1 É Possível Dizer Que O Texto Apresenta Uma Reflexão Filosófica Sobre O Direito artigos e trabalhos de pesquisa

  • A experiência filosófica

    Ensino médio- Filosofia- professor Edilacir Larruscain 1. Como é o pensar do filósofo? Leia o relato do filósofo francês André Comte-Sponville: “[...] a cena se desenrola no início do século XX, num lugarejo da França rural. Um jovem professor de filosofia passeia com um amigo e encontra um camponês, que seu amigo conhece, se apresenta e com o qual o nosso filósofo troca algumas palavras: -O que o senhor faz? -Sou professor de filosofia. -Isso é profissão? -Por que não? Acha estranho...

    2372  Palavras | 10  Páginas

  • Filisofia Direito

    A Importância da Filosofia no Direito O Direito surgiu da necessidade das sociedades estabelecerem normas, que desde então, objetivava solucionar os conflitos ou dificuldades que emergiam. Acontece porém, que as normas estabelecidas há dois mil anos ou mais, se diferem totalmente das leis atualmente em vigor. Portanto, podemos dizer que Direito é um fenômeno histórico-social, suscetível a mudan ças com o passar do tempo. A Filosofia surgiu da necessidade do homem compreender tudo e esclarece...

    3966  Palavras | 16  Páginas

  • Plano de aula 1

    Caso 2 - Sobre os fundamentos da Justiça O que funda a justiça? Seus fundamentos estariam na razão, na linguagem, na transcendência divina, ou na consciência? Eis algumas das linhas de discussão que envolvem a questão dos fundamentos da justiça da qual nos ocuparemos agora. Antes de tudo, chamemos a atenção para o fato de que o senso comum tende sempre a confundir justiça com o Poder Judiciário. O termo "acesso à justiça", tão propalado nos nossos dias, não diz nada além da possibilidade de acesso...

    1336  Palavras | 6  Páginas

  • Filosofia do Direito

    Resumo: A Filosofia do Direito é obrigatória na formação do estudante de Direito, mas não é raro ver acadêmicos e juristas questionando sobre a razão de ser dessa disciplina, assim como não é raro constatar uma grande resistência ao estudo e ao aprofundamento nessa área. A Filosofia visa contribuir com a formação holística do jurista; busca oferecer um instrumental capaz de viabilizar uma melhor compreensão do universo jurídico e objetiva, enfim, instigar o jurista a pensar o Direito para além dos limites...

    6038  Palavras | 25  Páginas

  • Filosofia 1

    1. Que é Filosofia? A Filosofia é o momento do florescimento do pensamento racional, é a busca da sabedoria, fazendo perguntas, e com o fim unicamente de estimular a reflexão, aguçar a curiosidade. A Filosofia é a ciência dos fundamentos da realidade. As outras ciências conhecem, mas a Filosofia pergunta o que é o conhecimento, a Filosofia nunca está satisfeita de conhecimento, isto é, deseja sempre mais. 2. Qual é o significado etimológico do termo Filosofia? Filosofia deriva das palavras...

    2748  Palavras | 11  Páginas

  • A Filosofia do Direito no ensino jurídico

    Filosofia do Direito no ensino jurídico Sumário: 1. Introdução. 2. Filosofia do Direito e outras Filosofias. 3. História da Filosofia do Direito, Lógica jurídica (ou Retórica Jurídica) e Hermenêutica Jurídica. 4. Dogmática versus Zetética. 5. Conclusões. 6. Bibliografia. 1. INTRODUÇÃO. Com uma certa freqüência nos diálogos entre os estudantes de Direito, uns e outros desqualificam a importância do estudo da Filosofia do Direito no curso de graduação. Tacha-se a Filosofia do Direito de saber...

    6072  Palavras | 25  Páginas

  • Filosofia Vol 1

    Volume 1 Organizadores Marcelo Carvalho Gabriele Cornelli Produção Editorial Editora Maria Teresa Carrión Carracedo Produção Gráfica Ricardo Miguel Carrión Carracedo Design gráfico Helton Bastos Diagramação Maike Vanni Dados Internacionais de Catalogação na Publicação (CIP) (Câmara Brasileira do Livro, SP, Brasil) Filosofia e formação, volume 1 / organizadores Marcelo Carvalho, Gabriele Cornelli. -- Cuiabá, MT : Central de Texto, 2013. Bibliografia. ISBN 978-85-8060-014-8 1. Filosofia...

    69417  Palavras | 278  Páginas

  • Direito positivo

    Introdução A Filosofia do Direito figura como disciplina do eixo fundamental na formação do profissional do Direito, ou seja, está inserida entre os conhecimentos que constituem a base sobre a qual o jurista irá construir seu edifício jurídico. De uma forma geral os profissionais das várias carreiras jurídicas, bem como os acadêmicos de Direito, pouco se interessam pelas lições da Filosofia do Direito e a tratam como um peso ou obstáculo que precisa ser superado, já que é conteúdo obrigatório no...

