• literatura
    escritor, da mesma forma que toda leitura resultará em determinada consciência de mundo para o leitor, em conhecimento da realidade apresentada ou em valores. Essa relação entre o eu (leitor) e o outro (escritor) reflete a consciência e, consequentemente, o conhecimento. É dessa forma que o ato de ler ganha...
    1347 Palavras 6 Páginas
  • deus
    de tais religiões monoteístas, sobretudo noocidente, e nelas foca-se o presente artigo. Deus muitas vezes é expressado como o Criador e Senhor do Universo. Teólogos têm relacionado uma variedade de atributos utilizados para estabelecer as várias concepções de Deus. Os mais comuns entre essas incluem onisciência...
    4559 Palavras 19 Páginas
  • Contribuições da poesia como metodologia de ensino
    trazer as contribuições da poesia, que é um gênero literário que pode ser utilizado como recurso para a promoção de uma aprendizagem significativa. Seu universo mágico, riquíssimo em significados e relações que só a linguagem poética permite. PALAVRA CHAVE: Linguagem, Poesia, Aprendizagem, comunicação. ...
    16534 Palavras 67 Páginas
  • Francis bacon
    vida, entregando-se ao estudo. Faleceu a 9 de Abril de 1626. Mas este homem ambicioso e amante do dinheiro e do fausto teve uma ideia altíssima do valor da ciência ao serviço do homem. Todas as suas obras tendem a ilustrar o projeto de uma pesquisa científica que, aplicando o método experimental...
    2976 Palavras 12 Páginas
  • Teologia Fundamental
    mesmos. 3) Por que a crítica racionalista é contra a fé? Porque ela é baseada em teses erradas, mas muito difusas que insistia sobre a negação de qualquer conhecimento que não fosse fruto das capacidades naturais da razão. Racionalismo é um modo de pensar que atribui valor somente à razão, ao pensamento...
    2732 Palavras 11 Páginas
  • Contexto histórico pré iluminista
    culturais, mais condizentes com a exigência de liberdade dos tempos então em curso. Idéias tradicionais concernentes a temas como Deus, existência humana, universo e natureza foram questionadas e modificadas produzindo como resultado uma revolução intelectual que trouxe a tona uma “nova visão do mundo – racional...
    3080 Palavras 13 Páginas
  • A importancia da lei
    aprenda a exercer sua cidadania. Permite também o exercício da fantasia e leva quem lê a construir um mundo imaginário, onde pode exercer sua reflexão crítica e promove o debate de idéias.. Sabe-se também que a leitura é uma condição prévia para a escrita, pois bons leitores são bons escritores, suas produções...
    11427 Palavras 46 Páginas
  • Filosofia e ciências da natureza: alguns elementos históricos
    de um Deus ou de deuses e conta uma história da origem do universo. Essa resposta não se baseia em estudos sistemáticos da natureza, mas antes na observação diária não sistemática; e não são estudos racionais dado que não encorajam a crítica, mas antes a aceitação religiosa. Isto não quer dizer que as...
    12450 Palavras 50 Páginas
  • Folosofia
    profundos, pode considerar a ciência, a religião, a arte,uma história em quadrinhos ou uma canção popular,a filosofia, portanto parte do que existe,critica,questiona,vislumbra possibilidades, faz nos entrever outros mundos e outros modos de compreendes a vida. O conhecimento filosófico tem por origem a...
    1343 Palavras 6 Páginas
  • paradigmas em crise
    comunidade/grupo de uma especialidade científica, eram constituídos não somente por generalizações simbólicas, mas também por modelos, exemplares e valores, e (b) com os novos estudos e investigações na Física Moderna, que iriam compor os novos conceitos do quadro da chamada teoria/física quântica, revelando...
    5389 Palavras 22 Páginas
  • gravidez na adolescência
    de acumular experiência, dentro da liberdade que existe neste período, próprio para viverem diversas circunstâncias e posteriormente adentrarem no universo adulto, portando bagagem, mínima que seja, mas que possibilita então, a constituição de uma família com um filho ou mais. ...
    1079 Palavras 5 Páginas
  • Economia politic
    politica: uma introdução crítica / José Paulo Netto e Marcela Braz – 5. Ed. – São Paulo: Cortez, 2009. – (Biblioteca básica de serviço social; v.1). Bibliografia. ISBN 978-85-249-1258-0 1. Economia I. Braz, Marcela. II. Titulo III. Série Economia Politica: da origem a critica Marxiana. [....
    2184 Palavras 9 Páginas
  • História da ciência e das universidade
    velhas tradições, e rompe a ciência com a religião. Desde então o homem descobre que é capaz de sobreviver, decidir na posição do centro do Universo, buscando seus valores e suas experiências. O mundo para de ser sagrado e passa a ser um objeto de uso para o homem, embora a crença em Deus permanecesse. A religião...
    2551 Palavras 11 Páginas
  • Filosofia geral do direito
    forma de não aceitar as coisas óbvias do mundo a nossa volta e procurar investigar e compreender o que esta diante de nós. A Filosofia é decorrente da crítica, da busca dos porquês. De uma forma generalizada poderíamos dizer que a Filosofia não possui alguma utilidade. Porém, como uma ciência altamente...
    1824 Palavras 8 Páginas
  • Racionalismo, Empirismo e Criticismo
    social. O racionalismo afirma que tudo o que existe tem uma causa inteligível, mesmo que essa causa não possa ser demonstrada empiricamente (origem do Universo). Privilegia a razão em detrimento da experiência do mundo sensível como via de acesso ao conhecimento. Considera a dedução como o método superior...
    416 Palavras 2 Páginas
  • o lixo e suas consequencias
    policia precisava para ganhar o dia e preencher mais uma cela com um bastardo. B -) Educação: Numa sociedade marcada por uma crescente crise de valores, como é o caso da nossa sociedade angolana, tendo em conta as perspectivas acima abordada gostaríamos de reflectir sobre o papel da educação num projecto...
    6270 Palavras 26 Páginas
  • Filosofando: introdução a filosofia
    A física aristotélica Os corpos são classificados a partir da teoria dos quatro elementos: terra, água, ar e fogo. No universo, todos os corpos estão disposto de modo bem determinado, possuindo um lugar natural conforme sua essência, partindo desta analise, Aristóteles constrói a teoria da queda dos...
    4609 Palavras 19 Páginas
  • movimento modernista euroeu
    artísticas que vieram depois . Nesse ano , o austríaco Sigmund Freud lançou o livro Estudos sobre a histeria , um marco importante na divulgação de suas descobertas científicas , que o levaram a constituir um novo ramo médico : a Psicanálise .  Dedicada ao estudo do inconsciente humano , que guardaria...
    2170 Palavras 9 Páginas
  • Teorias da criação do universo
    Existem várias teorias sobre a criação do Universo e do Planeta Terra, boa parte delas na tentativa de explicar algo que talvez seja tão inexplicável para alguns. Em compensação existem teorias que deixam pessoas com o queixo caído pela sua complexidade e perfeição na associação de idéias, esse é o caso...
    5562 Palavras 23 Páginas
  • Porque os estudos biblicos devem terminar
    duas premissas principais: 1. O corpo de conhecimentos relativos à Bíblia acumulados até hoje demonstra que a Bíblia é o produto de culturas cujos valores e crenças sobre a origem, a natureza e o propósito de nosso mundo não mais são considerados relevantes, mesmo pela maioria dos cristãos e judeus. ...
    1407 Palavras 6 Páginas