O quinze

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 16 (3962 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 16 de maio de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
Introdução

Este trabalho foi desenvolvido com intuito de apresentar ao leitor de forma simples porem objetiva, o conteúdo literário da obra O Quinze – escrito por Rachel de Queiroz precisamente em 1930. Sendo sua primeira obra literal (romance) causa impacto entre os críticos por se tratar de fatos vivenciados pela autora durante sua infância sofrida no agreste cearense. Com lançamento destaobra, a autora recebeu o seu primeiro prêmio, concedido pela Fundação Graça Aranha em (1931).
O romance se dá em dois planos, um enfocando o vaqueiro Chico Bento e sua família, o outro a relação afetiva de Vicente, rude proprietário e criador de gado, e Conceição, sua prima culta e professora.
O ponto chave do clímax sem dúvida a parte mais importante do livro. Apresenta a marcha trágica epenosa do vaqueiro Chico Bento com sua mulher e seus 5 filhos, representando os retirantes, ‘...em momento de grande fome, Josias, o filho mais novo, acaba por se distanciar dos pais e acaba comendo mandioca crua, envenenando-se. Agonizou até a morte...’

Biografia da Autora - RAQUEL DE QUEIROZ

Rachel de Queiroz foi a primeira mulher a ingressar na “Academia Brasileira de Letras”. Publicou 23livros individuais e quatro em parceria. Sua vasta e preciosa obra está traduzida e publicada em francês, inglês, alemão e japonês. Além disso, traduziu 45 obras para o português, sendo 38 romances. Colaborou semanalmente com crônicas no jornal “O Estado de São Paulo”. 
Nasceu em Fortaleza (CE), em 17 de novembro de 1910, no antigo 86 da rua Senador Pompeu, e faleceu no Rio de Janeiro (RJ) em 4de novembro de 2003. Filha de Daniel de Queiroz e de Clotilde Franklin de Queiroz. Descendendo pelo lado materno da estirpe dos Alencar, parente portanto de José de Alencar, autor ilustre de “O Guarani” e pelo lado paterno dos Queiroz, família de raízes profundamente lançadas no Quixadá em Beberibe. 
Em 1917, em companhia dos pais, veio para o Rio de Janeiro, procurando a família, nessamigração, esquecer os horrores da terrível seca de 1915, que mais tarde a romancista iria aproveitar como tema de “O Quinze”. Em 1919 , voltou a Fortaleza. Em 1921 matricula-se no colégio Imaculada Conceição, dirigido pelas irmãs de Caridade, onde fez o curso normal diplomando-se como professora em 1925, aos quinze anos de idade. 
Em 1927, atraída pelo jornalismo, principiou a colaborar com o jornal “OCeará” , do qual se tornou mais tarde redatora efetiva. Em fins de 1930 estreou com o romance “O Quinze”, com inesperada repercussão no Rio de Janeiro, então capital do país, feito impressionante para uma desconhecida escritora nordestina de apenas vinte anos de idade. Assim projetou-se na vida literária do país agitando a bandeira do romance de fundo social, profundamente realista na suadramática exposição da luta secular de um povo contra a miséria e a seca, inaugurando assim, o fecundo e importante ciclo do romance nordestino. A crítica da época foi unânime em seus aplausos, e todas essas opiniões favoráveis foram ratificadas com outorga do prêmio da “Fundação Graça Aranha” que lhe foi concedido em 1931. 
Depois dessa estréia sensacional, reaparece com outro romance — “João Miguel” —publicado em 1932, seguindo-se um intervalo de cinco anos na atividade literária da autora. Retorna à ficção em 1937 com “Caminho de Pedras”, seguido em 1939 de “As Três Marias” que mereceu ganhar o prêmio da “Sociedade Felipe d’Oliveira”. 
Somente trinta e seis anos depois apareceu seu quinto romance “Dora Doralina”, cuja primeira edição, 1975, saiu sob a chancela da editora José Olympio/INL;embora em 1950, tenha escrito o romance “O Galo de Ouro”, divulgado em folhetins pela revista “O Cruzeiro” e publicado em livro, em 1985. Sua obra-prima, o romance “Memorial de Maria Moura” foi publicado em 1992, pela Editora Siciliano, romance que lhe deu o troféu “Juca Pato” concedido aos ganhadores do prêmio “Intelectual do Ano”. 
Residiu no Rio por longos anos, a princípio no reduto...
tracking img