    5756  Palavras | 24  Páginas

  • Filosofia do direito

    Direito Constitucional Avançado (Parte 1 de 25) Instituto Brasiliense de Direito Público – IDP Curso Avançado de Direito Constitucional  V ( 1ª Parte ) Prof. Inocêncio Mártires Coelho BRASÍLIA/DF Março/2003 Objetivo do Curso O Curso Avançado de Direito Constitucional  em sua 1ª Parte  tem em vista demonstrar que o Direito, em geral, assim como o Direito Constitucional, em particular, compõe-se de um conjunto de normas  regras e princípios  e também do trabalho dos seus operadores...

    4102  Palavras | 17  Páginas

  • Tudo sobre filosofia

    Turma > 102 Número>35 Nome>Daniel Xavier Dias Página 23 1>Considerando o que foi visto no tópico ‘’Informação,conhecimento e sabedoria’’atenda às questões. A>Qual é a informação focada por Calligaris nesse artigo> Resposta>Refere-se ao assassinato de uma menina,Isabella,cujos principais suspeitos eram o próprio pai e a madastra.Ao mesmo tempo. Comenta sobre a tuba-a multidão desordenada- constituída por pessoas que vêm de longe,gritam,xingam,ameaçam,cercam...

    2760  Palavras | 12  Páginas

  • caso concreto 1 e 2

    CASO CONCRETO 02 Filosofia Geral e Jurídica Caso 1 - A democracia é um regime para retóricos 1. Qual a relação que podemos estabelecer entre os sofistas, a retórica e a democracia, no período socrático? A relação que se pode fazer entre os sofistas, retórica e a democracia no período socrático e que em tal período não existia advogados para defender o cidadão, logo a pratica da retórica pelos sofistas deram o gás propulsor para a democracia, a fim de o cidadão poder ter o acesso a defesa...

    545  Palavras | 3  Páginas

  • Apontamentos de Filosofia do Direito

    Teixeira, António Braz. A Razão Jurídica I: Apontamentos de Filosofia do Direito. Fac. de Direito da Universidade Lusófona de Humanidades e Tecnologias, 2010/2011. 71 p. Uma característica do direito é que ele se expressa por palavras, assim como a filosofia e a literatura, e tem a linguagem como o elemento principal. Diferenciando entre si apenas de acordo com a função que a linguagem possui. Alguns tipos de função da linguagem são a descritiva (que vai proporcionar o conhecer da realidade)...

    8655  Palavras | 35  Páginas

  • direito civil

    Aula 1 Caso 1 1. O professor deve destacar a definição da filosofia oferecida no material didático segundo o qual, a filosofia é ´´ uma proposta de meditação e leitura critica da realidade. Uma tentativa de obtenção de um conhecimento global e totalizante do homem no mundo, dentro de uma fundamentação racional`` ( HRYNIEWICZ,2008,p.19). pode ainda trabalhar com outros autores tais como: ´´ A filosofia é um modo de pensar que acompanha o ser humano na tarefa de compreender o mundo e agir sobre ele...

    1460  Palavras | 6  Páginas

  • A Importancia do Curso de Filosofia no Direito

    Importância da Filosofia no Curso de Direito Carlos Alexandre dos Santos Lopes1 Resumo: O presente artigo tem em vista a apreciação das qualidades da Filosofia do Direito no curso das Ciências Jurídicas, a sua influência na sociedade na qual estamos inseridos e no próprio curso. Serão abordados alguns conceitos trazidos por pensadores e estudiosos da área para melhor compreensão e também para frisar a importância dessa disciplina neste contexto. Palavras-chave: Direito; Filosofia; Sociedade; Positivismo;...

    1110  Palavras | 5  Páginas

  • Heren utica e Possibilidades Cr ticas do Direito

    HERMENÊUTICA E POSSIBILIDADES CRÍTICAS DO DIREITO: ENSAIO SOBRE A CEGUEIRA POSITIVISTA Lenio Luiz Streck* “Se puderes olhar, vê. Se podes ver, repara.” Ensaio sobre a cegueira, de José Saramago. 1. Das origens de Hermes às subtilitatae intelligendi, explicandi e applicandi A palavra hermenêutica deriva do grego hermeneuein, adquirindo vários significados no curso da história. Por ela, busca-se traduzir para uma linguagem acessível aquilo que não é compreensível. Daí a idéia de Hermes, um mensageiro...

    11611  Palavras | 47  Páginas

  • A Razão Filosófica

    Faculdade CNEC Rio das Ostras Ferreira Macedo, Ephrain Trabalho de Metodologia Cientifica: A Razão Filosófica Rio das Ostras, Rio de Janeiro. 2014 Página |2 Ferreira Macedo, Ephrain. Mat.- 14000010696 Trabalho de Metodologia Cientifica: A Razão Filosófica Trabalho de Conclusão de Curso apresentado ao Curso de Metodologia Científica, da Faculdade CNEC Rio das Ostras, como requisito parcial para obtenção de Bacharel em Engenharia de Produção. Professor...

