O nome

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 6 (1427 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 16 de fevereiro de 2013
Ler documento completo
Amostra do texto
FÍSICA E QUÍMICA A - 11º ANO
Correcção

 Ficha de trabalho 9 – Revisões de Química do 10º ano

Nota: os exercícios foram resolvidos arredondando as massas atómicas relativas para 1 casa decimal.
1)
a) M(Na) = 23,0 g/mol
b) M(Ca(HO)2) = 40,1 + 2×16,0 + 2×1,0 = 74,1 g/mol
c) M(I2) = 2 × 126,9 = 253,8 g/mol
d) M(NH3) = 14,0 + 31,0 = 17,0 g/mol
e) M(Na2CO3) = 2×23,0 + 12,0 + 3×16,0 =106,0 g/mol
f) M((NH4)2Cr2O7) = 2×14,0 + 8×1,0 + 2×52,0 + 7×16,0 = 252,0 g/mol
2)
a) M(Au) = 197,0 g/mol

b) M(NaCl) = 23,0 + 35,4 = 58,4 g/mol

c) M(O2) = 2×16,0 = 32,0 g/mol

n(Au) = 4,9 mol

n(NaCl) = 2,7 mol

n(O2) = 3,1 × 10-3 mol

d) M(U) = 238,0 g/mol
N(U) = 5 000 000 = 5×106 átomos

3)
a) m(O2) = 25,0 g
M(O2) = 2 × 16,0 = 32,0 g/mol

b) N(HF) = 3,01×1021 moléculas

c)m(C12H22O11) = 1,00 kg = 1×103 g
M(C12H22O11) = 12×12,0 + 22×1,0 + 11×16,0 = 342,0 g/mol

4) Determina a massa de:
a) M(C2H6O) = 2 × 12,0 + 6×1,0 + 16,0 = 46,0 g/mol
De acordo com a definição de massa molar, 1 mol destas moléculas tem de massa 46,0 g. Como 1 mol
corresponde a 6,022×1023 moléculas:

Cristina Vieira da Silva

Página 1

b) M(Pt) = 195,1 g/mol
N(Pt) = 100 átomos

5)Ar(N)=14,00,
a) M(N) = 14,00 g/mol
1 mol = 6,022×1023 átomos têm de massa 14,00 g.

b)
c) M(N2) = 2×14,00 = 28,00 g/mol

m(N2) = 7,0 g

d) M(N2) = 2×14,00 = 28,00 g/mol

e) Em condições PTN, 1 mol de partículas ocupa um volume de 22,4 dm 3. Como 1 mol = 6,022×1023
partículas:

6) m(CO2) = 257 g; condições PTN
a) M(CO2) = 12,0 + 2×16,0 = 44,0 g/mol

b) Como está em condições PTN:c)
d) N = n × NA
7)

N = 5,84 × 6,022×1023 = 3,52×1024 moléculas.

a) Correcta.
M(CO2) = 12,0 + 2×16,0 = 44,0 g/mol
Isto significa que 1 mol destas moléculas (que corresponde a 6,022×10 23 moléculas) têm de massa 44,0 g,
como diz a afirmação.
b) Incorrecta. “1×10-3 mol de moléculas de dióxido de carbono tem de massa 4,40×10-2 g.”
n(CO2) = 1×10-3 mol

c) Incorrecta. “Uma mole demoléculas de dióxido de carbono tem de massa 44 g.”

Cristina Vieira da Silva

Página 2

d) Correcta.

e) Correcta. Como está em condições PTN:
1 mol = 6,022×1023 moléculas que ocupam um volume de 22,4 dm3

f) Correcta.

8)

n (H2O) = 8 mol
M (H2O) = 18,0 g/mol
m(H2O)= n × M m = 8 × 18,0 = 144,0 g

n (HF) = 7 mol
M (HF) = 1,0 + 19,0 = 20,0 g/mol
m(HF)= n × M m = 7 × 20,0 = 140,0 g8 mol de água pura têm mais massa do que 7 mol de HF.
9) M((NH4)2O) = 2×14,0 + 8×1,0 + 16,0 = 52,0 g/mol
m = 1,20 kg = 1,20×103 g

10) ρ = 1,49 g/cm3.
a) V = 1,8 L = 1800 mL = 1800 cm 3

b)
11) R = 1 mm = 0,10 cm = 1×10-3 m
a) É preciso calcular o volume da esfera em cm3 e em dm3.

m = 37,5 mg = 37,5×10-3 g = 37,5×10-6 kg

Cristina Vieira da Silva

Página 3

b) M(Cu) = 63,5g/mol

12) n(I2) = 1,5 mol
N(Pb) = 1,1x1024 átomos
M(I2) = 2×126,9 = 253,8 g/mol
M(Pb) = 207,2 g/mol
a)

A amostra de I2 tem mais massa.
b)
c)
d) ρ = 11,3 g/cm3 significa que, 1 cm3 dessa substância tem de massa 11,3 g. Assim:
m = 11,3 g = 11,3×10-3 kg
V = 1 cm3 = 1×10-3 dm3 = 1×10-6 m3

13) Em condições PTN, 1 mol de qualquer substância ocupa um volume de 22,4 dm3.
a)
b) M( SO2) =32,0 + 2×16,0 = 64,0 g/mol

c) N(Ne) = 3,02×1019 átomos

d) Primeiro, é preciso calcular a quantidade (número de moles) de cada uma das substâncias presentes.
m(CH4) = 20 g
M(CH4) = 16,0 g/mol

m(N2) = 20 g
M(N2) = 28,0 g/mol
Cristina Vieira da Silva

Página 4

Assim, a quantidade total de substâncias será:
ntotal = 1,25 + 0,714 = 1,96 mol

14)
a) n(Ar) = 0,050 mol
b) V(CO) =5,42 dm3

M(CO) = 28,0 g/mol

c) V(NH3) = 8,00 cm3 = 8,00×10-3 dm3
M(NH3) = 17,0 g/mol

d) V(CO2) = 250 L

M(CO2) = 44,0 g/mol

e) V(O2) = 649 cm3 = 0,649 dm3
M(O2) = 32,0 g/mol

15) Em condições PTN, 1 mol de qualquer substância ocupa sempre um volume de 22,4 dm3. Assim, é preciso
calcular a massa de 1 mol das substâncias apresentadas (a massa molar), pois sabe -se que ela ocupa um...
tracking img