• Capitulo I A natureza do Serviço Social
    A NATUREZA DO SERVIÇO SOCIAL: UM ENSAIO SOBRE SUA GÊNESE, A “ESPECIFICIDADE” E SUA REPRODUÇÃO CARLOS E. MONTAÑO A partir de: MONTAÑO, Carlos. A Natureza do Serviço Social: um ensaio sobre sua gênese, a “especificidade” e sua reprodução. s/d.   Disponível em: http...
    3852 Palavras 16 Páginas
  • A NATUREZA DO SERVIÇO SOCIAL
    A NATUREZA DO SERVIÇO SOCIAL: UM ENSAIO SOBRE SUA GÊNESE, A “ESPECIFICIDADE” E SUA REPRODUÇÃO CARLOS E. MONTAÑO A partir de: MONTAÑO, Carlos. A Natureza do Serviço Social: um ensaio sobre sua gênese, a “especificidade” e sua reprodução. s/d. INTRODUÇÃO Ainda na apresentação, o autor chama...
    3845 Palavras 16 Páginas
  • A natureza do serviço social
    A natureza do Serviço Social- A natureza do S.S. na sua gênese Carlos Montaño (1998) em seus estudos sobre a natureza do Serviço Social apresenta duas teses claramente opostas sobre a natureza profissional: Perspectiva Endógena e Perspectiva Histórico-crítica. Neste texto, a partir da reflexão de...
    1031 Palavras 5 Páginas
  • Formação Social, Econômica e Política do Brasil
    Contemporaneidade: trabalho e formação profissional. 14. Ed. São Paulo: Cortez, 2008. MONTAÑO, Carlos. A Natureza do Serviço Social: um ensaio sobre sua gênese, a “especificidade” e sua reprodução. 2. Ed. São Paulo: Cortez, 2011. dorismo e alcançasse o patam ...
    3431 Palavras 14 Páginas
  • Desafio de fundamentos historicos, metodologicos e teoricos
    profissional que cuidasse da área social, assistindo a classe proletária. Com isso exercia certo “controle” sobre os proletários. O autor Carlos Montaño em seus estudos sobre o surgimento do Serviço Social apresentou duas teses opostas ao surgimento do profissional que são: Perspectiva Endógena e...
    1234 Palavras 5 Páginas
  • questão social
    obtenção de meios de vida necessários à reprodução desse trabalhador especializado. Ou seja, conforme Montaño (2007, p. 17) Aqui a função do Serviço Social é de legitimação da ordem e aumento da acumulação capitalista, tendo, portanto, uma natureza e funcionalidade político-econômica e não...
    5452 Palavras 22 Páginas
  • Resumo o presente trabalho tem como objetivo debater acerca da ação profissional do assistente social na área da saúde, em especial no âmbito médico-hospitalar, evidenciando os desafios da intervenção profissional no
    Serviço Social na contemporaneidade: trabalho e formação profisisonal,; 3ª edição; São Paulo, Cortez, 2000. __________Relações Sociais e Serviço Social no Brasil: esboço de uma interpretação histórico-metodologico, 13ª ed. São Paulo, Cortez; (Lima, Peru): CELATS, 2000. Montaño, Carlos. A...
    4929 Palavras 20 Páginas
  • O serviço social na america latina
    ), Mota (1991), Guerra (1995), Montaño (2007), entre outros. Algumas das principais teses poderiam ser resumidas da seguinte forma: a natureza, fundamentos e papel social da profissão devem ser compreendidos, a partir de três determinantes fundamentais: a) o Serviço Social – que surge e se desenvolve, a...
    7474 Palavras 30 Páginas
  • Terceiro Setor
    : o caso brasileiro. Rio de Janeiro: Qualitymark, 2001. MELO NETO, F.P. Empresas socialmente sustentáveis: o novo desafio da gestão moderna. Rio de Janeiro: Qualitymark, 2004 MONTAÑO, Carlos. Terceiro Setor e Questão Social: Crítica ao padrão emergente de intervenção social. São Paulo: Cortez...
    5555 Palavras 23 Páginas
  • Serviço social
    Carlos Montaño (1998 ) em seus estudos sobre a natureza do Serviço Social apresenta duas teses que remetem à legitimação da profissão perante a sociedade e suas classes sociais e frente ao Estado e demais organismos contratantes. Na primeira tese há continuidade entre Serviço e as práticas de...
