auxiliar no desenvolvimento do olhar crítico infantil, compreender o valor da linguagem não verbal e apresentar a arte maranhense, valorizando a cultura do nosso Estado através da apresentação de obras e vida do artista maranhense Airton Marinho. Palavra-chave :...

    2545  Palavras | 11  Páginas

  • Performance em artes visuais

    UNIVERSIDADE FEDERAL DA BAHIA ESCOLA DE BELAS ARTES PERFORMANCE EM ARTES VISUAIS Rose Mary Silva dos Santos Minha primeira experiência com performance foi no início da década de 90, época em que finalizava o curso de graduação em artes plásticas, na Universidade Federal da Bahia. Como conclusão do curso, nós formandos, fizemos uma exposição coletiva no shopping Barra e foi assim que me foi apresentada a performance da artista, Tânia Paixão. Não havia informação sobre o processo criativo...

    1490  Palavras | 6  Páginas

  • A importancia da leitura de imagem no ensino de artes

    LEITURA DE IMAGENS E O ENSINO DA ARTE: CONSIDERAÇÕES EM EDUCAÇÃO NÃO FORMAL – EM MUSEUS 1 Maria Helena Rosa Barbosa 2 Museu de Arte de Santa Catarina – MASC Resumo O presente artigo apresenta algumas reflexões sobre o ensino da arte e sua relação com a leitura de imagens, tanto em educação formal (escola) quanto não formal (museus), a partir do trabalho de três pesquisadoras brasileiras, que entendem a imagem como um objeto gerador de significados e que, por essa razão, deve ser explorada...

    6493  Palavras | 26  Páginas

  • Artes visuais

    colegiado setorial de ARTES VISUAIS CÂMARA E COLEGIADO SETORIAL DE ARTES VISUAIS RELATÓRIO DE ATIVIDADES 2005-2010 A Participação Social no Debate das Políticas Públicas do Setor Ministério da Cultura Expediente Presidente da República Luiz Inácio Lula da Silva Presidente da Funarte Sérgio Mamberti Ministro do Estado da Cultura Juca Ferreira Diretora Executiva Myriam Lewin Secretário Executivo Alfredo Manevy Diretor do Centro de Artes Visuais Adriano de Aquino ...

    31020  Palavras | 125  Páginas

  • a alfabetização visual

    A ALFABETIZAÇÃO VISUAL E A PEDAGOGIA CRÍTICA A autoria da própria vida pela arte Trabalho de Graduação 01/12/2013 RESUMO Pode-se afirmar sem dúvida que o significado de alfabetismo está no domínio da decifração de certos códigos visuais cujas funções abrange o uso da linguagem e sua consequente comunicação. No entanto, a leitura não se constitui somente na mera operação de se reproduzir funcionalmente aquilo que se lê. Há subliminarmente uma intenção, um discurso organizacional de...

    5375  Palavras | 22  Páginas

  • Artes visuais

    1 FACULDADE ALFREDO NASSER INSTITUTO SUPERIOR DE EDUCAÇÃO CURSO DE PEDAGOGIA ARTES VISUAIS: A CRIANÇA, O DESENHO E A EXPRESSIVIDADE INFANTIL Esmerinda D’ Aparecida Neves APARECIDA DE GOIÂNIA 2010 2 ESMERINDA D’ APARECIDA NEVES ARTES VISUAIS: A CRIANÇA O DESENHO A EXPRESSIVIDADE INFANTIL Artigo de Conclusão do Curso de Pedagogia, apresentado ao Instituto Superior de Educação da Faculdade Alfredo Nasser, sob orientação da prof.(a) Ms. Milna Martins Arantes, como parte...

    8540  Palavras | 35  Páginas

  • Cultura visual

    preceded the emergence of visual culture emphasizing divergences between the notions of fine arts and handcraft. In the second it characterizes visual culture its projects and purposes as a field of knowledge and pedagogic practice. The last part focuses the importance of critical interpretation and how it constructs its way within visual culture education. Keywords: visual culture, pedagogic practice, critical interpretation. abstract Porque e como falamos da cultura visual? Raimundo MARTINS ...