    10101  Palavras | 41  Páginas

  • Filosofia do direito

    Trabalho de Filosofia Jurídica A FILOSOFIA MODERNA UNOESC – Universidade do Oeste de Santa Catarina Fraiburgo - 2009 1 – REFERÊNCIA MASCARO, Alysson Leandro. A filosofia do Direito: Dos modernos aos Contemporâneos. São Paulo: Editora Atlas, 2008. 2 – DADOS BIOGRÁFICOS O autor desenvolve uma perspectiva original a respeito da história da filosofia, privilegiando os momentos de ruptura...

    2179  Palavras | 9  Páginas

  • Filosofia do direito

    2º PERÍODO – DIREITO PROF. HÉLIO PETTENE heliopettene@hotmail.com DISCIPLINA: FILOSOFIA DO DIREITO 2011/2 Nome do Aluno: _______________________________________________________ Agosto de 2011 1 UNIVEN – FACULDADE CAPIXABA DE NOVA VENÉCIA CURSO: DIREITO DISCIPLINA: FILOSOFIA GERAL E DO DIREITO PROFESSOR: HELIO PETTENE PERÍODO: 2º A, B e C OS RESUMOS, CAPÍTULOS E ARTIGOS PARA ESTUDO NO PERÍODO DA DISCIPLINA FILOSOFIA DO DIREITO TEM A SEGUINTE FONTE BIBLIOGRÁFICA: 1- FILOSOFIA UMA...

    7310  Palavras | 30  Páginas

  • Resumo do texto Um discurso sobre as ciências

    FEIRA DE SANTANA DEPARTAMENTO DE CIÊNCIAS SOCIAIS APLICADAS CURSO DE DIREITO INGRID NASCIMENTO FREITAS RESUMO DO TEXTO “UM DISCURSO SOBRE AS CIÊNCIAS” – BOAVENTURA DE SOUZA SANTOS Feira de Santana 2014 INGRID NASCIMENTO FREITAS RESUMO DO TEXTO “UM DISCURSO SOBRE AS CIÊNCIAS” – BOAVENTURA DE SOUZA SANTOS Resumo textual da disciplina Introdução ao Estudo do Direito II, como critério avaliativo da I unidade do segundo semestre, coordenado...

    3061  Palavras | 13  Páginas

  • Filosofia Do Direito Capitulo 4

    http://www.4shared.com/office/Td45hzabba/Filosofia_do_Direito_-_Capitul.html Filosofia do Direito Autor: Alyson Mascaro Capitulo 4 Filosofia do Direito Grega Entre os antigos gregos, deu-se a primeira grande sistematização do pensa-mento filosófico. A contribuição de tal alvorada da filosofia se destacou também para as questões do direito e da justiça. Durante muitos séculos - e mesmo milê-nios - aquilo que foi o senso comum do pensamento jurídico ocidental foi conso-lidado a partir de uma visão...

    20176  Palavras | 81  Páginas

  • TEXTO 3 FILOSOFIA

    CENTRO DE EDUCAÇÃO SUPERIOR DE BRASÍLIA INSTITUTO DE EDUCAÇÃO SUPERIOR DE BRASÍLIA CURSO: DIREITO FILOSOFIA Prof. João Simões TEXTO 1 Prof. Msc.João Simões dos Santos TEXTO 1 - FILOSOFIA Ao ser informado de que uma das disciplinas que você vai estudar neste semestre chama-se Filosofia, você certamente se perguntará: “o que é Filosofia? O que é Educação? Ou o que é Filosofia da Educação? Para que serve?” Não se trata de conceituar ou mesmo de definir a filosofia como ramo do saber. Platão...

    4203  Palavras | 17  Páginas

  • Tecnologias de cuidado em saúde e enfermagem e suas perspectivas filosóficas

    Scortegagna HM, Wall ML, Veronese AM, Zeferino MT, et al. CARE TECHNOLOGIES IN HEALTH AND NURSING AND THEIR PHILOSOPHICAL PERSPECTIVES LAS TECNOLOGÍAS DE CUIDADO EN LA SALUD Y ENFERMERÍA Y SUS PERSPECTIVAS FILOSÓFICAS TECNOLOGIAS DE CUIDADO EM SAÚDE E ENFERMAGEM E SUAS PERSPECTIVAS FILOSÓFICAS Magda Santos Koerich1, Dirce Stein Backes2, Helenice de Moura Scortegagna3, Marilene Loewen Wall4, Andréa Márian Veronese5, Maria Terezinha Zeferino6, Vera Radünz7, Evanguelia Kotzias Atherino dos Santos8 ...

    5501  Palavras | 23  Páginas

  • 1. Qual a importância da filosofia?

