O povo brasileiro

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 11 (2727 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 13 de agosto de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
"Uma vez completado o livro, a primeira leitura crítica que consegui fazer dele todo me assustou: não dizia nada, ou pouco dizia que não tivesse dito antes. O pior é que não respondia às questões que propunha, resumíveis na frase que, desde então, passei a repetir: porque o Brasil ainda não deu certo?"

Peça literária constituída 470 páginas, dividida em quatro capítulos. Configurando-se numtratado antropológico explicativo e cultural, de "gestação de nosso povo" e seu processo civilizatório. Um livro escrito com um fim específico, de apontar caminhos que fizessem com que o Brasil encontrasse a si mesmo, sua gente, sua cultura e que finalmente desse certo enquanto Nação. Um livro capaz de responder as seguintes questões:

Quem sou eu?

Quando é que, no Brasil, se pode falar de umaetnia nova, operativa?

Quando é que surgem brasileiros, conscientes de si, senão orgulhosos de seu próprio ser, ao menos resignados com ele?

Quando começou a plasmar-se a configuração histórico-cultural nova, que envolveu seus componentes em um mundo não apenas diferente, mas oposto ao do índio, ao do português e ao do negro?

Quem éramos nós? Esses mestiços de pele de cobre?

Usandoenquanto metodologia a narração detalhada de cada etnia, que se encontra nas raízes de origem do povo brasileiro, seu percurso histórico, contexto político, social e econômico. Traçando, constantemente, um paralelo com processo civilizatório de outros países americanos, numa viagem ao passado conjugado com o momento presente. Sem se limitar, contudo, descrever o processo formador, Darcy vai maisalém: questiona, explica e contextualiza. Tendo como resultado uma obra tensa, de análise profunda dos primeiros anos da História do Brasil, após a invasão ocorrida no ano de 1500, na Ilha Brasil por Portugal.

No presente estudo, o Capítulo I – O Novo Mundo, será aquele a ser dado um maior enfoque. Capítulo, onde Darcy analisa as três Matrizes Étnicas, que são as formadoras do Povo Brasileiro: 1ª) oportuguês invasor e colonizador; 2ª) os índios silvícolas vistos como seres brutais e imorais pelos colonizadores, e, 3ª) os negros africanos – aqui entendidos como uma sub-raça, igualada aos animais irracionais e devendo ser tratada como tal. Matrizes Étnicas, que vão sendo desfiguradas, mescladas, que se fundem enquanto avança o processo denominado como civilizatório, pelo invasor Lusitano. E,dão origem a um novo povo, novo por dar lugar a uma cultura diferenciada de suas matrizes formadoras, uma nova etnia nacional.

Uma coisa é certa, para o autor a Ilha Brasil já existia muito antes de 1500. Portugal apenas oficializou o nome quando de sua invasão a Ilha, para fins mercantilistas. São inúmeros registros de que pelo menos há 1000 (Mil) anos 1 a 8 milhões de pessoas aqui viviam. Umahumanidade que possuía costumes próprios, era autossuficiente, ocupava quase toda extensão do litoral brasileiro, se localizando em áreas privilegiadas, onde caça e a pesca eram abundantes. Toda uma comunidade indígena que dava os primeiros passos na revolução agrícola, domesticando várias plantas, dando a cada uma delas, assim como os rios e mares, um nome específico. Que possuía religiãoprópria, acreditava na vida após morte e tinha por única finalidade da vida: viver.

Os Tupis eram um dos povos de maior número da etnia silvícola que ocupavam a costa brasileira, ao lado de outras tribos como: Boror, Xavante, Kayapó, Kaingange dos Tapuia em Geral, os Guaikuru; estes últimos também denominados de índios cavaleiros, que exerceram papel importante na política de aliança com espanhóis elusitanos. Sem no entanto jamais se deixarem subjugar por eles.

Para os índios que aqui viviam a vida era tranquila, a sociedade solidária. O mundo era um luxo de se viver, tão rico de aves, peixes, de raízes, de frutos, de flores, de sementes. Na sua concepção sábia e singela, a vida era dádiva de deuses bons, que lhes doaram esplêndidos corpos, alimentação farta e rica de variedades....
tracking img