O papel da avaliação educacional

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 5 (1028 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 3 de dezembro de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
O papel da Avaliação Educacional



Tamillis Evelin Conceição de Oliveira



A maneira como cometemos a avaliação do procedimento educacional motiva e espelha aconcepção educacional que subjaz à nossa prática. Mais do que isso, apreendo a avaliação como um fator central e determinante do processo de aprendizagem.
De fato analisando a relação estabelecida entre aluno e avaliação ao estimar-se o grau de relação entre o processo de avaliação e de aprendizado, revela-se que os estudantes em geral escolhem como e o que aprender com base na forma como sãoavaliados, ou melhor, na forma como eles conseguem imaginar que serão avaliados. Em geral, os estudantes esquadrinham dicas para saber como irão ser ponderados,avaliados, isso porque frequentemente eles não costumam ser muito bem informados a respeito.
Na verdade, a avaliação comina o ritmo do aprendizado. Perpetrando uma metáfora musical, podemos dizer que o processo de avaliação é a partitura e oarranjo que a orquestra dos estudantes deve executar. Por isso, entendo ser cogente ter a avaliação como um instrumento a serviço da aprendizagem. Para isso é preciso ter clareza sobre qual o papel da avaliação na aprendizagem. Que papel tem a avaliação para a família, para o aluno, para a aprendizagem e para professores e instituição. De modo geral é preciso entender "o que é avaliar", “oque se avalia” "para que e por que se avalia" e "como se avalia".
Pode-se dizer que avaliar é colacionar a "realidade" com um "modelo ideal". Esse "modelo ideal" apregoa, através do bosquejo de metas e objetivos, um padrão de condição a ser atingido. Num processo democrático, como o acirrado na interação de indivíduos autônomos, a determinação do que é ideal deve ser participada de formacooperativa. Avaliadores e avaliados devem ter consciência sobre qual é o ideal, e apreender a serviço de quem está esse ideal. Ideal para que e para quem?
Avaliar é um procedimento diligente de reflexão sobre o que fazemos. É um abalo constante e permanente entre ação, reflexão e, novamente, ação. Nesse âmbito, o processo de avaliação e o processo de aprendizagem são entendidos como um só.
Um adequadoinstrumento de avaliação é aquele que corrobora bem, é discriminador, é espesso, não é despótico. Um boa técnica de avaliação deve ir muito afora do medir, do verificar, do classificar, precisa abonar muito mais do que um indicador quantitativo, deve consentir compreender, conhecer, decodificar, identificar, posicionar, entender o que e como se aprendeu. A medida e a nota tem sua função, mas épreciso ter perceptibilidade e distinção sobre ele.
Para que uma nota seja informativa, os alunos carecem conhecer a interpretação dada a ela pelo educador. Os alunos necessitam conhecer os juízos críticos pelos quais foram avaliados e, melhor ainda, devem compartilhar da construção destes. O foco do artifício de avaliação também deve estar, deste modo, na discussão sobre o aprendizado.
Para queas decorrências de um processo avaliativo compitam o seu papel informativo e sejam significativos, alunos, docentes e instituição precisam interpretá-los. Os critérios empregados na avaliação dos alunos devem ser conhecidos, e mais, necessitam ser coletivamente aceitos.
Entretanto essa busca por apreender, compreender e interpretar a realidade precisa impetrar ver além daquilo que é visível,precisa ir além do que pode ser observável no fazer do aluno. Ela precisa ver e reconhecer aquilo que o aluno compreende aquilo que o aluno pensa.
Fazer é compreender em ação uma dada situação em grau suficiente para atingir os fins propostos, e compreender é conseguir dominar, em pensamento, as mesmas situações até poder rever os problemas por elas levantados em relação ao porquê e ao como das...
tracking img