O papel da historio na aprendizagem

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 47 (11513 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 25 de julho de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
Instituto Superior De Educação Elvira Dayrell





carina Maria deOliveira











A importância dos contos para a Educação Infantil























Virginópolis
2012

Carina Maria deOliveira












A importância dos contos para a Educação Infantil












Monografia apresentada ao Curso deComplementação em Pedagogia como requisito
essencial para obtenção do Grau de Licenciado
em Pedagogia.











Virginópolis
Julho 2012



RESUMO
Muito se tem pesquisado e discutido em diversas áreas do conhecimento sobre o que acontece durante a aquisição e o desenvolvimento da linguagem no ser humano. Os processos envolvidos nesse percurso têm sido observados de diversos pontos devista, e as discussões a respeito se multiplicam.
Os contos são utilizados geralmente pelos adultos interlocutores como forma de entretenimento ou distração; já que, pelo senso comum, frequentemente a criança sempre demonstra um interesse especial por elas, seja qual for a classe social à qual pertença. Em se tratando da aquisição da leitura e da escrita, os contos podem oferecer muito mais do que ouniverso ficcional que demonstram e a importância cultural que carregam como transmissoras de valores sociais.
Por isso, existe uma acentuada diferença entre as histórias contadas e as histórias lidas para uma criança, já que, a linguagem se reveste de qualidade estética quando escrita, e essa diferença já pode ser percebida por ela. Pois ao ouvir histórias, a criança vai construindo seuconhecimento de linguagem escrita, que não se limita ao conhecimento das marcas gráficas a produzir ou a interpretar, mas envolve gênero, estrutura textual, funções, formas e recursos linguísticos. Logo, ouvindo os contos, a criança aprende pela experiência a satisfação que umahistória provoca; aprende a estrutura da história, passando a ter consideração pela unidade e sequência do texto.Mesmo assim, paraque os contos de fadas consigam prender a atenção das crianças o é necessário entretê-las e despertar nelas a curiosidade com isso, enriquecerá sua vida e estimulará sua imaginação ajudando no seu desenvolvimento intelectual proporcionando assim, mais clareza em seu mundo afetivo, auxiliando-a a reconhecer mesmo de forma inconsciente, alguns de seus problemas e oferecendo-lhe perspectivas desoluções, mesmo provisórias.








ABSTRACT

Much has been researched and discussed in various areas of knowledge about what happens during the acquisition and language development in humans. The processes involved in this pathway have been observed from different viewpoints, and discussions about multiply.
The stories are generally used by adult speakers as entertainment or distraction, asby common sense, often when the child shows a special interest in them, whatever the social class to which they belong. Concerning the acquisition of reading and writing, the stories can offer much more than the fictional universe that demonstrate and cultural significance as vectors that carry social values​​.
Therefore, there is a marked difference between the stories and the stories read to achild, since the language is of aesthetic quality when writing, and this difference can already be perceived by it. For listening to stories, children will build their knowledge of written language, which is not limited to knowledge of graphic marks to produce or interpret, but it involves gender, textual structure, functions, forms and language resources. So listening to the tales, the childlearns by experience the satisfaction that brings a story, learn the structure of the story, and shall have regard for the unity and sequence of the text. Still, that fairy tales are able to hold children's attention is the need to entertain them and awaken them to this curiosity, enrich your life and help stimulate your imagination in their intellectual development thus providing more clarity...
tracking img