    4825  Palavras | 20  Páginas

  • Leitura de obras e questoes sobre a arte

    AVALIAÇÃO – ANHANGUERA DISCIPLINA: Teoria e crítica da Arte DOCENTE: Andrea Pessutti Rampini CURSO: Artes Visuais TURMA: 5ª FASE INSTRUMENTO AVALIATIVO: PROVA – realização individual e sem consulta - Evitar rasuras. ACADEMICO (A): Elza Pierina Ramos da Silva 1ª) Análise da Obra: “Posição de leitura para queimadura de segundo grau” – 1970, Denis Oppenheim. Nesta obra, o artista citado, representante da Body Art, deixou-se queimar...

    2466  Palavras | 10  Páginas

  • Artigo ensino de Arte

    ENSINO DE ARTE NA EDUCAÇÃO INFANTIL E SÉRIES INICIAIS DO ENSINO FUNDAMENTAL – DIFICULDADES E BENEFÍCIOS Ana Paula Pedroso RESUMO Diante do problema da falta de profissional capacitado na área e tendo em vista que não há incentivo, nem mesmo interesse por parte dos professores para o ensino e a prática da Arte e, consequentemente os elementos culturais decorrentes desta prática ficam ocultos ou, muitas vezes, inatingíveis pelos alunos que se tornarão adultos que terão o conceito de que Arte é para...

    3041  Palavras | 13  Páginas

  • Planejamento Anual de Artes - 9º ANO

    06/02/2012 a 20/12/2012 1- Justificativa (síntese das diretrizes para o ensino da disciplina) A área de arte é ampla e engloba para fins de estudo, no ensino fundamental, diferentes modalidades da arte. Os conteúdos visam a construção de conhecimentos que devem fazer parte da vida de todo ser humano. Possuem unidade conceitual, que não é seriada e que permite iniciar o entendimento da arte a partir de qualquer um dos tópicos. O contato com a disciplina, também deve proporcionar aos alunos a oportunidade...

    2257  Palavras | 10  Páginas

  • Artes

    HUMANAS LICENCIATURA EM ARTES VISUAIS Clarice Natali Diones Fonseca Fabiana Aparecida Fonseca Jádina de Jesus Neves Zione dos Santos Souza Nunes O ENSINO DA ARTE CONTEMPORÂNEA NA PRODUÇÃO ARTÍSTICA DE HÉLIO OITICICA MUCURICI - ES 2011 4 UNIVERSIDADE METROPOLITANA DE SANTOS FACULDADE DE EDUCAÇAO E CIÊNCIAS Santos Souza Nunes O ENSINO DA ARTE CONTEMPORÂNEA NA PRODUÇÃO...

    7758  Palavras | 32  Páginas

  • Genero Cultura Visual Performance

    GÉNERO, CULTURA VISUAL E PERFORMANCE Antologia crítica Organização: Ana Gabriela Macedo e Francesca Rayner Revisão das traduções: Ana Maria Chaves, Joana Passos e Márcia Oliveira Capa: Gonçalo Gomes Edição: Centro de Estudos Humanístcos da Universidade do Minho (CEHUM) http://ceh.ilch.uminho.pt E-mail: ceh@ilch.uminho.pt © EDIÇÕES HÚMUS, 2011 End. Postal: Apartado 7097 – 4764-908 Ribeirão – V. N. Famalicão Tel. 252 301 382 / Fax 252 317 555 E-mail: humus@humus.com.pt Impressão: Papelmunde, SMG...

    62813  Palavras | 252  Páginas

  • Bacharelanda em Artes e Design

     em  Artes  Visuais  –  CEART/UDESC       UM OLHAR SOBRE DUCHAMP E OLDENBURG Janine Alessandra Perini Universidade Federal Maranhão, Campus São Bernardo Resumo Este artigo pretende dar suporte para uma leitura em sala de aula do readymade Fontaine de Marcel Duchamp e Soft Toilet de Claes Oldenburg. Essas obras foram analisadas por meio de pressupostos da Semiótica Greimasiana, fazendo uso das teorias de Ana Claudia de Oliveira e das análises feitas pela...

