A Autora Diane Ghirardo Faz Uma Crítica Feroz À Atuação Dos Arquitetos Nos Projetos Urbanos Recentes artigos e trabalhos de pesquisa

  • cultura regional específica e crítica na arquitetura contemporânea

    CULTURA REGIONAL ESPECÍFICA E CRÍTICA NA ARQUITETURA CONTEMPORÂNEA 1. SOBRE O AUTOR Kate Nesbitt é arquiteta praticante e reside em Charlottesville, Virgínia, Estados Unidos. Graduou pela Universidade da Virgínia em planejamento urbano e obteve o mestrado em arquitetura na Universidade de Yale. Também estudou no IAUS- Institute for ArchitectureandUrbanStudies, em Nova York, e na Royal DanishAcademy. Em seu livro, UMA NOVA AGENDA PARA A ARQUITETURA – Antologia Teórica (1965-1995),...

    4264  Palavras | 18  Páginas

  • RESENHA "Arquitetura Contemporânea" – Uma história concisa Diane Ghirardo.

     RESENHA "Arquitetura Contemporânea" – Uma história concisa Diane Ghirardo. Após o ano 1965 adiante o mundo sofreu mudanças, abrindo assim novas visões voltadas a arquitetura, o ponto inicial se deu nos Estados Unidos e essa época conhecida como o Pós- Modernismo. O pós-modernismo é um novo conceito que tem uma grande influencia na arte, no cinema e arquitetura, tudo isso acontece juntamente com os conflitos armados que acontece ao redor do mundo...

    1763  Palavras | 8  Páginas

  • Do arquiteto para ele mesmo: a casa de iporanga de arthur casas

    Do arquiteto para ele mesmo: A Casa de Iporanga de Arthur Casas O arquiteto Arthur Casas formado, em 1983, pela Faculdade de Arquitetura e Urbanismo Mackenzie, fundou, em 1999, o Studio Arthur Casas, seu escritório. Seus trabalhos vem ganhando destaque ao redor do mundo, como em países como Estados Unidos e Japão, onde o arquiteto já se firmou como um das grandes revelações da arquitetura contemporânea. A notoriedade do arquiteto é associada principalmente à fama que sua arquitetura comercial...

    2362  Palavras | 10  Páginas

  • ReleituraCartadeAtenas_20140428190033 (1)

    1º Congresso Internacional de Arquitetos e Técnicos de Monumentos Históricos (1931) e aquela elaborada no âmbito do CIAM – Congresso Internacional de Arquitetura Moderna – em 1933. Interessa aqui cotejar o conteúdo desses documentos e, a partir dessa análise, tecer relações entre o teor das Cartas e os enfoques particulares de dois segmentos distintos daquele contexto: de um lado, os arquitetos voltados à ação de conservação do patrimônio arquitetônico e urbano; de outro, os setores engajados...

    6047  Palavras | 25  Páginas

  • disney assume o controle

    DISNEY ASSUME O CONTROLE .Arquitetura Contemporânea: Uma história concisa – Diane Ghirardo DISNEY ASSUME O CONTROLE Arquitetura Contemporânea: Uma história concisa – Diane Ghirardo Trabalho apresentado sob a orientação do professor André Coelho da Universidade Federal do Amapá, curso de Arquitetura e Urbanismo, para obtenção de nota referente à 1ª avaliação parcial, disciplina Arquitetura Contemporânea. Santana – Amapá 2014 RESUMO ...

    3703  Palavras | 15  Páginas

  • Del rio, vicente; gallo, haroldo. o legado do urbanismo moderno no brasil. paradigma realizado ou projeto inacabado?.

    Fichamento | Texto 01: DEL RIO, Vicente; GALLO, Haroldo. O legado do urbanismo moderno no Brasil. Paradigma realizado ou projeto inacabado?. O legado do urbanismo moderno no Brasil. Paradigma realizado ou projeto inacabado?. Seguramente no Brasil, mais do que em muitos outros países, o movimento moderno na arquitetura e no urbanismo foi emblemático, deixando um legado bastante significativo. Se, já na década de vinte, suas expressões construtivas e plásticas marcavam presença no cenário...

    1460  Palavras | 6  Páginas

  • Arquitetura e Urbanismo

    De acordo com Diane Ghirardo, (...) os pós-modernistas que desdenharam os objetivos utópicos que os modernistas queriam alcançar por meio da forma incorreram em pelo menos dois grandes erros. Em primeiro lugar, com o passar do tempo, no final da década de 70 e ao longo da década de 80, eles abandonaram toda aspiração de mudança social, não só por meio da forma, mas em todos os sentidos. (...) O segundo erro foi que os adversários do modernismo utópico ainda acreditavam no poder da arquitetura de...

    3873  Palavras | 16  Páginas

  • Apresenta O1

    História crítica da arquitetura Moderna, 2008 Nome do autor: Kenneth Frampton Título original: Modern Architecture, 1980 O Autor: Kenneth Frampton é um arquiteto, crítico, historiador e professor de arquitetura na "Graduate School of Architecture and Planning" da Universidade de Columbia em Nova Iorque. O Livro: Kenneth Frampton, nesse livro explora os efeitos da globalização sobre a arquitetura, e um estudo sobre a arquitetura moderna e suas origens, que se tornou um clássico desde sua primeira...

