O serviço social na contemporaneidade: iamamoto, marilda vilela. por beth da luz

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 39 (9607 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 22 de março de 2013
Ler documento completo
Amostra do texto
“O SERVIÇO SOCIAL NA CONTEMPORANEIDADE”
IAMAMOTO. MARILDA VILELA. O SERVIÇO SOCIAL NA CONTEMPORANEIDADE – TRABALHO E FORMAÇÃO PROFISSIONAL. ED. CORTEZ, SÃO PAULO.

Primeira Parte: O Trabalho profissional na contemporaneidade
Capítulo I – O Serviço Social na contemporaneidade
1. Introdução
2. Questão Social e Serviço Social
3. As mudanças no mercado profissional de trabalho
4. A práticacomo trabalho e a inserção do assistente Social em processos de trabalho
5. porquê processos de trabalho no Serviço Social

Capítulo II – Trabalho e Serviço Social – o redimensionamento da profissão ante as transformações societárias recentes
1. Trabalho e Serviço Social
2. O cenário atual e suas incidências na questão social
3. O redimensionamento da profissão: o mercado e as condições detrabalho
4. Em busca da consolidação do projeto ético-político do Serviço Social na contemporaneidade

Capítulo III – Demandas e respostas da categoria profissional aos projetos societários
1. As demandas profissionais no âmbito das relações entre o Estado e a sociedade.
2. Condições de trabalho e respostas profissionais.
Primeira parte: O trabalho profissional na contemporaneidade.Introdução: o Serviço Social na contemporaneidade
A autora chama a atenção para o fenômeno da globalização que produz um desemprego estrutural (não emprego forçado), o subemprego, ampliando sobremaneira a exclusão de amplíssimas camadas da população mundial. É verificado assim, o agravamento das múltiplas expressões da questão social, base sócio histórica da requisição social da profissão. No âmbito doprocesso de trabalho do assistente social, é possível atestar o crescimento da demanda por serviços sociais, o aumento da seletividade no âmbito das políticas sociais, a diminuição dos recursos, dos salários, a imposição de critérios mais restritivos nas possibilidades da população ter acesso aos direitos sociais, materializados em serviços sociais políticos.
O quadro sócio histórico da sociedadebrasileira atravessa e conforma o cotidiano do exercício profissional do assistente social, afetando as suas condições e as relações de trabalho, assim como as condições de vida da população usuária dos serviços sociais.
O nosso desafio é o de inquirir a realidade buscando pelo seu deciframento, o desenvolvimento de um trabalho pautado no zelo pela qualidade dos serviços prestados, na defesa dauniversalidade dos serviços públicos, na atualização dos compromissos ético-políticos com os interesses coletivos da população usuária.
A autora ressalta seu primeiro pressuposto que é a indispensabilidade de rompermos com uma visão endógena, focalista, uma visão “de dentro” do serviço social, prisioneira em seus muros internos. Alargar os horizontes, olhar para mais longe, para o movimento dasclasses sociais e do Estado em suas relações com a sociedade: não para perder as particularidades profissionais, mas, ao contrário, para iluminá-las com maior nitidez. Extrapolar o Serviço Social para melhor apreendê-lo na história da sociedade da qual ele é parte e expressão.
Isso é uma pré-condição para que se possa captar as novas mediações e requalificar o fazer profissional, identificandosuas particularidades e descobrir alternativas de ação.
Um dos desafios do assistente social é o de desenvolver sua capacidade de decifrar a realidade e construir propostas de trabalho criativas e capazes de preservar e efetivar direitos, a partir de demandas emergentes no cotidiano. Enfim, ser um profissional propositivo e não só executivo. Hoje, o próprio mercado demanda, além de um trabalho naesfera da execução, a formulação de políticas públicas e a gestão de políticas sociais.
É preciso, segundo a autora, enxergar a profissão não como o mero emprego, enxergar a ação de um sujeito profissional que tem competência para propor, para negociar com a instituição os seus projetos, para defender o seu campo de trabalho, suas qualificações e funções profissionais.
Iamamoto acentua que...
tracking img