    Semana 1 filosofia Barbara Ribeiro Caso 1 - Os pilares do pensamento Sem perceber, perseguimos o que Platão disse há 25 séculos Por Eugênio Mussak É muito provável que você nunca tenha parado para pensar sobre a origem de seu próprio pensamento - a isso se dedicam os filósofos. O que justifica a filosofia é que compreendendo por que e como raciocinamos passamos a pensar melhor, com mais controle, lucidez e eficiência. Quer um exemplo? Repare que todos os seus pensamentos estão relacionados...

    902  Palavras | 4  Páginas

  • resumo sobre filosofia

    1. SENTIDOS DO TERMO “Comissão de Ética do Senado investiga Sarney” “Bento XVI: o defensor da moral” “Faltou ética: Roberto Jefferson abriu o jogo no caso do mensalão” “Luxemburgo disse: eu tenho moral” “Alimentos geneticamente modificados: uma questão de bioética”  Com base nas frases acima, é possível perceber que tanto a palavra “ética” quanto a palavra “moral” podem ser usadas em contextos e significados diferentes. No entanto, tanto uma quanto outra estão relacionadas à esfera dos valores...

    5453  Palavras | 22  Páginas

  • Assuntos diversos sobre Filosofia

    Universidade de Fortaleza Unifor Trabalho de Filosofia Deivid Professor: Francisco José Rodrigues Março – 2014 Fortaleza/Ce 1) O homem é um ser natural, isto é, ele é um ser que faz parte integrante da natureza: não se poderia conceber o conjunto da natureza sem nela inserir a espécie humana. Ao mesmo tempo em que se constitui em ser natural, o homem diferencia-se da natureza; que é como diz Marx (1984), “o corpo inorgânico do homem”(p. 111); para sobreviver ele...

    7203  Palavras | 29  Páginas

  • O essencial sobre averróis

    89_90_91_92_93.qxd 07/05/08 10:51 Page 1 Catarina Belo O essencial sobre AVERRÓIS IMPRENSA NACIONAL-CASA DA MOEDA 1 AVERRÓIS NA HISTÓRIA DO PENSAMENTO ISLÂMICO E OCIDENTAL No panorama da filosofia islâmica medieval, Averróis ocupa um lugar de destaque. Juntamente com Avicena, é considerado o mais influente filósofo na tradição islâmica medieval. Todavia, o filósofo andaluz, nascido em Córdova em 1126, não é um fenómeno isolado do islão clássico. A filosofia desenvolveu-se...

    11344  Palavras | 46  Páginas

  • ética filosófica versus código de ética da oab

    conhecer essa ciência do comportamento humano e correlaciona-la com atividade do operador do direito, este trabalho tem o objetivo de mostrar a ética em sua essência primando pelo lado filosófico e á ética encontrada no código de ética da OAB. Sumário Introdução..................................................................................................................2 1 . O pensamento ético filosófico.........................................................

    7624  Palavras | 31  Páginas

  • Direito hindu

    regiões receberam influência e influenciaram o mundo grego. Esse contato interativo possibilitou aos gregos as comparações entre os elementos culturais que fizeram nascer a filosofia. Mas isso se fez lentamente, obedecendo alguns períodos. Podemos até dizer que a forma de fazer filosofia evoluiu ao longo dos séculos. Como vimos anteriormente, houve um longo processo para que a capacidade reflexiva do homem chegasse ao ponto de ser chamada de Filosofia. E isso só aconteceu na Grécia, por volta do século...

    4245  Palavras | 17  Páginas

  • DIREITO

    Trabalho 4: Com base na leitura dos textos O Existencialismo (disponível na copiadora) e Existencialismo Jurídico (Cap. 22, p.418-437, Curso de Filosofia do Direito, de Eduardo Bittar, 10ª edição), responda as seguintes questões: 1. O que é a fenomenologia e qual a sua relação com o pensamento existencialista? Fenomenologia (do grego phainesthai - aquilo que se apresenta ou que se mostra - e logos - explicação, estudo) afirma a importância dos fenômenos da consciência, os quais devem ser estudados...

    1417  Palavras | 6  Páginas

  • Filosofia cap.1 revisado

    Fundamentos de Filosofia FUNDAMENTOS DE FILOSOFIA Prof. Esp. Paulo Sérgio Rodrigues da Silva Fundamentos da Filosofia 1 Licenciatura em Letras SUMÁRIO INTRODUÇÃO PLANO DO CURSO CAPÍTULO 1 – Origem da Filosofia: do mito a reflexão filosófica CAPÍTULO 2 – Conhecimento: senso comum e conhecimento científico CAPÍTULO 3 – A linguagem na compreensão filosófica CAPÍTULO 4 - Aspectos introdutórios à Filosofia da Educação CONSIDERAÇÕES FINAIS REFERÊNCIAS CURRICULO DO PROFESSOR-AUTOR ...