    1325  Palavras | 6  Páginas

  • Segsg

    realização das potencialidades do individualismo e do comunitarismo. O individualismo é tido como a origem de todos os males da sociedade moderna. É dito que, nas áreas construídas da cidade e do subúrbio são cada vez mais descomedidas. No meio urbano é regulado por medidas proscritivas, como leis de zoneamento e o código de edificações, com o objetivo de prevenir os danos ao público, porém, com a ausência de valores positivos. O individualismo limita as regras; a paisagem aristotélica já é uma...

    2510  Palavras | 11  Páginas

  • Projeto Multi Disciplinar

    SUPERIOR TECNOLOGO EM DESIGN DE INTERIORES PIM II Projeto Integrado Multidisciplinar II PROJETOS INTERIORES DE AMBIENTES CORPORATIVOS Campus Marquês, São Paulo, Dezembro de 2012. UNIVERSIDADE PAULISTA - UNIP CORPORATIVOS Projeto Integrado Multidisciplinar (PIM), sob orientação do Professor Arquiteto Denivaldo Pereira. GRUPO: Ellen Suellen dos Santos...

    8502  Palavras | 35  Páginas

  • lista de arquitetos

    A lista dos “10 arquitetos mais famosos do Brasil” é uma provocação que levanta algumas questões recorrentes na formação dos arquitetos. Ouço frequentemente de alunos e professores muitas opiniões em relação à formação ideal do arquiteto. Uma ideia que eu gostaria de abordar e bastante me preocupa é: “O curso de arquitetura deve ser tão abrangente a ponto de capacitar as pessoas a atuarem em diversas áreas do conhecimento, inclusive as ligadas às artes”. Discordo, definitivamente! Cuidado para...

    3939  Palavras | 16  Páginas

  • O patrimônio cultural edificado recente: o reconhecimento do legado modernista e os desafios para sua conservação

    O patrimônio cultural edificado recente: o reconhecimento do legado modernista e os desafios para sua conservação INTRODUÇÃO O presente trabalho tem como objeto de estudo a discussão sobre a conservação do patrimônio recente, referindo-se especificamente à arquitetura modernista. A discussão inicia-se com a busca de justificativas para a preservação do legado modernista como patrimônio cultural edificado, seguido de pesquisa de soluções para os desafios de como intervir no acervo edificado...

    4648  Palavras | 19  Páginas

  • Água Branca: Projetos Urbanos

    Arquitetura e Urbanismo Água Branca: Projetos Urbanos do Concurso Bairro Novo Uma Visão Comparada São Paulo – SP 2013 1. Apresentação 1.1 Introdução Este trabalho procura discutir algumas questões sobre a relação da história e urbanização de um bairro da cidade de São Paulo denominado Água Branca (localizado no setor oeste próximo da cidade) e suas implicações teórico metodológicas na pesquisa arquitetônica, apontando comparações de projetos de reurbanização para este. O conteúdo...

    2797  Palavras | 12  Páginas

  • Análise da gestão do processo de projeto estrutural de construções metálicas

    ENGENHARIA DE ESTRUTURAS ANÁLISE DA GESTÃO DO PROCESSO DE PROJETO ESTRUTURAL DE CONSTRUÇÕES METÁLICAS AUTORA: RENATA BACELAR TEIXEIRA ORIENTADOR: Prof. Dr. Cícero Murta Diniz Starling CO-ORIENTADOR: Prof. Dr. Paulo Roberto Pereira Andery Belo Horizonte, Março de 2007 “ANÁLISE DA GESTÃO DO PROCESSO DE PROJETO ESTRUTURAL DE CONSTRUÇÕES METÁLICAS" Renata Bacelar Teixeira "ANÁLISE DA GESTÃO DO PROCESSO DE PROJETO ESTRUTURAL DE CONSTRUÇÕES METÁLICAS" Renata Bacelar Teixeira ...

    80574  Palavras | 323  Páginas

  • SISTEMATIZAÇÃO CRÍTICA DA PRODUÇÃO ACADÊMICA

    João Sette Whitaker Ferreira SISTEMATIZAÇÃO CRÍTICA DA PRODUÇÃO ACADÊMICA Volume organizado para concurso de Títulos e Provas para obtenção do título de Livre-Docente junto ao Departamento de Projeto da Faculdade de Arquitetura e Urbanismo da USP. - Volume 01. Área de conhecimento de Planejamento Urbano (GDPL) Edital ATAAc 067/2012 Janeiro de 2013. SISTEMATIZAÇÃO CRÍTICA DA PRODUÇÃO ACADÊMICA João Sette Whitaker Ferreira Volume organizado para Concurso de Títulos e Provas para...

