O que foi a "rio 92"?

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 7 (1587 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 19 de fevereiro de 2013
Ler documento completo
Amostra do texto
RIO 92 – CRESCIMENTO E SUSTENTABILIDADE

A Rio-92 (ou Eco-92) foi um mega evento que construiu um simulacro espaciall, cujo objetivo foi a celebração das diretrizes dominantes sobre a questão ambiental sob o manto da ideologia do Desenvolvimento Sustentável.
O Brasil despertava a atenção mundial por uma grande especificidade: em seu território localizava-se a maior parte da Amazônia, vastasflorestas equatoriais, com imensa diversidade de espécies de animais e vegetais e de imensurável valor econômico. Dentro desta geopolítica, onde o escopo primaz é a gestão da natureza enquanto mercadoria de extremo valor, as riquezas amazônicas, atuais e futuras destacavam o Brasil como epicentro de toda a discussão.
Embora seja na Rio-92 que o termo “desenvolvimento sustentável” tenha ganhadonotoriedade, sua origem é um pouco mais antiga, tendo como marco a Conferência de Estocolmo de 1972, que teve como tema o meio ambiente humano.
A Rio-92 foi o maior evento já realizado no âmbito das Nações Unidas até então, tendo contado com Delegados de 172 países e 108 chefes de Estado. Não bastasse isso, foi o evento mais importante da história em matéria de desenvolvimento e meio ambiente.Documentos importantes foram produzidos e ratificados pela ampla maioria dos países membros das Nações Unidas, tais como a Convenção-Quadro das Nações Unidas sobre a Mudança do Clima, a Convenção sobre a Diversidade Biológica, a Declaração de Princípios sobre Florestas, a Declaração do Rio sobre Meio Ambiente e Desenvolvimento, a Agenda 21, dentre outros.
A Rio-92 marcou também o início daarticulação internacional em torno da preservação ambiental. É digna de nota, nesse sentido, a realização da Conferência de Kyoto, no Japão, da qual resultou o Protocolo de Kyoto. Embora realizada em 1997, o tratado internacional dela decorrente começou a vigorar apenas em janeiro de 2005, após a adesão da Rússia, que completou as exigências para a entrada em vigor do pacto. Conta hoje com a adesão de175 de países, compromissados em reduzir pelo menos 5,2% da emissão de gases do efeito estufa (em relação a 1990) no período de 2008-2012.
É digna de nota ainda, a não adesão dos Estados Unidos ao Pacto de Kyoto. Os Estados Unidos, único país desenvolvido a não assinar o pacto, é responsável, sozinho, pela emissão de cerca de 20% dos gases do efeito estufa do mundo todo, e ainda mantém a suaposição de não aceitar limitações sob a alegação de que tal medida teria impactos negativos na economia norte-americana. Outro argumento foi a ausência de metas para os países em desenvolvimento, dentre os quais se destacam a China, que foi isentada de metas originalmente, mas que se tornou a maior emissora de gases da atualidade.

RIO + 20 – ENTRE O CRESCIMENTO E A SUSTENTABILIDADE

A Rio+20,chamada assim em razão dos 20 anos passados desde a Rio-92, foi um evento de alta importância no cenário mundial para “definir a agenda do desenvolvimento sustentável para as próximas décadas.” Ao Brasil, enquanto Presidente da Conferência, cabe, portanto, propor e coordenar as negociações.
A Rio+20 tem (ou tinha) por objetivo declarado “a renovação do compromisso político com o desenvolvimentosustentável, por meio da avaliação do progresso e das lacunas na implementação das decisões adotadas pelas principais cúpulas sobre o assunto e do tratamento de temas novos e emergentes.”
O “desenvolvimento sustentável” vem se consolidando como verdadeiro (e impossível) “caminho do meio”, pois apresenta uma abordagem capaz de encontrar, finalmente, a equação milagrosa da harmonia entre o crescimentoeconômico e a conservação da natureza.
Entretanto, cabe a nós indagar se essa equação entre o crescimento econômico e conservação da natureza está de fato balanceada. Olhando para além do conceito propagado pelo discurso internacional, nas entrelinhas do “desenvolvimento sustentável” é possível perceber que seu foco, de maneira preocupada com o meio ambiente ou não, continua o sendo o...
tracking img