    7218  Palavras | 29  Páginas

  • A arte no desenvolvimento cognitivo enquanto mediadora das atividades de alfabetização visual para crianças com surdez

    A Arte no Desenvolvimento Cognitivo enquanto mediadora das atividades de Alfabetização Visual para crianças com surdez Iveuda Maria dos Santos[1] Maria de Jesus Escórcio[2] Silvia Nazaré Damasceno do Carmo[3] Resumo Este artigo pretende analisar a contribuição que a arte pode oferecer no desenvolvimento cognitivo enquanto mediadora das atividades de alfabetização visual para crianças com surdez. Originou-se do trabalho de pesquisa desenvolvido no curso de Pós-Graduação em Educação Especial...

    3686  Palavras | 15  Páginas

  • Arte contemporânea nos anos 60

    Nos anos 60 a Arte Contemporânea adotou as tintas acrílicas, com cores ácidas e fluorescentes, mesclando pinceladas estuais com técnicas de serigrafia, a pintura assumiu um outro caráter, uma temática acerca das idéias da banalização dos meios de comunicação. A famosa frase que previa que no futuro todos seriam celebridade por 15 minutos, traduz a força da mídia determinando o aspecto repetitivo dessas imagens. Andy Warhol deslocou os ícones do consumo e as pessoas famosas para o campo das telas...

    1501  Palavras | 7  Páginas

  • Currículo minimo de artes

    Governo do Estado do Rio de Janeiro Secretaria de Estado de Educação CURRÍCULO MÍNIMO 2012 ARTE Apresentação A Secretaria de Estado de Educação do Rio de Janeiro elaborou o Currículo Mínimo da nossa rede de ensino. Este documento serve como referência a todas as nossas escolas, apresentando as competências e habilidades que devem estar nos planos de curso e nas aulas. Sua finalidade é orientar, de forma clara e objetiva, os itens que não podem faltar no processo de ensinoaprendizagem...

    8058  Palavras | 33  Páginas

  • Arte Conceitual

    ARTE CONCEITUAL Arte Conceitual surgiu na década de 1960, como um desafio às classificações impostas à arte por museus e galerias. As galerias afirmavam categoricamente ao público:  Isso é arte.  Já a arte Conceitual buscava questionar a própria natureza da arte perguntando:  O que é arte? O primeiro a empregar a expressão arte-conceito foi o escritor e músico Henry Flynt em 1961 em meio às atividades associadas ao grupo Fluxus, de Nova Iorque, querendo dizer com isso que a arte conceitual...

    2239  Palavras | 9  Páginas

  • A ARTE, A PESQUISA E A CONSTRUÇÃO DO OLHAR

    71 ISSN 1809-2616 ANAIS IV FÓRUM DE PESQUISA CIENTÍFICA EM ARTE Escola de Música e Belas Artes do Paraná. Curitiba, 2006 A ARTE, A PESQUISA E A CONSTRUÇÃO DO OLHAR PRINCIPAIS ABORDAGENS TEÓRICO-METODOLÓGICAS DA ARTE BRASILEIRA, ENTRE OS ANOS 1975 E 1985 Ivair Junior Reinaldim1 i_reinaldim@yahoo.com.br Resumo: Este artigo de divulgação científica – resumo da monografia de especialização em História da Arte do Século XX, realizada nesta instituição de ensino, sob a orientação da ...

    4331  Palavras | 18  Páginas

  • Questoes de arte

    Questões de Arte O belo, a percepção estética e o fazer artístico POR QUE TRABALHAR COM O LIVRO QUESTÕES DE ARTE? O livro de Cristina Costa oferece ao leitor um recorte sociológico em relação à disciplina Arte. Esse recorte, caracterizado pelo enfoque nas relações entre o homem, a sociedade e a expressão artística, se propõe a entender o papel da arte na sociedade, a função social do artista, o sentido dos signos das linguagens artísticas num determinado contexto social, o processo de consagração...

    3741  Palavras | 15  Páginas

  • As poéticas visuais na formação do aluno-professor

    AS POÉTICAS VISUAIS NA FORMAÇÃO DO ALUNO-PROFESSOR Adriane Marques Costa Souza1 Suely Lima de Assis Pinto2 Modalidade: Pôster GT: Artes e músicas Resumo: O presente artigo, de forma geral, trás uma reflexão a cerca da formação do professor responsável pelo ensino de arte, bem como a aplicação e a adoção desse ensino nas escolas de nosso país. Concomitantemente a este aspecto, o texto faz algumas reflexões sobre a razão de existir e o sentido da escola e sua relação com o capitalismo,...