    4109  Palavras | 17  Páginas

  • Hermeneutica Filosofica

    Hermenêutica Filosófica Introdução 3 1. Hermenêutica 3 2. O sentido dos discursos, onde habita? 6 3. Hermenêutica e reflexividade 7 4. Hermenêutica e Ciência 10 5. Ciência e dogmática 17 Capítulo I - Hermenêutica como arqueologia do sentido 24 1. Arqueologia do sentido 24 2. Classicismo e dogmatismo 27 3. A hermenêutica jurídica 30 4. Hermenêutica e subjetividade moderna 33 5. A reforma protestante 35 6. Da hermenêutica dogmática à autonomia do sentido 39 Capítulo II - Hermenêutica e método 42 1. Modernidade...

    43108  Palavras | 173  Páginas

  • estudo epistemologico da filosofia do direito

    DA FILOSOFIA DO DIREITO Capítulo 1 NOÇÃO E OBJETO DA FILOSOFIA DO DIREITO Sumário: 1. Considerações prévias. 2. Graus do conhecimento. 3. Conceito de Filosofia. 4. A Filosofia do Direito. 1.CONSIDERAÇÕES PRÉVIAS Ao se pretender investigar o conhecimento jurídico pela via filosófica é necessário, primeiramente, que este caminho seja familiar ao pesquisador, enquadrando-se nos limites de sua experiência. Sem a prévia noção da Filosofia geral, por seus métodos e funções, não é possível alcançar a plena...

    9048  Palavras | 37  Páginas

  • ATIVIDADES DE REVIS O SOBRE TICA PARA OS ALUNOS REVIS O

     TEXTO PARA AS PRÓXIMAS 2 QUESTÕES: Texto 1 “Agora que as paixões acalmaram, volto à proibição do fumo em ambientes fechados, aprovada pela Assembleia Legislativa de São Paulo. Incrível como esse tema ainda gera discussões acaloradas. Como é possível considerar a proibição de fumar nos lugares em que outras pessoas respiram uma afronta à liberdade individual? As evidências científicas de que o fumante passivo também fuma são tantas e tão contundentes que os defensores do direito de encher de fumaça...

    5570  Palavras | 23  Páginas

  • 1. Que quer dizer philosophia? A quem se atribui a invenção dessa palavra?

    Capítulo 2 1. Que quer dizer a palavra crítica?  Exame racional de todas as coisas sem preconceito e sem prejulgamento. 2. Que significa dizer que a filosofia se volta preferencialmente para os momentos de crise? Significa que nesses momentos críticos que se manifesta mais claramente a exigência de fundamentação das idéias, dos discursos e das práticas. 3. De acordo com o texto, por que se pergunta ‘’Para que filosofia’’? Em nossa cultura e em nossa sociedade, costumamos considerar que...

    2180  Palavras | 9  Páginas

  • Resumo da unidade 1 - marilena chauí - convite à filosofia (para direito)

    certo e errado, justo e injusto; questiona de maneira implícita conceitos que nos sugerem uma reflexão profunda sobre temas como alteridade e etnocentrismo; proporcionando assim uma noção inicial da necessidade de se desenvolver um pensamento filosófico. Ao questionar a finalidade da filosofia, desde sua origem, seu desenvolvimento, suas investigações; a autora instiga dúvidas diversificadas sobre suas aplicações, e com isso promove reflexões a respeito de diversos assuntos. Desde as atividades...

    1993  Palavras | 8  Páginas

  • Apostila Epistemologia 1

    Introdução à Ciência do Direito: denominação, caráter propedêutico, enciclopédico e epistemológico. O conhecimento científico: conceito, características, fundamentação filosófica. AULA 1 I – TEORIA GERAL DO DIREITO 1 – DENOMINAÇÃO A Teoria Geral do Direito é ramo do conhecimento que estuda a realidade jurídica, buscando seus elementos na Filosofia do Direito e nas ciências jurídicas auxiliares. Mas, para os fins aqui propostos TGD tem o mesmo sentido de Introdução à Ciência do Direito, Introdução ao Estudo...

    3156  Palavras | 13  Páginas

  • Reforma Administrativa (Reflexões sob a perspectiva político-filosófica)

    Reforma Administrativa (Reflexões sob a perspectiva político-filosófica - Maria Coeli S. Pires) Resumo (Giselle Sousa - Recife 2013) Reforma Administrativa (Reflexões sob a perspectiva político-filosófica) Resumo Um dos focos da Reforma Administrativa é melhorar a eficiência no serviço público e sua relevância é extremamente significativa para o Direito. Por isso, o artigo traz informações e reflexões que trazem à tona os litígios e similaridades das questões que cerceiam a necessidade...

    2394  Palavras | 10  Páginas

  • Texto dissertativo argumentativo ,Redação

    Trabalho de Português Texto Dissertativo / Argumentativo sobre Redação por Noely Landarin noelylandarin@yahoo.com.br style="position: relative; display: inline-block; vertical-align: text-bottom; text-align: justify; height: 20px; width: 87px; " Mais... Dissertar é o mesmo que desenvolver ou explicar um assunto, discorrer sobre ele. Assim, o texto dissertativo pertence ao grupo dos textos expositivos, juntamente com o texto de apresentação científica, o relatório, o texto didático, o artigo enciclopédico...

