O impacto do macroambiente

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 19 (4557 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 27 de agosto de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
O IMPACTO DO MACROAMBIENTE SOBRE O RESULTADO ECONÔMICO EM EMPRESAS BRASILEIRAS
Marilene Bertuol Guidini (Unisinos) marilenebg@terra.com.br Rosemarie Broker Bone (UFRJ) rosebone@terra.com.br Eduardo Pontual Ribeiro (UFRJ) eribeiro@ie.ufrj.br

Neste trabalho busca-se obter evidências sobre que variáveis macroeconômicas influenciam a lucratividade de empresas brasileiras, usando uma base dedados original. O macroambiente é reconhecido por vários pesquisadores como Porter e Oliveiira como fator de influência para o resultado das empresas. No Brasil faltavam evidências empíricas para sustentar esta afirmação, até onde pudemos avaliar.Mudanças na taxa de câmbio, juros, inflação, exportações e importações, além de crescimento externo são importantes para a margem líquida da empresa, deacordo com a opinião dos gestores. Os impactos são variados no tempo, podendo ser sentidos imediatamente (como no caso do câmbio), ou com três meses ou mais de defasagem (como no caso de crescimento externo). Mudanças na taxa de desemprego e a instabilidade política não foram reconhecidas como fatores relevantes para a lucratividade pelos gestores.A análise baseada em respostas dos gestores foicomplementada com uma análise de regressão para dados em painel. Os resultados dos questionários são, em geral, confirmados. Nos resultados estatísticos sugerem que a instabilidade política (medido pelo Risco País/C-Bond) teve efeito importante sobre a margem líquida e em contraponto, o câmbio não teve um efeito não significativo.Em síntese, temos evidências de que o macroambiente exerce forteinfluencia sobre seu desempenho, quando medido pela Margem Líquida, controlados fatores específicos e setoriais. A influência identificada através da análise de regressão, é, em grande parte, de conhecimento dos gestores, com importantes exceções. Palavras-chaves: resultado econômico, macroeconomia, gestão, controle

8 Y G E q Gr@ 8ri P i 8 Sr8v C X u S a ` GC D 8r E 8C q S i S D h E Y Q P d S a ` PY C X G 8 U S Q 8 P H E C 8 @ 8 FAF hEY FAtsAtyBARptyxwS FeFAbc¥Fcts@ R¥FFApFFS Ag FfBeFcbBFVS FIRWVTRBFIG FD ABA97 4 ) 6 5 " 4 0 3 # " 1 0 ) ( % # & % # # !  ¨ ¤   ¨    ¨   ¨ ¦ ¤¤ ¢   £'''¡$'2) £©'©$" £ ¡£¡©§¥¡£¡ 
Foz do Iguaçu, PR, Brasil, 09 a 11 de outubro de 2007

1. Introdução O desempenho econômico de uma empresa não é explicado apenas pelas vantagenscompetitivas internas e operacionais do empreendimento, mas também do ambiente em que está inserida. Por exemplo, a volatilidade política e/ou econômica representam variáveis externas que afetam os seus resultados, ao alterar os macropreços que afetam custos. Esta importante linha de pesquisa faz-se relevante tanto para a gestão como para o planejamento estratégico. McGaham e Porter (2002) sintetizaram osfatores que influenciam as empresas em 4 grupos: (i) fatores macroeconômicos – comuns a todas as empresas–; (ii) fatores setoriais – que influenciam empresas do mesmo setor, como choques de insumos, tributação, preferências dos consumidores e grau de rivalidade entre empresas; (iii) fator conglomerado – como cultura corporativa, modelos de gestão e sinergias entre empresas de um mesmo grupo; e(iv) fatores específicos da empresa, como produtos e processos, capital humano e vantagens competitivas específicas. O reconhecimento da importância dos fatores que influenciam os resultados das empresas, pode sugerir estratégias competitivas focadas em diferentes níveis. Em adição, o International Accounting Standards Committee (IASC) no seu documento International Accounting Standards 1 (IAS 1)em 1998, sugere que acionistas precisam ser informados sobre os efeitos das variáveis macroeconômicas sobre os resultados, como medida de informação do risco macroeconômico existente no negócio (Oxelheim, 2003). Este trabalho busca avaliar se variáveis macroeconômicas (crescimento econômico, câmbio, juros, inflação, risco político e balança comercial) afetam ou não a margem líquida de empresas...
tracking img