O mercantilismo

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 2 (438 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 12 de dezembro de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
A partir do sec. XV e XVI, a economia da Europa voltou a se desenvolver. Um dos fatores que contribuiram para esse desenvolvimento foi o aumento da população, devido à imunidade adquirida contra aspestes, e esse crescimento é importante para crescimento tecnologico e comércio. O absolutismo, contribui para com o mercantilismo e vice-versa, pois o mercantilismo contribui com o crescimentoeconomico do estado e o absolutismo contribui com o fortalecimento político.
Na época, para um país ser forte, ele deveria acumular metais caros, ou seja, quanto mais ouro e prata o estado tivesse, melhor.Mas para conseguir esses metais, era preciso que o estado tivesse minas, porém nem todos os estados tinham esse recurso. Uma solução para isso era exportar mais que importar, o que seria uma balançacomercial favorável, reunindo mais metais para o estado. Mas para os homens da época, moeda e riquesa não se "relacionavam". Para obter uma balança favorável, o estado criava barreiras alfandegariasou simplismente proibia a importação de produtos. Uma tatica, era importar apenas matéria prima, e reduzir ao máximo a importação de produtos já manufaturados.
Para poder comercialisar livremente, erapreciso adquirir (comprar) uma autorização com o estado, e era criado um monopólio (apenas um tipo de manufatura era produzido).
Os mercantilistas, eram pessoas que visavam os produtos mais caros,por que achavam que eles proporcionavam maior riqueza. Tecidos finos, perfumes exoticos, vinhos e outros produtos caros, eram o que mais davam lucro.
A agricultura não era muito valorizada, mas era afonte de alimentos para as cidades e o rei não podia criar um monopolio sobre a natureza, a imprevisibilidade era um problema que poderia causar, falta no abastecimento.
Para crescer a população deartesãos, o estado criava casas de assistencia à Orfãos e Mendigos. Nessas casas, eles eram obrigados a aprender uma profissão e trabalharem para um miserável salario.
*Portugal: Foi o principal...
tracking img