    10744  Palavras | 43  Páginas

  • Metodologia Filosófica

    FUNDAÇÃO SANTO ANDRÉ EDUARDO SZEIBEL YOKOTA METODOLOGIA FILOSÓFICA SANTO ANDRÉ 2010 EDUARDO SZEIBEL YOKOTA FICHAMENTO DA METODOLOGIA FILOSÓFICA Trabalho da Matéria de Filosofia Aprendizagem da construção de uma dissertação filosófica Prof. Fábio Pestana Ramos SANTO ANDRÉ 2010 Porque a dissertação filosófica? A dissertação filosófica é um exercício que foca a racionalidade, a coerção e que tem suas próprias...

    5333  Palavras | 22  Páginas

  • A Importancia da filosofia para o curso de Direito

    DE DIREITO Esse artigo tem como objetivo refletir a importância da Filosofia e sua necessidade para o curso de Direito. Para tanto, faz-se oportuno lembrar a célebre afirmação kantiana quanto à impossibilidade de se ensinar a filosofia em função da necessidade de aprender-se a filosofar. Enquanto atitude, a filosofia nos alerta quanto ao risco de tomarmos por certo àquilo ao qual deveríamos ser mais atentos. É tarefa que nos conduz a desconstruir o que de forma pré-concebida se apresenta a nós...

    1070  Palavras | 5  Páginas

  • Trabalho introduçao a direito

    João Pessoa Curso: Direito - Turma L. 2013.1 O caso dos exploradores de cavernas Eloah Rodrigues Amorim Juliana Medeiros e Paula Lays Rodrigues Neves Luís Henrique de Leon Morais Rizandra Galdino Thaís Queiroz João Pessoa 2013 Sumário 1. Introdução 2. Desenvolvimento 3. Conclusão 4. Referências bibliográficas 1. Introdução O Caso dos exploradores de cavernas é uma obra demasiadamente conhecida entre os iniciantes ao estudo do direito. Por tratar-se da pura...

    3398  Palavras | 14  Páginas

  • Trabalhos direito.

    1 - Utilizando como base: Atividade Avaliativa 01– Convite à Filosofia, responda as seguintes questões: a) Demonstre conhecimentos sobre o entendimento da autora (Chaui) sobre o que é filosofia. A filosofia consiste, mas não somente, em uma indagação acerca dos pressupostos implícitos em nossas crenças avaliando o nosso cotidiano. Tomemos um exemplo simples: “uma pergunta como que horas são?” Ela trás consigo múltiplas indagações e, assim sendo, trás várias crenças não questionadas por nós....

    2154  Palavras | 9  Páginas

  • Direito, teoria dos sistemas e pragmatismo: ensaio sobre os usos da teoria dos sistemas a partir do confronto entre niklas luhmann e a filosofia pragmática lucas de alvarenga gontijo

    DIREITO, TEORIA DOS SISTEMAS E PRAGMATISMO: ENSAIO SOBRE OS USOS DA TEORIA DOS SISTEMAS A PARTIR DO CONFRONTO ENTRE NIKLAS LUHMANN E A FILOSOFIA PRAGMÁTICA Lucas de Alvarenga Gontijo∗ RESUMO Existiria, a princípio, aquilo que Niklas Luhmann chamou de fechamento operacional aplicado ao feudo do direito? O presente texto propõe discutir até que ponto a proposta luhmanniana é concebível. Por meio da filosofia pragmática é possível compreender como o direito se fecha como ordem autopoiética e, ao...

    7682  Palavras | 31  Páginas

  • Dermeval saviani educação: do senso comum à consciência filosófica

    EDUCAÇÃO: DO SENSO COMUM À CONSCIÊNCIA FILOSÓFICA COLEÇÃO EDUCAÇÃO CONTEMPORÂNEA 11ª Edição - 1996 EDITORA AUTORES ASSOCIADOS Este trabalho reúne estudos redigidos em diferentes oportunidades, obedecendo, porém, a um mesmo propósito: elevar a prática educativa desenvolvida pêlos educadores brasileiros do nível do senso comum ao nível da consciência filosófica. A introdução indica o ponto de convergência do conjunto dos estudos que compõem a obra. Os primeiros textos constituem estudos introdutórios...

    88084  Palavras | 353  Páginas

  • Direito e cia

    FILOSOFIA DO DIREITO DOCENTE: PEDRO R. CAMPANINI SUMÁRIO Capítulo I – Do mito à razão | 02 | Capítulo II – Noção Preliminar de Filosofia | 06 | Capítulo III – Filosofia do Direito na Grécia | 09 | Capítulo IV – Filosofia do Direito em Roma | 19 | Capítulo V – Filosofia do Direito na Idade Média | 21 | Capítulo VI – Filosofia do Direito do Renascimento até o Século XIX | 27 | Capítulo VII – Positivismo Jurídico | 37 | Capítulo VIII – Carlos Cossio | 42 | Capítulo IX - Miguel Reale...

