O monge e o executivo

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 6 (1426 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 29 de junho de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
• O Monge e o Executivo
As lições da espiritualidade para o mundo do trabalho



Desiludida e cansada a professora foi aos poucos desistindo de opinar e sugerir idéias na escola em que trabalha. Acomodou-se a rotina do dia a dia e resolveu agir da forma como tantos outros profissionais da área, passou simplesmente a dar suas aulas e esperar o tempo passar para que pudesse se aposentar.Inclemente como realmente é, o relógio não parou de dar suas voltas e os cabelos brancos e as rugas foram surgindo no rosto daquela mulher. Algumas boas histórias e lembranças ficaram da época em que foi professora e ia diariamente encontrar seus alunos, mas o que realmente ela legou a educação? O que ficou para cada um de seus alunos além dos conteúdos que ensinava?

O que levou a professora aadotar essa postura defensiva e retraída quanto à proposição de novas idéias e opiniões? Se pudéssemos perguntar a ela teríamos com certeza uma resposta muito clara quanto a isso: faltou estímulo por parte da direção, houve resistências às mudanças pelo corpo docente e, principalmente, as pessoas não pareciam dispostas a escutá-la.

Se pensarmos nisso teremos um breve resumo dos tópicos abordadosno livro “O Monge e o Executivo”. O próprio título do livro nos desafia a uma breve reflexão. Há um evidente contraponto entre os personagens centrais. Temos por um lado o executivo e toda a sua necessidade de respostas certas e praticamente imediatas para que seus negócios sejam bem-sucedidos. Pensam muitos desses profissionais que é necessário passar para as outras pessoas toda a autoridade docargo a partir de atitudes (muitas vezes arrogantes e autoritárias) e ações (que depreendam inteligência e velocidade de raciocínio).


“O verdadeiro compromisso envolve o crescimento do indivíduo e do grupo, juntamente com o aperfeiçoamento constante. O líder comprometido dedica-se ao crescimento e aperfeiçoamento de seus liderados. Ao pedirmos às pessoas que lideramos que se tornem o melhorque puderem, que se esforcem no sentido de se aperfeiçoarem sempre, devemos também demonstrar que nós, como líderes, estaremos também empenhados em crescer e nos tornarmos o melhor que pudermos. Isso requer compromisso, paixão, investimento nos liderados e clareza por parte do líder a respeito do que ele pretende conseguir do grupo”.

Executivos têm que se vestir dentro de uma elegância sóbriaporém ostentatória. Ternos bem cortados, de grifes conhecidas, gravatas importadas, sapatos de couro engraxados com esmero devem ser acompanhados por anéis, correntes, relógios, agendas eletrônicas, computadores de bolso e celulares de última geração.

Os monges, por sua vez, vivem de forma espartana e simples. Acordam cedo para meditar, rezar e refletir. Estão sempre em contato com a naturezae se dispõem a auxiliar nos trabalhos mais simples. Não vivem dentro de uma lógica materialista e, tampouco se sentem compelidos a rapidez que os tempos modernos parecem exigir de todos.

Tem como prática regular os estudos e o pensamento aprofundado e reflexivo. Acreditam que devem se dispor a ajudar sempre que possível os outros e, em muitos casos, disponibilizam tempo e recursos para queessas ações se concretizem. Pensam que para auxiliar é preciso antes de tudo conhecer e, para que tal intento se realize, aprenderam a ouvir atentamente o que os outros tem a lhes dizer.


“Sem confiança é difícil, senão impossível conservar um bom relacionamento.A confiança é a cola que gruda os relacionamentos. Se vocês não tiverem certeza disso, perguntem-se: quantos relacionamentos bons vocêstem com as pessoas em quem não confiam? Vocês querem jantar com essas pessoas no fim de semana? Sem níveis básicos de confiança, os casamentos se desfazem, as famílias se dissolvem, as organizações tombam, os países desmoronam”.

Talvez “servir” seja a palavra-chave para melhor compreender as diferenças entre o monge e o executivo. Para os religiosos as relações humanas e o sucesso de seus...
tracking img