O principe

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 7 (1540 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 31 de março de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
"O Príncipe" de Nicolau Maquiavel
Caído em desgraça em 1512, aos 43 anos de idade, depois de ter prestado por quinze anos seus serviços ao Conselho dos Dez, órgão da Senhoria da República de Florença, encarregado da Guerra e das Relações Exteriores, preso e torturado, Nicolau Maquiavel (1469-1527) foi forçado a retirar-se para a herdade da sua família, a Villa Macchiavelli, num lugar chamado deSan Casciano Val di Pesa. O escritório dele então tornou-se uma usina de textos sobre idéias políticas que espalharam a fama dele pelo mundo inteiro.

O gênese do "O Príncipe".

Apesar do abatimento e do vexame por ter sido supliciado ele não se deprimiu por muito tempo. Como escreveu ao seu amigo, o embaixador Francisco Vettori (carta de 10/12/1513), com quem mantinha ativa correspondência,decidiu-se por abraçar profundamente às letras. Ele freqüentara as potências do seu tempo, conhecera monarcas poderosos, arcebispos, cardeais e o próprio papa, além de um número significativo de tiranos e de condottiere, capitães-de-aventura, como se chamavam os chefes mercenários. Vira de perto a ascensão e queda de muitos deles. Como por igual apreciava os letrados, tais como o historiadorFrancisco Guicciardini (+ 1540), seu amigo, e um dos maiores escritores políticos da sua época, ninguém melhor do que ele para associar a prática à teoria.
Depois de passar o dia convivendo com os aldeãos e os freqüentadores da taverna, à noite Maquiavel, trajando-se com boas roupas, recolhia-se para a sua biblioteca para "encontrar-se com os grandes", isto é, pôr-se a ler os autores clássicos:Tucídides, Cícero, Júlio César, Tácito, Tito Lívio, e tantos outros mais, imaginando dialogar com eles todos. Portanto, sua obra política resultou dessa simbiose entre o empírico (a experiência dele como diplomata) e o conhecimento histórico acumulado (os livros da política greco-romana). Na construção dele do Cosmo Político, Deus estava banido, pois o que ele quis retratar era o império dos homens, umcenário mais próximo da selva do que dos espaços divinos.

Método e intenções

O método empregado por ele não se diferenciava das lições da escolástica: após uma afirmação inicial, segue-se uma série de considerações que confirmavam o enunciado, sempre fazendo menção à sabedoria dos antigos, às lições que os estadistas daqueles outros tempos, conscientemente ou não, deixaram como herança a serresgatada. Tal como os artistas da sua época que recolhiam os vestígios dos grandes escultores, pintores e arquitetos do mundo clássico, inspirando-se neles para moldar ou erguer suas obras-primas, o mesmo devia ser feito com as ações extraordinárias dos antepassados ilustres.
Enche então páginas e mais páginas de exemplos retirados dos tempos da Grécia, da República ou do Império Romano, ouainda de acontecimentos ocorridos mais recentemente nos reinos da França, Espanha, ou nas outras cidades italianas, para ilustrar e esclarecer seus pontos de vista.
Havia um tanto de ironia e soberba no fato de Maquiavel, banido e afastado de tudo, um homem que fracassara, quer dar aulas aos príncipes (isto é, a qualquer chefe de estado), desejando soprar-lhes no ouvido receitas de artimanhas etruques de sobrevivência. Mas assim foi, porque, antes de tudo, a situação da Itália o exasperava.
Como ele confessou, na falta de outros cabedais para presentear as altezas, sem "cavalos, armas ou tecidos de ouro, pedras preciosas", que tanto as agradam, só lhe restou deixar-lhes "o conhecimento das ações dos grandes", lançando-se como "um dos mestres de um pensamento novo" (Claude Lefort – Letravail de l´ouvre Machiavel, Paris, 1986).
Portanto, torna-se claro no seu prefácio que ele não se dirigiu ao povo, às massas diríamos hoje, mas aos chefes-de-estado, aos líderes de partido, ou candidatos a tal. Eles é quem faziam a história. Do mesmo modo que muitos deles já dispunham de um manual de falcoaria, da arte da caça, ou ainda da estratégia, passariam a dispor doravante, devido ao...
tracking img