    7365  Palavras | 30  Páginas

  • Hermeneutica Filosofica

    UNIVERSIDADE PAULISTA - UNIP CURSO DE GRADUAÇÃO EM DIREITO Sandra Ribella HERMENÊUTICA: ASPECTO FILOSÓFICO Limeira 2014 HERMENÊUTICA: ASPECTO FILOSÓFICO Trabalho desenvolvido para a disciplina de Atividades Práticas Supervisionadas – APS, submetido à Universidade Paulista – UNIP, com parte dos requisitos necessários para a obtenção do título de Bacharel em Direito, sob a orientação do Prof.Dr. Fernando Sergio Sacconi...

    8720  Palavras | 35  Páginas

  • Textos e trabalhos

    Questões Sobre o Ensino de Filosofia 21. Segundo Celso Favaretto, o ensino de filosofia deve  I. focar em processos reflexivos que busquem eliminar o acaso, articulando teorias e conceitos filosóficos na busca de alguma inteligibilidade ou significação para a existência.  II. focar unicamente os constructos históricos da filosofia na busca da inteligibilidade.  III. focar em leituras apenas de textos filosóficos como caminho único para o pensamento reflexivo.  IV. fixar-se em discussões e...

    6693  Palavras | 27  Páginas

  • Exercício 1 de história do pensamento filosófico

    04/03/13 online.unip.br/Imprimir/ImprimirConteudo Conteúdo : MODULO 1. O QUE É E POR QUE ESTUDAR FILOSOFIA? Afinal o que vem a ser filosofia? Será que a filosofia é uma disciplina que “com a qual ou sem a qual o mundo continua tal e qual”? Será que é um emaranhado de questões que nunca chega a uma conclusão consensual? Será que é um conjunto de conceitos complexos que só interessa a estudiosos do assunto? A filosofia muitas vezes é taxada de “inútil”, de subversiva, de perturbadora da ordem etc...

    1642  Palavras | 7  Páginas

  • ANTROPOLOGIA FILOSOFICA IBPEX DIGITAL 180

    Ranieri Carli Antropologia filosófica Nenhuma parte desta publicação poderá ser reproduzida por qualquer meio ou forma sem a prévia autorização da Editora Ibpex. A violação dos direitos autorais é crime estabelecido na Lei nº 9.610/1998 e punido pelo art. 184 do Código Penal. A ntropologia filosófica i ii Nenhuma parte desta publicação poderá ser reproduzida por qualquer meio ou forma sem a prévia autorização da Editora Ibpex. A violação dos direitos autorais é crime estabelecido na Lei...

    44245  Palavras | 177  Páginas

  • Vladimir safatle - curso completo sobre a 'fenomenologia do espirito', de hegel [30 aulas] [filosofia - usp] aula 04

    tomassem por não-problemáticas considerações sobre Hegel como: filósofo da totalidade do Saber Absoluto, incapaz de dar conta da irredutibilidade da diferença e das aspirações de reconhecimento do individual às estratégias de síntese do conceito; teórico de uma modernidade que se realizaria no totalitarismo de um Estado Universal que se julga a encarnação da “obra total do espírito”; expressão mais bem acabada da crença filosófica de que só seria possível pensar através da articulação de sistemas...

    5562  Palavras | 23  Páginas

  • Leituras Filosóficas

    LEITURA FILOSÓFICA COMO INSTRUMENTO DIDÁTICO-METODOLÓGICO PARA O ENSINO DA FILOSOFIA: EXPECTATIVA E TRABALHO Kassiano Ricardo de Moraes Ribeiro Universidade Federal do Maranhão São Luís-MA O trabalho consiste em abordar reflexões sobre a prática de leituras filosóficas, bem como a compreensão destes textos, tais como: O Mito da Caverna, fragmentos da obra de Platão, Discurso do Método Sobre a Origem das Coisas, de René Descartes e uma sucinta leitura do livro Iniciação à Filosofia, de...

    2571  Palavras | 11  Páginas

  • concepções filosoficas

    Antônio. Filosofia e educação: um entendimento possível desta relação. e educação: um entendimento possível desta relação Philosophy and education: a possible understanding of their relationship Marcos Antônio Lorieri lorieri@sti.com.br @ Resumo O texto tem como objetivo apresentar um entendimento do que sejam concepções filosóficas e relação da Filosofia com a Educação. Aponta as grandes perguntas que provocam a investigação filosófica e suas áreas, e indica a necessidade de os...

    4947  Palavras | 20  Páginas

  • filosofia do direito

    Humanas e Sociais Aplicadas FACULDADE DE DIREITO Programa de Pós Graduação em Direito Especialização em Direito Tributário Direito Tributário II Filosofia do Direito (E) Professor Mestre Marcos José Alves Lisboa Pós-modernidade, razão e saber O autor que vamos estudar neste texto, EDUARDO C. B. BITTAR, é livre-docente e doutor pelo Departamento de Filosofia e Teoria Geral do Direito da faculdade de Direito da Universidade de São Paulo, onde atua nos cursos...