    129128  Palavras | 517  Páginas

  • A profissão do arquiteto - tese

    Tese de Doutorado A PRÁTICA PROFISSIONAL DO ARQUITETO EM DISCUSSÃO Francisco Segnini Jr. Orientador: Dr. Ualfrido Del Carlo UNIVERSIDADE DE SÃO PAULO FACULDADE DE ARQUITETURA E URBANISMO Abril / 2002 À minha mulher e aos meus filhos ii A prática profissional do arquiteto em discussão Agradeço: - Ao meu orientador, Ualfrido Del Carlo, pelo apoio, confiança e paciência neste longo período. - Aos professores Dr. Luiz Antônio Jorge e Dr. Nilton Ricoy Torres, pelas valiosas contribuições...

    70415  Palavras | 282  Páginas

  • Patrimonio Cultural Urbano Espet Culo Contemporanio Paola Berenstein Jacques

    PATRIMÔNIO CULTURAL URBANO: ESPETÁCULO CONTEMPORÂNEO? Uma reflexão mais complexa e crítica sobre a noção de patrimônio cultural e as práticas de intervenção urbana que lhe são tributárias toma-se cada vez mais urgente com relação às cidades contemporâneas. Através da discussão das idéias e ideais contemporâneos tanto de cultura quanto A competição local por turistas ou empreendedores estrangeiros é acirrada. As municipalidades se empenham para melhor vender a imagem de marca da sua cidade, em detrimento...

    6236  Palavras | 25  Páginas

  • Centro Cultural

    importância no contexto global, sua localização em cidades-marca, cujo projeto arquitetônico é concebido por arquitetos de renome internacional, ou seja, “o objeto-marca na cidade-marca”. Palavras-chave: centro cultural; cultura; arquitetura; cidade-marca; cidade espetáculo; espetacularização. 2 – INTRODUÇÃO O objetivo desse artigo é apresentar o significado de centro cultural, suas características formais e funcionais mais recentes e as razões de sua origem e proliferação no mundo. Abordando itens...

    6362  Palavras | 26  Páginas

  • LIMITES E POTENCIALIDADES DA ASSISTÊNCIA TÉCNICA PÚBLICA E GRATUITA PARA PROJETO, CONSTRUÇÃO E MELHORIA DA HABITAÇÃO POPULAR NA CIDADE DE VIÇOSA, MG

    ANA PAULA DE MORAES LIMITES E POTENCIALIDADES DA ASSISTÊNCIA TÉCNICA PÚBLICA E GRATUITA PARA PROJETO, CONSTRUÇÃO E MELHORIA DA HABITAÇÃO POPULAR NA CIDADE DE VIÇOSA, MG. Dissertação apresentada à Universidade Federal de Viçosa, como parte das exigências do Programa de PósGraduação em Engenharia Civil, para obtenção do título de Magister Scientiae. VIÇOSA MINAS GERAIS - BRASIL 2012 AGRADECIMENTOS Este trabalho foi construído com a colaboração de colegas, amigos, familiares...

    60343  Palavras | 242  Páginas

  • exercicios thau

    1960: (B) Aumento do número de pessoas que frequentam e usam a rua, para que os “olhos” cuidem do espaço. Justificativa: 3- Em seu texto “Vida e Morte das grandes cidades”, a autora Jane Jacobs analisa as funções urbanas e destaca o que ela considera soluções que desqualificam e empobrecem o espaço urbano, na sua linha de defesa da grande cidade. Quais das alternativas abaixo contêm os itens que não são considerados saudáveis para a vida urbana na opinião da urbanista Jane Jacobs? I – A...

    5482  Palavras | 22  Páginas

  • Resenha Arquitetura como crítica

    bibliográfica do texto: BARONE, Ana Cláudia Castilho. Team : Arquitetura Como Crítica. São Paulo: Annablume, 2002. RESENHA CRÍTICA Trata-se de uma pesquisa, com a intenção da reflexão, acerca de um grupo de jovens arquitetos e membros dos Congressos Internacionais de Arquitetura Moderna do pós 2ª guerra mundial. Ela aborda sob a perspectiva da rejeição da lógica funcionalista do Movimento Moderno, a partir dos anos 50. A autora viu nesse fato a rica contribuição que o Team X apresentou, como uma...

    748  Palavras | 3  Páginas

  • carta de atenas

    e a dissolução dos preceitos que orientam a produção e a crítica, é pressuposto necessário para a investigação no campo da restauração. Este capítulo analisa os documentos internacionais conhecidos como “Carta de Atenas”, escritos na década de 1930. Essa denominação indica pelo menos dois escritos distintos, produzidos por instâncias diferentes: o primeiro é a Carta de Atenas elaborada pelo 1º Congresso Internacional de Arquitetos e Técnicos de Monumentos Históricos em 19313; o segundo é...

    9814  Palavras | 40  Páginas

  • RESENHA CRÍTICA DA OBRA DESENHO AMBIENTAL (MARIA ASSUNÇÃO RIBEIRO FRANCO)

    RESENHA CRÍTICA DA OBRA DESENHO AMBIENTAL (MARIA ASSUNÇÃO RIBEIRO FRANCO) Capítulo 1 – Os percursores A Crescente Valorização do Paisagismo O paisagismo ganhou ênfase nos últimos 20 anos, com a decadência da racionalidade do pensamento modernista, tornou-se possível experimentar uma nova postura para o desenho de paisagens. A importância do paisagismo deve-se a uma série de profissionais do contexto pós guerra que deram as bases formais e técnicas, e também ao estudo acadêmico na década...