    2179  Palavras | 9  Páginas

  • Planos de aula a leitura da vida nas temáticas de artes visuais

    AULA 1 Escola E.E. Profª Maria Elisa de Oliveira Turmas: 7ª série A Série: 7ª série do ensino fundamental ciclo-II Data: 06/09/2010. Tema | A leitura da vida nas temáticas de Artes Visuais | Objetivos gerais | Exercitar diferentes olhares na fruição das artes visuais | Objetivos específicos | Provocar o aluno a perceber as relações de forma-conteúdo nas quais a intenção criativa do artista articula formas e temáticas que se refletem mutuamente | Procedimentos | Curadoria educativa:...

    1953  Palavras | 8  Páginas

  • Procedimentos criativos na construção de obras visuais, sonoras e cênicas.

    construção de obras visuais, sonoras e cênicas. Ação inventiva; corpo perceptivo; imaginação criadora; coleta sensorial; vigília criativa; percurso de experimentação; esboços; séries; cadernos de anotações; apropriações; processo colaborativo Não achei: percurso de experimentação, cadernos de anotações, http://www.cchla.ufrn.br/humanidades2009/Anais/GT32/32.1.pdf http://www.trabalhosfeitos.com/ensaios/Plano-De-Ensino-Arte/46557960.html?_p=2 O que é Serie? Serie em Artes visuais são: um conjunto...

    2262  Palavras | 10  Páginas

  • Arte Conceitual

    Arte Conceitual O que é : A arte conceptual ou arte conceitual foi iniciada nos anos 60 do século XX (1965); prevaleceu pela década de 70 o que implicou uma remodelação dos processos criativos e expressivos.Nesta arte valoriza-se mais a ideia da obra do que o produto acabado, sendo que às vezes este (produto) nem mesmo precisa de existir. É bastante expressada através de fotografias, vídeos, mapas, textos...

    557  Palavras | 3  Páginas

  • Referências cartográficas nas artes visuais contemporâneas

    ao PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM ARTES MESTRADO Universidade Estadual do Rio de Janeiro REFERÊNCIAS CARTOGRÁFICAS NAS ARTES VISUAIS CONTEMPORÂNEAS Área de Concentração: Arte, Cognição e Cultura Devail Guterres da Silva Palavras-chave: artes visuais, cartografia, espacialidade, pós-modernidade 2012 INTRODUÇÃO A percepção de elementos inspirados na cartografia e referências iconográficas similares aplicados nas artes visuais surgiu alguns anos atrás, quando...

    2174  Palavras | 9  Páginas

  • artes

    CONHECIMENTOS DE ARTE Consultores Ana Carolina de S. S. D. Mendes Arão Paranaguá de Santana José Mauro Barbosa Ribeiro Leda Maria de Barros Guimarães Margarete Arroyo Terezinha Losada Leitores Críticos Lucia Lobato Sergio Coelho Borges Farias José Sávio Oliveira de Araújo Sérgio Luis Ferreira de Figueiredo Capítulo 5 Linguagens, Códigos e suas Tecnologias CONHECIMENTOS DE ARTE INTRODUÇÃO Integrando a legislação educacional que se seguiu à Lei de Diretrizes e Bases...

    16621  Palavras | 67  Páginas

  • Arte visual na contemporaneidade

    ARTE VISUAL NA CONTEMPORANEIDADE Priscila de Oliveira Elias Professora Nayara Pereira Gonçalves Centro Universitário Leonardo da Vinci - UNIASSELVI Licenciatura em Pedagogia (PED 0105) – Prática do Módulo IV 26 /04/ 2012 RESUMO Este trabalho visa construir o caráter da linguagem da arte, onde a arte na contemporaneidade que surgiu na segunda metade do século xx e se até os dias de hoje. A arte contemporânea classifica as artes visuais uma das mais importantes, por envolver questões...