    2422  Palavras | 10  Páginas

  • Análise Ética e Filosófica da Influência Religiosa na Pós-modernidade Globalizada!

    Objeto da Pesquisa: Análise Ética e Filosófica da Influência Religiosa na Pós-Modernidade Globalizada! Mestrando – Geovane Rodrigues ÍDICE I. INTRODUÇÃO – pg. 3 II. Fundamentos básicos universais sobre a ética no processo influenciador religioso na sociedade pós-moderna, ritmado pela globalização: pg. 4 1. A sistematização da Ética= O FILÓSOFO ARISTÓTELES Aristóteles...

    11728  Palavras | 47  Páginas

  • Manual De Normas ABNT 2007 1 Trabalhos Cient Ficos

     MANUAL DE ELABORAÇÃO DE TRABALHOS ACADÊMICOS CAMPO GRANDE 2007 SUMÁRIO 1. PALAVRA INICIAL 5 2. DEFINIÇÕES 6 2.1 O que é um trabalho Científico? 6 2.2 O que é uma monografia? 6 2.3 O que é uma dissertação? 7 2.4 O que é uma tese? 8 2.5 O que é um projeto de pesquisa? 8 2.6 O que é uma resenha? 9 2.7 O que é uma Análise Crítica? 10 2.8 O que é um resumo? 11 2.9 O que é um artigo científico? 12 2.10 O que é um paper? 12 2.11 O que é um ensaio monográfico? 12 3. FLUXOGRAMA...

    16469  Palavras | 66  Páginas

  • 1 Atividade Multipla

    1. Que quer dizer a palavra filosofia? Que sentido lhe deu Pitágoras? A palavra filosofia é grega. É composta por duas outras: philo e sophia. Philo deriva-se de philia, que significa amizade, amor fraterno, respeito entre os iguais. Sophia quer dizer sabedoria e dela vem a palavra sophos, sábio. Filosofia significa, portanto, amizade pela sabedoria, amor e respeito pelo saber. Atribui-se ao filósofo grego Pitágoras de Samos (que viveu no século V antes de Cristo) a invenção da palavra filosofia...

    2640  Palavras | 11  Páginas

  • Introdução ao Estudo do Direito

    Estudo IED – Apresentações 1- Introdução a retórica – Olivier Reboul 2- Crátilo – Platão 3- Antígona – Sófocles 4- As Nuvens – Aristofanes 5- A exceção e a regra – Bertold Brecht 6- O caso dos Exploradores de Caverna – Lon L. Fuller 7- O caso dos denunciantes invejosos – Dimitri Dimoulis 8- O julgamento de Nuremberg – Filme Introdução a retórica – Olivier Reboul Significado de Retórica s.f. Filosofia. Arte de bem falar; valer-se da eloquência ou...

    11310  Palavras | 46  Páginas

  • Trabalho de Direito

    FIR 2012 Aula 9 Caso 1 – O imperativo categórico Uma das questões fundamentais na filosofia jurídica kantiana é a separação entre o âmbito da moralidade e o âmbito da legalidade. Leia o texto abaixo, atentando para a parte sublinhada, e, após, responda as perguntas. Em reportagem intitulada “Para ex-dirigente da Comissão de Ética, legislação precisa mudar” disponível em http://www1.folha.uol.com.br/fsp/dinheiro/fi1004200816.htm, é possível localizar um possível confronto entre moralidade...

    7516  Palavras | 31  Páginas

  • direitos humanos

    DIREITOS HUMANOS E VIOLÊNCIA SIMBÓLICA: UM POSSÍVEL DIÁLOGO COM PIERRE BOURDIEU HUMAN RIGHTS AND SYMBOLIC VIOLENCE: A POSSIBLE DIALOGUE WITH PIERRE BOURDIEU Viviane Raposo Pimenta1 Resumo O presente texto é a primeira parte de um esforço no sentido de estabelecer um diálogo com o autor, filósofo e sociólogo francês Pierre Bourdieu acerca dos Direitos HumanosFundamentais e alguns aspectos e conceitos fundamentais de sua obra. A ideia que norteia esse estudo é de que o sociólogo traz uma...

    7827  Palavras | 32  Páginas

  • Fichamento sobre Metodologia Filosófica

    Assunto: A Leitura dos Textos. Referência: FOLSCHEID, D, WUNENBURGER, J. Metodologia Filosófica. Tradução: Paulo Neves. – 3ª Ed. – São Paulo: Martins Fontes, 2006. – (Ferramentas) Página número: Trecho citado: 06 “Descontadas a pura reflexão e a palavra viva nos cursos e nas conversações filosóficas, os textos devem, portanto, ser considerados como a estrada mestra da iniciação filosófica.” “[...] a filosofia não escapa a essa regra comum da cultura que impõe a cada um apoiar-se nos...

    1898  Palavras | 8  Páginas

tracking img