    1537  Palavras | 7  Páginas

  • resumo como arquitetos e designers pensam

    RESUMO COMO ARQUITETOS E DESIGNERS PENSAM • PARTE 1 O livro fala sobre o processo de projeto, principalmente em Arquitetura, e busca aprofundar o conhecimento sobre os procedimentos e as atividades cognitivas do processo de projeto. Existem vários livros que falam sobre a obra final produzida, mas não como os projetistas chegaram nesse resultado. Muitos acham que é mais fácil falar do projeto do que do processo em si mas na verdade quando começam a escrever ou dizer sobre, descobrem que conseguem...

    3350  Palavras | 14  Páginas

  • Arquitetos e suas obras

    AFFONSO EDUARDO REIDY Affonso Eduardo Reidy foi um arquiteto brasileiro. É considerado um dos pioneiros na introdução da arquitetura moderna no país, sendo um dos grandes nomes do urbanismo moderno no país. Reidy foi um dos nomes paradigmáticos do grupo de arquitetos conhecidos como Escola carioca. Dessa forma, sua obra procura absorver as propostas do International style e interpretá-las no contexto brasileiro. Por outro lado, sua obra foi uma das únicas elogiadas pelo artista europeu construtivista Max...

    5637  Palavras | 23  Páginas

  • Teoria e hist da arq arquitetos do mundo

    Arquitetura e Urbanismo I Aluna: Jennifer Freire Lemos Matrícula: 1110863/6 Turma: T24CD Kenzo Tange Kenzo Tange foi um arquiteto e urbanista japonês, vencedor do Prémio Pritzker em 1987. Obteve o diploma de arquiteto em 1938, na Universidade de Tóquio, e a partir dessa data começou a trabalhar com Kunio Maekawa. Prosseguiu os seus estudos nas áreas de Planeamento Urbano, os quais contribuíram com a obtenção de seu Mestrado, e começou então a atuar como professor assistente de Arquitetura. Após...

    12413  Palavras | 50  Páginas

  • Entre Memórias Alheias e Palimpsestos Urbanos

    entre memórias alheias e palimpsestos urbanos por eugênio moreira epígrafe Não pude conhecer o belo passado de nossa cidade. Hoje peleja-se em dizer que Fortaleza é bela, mas em verdade ela já foi bela, décadas atrás, uma belle epoque. Essa época pertenceu aos meus bisavós e avós, que por morarem no interior e lutarem contra a seca e a miséria para sobreviver, talvez nem a tenham achado assim tão bela. De modo que o meu conhecimento a respeito deste passado só pôde ser obtido através de textos...

    34751  Palavras | 140  Páginas

  • Uma nova agenda para a arquitetura

    externos à arquitetura, principalmente os provenientes da literatura, como a semiótica e o estruturalismo. Esse período pluralista de revisões pode ser denominado em geral como pós-moderno, um termo genérico e ambíguo. A Introdução contém a visão da autora da teoria da arquitetura como catalizadora de mudanças da disciplina, tanto em seus aspectos acadêmicos como profissionais. Os ensaios incluídos nesta antologia foram selecionados em função de sua capacidade de iluminar questões teóricas e estão agrupados...

    45682  Palavras | 183  Páginas

  • Resumo da dissertação "o projeto CURA em Presidente Prudente: uma porta para a cidade?"

    mestrado: o projeto CURA em Presidente Prudente: uma porta para a cidade? Mara Lúcia Falconi da Hora Capítulo 1 – Delimitação da problemática de pesquisa 1. Delimitação da problemática da pesquisa Projeto CURA (Comunidade Urbana para Recuperação Acelerada), criado pelo Banco Nacional da Habitação (BNH) para financiar projetos de desenvolvimento urbano com recursos do Fundo de Garantia por Tempo de Serviço (FGTS). Principais objetivos que levaram a autora a optar pela análise do projeto CURA...

    5485  Palavras | 22  Páginas

  • Arquiteto, urbanista, designer

    Edifícios e Ambientes Urbanos Modernos: Análise Crítica de Algumas Obras de Paulo Mendes da Rocha Resumo A intervenção arquitetônica em edifício ou lugar já edificado - tenha este um maior ou menor grau de interesse histórico ou mesmo - não é propriamente de uma novidade no campo da arquitetura já que toda obra nova está, de alguma maneira, intervindo em um lugar permeado por pré-existências ambientais e que portanto nunca pode ser considerado um vazio. Os arquitetos brasileiros modernos...