    3631 Palavras 15 Páginas
  • pré-projeto de pesquisa
    GOHN, Maria da Glória. Empoderamento e participação da comunidade em políticas sociais. USP - Revista saúde e Sociedade, V.13, n. 2, 2004. MONTAÑO, Carlos. Estado, classe e movimento social. 3ª Ed. São Paulo: Cortez, 2011. RUCHT, Dieter. Sociedade como projeto – projetos na sociedade. Civitas – Revista de CiênciasSociais, Ano 2, nº 1, Junho 2002.(p. 13 a 28). 9. CRONOGRAMA DE ATIVIDADES ...
    2594 Palavras 11 Páginas
  • projeto etico politico do assistente social
    brasil. Serviço Social e Sociedade. São paulo: Cortez, n. 50, 1996. MONTAÑO, Carlos. A natureza do Serviço Social: Um ensaio sobre sua gênese, a “ especificidade “ e sua reprodução. São Paulo:Cortez, 2007. _________________. Terceiro Setor e questão Social. Crítica ao padrão emergente de...
    3322 Palavras 14 Páginas
  • violência contra a mulher
    Luta Contra a Violência Doméstica: Serviço Social, Estado e Movimento Feminista em salvador Bahia Ana Silva Santos Rosane Santana Valdinéa Oliveira Vanessa Santos RESUMO Este artigo investiga a trajetória de mulheres que lutam pelo direito de respeito no seu âmbito familiar e social...
    2304 Palavras 10 Páginas
  • Pobreza e seu enfrentamento
    Pobreza, “questão social” e seu enfrentamento Poverty, “social issue” and its confrontation Carlos Montaño* Resumo:.Visamos.aqui.problematizar.as.diferentes.concepções.de. pobreza.e.“questão.social”.na.tradição.liberal,.e.suas.formas.típicas.de. enfrentamento...
    6457 Palavras 26 Páginas
  • O surgimento do terceiro setor
    Tavarez Soares, Perry Anderson e Carlos Montano No Segundo Capítulo abordamos o Serviço Social na contemporaneidade, o seu projeto ético político e este frente às transformações trazidas pelo neoliberalismo. Colocando os impactos sofridos no mercado de trabalho profissional do assistente social, como...
    18776 Palavras 76 Páginas
  • Serviço Social e terceiro setor
    profissão e como esta se legitimou e se institucionalizou na sociedade capitalista. Utilizando uma perspectiva histórica crítica, tomamos, como base bibliográfica, os autores Marilda Iamamoto (2003), Maria Carmelita Yazbec (2009), José Paulo Netto (1996) e Carlos Montaño (2002). 2.2.1 O Serviço Social...
    19968 Palavras 80 Páginas
  • Apresentação Serviço Social
    A NATUREZA DO SERVIÇO SOCIAL Carlos Montaño COMPLEMENTAÇÃO Disciplina: FUND. HISTÓRICOS E TEÓRICO METODOLÓGICOS DO SERVICO-SOCIAL I Professora: Samea Moreira Equipe 2: Isabel Cristina Ana Carolina Bruna Cibelle Ana Paula Angelilda Fabiana Marilsa BIBLIOGRAFIA...
    1426 Palavras 6 Páginas
  • Considerações sobre a natureza do Serviço Social, sobre uma ótica endogenista,
    Considerações sobre a natureza do Serviço Social, sobre uma ótica endogenista, segundo a obra de Carlos Montanõ ‘A natureza do serviço Social’ com destaque ao movimento de reconceituação e autor participante desde Herman Kruse. Em sua obra, A natureza do Serviço Social, Carlos Montanõ, aborda o...
    519 Palavras 3 Páginas
  • Fundamentos Teóricos e Metodológicos do Serviço Social
    . Elementos para estudo do Perfil Profissional do Serviço Social. MONTAÑO, Carlos. Terceiro Setor a questão social: Critica ao padrão emergente de intervenção social. São Paulo: Cortez 2002. NETO, J. P. Transformações societárias e Serviço Social: notas para uma análise prospectiva da profissão. Serviço...
    2251 Palavras 10 Páginas
  • Serviço social
    SERVIÇO SOCIAL E O EXERCÍCIO PROFISSIONAL: desafios e perspectivas contemporâneas Maciela Rocha Souza1 RESUMO O Serviço Social é uma profissão inscrita na divisão sócio-técnica do trabalho capitalista. Exerce, portanto, seu fazer profissional no contexto da contradição e luta das classes...
    4845 Palavras 20 Páginas