• A era das revoluções, eric hobsbawm
    Hobsbawm, E, J, The age of revolation, 1992, Lisboa, Editorial Presença.Cap. I Este ficha provém da leitura do primeiro capítulo da obra “A Era das Revoluções” do autor Eric John Earnest Hobsbawm (nascido em Alexandria, 9 de Junho de 1917) era um historiador marxista reconhecido intern
    1396 Palavras 6 Páginas
  • Era de revoluções
    A ERA DAS REVOLUÇÕES Eric J. Hobsbawm PREFÁCIO Este livro traça a transformação do mundo entre 1789 e 1848 na medida em que essa transformação se deveu ao que aqui chamamos de "dupla revolução": a Revolução Francesa de 1789 e a revolução industrial (inglesa) contemporânea. Portanto, n
    134495 Palavras 538 Páginas
  • Resumo - a era das revoluções - hobsbawm, eric j.
    HOBSBAWM, Eric J., A era das revoluções, Paz e Terra, 10 edição,1997 INTRODUÇÃO - As palavras seguintes foram criadas, ou ganharam seu sentido moderno, entre 1789 e 1848: - capitalismo, socialismo, ideologia, jornalismo; - classe média, classe trabalhadora; proletariado; - Liberal, conse
    21613 Palavras 87 Páginas
  • Liberalismo e revoluções
    Após a queda e a conseqüente segunda abdicação de Napoleão, o quadro político da Europa pós-1815 se caracteriza pela restauração, não apenas na França, mas em toda a Europa. Ela se aplica a todos os aspectos da vida social e política, e trata de tomar um sentido oposto ao da Revolução,
    2582 Palavras 11 Páginas
  • Era das revoluções
    Teoria Política A ERA DAS REVOLUÇÕES As revoluções que eclodiram entre 1789 e 1848, constitui a maior transformação da história humana desde os tempo remotos quando o homem inventou a agricultura e a metalurgia, a escrita a cidade e o Estado. Esta revolução transformou e continua a
    11464 Palavras 46 Páginas
  • A era das revoluções
    RAHOBSBAWM, Eric j. A Era das Revoluções. São Paulo: Paz e Terra, 2011. * Prefácio: O prefácio esboça rapidamente a estrutura do livro; na primeira parte do prefácio mostra o recorte (1789-1848), aponta uma justificativa para esse recorte, que é justamente o inicio desse período de
    3291 Palavras 14 Páginas
  • Era das revoluções cap2,3,11
    A ERA DAS REVOLUÇÕES HOBSBAWM, Eric J. CAPÍTULO II – A revolução industrial O autor inicia falando do próprio nome “Revolução Industrial”, o qual reflete um impacto relativamente tardio sobre a Europa. O fato existia na Inglaterra antes do termo. A década de 1780 foi, segundo a
    1471 Palavras 6 Páginas
  • Resumo de "a era das revoluções"
    A Era das Revoluções (resumo do primeiro capítulo). O livro fala das transformações do mundo durante o período devido ao impacto da chamada dupla Revolução Francesa e Industrial. Onde as repercussões foram menores, o autor não comenta (ex: Japão). “Se sua perspectiva é europeia é porq
    2356 Palavras 10 Páginas
  • Hobsbawm - a era das revoluções
    HOBSBAWM, Eric J., A era das revoluções, Paz e Terra, 10 edição,1997 INTRODUÇÃO - As palavras seguintes foram criadas, ou ganharam seu sentido moderno, entre 1789 e 1848: - capitalismo, socialismo, ideologia, jornalismo; - classe média, classe trabalhadora; proletariado; - Liberal, conse
    1558 Palavras 7 Páginas
  • A era das revoluções
    A ERA DAS REVOLUÇÕES[1] 1789-1848 Eric J. Hobsbawm Sumário Parte I EVOLUÇÃO 1. O Mundo na década de 1780 4 2. A Revolução Industrial 6 3. A Revolução Francesa 9 4. A Guerra 12 5. A Paz 15 6. As Revoluções 17 7. O Nacionalismo 21
    19572 Palavras 79 Páginas
  • A era da revoluções de eric hobsbawn
    O ponto de partida da obra “A Era das Revoluções” de Hobsbawn é o estudo do período compreendido entre 1789 e 1848, marcado por diversos acontecimentos sociais, políticos e econômicos. Os principais destaques, todavia, são a a revolução industrial britânica em seus estágios iniciais e
    2121 Palavras 9 Páginas
  • Era das revoluções
    A Europa na era das revoluções (1815-1870) 1- As correntes ideológicas na Europa – novas herdeiras da revolução Ideologia= invenção da Rev. Francesa Doutrina que se difunde racionalmente, como sendo a melhore maneira que deveriam invadir a Rússia. 1812: início da invasão da Rússia,...
    9673 Palavras 39 Páginas
  • A Era da Revoluções (os trabalhadores pobres)
    Apr 27 FICHAMENTO - A Era Das Revoluções de Eric Hobsbawn (cap. 11 - Os trabalhadores pobres) por Eliana Maria dos Santos. 3° ano do curso de licenciatura em História da Uniban – Anhanguera de Campo Limpo. Área: Ciências Humanas, História. Fontes: secundárias,...
    1047 Palavras 5 Páginas
  • Revoluções para Hobsbawm
    As Revoluções para Eric Hobesbawn Poucas vezes a incapacidade dos governos em conter o curso da história foi demonstrada deforma mais decisiva do que na geração pós-1815. Evitar uma segunda Revolução Francesa, ou ainda a catástrofe pior de uma revolução europeia generalizada tendo como...
    506 Palavras 3 Páginas
  • Resenha da obra “A Era Das Revoluções” de Eric Hobsbawm (Capitulo III – A Revolução Francesa)
    Eric Hobsbawm, um dos maiores intelectuais do século XX, durante sua carreira academia dedicou-se ao estudo da organização das classes populares em momentos de lutas e defesa de suas ideologias, com uma abordagem marxista. Focou uma parte de seu trabalho no século XIX, mais precisamente...
    714 Palavras 3 Páginas
  • Revoluções
    INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA BAIANO – Campus Itapetinga HISTORIA: OS SENTIDOS DAS REVOLUÇÕES BURGUESAS ITAPETINGA 2014 BRUNO DE AZEVEDO VIEIRA 2º ANO A HISTORIA: OS SENTIDOS DAS...
    563 Palavras 3 Páginas
  • AS REVOLUÇÕES
     AS REVOLUÇÕES As revoluções burguesas são momentos significativos na historia do capitalismo, foram elas que contribuíram para abrir caminho da superação dos requisitos feudais. O capitalismo adquiriu...
    7615 Palavras 31 Páginas