O que é folclore

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 6 (1310 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 2 de novembro de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
O QUE É O FOLCLORE?

LENDAS
Zabelê


Zabelê era filha do chefe dos Amanajós
Ai meu Deus, o amor é belo mas é arriscado, o que será de nós
Tem coisas do amor que se vê mas não dá pra entender
Veja se tem cabimento, repare e me diga
A moça foi se apaixonar pelo índio Metara da tribo inimiga
Fingindo que ia caçar mel nas margens do rio Itaim
Os dois se encontravam num mel de amor tãointenso e sem fim
Nem desconfiava que um Amanajó com ciúme os seguia
Mandau, pretendendo também desfrutar do amor de Zabelê
Ai meu Deus, descobrindo o encontro dos dois
Foi chamar testemunhas pra ver
Travou-se, por esta razão, uma luta que não foi a primeira
Entre os Amanajós e os Pimenteiras
A guerra só trás a tristeza, destrói a alegria de quem quer viver
Morreu Metara, Mandau e ZabelêMandau, Tupã já castigou, virou gato maracajá
Há qualquer momento o caçador vai te pegar
Ninguém pode vencer o amor
Tupã com pena transformou Metara e Zabelê
Em aves que se amam, coisa linda de se ver
Não é pra ninguém entender, mistérios, coisas do amor
Voando e gritando, os dois assim cantando
Ninguém pode vencer o amor
VitóriaRégia

Os pajés tupis-guaranis, contavam que, no começo do mundo, toda vez que a Lua se escondia no horizonte, parecendo descer por trás das serras, ia viver com suas virgens prediletas. Diziam ainda que se a Lua gostava de uma jovem, a transformava em estrela do Céu. Naiá, filha de um chefe e princesa da tribo, ficou impressionada com a história. Então, à noite, quando todos dormiam e a Luaandava pelo céu, Ela querendo ser transformada em estrela, subia as colinas e perseguia a Lua na esperança que esta a visse. E assim fazia todas as noites, durante muito tempo. Mas a Lua parecia não notá-la e dava para ouvir seus soluços de tristeza ao longe. Em uma noite, a índia viu, nas águas límpidas de um lago, a figura da lua. A pobre moça, imaginando que a lua havia chegado para buscá-la, seatirou nas águas profundas do lago e nunca mais foi vista. A lua, quis recompensar o sacrifício da bela jovem, e resolveu transformá-la em uma estrela diferente, daquelas que brilham no céu. Transformou-a então numa "Estrela das Águas", que é a planta Vitória Régia. Assim, nasceu uma planta cujas flores perfumadas e brancas só abrem à noite, e ao nascer do sol ficam rosadas.
SUPERSTIÇÕESVassoura - Para dispensar uma visita chata, é só deixar uma vassoura de cabeça para baixo atrás da porta.
Borboleta- Ver uma borboleta voar dá sorte para o dia.
Pé direito - Devemos sair de casa e entrar em qualquer lugar, sempre com o pé direito, para evitar o azar.
Objetos Perdidos - A maneira mais eficiente de encontrar algo que desapareceu é dar três pulinhos para São Longuinho.BRINCADEIRAS
-Bate figurinha: Os meninos reúnem as figurinhas dos álbuns que são repetidas, fazem um montinho e batem a mão sobre elas, as que virarem ao contrário é ganha por quem bateu a mão.
- Boneca de pano: feitas pelas mães e avós, são usadas em brincadeiras pelas meninas para simular crianças integrantes de uma família imaginária.
- Pipa: Também conhecida como papagaio, pandorga, raia, égeralmente uma brincadeira para meninos, e são feitas de papel de seda colorido e varetas de madeira.
- Bola de gude: coloridas e feitas de vidro, são jogadas no chão de terra pelos meninos. O objetivo é bater na bolinha do adversário para ganhar pontos ou a própria bola do colega.

DANÇAS
Baião
Ritmo musical, com dança, típico da região nordeste do Brasil. Os instrumentos usados nas músicas de baiãosão: triângulo, viola, acordeom e flauta doce. A dança ocorre em pares (homem e mulher) com movimentos parecidos com o do forró (dança com corpos colados). O grande representante do baião foi Luiz Gonzaga.

Maracatu
Grupo carnavalesco, de origem negra, que desfila em Pernambuco, Ceará e outros estados do nordeste brasileiro. Os integrantes do maracatu percorrem as ruas, cantando e dançando...
tracking img