O serviço social na contemporaneidade- marilda iamamoto

Marilda V. Iamamoto
O Serviço Social na Contemporaneidade:
Trabalho e formação Profissional
Orelhas do livro.
No universo do Serviço Social brasileiro, Marilda Villela Iamamoto, nestas
duasúltimas décadas, destacou-se - para além de suas reconhecidas
qualidades como docente - como uma pensadora de vanguarda. Seus dois
livros anteriores (Relações sociais e Serviço Social no Brasil emcoautoria
com Raul de Carvalho, de 1982, e Renovação e conservadorismo no
Serviço Social de 1992, ambos lançados por esta mesma casa editora)
assinalaram claras reflexões no debate profissional eincidiram
profundamente na reorientação teórica e ideopolítica do Serviço Social. No
plano teórico, sabe-se que o Serviço Social brasileiro deve a Marilda a sua
primeira aproximação rigorosa ao legadomarxiano. Num tempo em que a
recorrência ao pensamento críticodialético fazia-se à base de vulgatas e
citações de segunda mão, coube a ela o primeiro passo no sentido de um
recurso direto a Marx. Noplano ideopolítico, também se credita a Marilda,
pioneiramente, a fundamentação adequada de possibilidades radicalmente
democráticas e progressistas no Serviço Social, superando os chavões
própriosdo voluntarismo e do messianismo.
Este novo livro, O Serviço Social a contemporaneidade: trabalho
formação profissional reafirma em vigor o espaço intelectual de vanguarda
ocupado pela autora,incorporando temáticas e questões a agenda
profissional contemporânea - constituintes de dois nós emblemáticos
fundamentais: os impactos, sobre o Serviço Social, as transformações
societárias em cursoe as alternativas para a formação de assistentes sociais
-Marilda as situa num patamar teórico e analítico inusual, conduzindo o seu
equacionamento por vias originais e polêmicas.
Os ensaiosreunidos neste livro não são importantes somente pelos

objetos que abordam - são Indispensáveis sobretudo pelo tratamento que
lhes confere a competência da autora. Através deste tratamento criativo...
tracking img