O príncipe

Páginas: 6 (1282 palavras) Publicado: 13 de abril de 2011
DESENVOLVIMENTO

No primeiro capítulo, “De quantas espécies são os principados e de que modos se adquirem”, são apresentados os diferentes tipos de Estados: repúblicas ou principados. Foram tratados apenas os principados que são ou hereditários ou adquiridos, sendo que o Governo pode chegar ao poder de duas formas: pela virtude ou pela fortuna.

No segundo, “Dos principados hereditários”,afirma que os Estados hereditários são os mais difíceis de serem conquistados e os mais fáceis de manterem-se no poder, pois o povo está acostumado desde os antepassados à submissão ao príncipe e sua linhagem.

No terceiro, “Dos principados mistos”, aponta os principados novos como os mais complicados de serem conquistados. Cita as ações que devem ser tomadas para o sucesso no processo deaquisição de novos principados: a luta armada para eliminar a antiga linhagem, a manutenção das velhas condições (leis e impostos) e dos costumes, a instalação de moradia fixa no local dominado e manter distância aos poderosos tentando sempre não aumentar o prestígio dos mesmos para não haver possíveis ameaças e conspirações futuras contra o príncipe.

No quarto, “Por que o reino de Dario, ocupado porAlexandre, não se rebelou contra seus sucessores após a morte deste”, mostra as formas como os principados são governados: por um príncipe e seus servos, governo mais fácil de ser conduzido devido a maior autoridade do soberano; ou por um príncipe e seus barões, com títulos não dados pelo soberano, mas pela nobreza do sangue. Esses barões possuem Estados e súditos própios sendo mais difícil seugoverno devido à variedade de autoridades e afeições dos servos.

No quinto, “De que modo se devem governar as cidades ou principados que, antes de serem ocupados, viviam com as suas própias leis”, afirma que existem três modos de conservar os principados conquistados: destruindo-os, instalando residência fixa no território dominado e deixando o povo viver de acordo com suas antigas leis somentecobrando impostos.

No sexto, “Dos principados novos que se conquistam com as armas própias e virtuosamente”, cita exemplos de grandes personagens, Moisés, Ciro, Rômulo e Teseu, que conquistaram o poder somente pela virtude.

No sétimo, “Dos principados novos que se conquistam com as armas e fortuna dos outros”, afirma que quem se tornou príncipe por meio da fortuna deve adquirir virtudes paranão perder o comando do território conquistado. Comparou o exemplo de Francisco Sforza que se tornou duque de Milão com grandes virtudes e dificuldades com César Bórgia, Duque Valentino, que adquiriu o Estado com a fortuna do pai e o perdeu por falta de virtudes.

No oitavo, “Dos que chegaram ao principado por meio de crimes”, cita príncipes que conquistaram o poder através de crimes ou golpes.Ele afirma que a crueldade é bem usada quando praticada de uma vez só, transformando no máximo possível em utilidade para os súditos, não sendo mais necessárias e que a crueldade mal usada aumenta com o passar do tempo e não se extingue.

No nono, “Do principado civil”, exemplifica o cidadão que se torna príncipe da sua pátria com a ajuda do povo ou dos poderosos, sendo mais fácil se manter nopoder com o apoio do povo, procurando sempre “ganhar o povo”, do que com o apoio dos ricos.
No décimo, “Como se devem medir as forças de todos os principados”, segundo Maquiavel, a força do principado se mede por um exército numeroso e forte e pelo apoio e adoração do povo com seu príncipe.

No décimo primeiro, “Dos principados eclesiásticos”, refere-se aos principados que são sustentadospelas ordens estabelecidas na religião desde os tempos mais antigos mantendo-se sempre no poder.

No décimo segundo, “De quantas espécies as milícias, e dos soldados mercenários”, diz que um principado para ser forte deve ter um bom exército e boas leis. Fala da importância da infantaria ser formada pelos cidadãos que serão sempre fiéis e não por mercenários que são desunidos e perigosos.

No...
Ler documento completo

Por favor, assinar para o acesso.

Estes textos também podem ser interessantes

  • O principe
  • O Principe
  • O príncipe
  • O principe
  • O príncipe
  • O PRINCIPE
  • O Principe
  • O Principe

Seja um membro do Trabalhos Feitos

CADASTRE-SE AGORA!