O mal estar na modernidade

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 24 (5847 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 18 de setembro de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
De graça

Um rapaz entregou a sua mãe um bilhete.
Depois de limpar as mãos no avental, a mãe leu o bilhete que dizia o seguinte:

Por cortar a grama: R$ 5,00 (cinco reais)
Por limpar meu quarto essa semana R$ 2,00 (dois reais)
Por ir dar um recado para a vizinha: R$ 2,00 (dois reais)
Por tomar conta dos meus irmãos: R$ 5,00 (cinco reais)
Por ir por o lixo lá fora: R$ 1,00 (um real)Por tirar boas notas R$ 5,00 (cinco reais)
Por limpar e varrer o quintal: R$ 3,00 (três reais)
Total em dívida: R$ 23,00 (vinte e três reais)
A mãe ergueu o olhar e ficou ali pensativa por alguns segundos. Em seguida, ela pegou um papel e um lápis e começou a escrever.
Nove meses que te transportei, quando estavas dentro de mim: de graça
O tempo em que estive sentada ao seu lado, cuidando erezando por você: de graça.
Todas as lágrimas que você me fez chorar ao longo dos anos: de graça.
Todas as noites em que tive medo e preocupação de você não estar bem: de graça.
Por brinquedos, roupas, comida, remédios e médicos que lhe dei: de graça
E depois de somar tudo, o amor verdadeiro é de graça.
Quando o filho leu o que a mãe escreveu, os olhos encheram de lágrimas. Olhou de frente paraela e disse:
- Mãe, amo muito você!
Depois, pegou a caneta e o papel e em letras bem grandes escreveu:
CONTA SALDADA!
10 questões para reflexão:
1) O dinheiro compra o amor?
2) Pra você, o que é ser grato?
3) Será que é certo receber dinheiro em troca de favores?
4) O dinheiro pode comprar tudo?
5) O que o dinheiro não pode comprar?
6) De que outra forma você pode pagartudo o que recebe de bom?
7) Qual o valor da sua mãe para você?
8) Qual o significado do dinheiro e do amor?
9) Você sempre faz algo em troca de favor?
10) O que vale o amor?
Texto: Por que comemos arroz com feijão?

Questões:
1- De onde veio este costume de comer arroz com feijão?
2- Quem trouxe o arroz para o Brasil? E como ele era?
3- Quem teve a idéia demisturar os dois?
4- O feijão já era utilizado no Brasil, por qual cultura? E quais eram os costumes desta cultura referente a isso?
5- O arroz foi muito importante na chegado de Dom João VI no Brasil. Por quê?
6- Em sua opinião: por que comemos arroz com feijão e quais benefícios que estes alimentos nos trazem?
Pedagogia Romana
Contexto Histórico –

Segundo milênio a.C. --- a partecentro –sul da península é povoada por tribos de provável origem indo-européia, os italiotas ou itálicos.

Subdividem-se em diversos povos, de línguas, costumes e desenvolvimento diferentes.

Pode-se dividir a história romana em 3 períodos:

Realeza (de 753 a 509 a.C.): da sua fundação à queda do último rei etrusco.

República (de 509 a 27 a. C.): de início prevalece a luta dos patrícios eplebeus, e depois ocorre o expansionismo militar.

Império (de 27 a 476 d.C.): da instauração do Império à sua queda, com a invasão dos bárbaros.

Pedagogia – Por serem Grécia e Roma sociedades escravistas o trabalho manual é desvalorizado e o intelectual é privilégio da aristocracia.

Os educadores buscam formar o homem racional, capaz de pensar corretamente e expressar de forma convincente.Diferenças:
Grega : Duas vertentes. Visão filosófica – Platão.
Visão retórica: Isócrates

A pedagogia exige que o aluno se dedique à filosofia no sentido mais amplo, incluindo sobretudo a metafísica. O que era difícil por representar o núcleo da filosofia que busca as causas mais fundamentais do ser.

Romana: Vertente filosófica não merece atenção. A Filosofia é até encarada com certaindiferença. Postura mais pragmática, voltada para o cotidiano, para ação política, e não para contemplação e teorização do mundo. Prevalece a Retórica em lugar da filosofia. Essa tendência em Roma contribui para o formalismo oco, de palavreado vazio. Descuido da formação científica e prevalece a cultura de letrados, cuja atenção está nas minúcias das regras gramaticais.
Roma em seus padrões...
tracking img