    1945  Palavras | 8  Páginas

  • Planejamento de Arte Fund II e EM

    GOVERNO DO ESTADO DE SÃO PAULO COORDENADORIA DE ENSINO DO INTERIOR DIRETORIA DE ENSINO DE SOROCABA Planejamento anual de Artes Vivian do Carmo Barroso Vanessa Toledo SUMÁRIO Objetivo geral Objetivos específicos 6ª Série / 7° Ano Conteúdo Programado Habilidades e competências 7ª Série / 8° Ano Conteúdo Programado Habilidades e competências 8ª Série / 9° Ano Conteúdo Programado Habilidades e competências 1ª Série do Ensino Médio Conteúdo...

    4143  Palavras | 17  Páginas

  • Letramento Visual e interdisciplinaridade

    Universidade de Brasília - UnB Instituto de Artes – IdA Pós-graduação em Arte Arteduca: Arte, Educação e Tecnologias Contemporâneas LETRAMENTO VISUAL E INTERDISCIPLINARIDADE Juracy Lima Brasília, Julho de 2012. Juracy Lima LETRAMENTO VISUAL E INTERDISCIPLINARIDADE Trabalho de Conclusão de Curso apresentado ao Instituto de Artes da Universidade de Brasília, como requisito parcial para a obtenção do grau de Especialista em Arte, Educação e Tecnologias Contemporâneas, sob orientação ...

    20520  Palavras | 83  Páginas

  • Curso capacitação professores de arte (pip/ cbc) - introdução

    PLANO DE INTERVENÇÃO PEDAGÓGICA Encontros da Equipe Regional do PIP – CBC & Professores da Rede Estadual PORTIFÓLIO - Artes Prof. Nando Wood Este Portfólio é uma semente elaborada com muito cuidado, tendo em vista uma planta a germinar. O espetacular nesta semente é que a partir do momento que é plantada, adquire as características da terra, dando flores e frutos diferentes. Nenhum é melhor que o outro, mas sim únicos. Cada planta ou flor desta semente, será mais um elemento no jardim...

    7171  Palavras | 29  Páginas

  • Artes

    Resumo de Artes - 1º e 2º texto do livro 1º Texto AS ARTES VISUAIS NA EDUCAÇÃO Atualmente, as Artes, em suas diversas manifestações, são um componente curricular obrigatório nas escolas de todo o nosso país. “Não é possível uma educação intelectual, formal ou informal, de elite ou popular, sem arte, porque é impossível o desenvolvimento integral da inteligência sem o desenvolvimento do pensamento divergente, do pensamento visual e do conhecimento presentacional que caracterizam...

    5104  Palavras | 21  Páginas

  • Introdução à história da arte

    TÍTULO: INTRODUÇÃO À HISTÓRIA DA ARTE Autor: DANA ARNOLD Editora: ATICA Cidade: SÃO PAULO Ano : 2008 Número de paginas: 144 Agradecimentos Dana Arnold teve a oportunidade de escrever esta breve introdução à história da arte no final de sua gestão como editora da revista Art History. Através de todo seu envolvimento com a história da arte, lhe pareceu mais adequado sintetizar partes dos caminhos que história tomou, assim como identificar novos direcionamentos...

    12305  Palavras | 50  Páginas

  • APOSTILA DE ARTE ARTES VISUAIS 2014

    APOSTILA DE ARTEARTES VISUAIS – Garcia Junior SUMÁRIO APRESENTAÇÃO p. 02 UNIDADE 01 – Entendendo a Arte Parte 01: Conceitos, importância e funções da Arte Parte 02: Arte nas imagens do cotidiano Parte 03: A beleza, o feio e o gosto Parte 04: Arte erudita, arte popular e arte de massa Parte 05: Técnicas e materiais artísticos e expressivos nas artes visuais p. 03 p. 03 p. 12 p. 14 p. 17 p. 22 UNIDADE 02 – A Linguagem Visual Parte 06: Comunicação e linguagem Parte 07: Elementos básicos da linguagem...