    5845  Palavras | 24  Páginas

  • Atuação do serviço Social na Penitenciaria de Santana

    as exigências sociais configuram para o profissional de Serviço Social necessidades específicas em termos de formação e atuação. Assim, analisar a atuação do assistente social no Sistema Prisional constitui-se em desafio, considerando que além de constituir-se em um novo espaço sócio ocupacional para a profissão, traz novas exigências tanto em termos da formação quanto da atuação profissional. A importância do tema para o Serviço Social está no fato do sistema penitenciário se constituir num campo...

    13040  Palavras | 53  Páginas

  • Perspectivas e desafios para o jovem arquiteto no brasil qual o papel da profissão? - joão sette whitaker ferreira

    Urbanismo B – 2º semestre 2012 Mariana Farinaccio Lotrario - RA: 12024196 FICHAMENTO 01 Perspectivas e desafios para o jovem arquiteto no Brasil Qual o papel da profissão? João Sette Whitaker Ferreira A reportagem da revista AU, estimula uma reflexão sobre a lógica do que se considera em relação aos arquitetos de hoje. A questão é que a brilhante produção de alguns escritórios não deve ser o único aspecto que representa o “sucesso” na profissão. A frase diz tudo o que se quer discutir no artigo:...

    2018  Palavras | 9  Páginas

  • Análise crítica da obra de rem koolhaas

    REM KOOLHAAS ANÁLISE CRÍTICA DA OBRA E DO PROCESSO PROJETUAL DO ARQUITETO Alunos: Deise Magalhães de Vasconcellos e Suane Bittencourt de Camargo Disciplina: Teoria e crítica da arquitetura Professor: Nivaldo Vieira de Andrade Junior Salvador 2011 “Mas a neutralidade não me interessa, o que me interessa é a complexidade.” Rem Koolhaas Sumário A. Origem Cultural e Formação ---------------------------------------------------------------- Pg.: 2 B. Atuação Geográfica ----------...

    1488  Palavras | 6  Páginas

  • Desenho urbano

    O papel do desenho urbano no planejamento estratégico: a nova postura do arquiteto no plano urbano contemporâneo  Zeca Brandão  Após um período de total desvalorização do planejamento na década de 1980, quando muitos projetos urbanos foram concebidos de forma isolada e conduzidos pelo setor privado, ressurge nessa última década o reconhecimento da relevância do poder público no controle do desenvolvimento urbano. São vários os modelos de planejamento urbano que reivindicam o lugar antes...

    2785  Palavras | 12  Páginas

  • O design e a metodologia do projeto

    Oliveira Heinrich Design: PU CRio Cer tific açã o Dig ital Nº 111 33 05/ CA crítica à noção de metodologia de projeto Dissertação de Mestrado Dissertação apresentada ao Programa de PósGraduação em Design da PUC-Rio como requisito parcial para obtenção do grau de Mestre em Design. Orientador: Prof. Alberto Cipiniuk Rio de Janeiro Abril de 2013 Fabiana Oliveira Heinrich Design: crítica à noção de metodologia de projeto PU CRio Cer tific açã o Dig ital Nº 111 33 05/ CA Dissertação apresentada...

    77626  Palavras | 311  Páginas

  • Prevenção do Crime através do Desenho Urbano

    Gonçalves da Silva TOMAZELLI A PREVENÇÃO DO CRIME ATRAVÉS DO DESENHO URBANO E A SUA APLICAÇÃO NO ÂMBITO DA POLÍCIA MILITAR DE SANTA CATARINA Florianópolis 2013 2 1 INTRODUÇÃO A prevenção do crime através do desenho urbano pode ser definida como o “Conjunto de ações e medidas com o objetivo de diminuir a probabilidade de ocorrência de delitos e aumentar a sensação de segurança, através de intervenções no desenho urbano.” (AMARO, 2005, p. 76) Desde os tempos antigos o ser humano aprendeu...

    3953  Palavras | 16  Páginas

  • ESPAÇO URBANO E POLÍTICAS PÚBLICAS: UMA ABORDAGEM GEOGRÁFICA SOBRE A CIDADE DE JUAZEIRO DO NORTE/CE

    PEREIRA & OLIVEIRA (2010) ESPAÇO URBANO E POLÍTICAS PÚBLICAS: UMA ABORDAGEM GEOGRÁFICA SOBRE A CIDADE DE JUAZEIRO DO NORTE/CE1 Cláudio Smalley Soares Pereira Bolsista de IC-CNPq / URCA clasmalley@hotmail.com João César Abreu de Oliveira Depto de Geociência – URCA / IFCE njcesar@bol.com.br RESUMO O presente trabalho objetiva analisar o espaço urbano em cidades médias no Estado do Ceará, especificamente na cidade de Juazeiro do Norte, na região do Cariri, enfocando a implantação de...

    8209  Palavras | 33  Páginas

  • O projeto do renascimento

    O Projeto do Renascimento Ao analisar as características renascentistas, a autora, inicialmente, procura deixar claro o significado de Renascimento, o qual está relacionado com o período europeu que trouxe à tona novamente os ideais da Antiguidade Clássica, referência essencial da beleza e do saber. É entre os séculos XIV e XVI que vai se desenrolar as atividades dos artistas, intelectuais e escritores renascentistas, como forma de recuperar o que se acreditava ter sido perdido...

