O veneno esta na mesa

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 19 (4697 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 1 de novembro de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
UNIVERSIDADE SALGADO DE OLIVEIRA
Direito Noturno (2° período) Turma
N5

VT(INTEGRADA)
O VENENO ESTÁ NA MESA

GOIÂNIA (GOIÁS) 2012
ELIANE OLIVEIRA DOS SANTOS

UNIVERSIDADE SALGADO DE OLIVEIRA

DIREITO NOTURNO N5 2° PERIODO

INTRODUÇÃO
"Preocupa a todos o uso de aditivos químicos nos alimentos industrializados. E nos vegetais frescos, que adquirimos na feira ou supermercado? Quempode dizer sobre a presença dos agrotóxicos, estarão dentro de limites aceitáveis? É uma pergunta que, no Brasil, não tem resposta. Sabe-se, entretanto, que aqui são utilizados inúmeros produtos químicos, para controlar as pragas agrícolas. A grande questão é se estão sendo respeitados os intervalos de segurança entre a última aplicação e a colheita e se as concentrações máximas estão sendoobedecidas. Seria tão benéfico a instalação de laboratórios para monitoração dos pesticidas agrícolas, tantos danos à saúde, vários tipos de câncer, por exemplo, poderiam ser evitados. Recentemente, o mundo inteiro acompanhou a peste bovina britânica denominada de "doença da vaca louca", inicialmente atribuída a algum tipo de vírus. Agora, as pesquisas mostram que tal doença deriva da contaminação daspastagens com pesticidas do grupo organofosforado, intensamente utilizado por aqui .
 

Sumário
1 -Por que campeão em agrotóxicos? 5
2.0Balanço 10
3.0 Cuidados 10
4.0 Para 11
5.0Agrotóxico 12
6.0 No Brasil 15
7.0 Análises de resíduos de agrotóxicos através da AssembleiaLegislativa 17
8.0 TEMOS NO BRASIL UMA LEGISLAÇÃO DE AGROTÓXICOS 17
aos agrotoxicos. 18
8.1ANTES DE TUDO, ACONSTITUIÇÃO FEDERAL 18
9.0 BIBLIOGRAFIA 19
10. CONCLUSÃO 20

O veneno está na mesa (Agrotóxicos)
 Filme de um dos maiores documentaristas do Brasil, o premiadíssimo Silvio Tendler,  mostra o cenário assustador que se encontra o país em relação ao uso indiscriminado de agrotóxicos. Relatório da Anvisa aponta uso indiscriminado de agrotóxicos no Brasil.
1 -Por que campeão emagrotóxicos?
Algumas informações para iniciar o estudo sobre os venenos agrícolas
Embora a agricultura seja praticada pela humanidade ha mais de dez mil anos, o uso intensivo deagrotoxicos para o controlede pragas e doencas das lavouras existe ha pouco mais
de meio seculo. Ele teve origemapos as grandes guerras mundiais, quando a industria quimica fabricante de venenos entao usados como armas quimicasencontraram na agricultura um novo mercado para os seus produtos.
Diversas politicas foram implementadas em todo o mundo para expandir
e assegurar este mercado. A pesquisa agropecuaria voltou-se para o desenvolvimento de sementes selecionadas para responder a aplicacoes de adubos
quimicos e agrotoxicos em sistemas de monoculturas altamente mecanizados.
Segundo seus promotores, esta “RevolucaoVerde” seria fundamental para derrotar a fome que assolava boa parte da populacao mundial.
No cenario mundial, a FAO (orgao das Nacoes Unidas para a Alimentacao e Agricultura) e o Banco Mundial foram os maiores promotores dadifusao do pacote tecnologico da Revolucao Verde. No Brasil, uma serie de politicas levada a cabo por diferentes governos cumpriu o papel de forcar a implementacao da chamada“modernizacao da agricultura”, processo que resultou em altos custos sociais, ambientais e de saude publica.
Neste processo, teve papel central a criacao, em 1965, do Sistema Nacional de Credito Rural, que vinculava a obtencao de credito agricola a obrigatoriedade da compra de insumos quimicos pelos agricultores. Outro elemento chave foi criacao, em 1975, do Programa Nacional de DefensivosAgricolas, no ambito do II Plano Nacional de Desenvolvimento (PND), que proporcionou recursos financeiros para a criacao de empresas nacionais e a instalação no pais de subsidiarias de empresas transnacionais de insumos agricolas. Um outro fator ainda a colaborar de forma marcante para a enorme disseminação da utilizacao dos agrotoxicos no Brasil foi o marco regulatorio defasado e pouco rigoroso que...
tracking img