O populismo no brasil

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 11 (2723 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 24 de março de 2013
Ler documento completo
Amostra do texto
RESUMO
A proposta para a elaboração do presente artigo obrigou-nos a buscar subsídios para descrever de maneira sucinta e coesa aspectos do populismo. A sugestão ofertada pelo tema diz respeito ao populismo em terras brasileiras, no entanto, foi imprescindível a conceitualização, bem como, a elaboração de um fluxo cronológico do populismo no decorrer do desenvolvimento das sociedades. Embora omovimento característico do populismo seja a participação das massas, esta forma de organização social só é descrita a partir do início do século 20, por este motivo ousamos mostrar evidências da presença do populismo a partir da historiografia romana. Salientamos e nomeamos no referido artigo vestígios de populismo na Idade Antiga durante o período da República Tardia Romana para que não hajaconflito com as fontes contemporâneas. E, finalizando destacamos a Era Vargas como principal exemplo deste movimento, suas características e similaridade com o populismo presente na atualidade.
Palavras – chave: Contemporâneo; Massas; Movimento.


















1- INTRODUÇÃO
O populismo apresenta-se como uma interação entre o desejo individual e / ou de um grupo ansiosopelo poder e as necessidades da grande massa. A relação consiste em conceder e / ou restabelecer vantagens, até então, inexistentes ou surrupiadas, em algum momento político - histórico e tutelar através da centralização o poder outorgado por parte da sociedade, representada pelos movimentos populares. Estas ações dependem de recursos pessoais como a empatia, oratória, carisma e desejo embriagantepela mudança; seleção de indivíduos tenazes e capazes de executar as orientações sem grandes questionamentos; apoio sistêmico da mídia, seja ela, estatal ou privada.
O fenômeno do populismo é tão antigo quanto a própria sociedade, porém, foi durante o século 20 que se apresentou de forma organizada e capaz não só de mostrar a presença de um governante e sim de provocar mudanças. O populismo porser um movimento que desperta o proletariado facilmente é utilizado como manobra para ignorar e se sobrepor às instituições democráticas.
A grande vitrine do populismo foi à revolução Russa, embora os líderes tenham tomado o poder através da força, mostrou ao mundo o poder inerte e oculto nas grandes massas e, que se devidamente despertado não haveria força coercitiva capaz de detê-la. Tanto queos aparatos de polícia política foram amplamente utilizados pelos reformistas / populistas como forma de controle e cerceamento das liberdades, impedindo que o feitiço se voltasse contra o feiticeiro, perpetuando desta feita o poder.
Na América Latina o populismo encontrou e ainda encontra um terreno fértil, não nos faltam exemplos; casal Perón – na Argentina, Getúlio Vargas – no Brasil,Salvador Allende – no Chile, Lázaro Cárdenas del Rio – no México e mais recentemente Hugo Chávez – na Venezuela, Rafael Correa – no Equador, Evo Morales – na Bolívia e menos impactante, Luiz Inácio Lula da Silva – no Brasil.
A produção textual teve seu aporte na web-bibliografia e bibliografia clássica. As informações foram exaustivamente analisadas e depuradas para posterior utilização como parteintegrante do corpo textual. O espaço temporal remota ao início do século 20 em diante com algumas lacunas preenchidas por informações referentes à Idade Antiga e Moderna. A centralização das ações de pesquisa ateve-se mais ao populismo tupiniquim contemporâneo.




2- CONCEITOS DE POPULISMO
O populismo encontra-se ancorado em um indivíduo ou grupo que catalisa os desejos da grande massa econcede ganhos até então tolhido pelo sistema político vigente. Mesmo que para obter estas concessões tenha que ignorar, atropelar ou modificar as instituições democráticas e representativas encontradas no seio daquela sociedade. Um conceito claro sobre populismo nos é dado por Asensi (2006):
O conceito de populismo é usado para designar um tipo particular de relação entre o Estado e as massas,...
tracking img