    1267  Palavras | 6  Páginas

  • Crítica Arquitetônica em Entrevistas

    Habitação], que premiava o melhor projeto de plano urbanístico e habitação popular. - Qual foi seu primeiro trabalho profissional nessa área? Trabalhei em planejamento na prefeitura de São Paulo após entrar em um concurso na Sempla [Secretaria Municipal de Planejamento], onde permaneci por dez anos. Mas o planejamento brasileiro é muito teórico: faz diagnóstico de tudo e não desenha quase nada. (O intuito não é prescrever soluções, mas evidenciar problemas / A crítica, de modo geral, constitui elemento...

    3957  Palavras | 16  Páginas

  • Projeto patrimônio histórico

    ligação do "centro velho" com a "cidade nova e a construção em 1901 da nova estação da São Paulo Railway, a Estação da Luz preparam a cidade do século XX. A riqueza proporcionada pelo café, faz com que a Cidade de São Paulo passe a ser sinônimo de progresso. A cidade cresce e recebe muitos melhoramentos urbanos como calçamento, praças, viadutos, parques, trens, bondes, eletricidade, telefone, automóvel, e os primeiros arranha-céus, em 1911 a cidade ganhou seu Teatro Municipal. A industrialização se...

    6917  Palavras | 28  Páginas

  • Gestão do processo de projeto de produto na construção civil

    UNIVERSIDADE FUMEC Faculdade de Engenharia e Arquitetura Pós-Graduação em Engenharia de Produção Civil Alex Nietzsch Dias Júlio César Peixoto GESTÃO DO PROCESSO DE PROJETO DE PRODUTO NA CONSTRUÇÃO CIVIL - EDIFICAÇÕES Belo Horizonte 2005 Alex Nietzsch Dias Júlio César Peixoto GESTÃO DO PROCESSO DE PROJETO DE PRODUTO NA CONSTRUÇÃO CIVIL - EDIFICAÇÕES Monografia apresentada à Faculdade de Engenharia e Arquitetura da Universidade Fumec para a conclusão do curso de PósGraduação...

    24535  Palavras | 99  Páginas

  • Introdução ao Desenho Urbano no Processo de Planejamento – Vicente Del Rio

    - CÁPITULO 1 Os anos 60: contexto para mudanças disciplinares • Na década de 60, logo após a violenta e degradante (também na questão ambiental) II Guerra Mundial, que iniciaram as primeiras críticas e protestos sobre a qualidade do ambiente urbano; reivindicavam a reposição de áreas destruídas na guerra ou consideradas ‘deterioradas’ ou em decadência; • Nos países de primeiro mundo, principalmente nos EUA, a classe média migrava para as cidades-novas onde tudo era planejado para o conforto; em...

    2528  Palavras | 11  Páginas

  • PROJETO URBANO E ALTERNATIVAS PAISAGÍSTICAS SUSTENTÁVEIS: FORMAS DE CONTRIBUIÇÃO PARA O DESENVOLVIMENTO SÓCIO-ESPACIAL SUSTENTÁVEL

    UNIVERSIDADE FEDERAL DO RIO DE JANEIRO ESCOLA POLITÉCNICA CURSO DE ESPECIALIZAÇÃO EM ENGENHARIA URBANA DANIELE BENTO RUAS PROJETO URBANO E ALTERNATIVAS PAISAGÍSTICAS SUSTENTÁVEIS: FORMAS DE CONTRIBUIÇÃO PARA O DESENVOLVIMENTO SÓCIO-ESPACIAL SUSTENTÁVEL Rio de Janeiro 2009 DANIELE BENTO RUAS PROJETO URBANO E ALTERNATIVAS PAISAGÍSTICAS SUSTENTÁVEIS: FORMAS DE CONTRIBUIÇÃO PARA O DESENVOLVIMENTO SÓCIO-ESPACIAL SUSTENTÁVEL Trabalho de Conclusão apresentado ao CURSO DE ESPECIALIZAÇÃO...

    13167  Palavras | 53  Páginas

  • Clima urbano

     Universidade Federal do Pará Curso de Geografia e Cartografia DISCIPLINA: CLIMATOLOGIA Clima Urbano: O clima das cidades. Trabalho apresentado à disciplina de Climatologia do segundo modulo, ministrada pelo Profa. Rosalva Reis para obtenção de nota. Belém/Pa 2013 SUMARIO Resumo...................................................................

    11268  Palavras | 46  Páginas

  • Portfólio Planejamento Urbano

    Portfólio Planejamento Urbano FAU – Mackenzie / Primeiro Semestre Isabella Bueno de Toledo Nogueira O portifólio realizado pelos alunos de arquitetura do primeiro semestre da Universidade Mackenzie tem como intenção a união de todas as pesquisas, trabalhos e entendimentos supridos ao decorrer das aulas. Os estudos abrangem a localização de determinadas áreas na cidade de São Paulo, a interação das mesmas na sociedade e seu funcionamento. Assim como as linhas de transportes públicos...

