• Alfabetização e letramento
    I. Introdução A possibilidade de escrever sobre Letramento e Alfabetização pressupõe pesquisa prévia, leitura, análise, reflexão, construção e reconstrução de pensamentos econceitos. Portanto, a possibilidade de escrever sobre algo é um valioso caminho paraelaboração e reelaboração de propostas e projetos...
    1275 Palavras 6 Páginas
  • Asdfasfsa
    4A alf abetizaçào Psicogênese da língua escrita Os anos 80 assistiram, no Brasil e na América Latina, a um crescente interesse pelo tema da alfabetização inicial. A constituição e o aprofundamento dos debates sobre este tema específico podem ser testemunhados pelo grande número de seminários,...
    7248 Palavras 29 Páginas
  • Alfabetização
    educação , aluno 1 INTRODUÇÃO Várias habilidades são necessárias para uma leitura bem sucedida , quando os alunos começam a aprender a ler , precisam de um ensino que focalize o uso da leitura para a obtenção de significado a partir do que está escrito , de consciência dos sons e grupos...
    3086 Palavras 13 Páginas
  • Como a criança se apropria do código linguístico.
    Para a inserção e participação da criança na sociedade letrada, é necessário que ela se aproprie do código lingüístico, tendo conhecimento assim, da leitura e da escrita. Entretanto, mesmo antes de a criança saber ler socialmente, ou seja, como as pessoas alfabetizadas, ela já observa, pensam e vão...
    1733 Palavras 7 Páginas
  • Emília ferreiro
    ------------------------------------------------- Emília Ferreiro ------------------------------------------------- ------------------------------------------------- O processo da construção da escrita * BIOGRAFIA: Emília Beatriz María Ferreiro Schavi Nasceu em 1937 na Arge Emília Beatriz María Ferreiro Schavi ntina. Formou-se...
    1774 Palavras 8 Páginas
  • Tcc de alfabetização
    que a criança passará por várias fases do desenvolvimento infantil, descobrindo formas de aprendizagens e os processos da evolução da escrita e da leitura, que a levarão a uma alfabetização plena e satisfatória. O professor tem um papel fundamental no desenvolvimento desta alfabetização e deve reconhecer...
    5505 Palavras 23 Páginas
  • Aprendizagem do aluno com down
    alfabética em crianças portadoras de Síndrome de Down. Utiliza-se de uma perspectiva teórica baseada nos estudos sobre a psicogênese da leitura e da escrita, desenvolvidos por Emília Ferreiro e Ana Teberosky, como suporte para as nossas questões e reflexões. E como a aprendizagem é processo complexo, a cerca...
    13797 Palavras 56 Páginas
  • Sindrome de down
    restante do grupo. E essa adequação social é condição sine qua non para que seja integrada. (MILLS apud SCHWARTZMAN, 1999, p. 23) E a partir de leituras e pesquisas propôs neste trabalho, a apresentação ao leitor um conhecimento mais profundo sobre as crianças Down e suas habilidades e limitações....
    24368 Palavras 98 Páginas
  • importancia das ics
     CAPITULO 1 – Trajetória Histórica da Leitura e escrita na Educação do Brasil Como sabemos, não há presente sem passado, e para ocorrer avanços; tecnológico, social, humano ou cultural é necessário pesquisas, estudos, ações e experimentos. “O ser humano é o único animal que, além de usar instrumentos...
    5178 Palavras 21 Páginas
  • A construção da escrita e da oralidade na etapa alfabetizadora
    professores e pesquisadores, discute-se por que as crianças brasileiras lêem e escrevem mal, ocupando os últimos lugares em avaliações internacionais de leitura e escrita. Como tudo está em discussão, uma velha polêmica que opunha defensores de métodos globais aos partidários de métodos sintéticos ameaça ressurgir...
    6162 Palavras 25 Páginas
  • pré projeto
    se identificou ao ensino-aprendizado da tecnologia da escrita, quer dizer, do sistema alfabético da escrita, o que, em linhas gerais significa na leitura, a capacidade de decodificar os sinais gráficos, transformando-os em sons, e, na escrita, a capacidade de codificar os sons da fala , transformando-os...
    1581 Palavras 7 Páginas
  • intervenções na escrita
    uso do alfabeto como conjunto de símbolos do código escrito, aprendendo assim, a escrever seu próprio nome e o nome de seus colegas. Acompanhando a leitura de um texto significativo, preferencialmente um texto curto, de qualquer gênero: poesia, receita de bolo, mensagem de Dia das Mães, e identificando...
    1411 Palavras 6 Páginas
  • intervenções na escrita
    uso do alfabeto como conjunto de símbolos do código escrito, aprendendo assim, a escrever seu próprio nome e o nome de seus colegas. Acompanhando a leitura de um texto significativo, preferencialmente um texto curto, de qualquer gênero: poesia, receita de bolo, mensagem de Dia das Mães, e identificando...
    1411 Palavras 6 Páginas
  • 052870310760
    e analisa os métodos, processos e técnicas de alfabetização nas seis últimas décadas e considera que as teorias construtivistas, especialmente a psicogênese da língua escrita, são as que mais amplamente explicam os processos de alfabetização. No entanto, pondera que a compreensão superficial dessa teoria...
    596 Palavras 3 Páginas
  • Construção da leitura e escrita na 1ª fase do 1º ciclo
    - universidade cândido Mendes SINDALVA CORREA de sousa CONSTRUÇÃO DA LEITURA E ESCRITA NA 1ª FASE DO 1º CICLO BETIM 2012 Icam - universidade cândido Mendes SINDALVA CORREA de sousa CONSTRUÇÃO DA LEITURA E ESCRITA NA 1ª FASE DO 1º CICLO Artigo Científico Apresentado à Universidade...
    2258 Palavras 10 Páginas
  • PROJETO PRODUÇÃO DE TEXTO
    de validade de produto? Averiguar a composição do produto? Reconhecer o modo de usar e armazenar do produto? JUSTIFICATIVA As atividades de leitura e escrita com rótulos e embalagens possibilitam os alunos pensarem sobre: A percepção da forma e do valor sonoro convencional das letras. A conservação...
    1697 Palavras 7 Páginas
  • Mini projeto de pesquisa
    ...7 ASSUNTO As dificuldades no processo de ensino e aprendizagem. TEMA As causas da deficiência nos processos de leitura e escrita na classe de alfabetização. PROBLEMATIZAÇÃO * Os professores reconhecem quando é adequado ensinar a pensar em situações de vivência...
    855 Palavras 4 Páginas
  • Fundamentos da alfabetização
    Célestin Freinet dividiu as fases da aquisição da escrita em cinco, através de um método natural feito pela experiência pessoal da criança. Emilia Ferreiro contribuiu mostrando em seus estudos que a alfabetização é um longo processo dividido em cinco níveis, nos quais o aprendiz observa, estabelece relações...
    3943 Palavras 16 Páginas
  • Alfabetização eja
    uma proposta didática para alfabetizar letrando. Palavras-chaves: Alfabetização. Letramento. Ensino-aprendizagem. Proposta didática. O ensino da leitura e da escrita tornou-se um grande desafio para os professores alfabetizadores, para as políticas públicas de alfabetização e para as próprias crianças...
    5039 Palavras 21 Páginas
  • Aprendizagem sócio construtivista
    Podemos considerar como uma das causas do fracasso escolar e das dificuldades em leitura e escrita a alfabetização da sistematização de letras e sons. A alfabetização e o uso da leitura estão muito além de leituras que objetivam a assimilar somente o som sem valor de interpretação ou sentido. A alfabetização...
    2001 Palavras 9 Páginas