O mito do apartheid

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 2 (340 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 18 de abril de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
RESUMO Pág. 01 |O mito do Apartheid Digital |
Castro, Cláudio de Moura.Veja. O mito do Apartheid Digital. São Paulo, ano 38, n.43,p.22, 26 de out. 2005. |
O mito do apartheid é umanova diferença notória entre pobres e ricos. Uma vez que esta inversão que está aparecendo e surpreendendo, está virando crítica para o futuro da educação. Em um curso tecnólogo visitado em São Paulocuja clientela tem uma origem social modesta, em uma turma com mais de trinta alunos, apenas um não tinha acesso a computador. Discutindo sobre, os alunos enfatizaram a importância do computador nosestudos, afirmaram que era vital pois como são pobres não podiam comprar livros, pois os mesmos estão acima de sua capacidade financeira e se tirassem cópias de capítulos necessários fariam algumaeconomia.Isto pois, hoje o mundo está disponibilizando em crescente vários tipos de literaturas em bibliotecas virtuais, assim o computador se torna mais viável do que impressos. Os estudantes de maior podereconomico compram livros, mas os mais modestos não podem se permitir ao luxo, se tiverem impressora poderão imprimir, mas tanta impressão acarretaria no mesmo gasto de compra de um livro, portanto émais viável ler na tela do computador. A cada dia é possível encontrar na internet leituras requeridas nos cursos superiores, com menor risco de conter informações duvidosas.Do lado dos livros sãodesvantagens, eles têm tiragens limitadas, são muito grandes dificultando o aluno de ler ele de ponta a ponta, e por tais são mais caros, assim poucos os compram, sem sequer a biblioteca possuem recursospara driblar as dificuldades e oferecer um número maior de exemplares.Para os mais ricos o livro é luxo de consumo, para os que só conseguem acessar o computador ler no monitor é a forma mais...
tracking img