    4866  Palavras | 20  Páginas

  • Planejamento urbano

    O Planejamento Urbano Definição: O planejamento urbano é o processo de criação e desenvolvimento de programas que buscam melhorar ou revitalizar certos aspectos (como qualidade de vida da população) dentro de uma dada área urbana (como cidades e vilas); ou do planejamento de uma nova área urbana em uma dada região, tendo como objetivo propiciar aos habitantes a melhor qualidade de vida possível. O planejamento urbano, segundo um ponto de vista contemporâneo a (e, em certa medida, pós-moderno),...

    5593  Palavras | 23  Páginas

  • Fichamento do texto: “Perspectivas e desafios para o jovem arquiteto no Brasil – Qual o papel da profissão?” de João Sette Whitaker Ferreira

    Fichamento do texto: “Perspectivas e desafios para o jovem arquiteto no Brasil – Qual o papel da profissão?” de João Sette Whitaker Ferreira Disciplina: Urbanismo B Aluno: João Sette Whitaker Ferreira, arquiteto e urbanista formado na FAU-USP, onde também leciona, nos introduz à temática mencionando uma reportagem da revista AU-Arquitetura e Urbanismo, de setembro de 2010, sobre 25 jovens arquitetos que possivelmente sejam os mais representativos do Brasil nas próximas duas décadas...

    1314  Palavras | 6  Páginas

  • Planejamento Urbano

    AMBIENTAIS Habitação e Qualidade de Vida no Espaço Urbano de Joinville-SC: Um Estudo Sobre Urbanidade no Bairro Bucarein Thomaz Henrique Thomsen Dissertação apresentada ao Programa de PósGraduação em Ciências Ambientais da Universidade do Extremo Sul Catarinense para obtenção do Grau de Mestre.em Ciências Ambientais Orientadora: Dra. Teresinha Maria Gonçalves CRICIÚMA 2005 Habitação e Qualidade de Vida no Espaço Urbano de Joinville-SC: Um Estudo de Caso Sobre Urbanidade...

    28686  Palavras | 115  Páginas

  • JOAQUIM GUEDES ASPECTOS DA RELA O ENTRE O ARQUITETO E AS INFLU NCIAS DE LE COR BUSIER E PADRE LEBRET

    JOAQUIM GUEDES: ASPECTOS DA RELAÇÃO ENTRE O ARQUITETO E AS INFLUÊNCIAS DE LE CORBUSIER  E PADRE LEBRET.    Rogério  Penna  Quintanilha  1,  Antônio  Zaccharias  jr  2,  Camila  de  Castro  Assad  2,  Gabriela  Lanzetta  2,  Rafael Moysés Albuquerque 2    1  Docente da Universidade do Oeste Paulista (UNOESTE).  2  Discentes da Universidade do Oeste Paulista (UNOESTE). E‐mail:  arq.rogerio@gmail.com      RESUMO  O  artigo  investiga  alguns  aspectos  da  forma  como  o  arquiteto  brasileiro  Joaquim  Guedes ...

    2308  Palavras | 10  Páginas

  • Relação do espaço urbano

    Relação do espaço urbano e seu patrimônio Introdução: O patrimônio cultural de um povo não está somente restrito ao acervo confinado em salas de museus, mas engloba também os elementos que compõem o espaço urbano onde, através apropriação citadina cotidiana, atualiza-se dentro dos contextos individuais de compreensão e uso do espaço da cidade. As intervenções urbanísticas e arquitetônicas devem, portanto, estabelecer um plano que valorize os elementos da cultura local, ao tempo que constrói o...

    2131  Palavras | 9  Páginas

  • uma nova agenda para arquitetura

    comparação entre diferentes visões históricas sobre as mesmas problemáticas. As teorias são prescritivas, proscritivas, afirmativas ou críticas, nenhuma assume papel neutro. Prescritiva- oferece novas soluções, ou ressuscita antigas soluções. Proscritiva- assemelha a primeira, mas se distingue porque seus padrões estabelecem o que deve ser evitado no projeto. Teórica crítica- mais abrangente, avalia o mundo construído e suas relações com a sociedade a que serve. É especulativa, questionadora e as vezes...

    16969  Palavras | 68  Páginas

  • Código de Ética de Arquitetos e Urbanistas

    impõem exigências éticas aos arquitetos e urbanistas, as quais se traduzem em obrigações para com a sociedade e para com a comunidade profissional, além de alçarem o dever geral de urbanidade. Essa conduta foi historicamente delineada a partir de um propósito humanista e preservacionista do patrimônio socioambiental e cultural, e encontra-se intrinsecamente relacionada com o direito à cidadania e com o aperfeiçoamento institucional dos campos de atuação da Arquitetura e Urbanismo. ...

    3869  Palavras | 16  Páginas

  • Entidades do Arquiteto e Urbanista

    ENTIDADES PROFISSIONAIS DO ARQUITETO E URBANISTA O que é a IAB? O Instituto de Arquitetos do Brasil IAB é entidade de livre associação de arquitetos e urbanistas brasileiros, que se dedica a temas de interesse do arquiteto, da cultura arquitetônica e de suas relações com a sociedade. Fundada no Rio de Janeiro em 26 de janeiro de 1921, o IAB é a mais antiga das entidades brasileiras dedicadas à arquitetura, ao urbanismo e ao exercício da profissão. O IAB não tem fins lucrativos e seus dirigentes...