    22195  Palavras | 89  Páginas

  • Ficha de leitura do capítulo: “Iconografia e Iconologia: uma introdução ao estudo da arte da renascença”, do livro de Erwin Panofsky “O significado nas artes visuais”

    FBAUL Faculdade de Belas Artes da Universidade de Lisboa Ano 2013/2014 Disciplina: História de Arte I Curso: Pintura Primeira Prova Obrigatória: Ficha de Leitura Ficha de leitura do capítulo: “Iconografia e Iconologia: uma introdução ao estudo da arte da renascença”, do livro de Erwin Panofsky “O significado nas artes visuais”, Lisboa: Presença, 1989. Data: 29 de Outubro de 2013 Aluno n.º 7446 Nome: Mário Veríssimo de Almeida 1...

    2790  Palavras | 12  Páginas

  • A importancia da leitura de imagem no ensino de artes

    abordar, de forma clara e objetiva a importância da leitura de imagem no ensino de Arte. Visa enriquecer uma metodologia para o profissional de ensino elaborar a mediação. Desde os tempos primórdios a imagem tem um papel importante na sociedade e na cultura. Em minha opinião a leitura de imagem passou a ter um papel importante a partir de um trabalho desenvolvido na faculdade, na disciplina Metodologia de Ensino da Arte, onde foi trabalhado Leitura de Imagens, utilizando o método comparativo de Feldman...

    10654  Palavras | 43  Páginas

  • artes visuais 4 semestre trabalho

    SISTEMA DE ENSINO PRESENCIAL CONECTADO CURSO superior DE PEDAGOGIA LETÍCIA PANSERA ARTES VISUAIS e sua importância Quilombo - SC 2014 LETÍCIA PANSERA ARTES VISUAIS e sua importância Trabalho apresentado ao Curso de Pedagogia da UNOPAR - Universidade Norte do Paraná, para as disciplinas: Organização e didática na Educação Infantil, Arte, educação e música, Ludicidade e educação, Prática pedagógica interdisciplinar - Infância e sua linguagem...

    1961  Palavras | 8  Páginas

  • O Significado nas Artes Visuais

    Faculdade de Belas-Artes Universidade de Lisboa História da Arte I – Programa Iconográfico Resumo do Capítulo I do livro O Significado nas Artes Visuais de Erwin Panofsky Iconografia e Iconologia: Uma Introdução ao Estudo da Arte do Renascimento Índice 1.Introdução ............................................................................................................................................ 3 1.1 Biografia de Erwin Panofsky ............................................

    2432  Palavras | 10  Páginas

  • Resumo Livro O que é Arte - Jorge Coli

    RESUMO A obra resumida se trata do livro O que é Arte de Jorge Coli. O livro busca explicar alguns aspectos da arte, já que a arte em si não pode ser definida com poucas palavras. O autor começa citando que a noção de arte de cada pessoa é específica de cada cultura. O que dá ao objeto o estatuto de arte são as galerias que permitem que os pintores manifestem sua arte ou os museus. Os críticos também fazem parte desse meio, eles possuem o poder de atribuir o estatuto de arte a um objeto e de classificar...

    1195  Palavras | 5  Páginas

  • artes

    DE INTERIORES Ano: Habilitação: Tronco Comum Código: Disciplina: Arte da Pré-História à Idade Média Curso: Artes Visuais (Bacharelado) Semestre: 1ª CHA: 32 horas EMENTA: Arte pré-história. Arte das civilizações antigas. Arte das civilizações orientais. Arte da antiguidade clássica greco-romana. Arte medieval: arte paleocristã e estilos bizantino, românico e gótico. OBJETIVOS: Promover o conhecimento da arte como superestrutura cultural e reflexo da maneira de agir, pensar e sentir...

    14372  Palavras | 58  Páginas

  • Artes visuais

    Universidade Federal do Vale do São Francisco Secretaria de Educação a Distância Projeto de Formação Pedagógica Curso: Formação Pedagogica em Artes Visuais Disciplina: Metodologia do ensino teórico prático em Artes Visuais 2013 2 3 CURSO DE FORMAÇÃO PEDAGÓGICA EM ARTES VISUAIS DISCIPLINA: Metodologia do ensino teórico prático em Artes Visuais AUTOR Profº Drº Marcelo Silva Souza Ribeiro REVISOR Profº Drº Darlindo Ferreira de Lima COORDENADORADO CURSO Profª Ma. Flávia Maria...

