A Diferença Entre O Registro Oral E O Escrito E Como Distinguir Um Do Outro Trabalhos Escolares e Acadêmicos Prontos

  • PNCs

    Expectativas de Aprendizagem Compreender enunciados orais em situações comunicativas, considerando os interlocutores, o objetivo comunicativo, as especificidades dos gêneros textuais, o registro. Identificar caraterísticas dos gêneros orais e seus registros. Identificar o uso de significativo de pausas...

      13854 Palavras | 56 Páginas  

  • Analise

    1) Como você viu, o autor do texto desta atividade apresenta uma classificação muito minuciosa dos registros, baseada no estudioso norte-americano J. Donald Bowen. As distinções propostas entre eles lhe pareceram claras, necessárias e adequadas?Justifique. Mesmo que esses tipos de classificações pareçam...

      482 Palavras | 2 Páginas  

  • Irandé antunes

    realidade em que está inserido e percebe o seu papel como sujeito ativo e capaz de intervir na sociedade onde vive. Partindo desse pressuposto, outros caminhos foram suscitados para o trabalho pedagógico, exigindo dos professores uma nova abordagem para o ensino da língua, tendo em vista sua concepção...

      13676 Palavras | 55 Páginas  

  • atividade matematica

    lingüístico-discursivas. (vocabulário, nível de linguagem, emprego de determinadas palavras, frases mais elaboradas, presença dos conectores, entre outros). Gêneros: 2.3 - Antecipar conteúdos de textos a serem lidos a partir do suporte, do gênero, da contextualização, das características gráficas...

      10816 Palavras | 44 Páginas  

  • Fala e escrita

    FALA E ESCRITA: SEMELHANÇAS? DIFERENÇAS?1 1. Das semelhanças e diferenças Antes de introduzirmos a questão das semelhanças e diferenças entre as modalidades oral e escrita da língua, cabe distinguir gêneros de discurso (ou gêneros de texto) e tipos de discurso (ou tipos de textos ou ainda tipos de seqüências...

      1344 Palavras | 6 Páginas  

  • Eixos da Educa o Infantil

    Imitação de sons orais, corporais ou produzidos por instrumentos musicais. · Explorar e identificar elementos da música para se expressar, interagir com os outros e ampliar seu conhecimento de mundo. · Trabalhar instrumentos musicais para perceber os diversos tipos de sons, distinguir suas características...

      1926 Palavras | 8 Páginas  

  • LINGUAS

    (1984), Cunha (1985), Possenti (1996), Santos (1996), Bagno (1999), Oliveira (1999), Perini (2000), Silva (2000), Britto (2002), Oliveira (2003a), entre outros. A língua varia, como é sabido, no tempo, no espaço geográfico, no espaço social e de uma situação comunicativa para outra. Existem, portanto, várias...

      2703 Palavras | 11 Páginas  

  • PNAIC

    convívio (familiares, étnico-culturais, profissionais, escolares, de vizinhança, religiosos, recreativos, artísticos, esportivos, políticos etc). Distinguir as práticas sociais, políticas, econômicas e culturais específicas dos seus grupos de convívio e dos demais grupos de convívio locais, regionais...

      1303 Palavras | 6 Páginas  

  • Plano de curso

    estão a nossa volta. Tomando esses pressupostos como ponto de partida, a escola tem a responsabilidade de garantir aos alunos o domínio da língua oral e escrita, pois, é ela o instrumento que lhes dá acesso a uma vida social plena e a forma de comunicação necessária para o exercício da cidadania, porque...

      2694 Palavras | 11 Páginas  

  • Planejamento anos iniciais 1º ano

    no comercio local garantido uma melhor qualidade de vida a seus filhos. Em relação à escolaridade, há pais que concluíram o Ensino Médio enquanto outros apenas as séries iniciais, o que dificulta no acompanhamento dos estudos dos filhos e principalmente na realização de tarefas diárias. Como podemos...

      3338 Palavras | 14 Páginas  

  • Formação mundo contemporâneo

    fatos e acontecimentos. Quando Thomas Paine afirma “está em nossas mãos começar o mundo outra vez”, ele mostra que escrita é a principal forma de registro de fatos e que podemos reiniciar o mundo através da escrita. A história se constrói e nós também a construímos, pois um mesmo fato pode ter diferentes...

      693 Palavras | 3 Páginas  

  • Plano de aula

    Reconhecer a dimensão política do preconceito diante a filosofia e se posicionar em relação a ela. Desenvolver habilidade de escrita, leitura e expressão oral na abordagem de temas filosóficos. Elaborar hipóteses e questões a partir das leituras e debates realizados. Identificar a presença da filosofia no...

      1809 Palavras | 8 Páginas  

  • Roteiro de Planejamento

    sociais veiculados nesse contexto. Identificação, em textos orais e escritos, de marcas linguísticas que expressem opinião ou intenção de quem os produziu. (como textos literários ou texto-musica). Identificação, em textos orais e escritos, de elementos que revelam que esses textos refletem os ideais...

      6323 Palavras | 26 Páginas  

  • Letramento

    Fontes historiográficas e seu tratamento É importante distinguir a matéria-prima do trabalho dos historiadores (a fonte primária) do produto acabados ou semi-acabado (fonte secundária e fonte terciária). Do mesmo modo, importa notar a diferença entre a fonte e o documento e o estudo das fontes documentais:...

      462 Palavras | 2 Páginas  

  • Analise textual

    professor sobre dois pontos bastante relevantes: a) a importância do aprendizado da norma padrão da língua; b) as diferenças entre o registro oral e o escrito e como distinguir um do outro. Imagine que você é o professor e responda às 2 questões, apresentando exemplos (máximo de 8 linhas). Como...

      357 Palavras | 2 Páginas  

  • Eixos da educacao infantil

    Imitação de sons orais, corporais ou produzidos por instrumentos musicais. · Explorar e identificar elementos da música para se expressar, interagir com os outros e ampliar seu conhecimento de mundo. · Trabalhar instrumentos musicais para perceber os diversos tipos de sons, distinguir suas características...

      2510 Palavras | 11 Páginas  

  • Planejamentos de Língua Portuguesa

    Planejamento Anual – Língua Portuguesa – 8º ANO OBJETIVOS GERAIS: *Compreender e produzir textos, orais ou escritos, de diferentes gêneros autonomamente. *Compreender a língua como fenômeno cultural, histórico, social, variável, heterogêneo e  sensível aos contextos de uso. *Reconhecer a língua...

      7366 Palavras | 30 Páginas  

  • Niveis da Escrita

    pequenos; - usa letras do próprio nome ou letras e números na mesma palavra; - pode conhecer ou não os sons de algumas letras ou de todas elas; - faz registros diferentes entre palavras modificando a quantidade e a posição e fazendo variações nos caracteres; - caracteriza uma palavra com uma letra inicial;...

      1764 Palavras | 8 Páginas  

  • Latim texto "a manifestação da escrita "

    legítimos, chegaram até nós por meio de registros escritos. Essa é uma importante questão que se impõe ao ensino e que deve ser atentamente considerada. Os sistemas de escrita, como meio desenvolvido para representar a fala, surgem pela necessidade de registro permanente da expressão. Entretanto...

      1696 Palavras | 7 Páginas  

  • Trabalho

    experiências e idéias, acolhendo, interpretando e considerando os das outras pessoas e respeitando os diferentes modos de falar. • Produzir textos escritos, coesos e coerentes, dentro dos gêneros previstos para o ciclo, ajustados a objetivos e leitores determinados. • Ler diferentes textos dos gêneros...

      2509 Palavras | 11 Páginas  

tracking img