    2142  Palavras | 9  Páginas

  • o exercício profissional do arquiteto

    O EXERCÍCIO PROFISSIONAL DO ARQUITETO E URBANISTA: UMA TRAJETÓRIA EM CONSTRUÇÃO Caroliny Carlos Cavalcanti de Lira carolinycarlos@hotmail.com Pedagoga RESUMO O artigo apresentado objetiva explicitar a trajetória da Arquitetura e Urbanismo desde a sua atuação como um profissional prestes a se formar, quando colocará em pratica os conhecimentos adquiridos na academia, atuando como estagiário, até sua definitiva colocação como profissional da área, cumprindo todos os seus deveres e usufruindo...

    3849  Palavras | 16  Páginas

  • A Utilização de Instrumentos de Planejamento Urbano em intervenções em assentamentos informais: O caso dos Planos Globais Específicos no município de Belo Horizonte.

    UNIVERSIDADE FEDERAL DE MINAS GERAIS FACULDADE DE CIÊNCIAS ECONÔMICAS A Utilização de Instrumentos de Planejamento Urbano em intervenções em assentamentos informais: O caso dos Planos Globais Específicos no municípío de Belo Horizonte CÉSAR AUGUSTO MARX Trabalho Final da disciplina Tópicos Especiais em Estudos Regionais e Urbanos – Fundamentos do Planejamento Urbano e Regional. Profs. Roberto Luis de Melo Monte-Mor e João Bosco Moura Tonucci Filho Belo Horizonte - MG 16 de dezembro...

    3890  Palavras | 16  Páginas

  • Arquiteto

    CENTRO DE ENSINO SUPERIOR DO AMAPÁ – CEAP ELTON MURICY NASCIMENTO PROJETO ARQUITETÔNICO PARA CONSTRUÇÃO HABITACIONAL COM TÉCNICAS DE ARQUITETURA TROPICAL MACAPÁ 2011 ELTON MURICY NASCIMENTO PROJETO ARQUITETÔNICO PARA CONSTRUÇÃO HABITACIONAL COM TÉCNICAS DE ARQUITETURA TROPICAL Trabalho realizado sob a orientação do professor Lucio Nazareno Lobato Cunha será apresentado como forma avaliação à banca examinadora do Centro de Ensino Superior do Amapá como requisito parcial para obtenção...

    11159  Palavras | 45  Páginas

  • Fichamento Introdução Kate Nesbit, Uma Nova Agenda para a Arquitetura

    níveis, avalia a profissão, as intenções dos arquitetos e sua relevância cultural em geral. Na história da arquitetura, é possível identificar problemas que requerem soluções tanto conceituais, resolvidas pela filosofia, como soluções físicas, resolvidas pela tectônica. O período pós-moderno tem como característica a inexistência de um ponto de vista predominante. A teoria pós moderna da arquitetura trata da crise de sentido desta disciplina. Este livro faz uma revisão do modernismo recorrendo à abordagens...

    6227  Palavras | 25  Páginas

  • resenha crítica

    1 IDENTIFICAÇÃO DA OBRA ALENCAR, Lidiane Freitas de. A atuação do Psicólogo Escolar/Educacional na Inclusão de Pessoas com Deficiências nas Salas Regulares de Ensino. Disponìvel em: http://psicologado.com/atuação/psicologia-escolar/a-atuacao-do-psicologo-escolar-educacional-na-inclusao-de-pessoas-com-deficiencias-nas-salas-regulares-de-ensino. Acesso em 10 fev.2013. 2 APRESENTAÇÃO DAS AUTORAS Lidiane Freitas de Alencar, autora desse artigo é aluna graduanda do primeiro semestre do curso...

    1061  Palavras | 5  Páginas

  • Bases de atuação profissional

    social nas organizações da classe trabalhadora”, proposto pelas maiores e mais dinâmicas organizações da categoria profissional dos assistentes sociais no Brasil – CFESS e ABEPSS –, é bastante desafiador. Primeiro porque instiga a uma abordagem da recente polêmica em torno do trabalho do assistente social levantada e travada, no final da década de 90 do século XX, entre um grupo de estudiosos expressivos do Serviço Social. É uma polêmica importante que não pode deixar de ser registrada e que caberia...

    5916  Palavras | 24  Páginas

  • Origem e evolução do planejamento urbano

    Origem e Evolução do Planejamento Urbano Resumo Mediante a dinâmica de transformações estabelecida pela Revolução Industrial, o Urbanismo se constitui como Ciência e o Planejamento começa edificar sua legitimidade como mecanismo de resolução de problemas e de gestão do desenvolvimento urbano. A partir de então, os princípios ideológicos que nortearam a trajetória dos planejadores, bem como suas experiências urbanísticas...

    5516  Palavras | 23  Páginas

tracking img