    12442  Palavras | 50  Páginas

  • Análise da obra : “don’t miss a second”. (2003-2005) de monica bonvicini

    UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA MARIA CENTRO DE ARTES E LETRAS DEPARTAMENTO DE ARTES VISUAIS CURSO DE ARTES VISUAIS ANÁLISE DA OBRA : “Don’t miss a second”. (2003-2005) de Monica Bonvicini Acadêmico: Matheus Moreno Professora: Nara Cristina Santa Maria, agosto de 2006. 1965- Monica Bonvicini nasce em Veneza, Itália. 1986-1993- Estuda: Hochschule der Künste em Berlin. 1991-1992- Estuda: California Institute of the Arts, Valencia...

    1011  Palavras | 5  Páginas

  • Relatório de estágio de artes visuais

    unir duas formas de expressão: o corpo e a arte através de atividades voltada as técnicas de ponto e linha, despertando neles um olhar sensível, ampliando seus conhecimentos em ambas as áreas, ou seja, reconhecer seu próprio corpo no espaço, redimensionando-o para criações artísticas em suas diversas linguagens, e comunicando-se consigo mesmo e com o outro. No decorrer do estágio pode-se perceber a transição em que os alunos se encontram e a ação que a arte proporciona de forma efetiva na comunicação...

    3629  Palavras | 15  Páginas

  • A LEITURA DE IMAGEM COMO INSTRUMENTO PARA O ENSINO DA ARTE NA EDUCAÇÃO INFANTIL

    DE FLORIANÓPOLIS – FCSF NÚCLEO DE PÓS GRADUAÇÃO ESPECIALIZAÇÃO EM ARTE E EDUCAÇÃO CONVÊNIO CESUSC/INSTITUTO LUTERANO DE EDUCAÇÃO ALUNO: DEISY AZEREDO LACH COLLIONI1 E-MAIL DO ALUNO: deisyaz@yahoo.com.br A LEITURA DE IMAGEM COMO INSTRUMENTO PARA O ENSINO DA ARTE NA EDUCAÇÃO INFANTIL Resumo: A arte é cognição e invenção, é criação, uma situação em ato de uma pessoa que se mostra por seu fazer, seja ela textual, visual ou verbal. É um caminho que leva para regiões que o tempo e o espaço...

    8029  Palavras | 33  Páginas

  • Uma análise crítica da obra “Rodas de Havaianas” do artista Maxim Malhado.

    Letras Uma análise crítica da obra “Rodas de Havaianas” do artista Maxim Malhado. Introdução Neste trabalho, o objetivo é analisar criticamente a obra “Rodas de Havaianas” de Maxim Malhado. A análise parte da observação da forma, conteúdo e material utilizado na produção da mesma; até as técnicas utilizadas, subjetividades e interpretações referentes aos objetivos do autor. Foram feitas observações, fotografias, diálogos com um guia da exposição e pesquisa sobre a vida e obra do autor. Dessa...

    1078  Palavras | 5  Páginas

  • ATPS ARTE

    PARANAPANEMA – SP Curso de Pedagogia. Disciplina: Arte, Criatividade e Recreação. Acadêmicas: *Elisângela Aparecida dos Santos RA 375308 bila101980@hotmail.com * Regina Costa Giorfi RA 353859 regina_giorfi@hotmail.com *Rita Ferreira dos Santos RA 353862 ritaferreirasantos@hotmail.com *Valdilene Urbino da Silva RA 353873 valdileneurbino@hotmail.com A importância das Artes na Formação das Crianças da Educação Infantil. Profᵃ...

    2902  Palavras | 12  Páginas

  • arte conceitual

    principais características sobre a Arte Conceitual seus critérios, obras a importância que ela tem nos dias de hoje e os artistas que atual nessa área completamente fabulosa . Arte Conceitual Definição Para a arte conceitual, vanguarda surgida na Europa e nos Estados Unidos no fim da década de 1960 e meados dos anos 1970, o conceito ou a atitude mental tem prioridade em relação à aparência da obra. O termo arte conceitual é usado pela primeira vez...

    3651  Palavras | 15  Páginas

tracking img