O trabalho liberta ou escraviza o homem?

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 3 (723 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 15 de fevereiro de 2013
Ler documento completo
Amostra do texto
O trabalho liberta ou escraviza o homem?

Na antiguidade clássica o trabalho era visto como algo inferior, era livre o homem que não precisava trabalhar, que vivia no ócio, pois assim ele tinhatempo para pensar e refletir sobre si mesmo e sobre a sociedade em que vivia. O trabalho nesse período era praticado apenas por escravos, camponeses, negociantes, servos, artesãos etc. que de acordo comAristóteles, estes nunca poderiam ter uma vida nobre e feliz, o filósofo em questão considerava a pobreza uma espécie de defeito, vício. Feliz, nobre, virtuoso e livre seria aquele que fossesustentado pelo trabalho rural de seus escravos.
A visão do trabalho ganha outra faceta com a Revolução Industrial, acreditava-se que a Revolução Industrial libertaria o homem, através do trabalho. Pois, otrabalho humaniza, o ser humano se modifica pelo trabalho e atende suas necessidades. Mas, ao contrário do que se esperava a Revolução Industrial só afundou o homem na miséria e na pobreza. Antes daRevolução o trabalho era artesanal, um serviço ou produto era 100% realizado por uma pessoa, com a Revolução o processo antes artesanal se tornou manufatureiro, agilizando, assim, o sistema de produção.Houve uma divisão do trabalho sistematizada, na fabricação de um mesmo produto cada um fazia uma parte da produção. Para Marx essa especialização do trabalho gera alienação, estranhamento, o homemnão se reconhece mais no sistema do que foi produzido. Quanto mais especialista você é em uma determinada coisa, menos você sabe do resto, ficando mais fácil aos proprietários, a classe dominante,dominar e coagir o trabalhador a receber salários baixíssimos. Pois, sem o trabalho o homem é considerado um ser inútil, e por isso ele aceita a “exploração”, se sujeita a qualquer trabalho, a qualquercansaço.
O filme “Tempos modernos” de Charles Chaplin em muito se relaciona com as teorias de Karl Marx, o filme é uma crítica, uma sátira ao pensamento da sociedade industrial. Na realidade a...
tracking img