O que é ética

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 11 (2698 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 17 de novembro de 2011
Ler documento completo
Amostra do texto
Universidade Federal de Campina Grande
UAL – Unidade Acadêmica de Letras
Leitura e Produção de Textos

O que é Ética – Álvaro L. M. Valls

O livro de Álvaro L. M. Valls O Que é Ética?(SP: Brasiliense, 1994) é excelente para se começar uma profunda reflexão sobre ética de forma muito engrandecedora, uma perfeita iniciação em todos os princípios éticos básicos conhecidos e estudados desde osprimórdios das sociedades humanas. O autor aponta quais são as principais correntes de estudos da ética, sua evolução histórica, iniciando na Grécia Antiga, passando pela era medieval, o Iluminismo e chegando ao cenário mais atual, da era moderna e da contemporaneidade. Nesse caminho, vários importantes pensadores e suas obras são mencionados, mostrando o parâmetro dos valores e ideais da reflexãoética. Nos apoiando nos pensamentos de outros estudiosos da ética, vamos discorrer um pouco sobre esses princípios abordados nessa esclarecedora obra de Álvaro.

Valores Éticos

Em princípio, Valls analisa a questão epistemológica da ética, na qual expõe: “A ética (...) é entendida como um estudo ou uma reflexão, científica ou filosófica, e eventualmente até teológica, sobre os costumes ousobre as relações humanas”. O autor vai colocar em destaque a questão da ética, não só como um estudo ou reflexão, mas como parte da vida e das ações cotidianas do homem: “Mas também chamamos de ética a própria vida, quando conforme os costumes considerados corretos. A ética pode ser a própria realização de um tipo de comportamento”. Segundo o autor, existem dois campos de estudo da Ética: “(...)num, os problemas gerais e fundamentais (...) e no segundo, os problemas específicos”. Mas, apesar de diferentes esses campos de estudo, novamente, destaca a importância da ética inserida no cotidiano do homem, “pois na vida real eles não vêm assim separados” . Sendo diretamente associada à vida cotidiana, a reflexão ética logo leva o homem a diversos questionamentos em cima de suas atitudes ecomportamentos, assim, no mundo atual, qualquer um, como o próprio autor, poderia colocar a seguinte questão, uma das mais importantes e pertinentes dentro do mundo neoliberalista: “As questões da ética aparecem a cada dia (...) logo poderíamos nos perguntar se, num país capitalista, o princípio do lucro poderia ou deveria situar-se acima ou abaixo das leis da ética” (Valls, 1994:8). Acreditamos que,evidentemente, o princípio do lucro deveria situar-se abaixo das questões éticas, o que, infelizmente, não parece ser a praxe ou a regra maior das sociedades humanas, ainda mais neste mundo cada vez prostrado ao capital.
Dentro dessa reflexão, Valls destaca que a ética é um conceito muito singular ao da moral: “(...) a palavra moral é sinônimo de ética, acentuando talvez apenas o aspecto deinteriorização das normas” (Valls, 1994:17). Mas é preciso tomar cuidado com essa interpretação, o estudioso da ética e Diretor pedagógico da FIAM/SP (1999) Clóvis de Barros Filho, acredita que ética e moral não são sinônimos nem antônimos, possuem diversos pontos comuns, mas respondem a diferentes questões: “A moral (...) responde (...) à questão: 'o que devo fazer?'. Já a ética (...) responde àpergunta: 'como viver (para ser feliz)?'” (Barros, 2000:9).
A obra de Valls ainda destaca que os dois grandes nomes dos estudos éticos, cujos pensamentos margeiam esse campo, pertencem às figuras do grego antigo Sócrates (470-399 a.C.), e do alemão prussiano Kant (1724-1804).
Vamos aqui, apontar os valores éticos que são levantados na obra de Álvaro Valls. Uma das obviedades da ética é que ela estáatrelada e vai além da Lei. Sendo a lei uma norma, ela “nos diz como devemos agir. E se devemos agir de tal modo, é porque (...) também podemos não agir deste modo" (Valls, 1994:48). Como veremos no próximo parágrafo, a norma como uma imposição de conduta se torna moral, e não ética, como bem coloca o santo medieval Tomás de Aquino: “Aquino (...) desse uma importância fundamental à consciência...
tracking img